Saltar para o conteúdo

a moral e a ética não se legislam: praticam-se

13 Abril, 2019
by

Trigo Pereira, um dirigente socialista que, por vezes, tem assombros de sensatez, sugeriu, no Público de hoje, que se fizesse uma lei onde se impedissem «os dirigentes» políticos «de intervir nos procedimentos de nomeação de cônjuges, pais, filhos, irmãos ou afilhados». Esta não é, claramente, uma ideia sensata.

Não o é, desde logo, porque nenhuma lei do mundo poderá definir utilmente, isto é, para os fins por ela supostamente pretendidos, o conceito de «intervenção» Trata-se de apor a sua assinatura no despacho de nomeação do parente? De fazer uns telefonemas aos colegas ministros para ver se lhe tiram a mulher de casa ou se arranjam alguma coisa para entreter o seu jovem infante desempregado? De pedir à sua amante, por sinal chefe de secção de um qualquer ministério, no doce remanso do vale dos lençóis, que lhe contrate a prima?

Moral da estória: o positivismo legislativo e o socialismo ideológico costumam andar sempre de braço dado. Acontece que ambos ignoram, quase sempre, que a ética e a moral não se legislam: praticam-se.

Anúncios
8 comentários leave one →
  1. Aónio Lourenço permalink
    13 Abril, 2019 12:45

    Correcto!

    Em acréscimo realço que SOMOS TODOS PRIMOS! É tudo uma questão de grau!
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Ancestral_comum_mais_recente
    Ah pois é, tu e eu somos primos! Mais, somos ambos primos dos porcos, das moscas, das cobras, das bactérias e das baratas! Quem diria?
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Último_ancestral_comum

    Ou seja, eu e tu, temos um ascendente no passado que é a mesma pessoa. Se tiveres aspecto de tuga, esse ascendente por certo não é assim tão antigo, se fores mais escurinho ou chinês, essa pessoa terá vivido algures no Paleolítico. Tu e o porco, têm um ascendente no passado, que é o mesmo indivíduo (algures há 70 milhões de anos, no Mezosoico). Logo, tu e o suíno são primos!

    Todos os seres vivos são primos!
    É apenas uma questão de saber o grau!

    Gostar

    • Jornaleco permalink
      14 Abril, 2019 12:32

      Você é um grande nabo, para não dizer: BURRO!!

      a.
      O que descreve no seu comentário é das coisas mais estúpidas, mais burras, mais atrasadas, que um ser humano pode escrever.

      b
      É ter andado na escola, até hoje, e não (!) querer (!) pôr uma única pergunta inteligente.

      c.
      Por isso, talvez uns pontapés na sua parte trazeira ajudassem? De certeza.

      d.
      O seu comentário descreve a fé do ateu, burro. Isso é a fé do ateu. A igreja do macaco, do ateu, prega isso todos os domingos e durante a semana.

      Para tudo isso, NÃO EXISTE NEM UMA PROVA. Não sabia?

      e.
      A fé cristã pelo contrário, ao contário do que os burros contam por aí, é a única, que se pode provar. Falo claro?

      Chama-se fé, porque a fé é o caminho mais curto. Mas, quem a quiser provar, pode-o fazer. E é a única que se pode provar. A única.

      f.
      Como é que o ateu prova os 70 milhões de anos, seu grande burro?
      Você nunca se interessou como trabalham os arqueólogos? Esses são ainda mais burros que você!

      g.
      Então, a mentira no mundo do ateu desapareceu, ou quê? Já não existe?

      h.
      Quais sãos os métodos, os instrumentos que o ateu pode só utilizar? Lembra-se do tempo político da iluminação? Ninguém foi iluminado. Foi a época dos burros.

      i.
      Interessante é sempre a maneira do ateu.
      O ateísmo estabelece regras, que dizem valer. Uns dias mais tarde, o próprio ateu peca contra as mesmas regras. Falo claro, seu grande burro?

      j.
      Você nem sequer sabe o que é o tempo.
      Os seus co-macacos não sabem ainda o que é a vida, seu ignorante e burro.

      k.
      O que lhe falta, é a vontade de aprender mesmo e ter parceiros honestos, para com os quais, possa discutir em liberdade absoluta.

      E isto a esquerda fascista não quer permitir em Portugal. Os macacos ficam danados, quando alguém quer saber a verdade absoluta.

      l.
      Há muito, muito mais a dizer.

      Se você não querer pôr perguntas inteligentes e teimosas, você não foi feito para estudar. Vá cavar. É melhor, muito melhor, do que andar por aqui a dizer coisas falsas e erradas.

      Você nem sequer sabe como praticar ciência.

      É por causa de pessoas como você, que este país está como está. À beira de ser mais uma vez arruinado. Porque o pensamento das pessoas está torto, sem força. E você é a prova disto. Triste país.

      Quando é que aprende: esta esquerda MENTE EM TUDO!!!! TUUUUUUUUDDDDOOOO!

      Gostar

  2. 13 Abril, 2019 12:52

    Legislação sobre conduta “ética” aprovada pelos próprios alvos de essa legilação apenas servirá para desmascarar este engano que é esta AR.
    Quem tem que fazer juízos éticos sobre um deputado -e agir eleitoralmente em consequência- são os eleitores, não são os chefes do respectivo partido.
    Mais uma consequência preversas de esta pouco democrática democracia.
    Têm medo de ter o seu rosto no boletim de voto?.

    Liked by 1 person

  3. Rão Arques permalink
    13 Abril, 2019 16:20

    Moral e a ética nunca se misturam com o refugo em saldo.

    Gostar

  4. Luís Lavoura permalink
    13 Abril, 2019 17:11

    Concretamente, que falta de ética e de moral é que existe em contratar um indivíduo que seja nosso parente?
    É que, desde que se trate de uma pessoa competente, eu, francamente, não vejo nenhuma falta de ética nem de moral.
    Por que motivo é que é ético e moral deixar de contratar uma pessoa competente somente porque ela é da nossa família?

    Gostar

    • 14 Abril, 2019 12:25

      percebo perfeitamente que não perceba…!!! ética ! já tinha ouvido falar???

      Gostar

  5. 13 Abril, 2019 17:49

    Hipocrisia. Os municipios estão cheios de tachos para a família e amigos, quer directamente quer em empresas municipais, quer como fornecedores, mas disso não se fala porque todos o fazem. O Marques mendes tinha a mulher no gabinete doutro ministro enquanto o outro tinha no dele, Para o PSD misógenia é imoral, mas swing já não.

    Gostar

  6. 13 Abril, 2019 18:24

    Com os politicos “profissionais” que temos, se esta merda fosse voto em ciclos uninominais, caiam todos em desgraça por corrupção, o escrutinio de uma pessoa não é o mesmo que uma lista de um partido.

    Liked by 2 people

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: