Saltar para o conteúdo

A extrema-direita não tem expressão partidária em Portugal porque o seu discurso está já tomado pela esquerda

17 Dezembro, 2018

Anúncios
28 comentários leave one →
  1. Daniel Ferreira permalink
    17 Dezembro, 2018 18:16

    Pelas regras de conduta do ano da Graça de 2018, concluo que a senhora ministra é enfermeirofóbica e deve por o seu lugar à disposição.

    Gostar

    • Alberto Silva permalink
      18 Dezembro, 2018 00:35

      Esta ainda vai afundar mais o PS.

      Gostar

    • Daniel Ferreira permalink
      19 Dezembro, 2018 16:54

      Mas também devemos dar mérito quando é devido. Deve ser a primeira vez que a escumalha não negoceia com criminosos. As coisas que acontecem em véspera de eleições

      Gostar

  2. lucklucky permalink
    17 Dezembro, 2018 18:37

    Mesmo quando é uma táctica típica da Esquerda – criminalizar os outros – tem de vir o autor deste post a defender a Esquerda.

    Gostar

  3. Luis permalink
    17 Dezembro, 2018 18:39

    Se bem percebi pelo que li no DN os médicos serão «obrigados» a ficar algum tempo no SNS depois da especialidade. Ora as especialidades são 4 a 6 anos e só podem ser feitas em Portugal no SNS. Então e depois como funcionaria? Se um médico quiser emigrar? Se quiser ir dar aulas na Universidade? Se quiser ir para o privado? Então por que carga de água só os médicos? Por que não os enfermeiros? E os fisioterapeutas? E os professores, a serem obrigados a «pagar o curso» a trabalhar no ensino público? Isto aliás é Constitucional? Os anos vão passado e o poço continuar a ficar mais fundo.

    Gostar

  4. Velho do Restelo permalink
    17 Dezembro, 2018 18:55

    Ainda bem que não foi um ministro do Passos Coelho a “blasfemar” dessa maneira, senão era crucificado no pirilau do cutileiro!
    O ti Jerónimo deve andar com uma azia danada com tantas agressões ao direito à greve.
    A requisição civil está a caminho, e como é Natal ninguém vai comentar para não repetir o erro do Cavaco (falar enquanto come bolo-rei).

    Gostar

  5. André Miguel permalink
    17 Dezembro, 2018 19:01

    Qual é mesmo a surpresa? O discurso da extrema esquerda é o mesmo da extrema direita: são ambos totalitaristas.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      17 Dezembro, 2018 19:07

      Tenha cuidado que para muita gente você já é de Extrema Direita – basta por exemplo querer que a lei da imigração votada na Assembleia da Republica seja cumprida

      Gostar

    • 17 Dezembro, 2018 21:44

      Por falar em totalitarismo, e eu a pensar que era a classe politica “social-democrata-liberal-conservadora” ocidental que anda a demonizar, a acusar e a perseguir toda a gente que não compactua com a sua agenda politica.

      Gostar

  6. Manuel permalink
    17 Dezembro, 2018 19:15

    Esta ministra chegará ao fim da legislatura? Parece pior que a da cultura.

    Gostar

    • 17 Dezembro, 2018 19:29

      Nadinha igual à ministra da cultura: apesar-de, é garantidamente mais inteligente e muito mais bonita.

      Gostar

      • Velho do Restelo permalink
        18 Dezembro, 2018 10:48

        Inteligente não diria, mas assanhada é certamente …

        Gostar

  7. colono permalink
    17 Dezembro, 2018 19:34

    A ministra tem carradas de razão:

    Condoeu-me vê-la sentada na sala de espera das urgências do H de S. José… Diz que já lá estava vai para 12 horas…. Quando, finalmente foi chamada à triagem… disseram-lhe que a aparelhagem de RX estava avariada… A desgraçada,, coitadinha, foi para o Santa Maria…. o mesmo… Amadora Sintra , idem …. Condoída quase a desistir de viver… disseram-lhe que havia uma vaga no S. João do Porto…. e , lá foi a sra ministra para o Porto…

    Muito sofrem os ministros, deputados… e mais depu******

    Gostar

    • Manuel permalink
      17 Dezembro, 2018 19:46

      Mas tem sorte, não existem indignados nem as TVs passam lá na altura. O BE e o PCP metem muito nojo.

      Gostar

      • lucklucky permalink
        17 Dezembro, 2018 22:24

        As “comissões de utentes” também deixaram de aparecer…

        Gostar

  8. 17 Dezembro, 2018 19:48

    ………………………………………………………………………………………………………………………..
    Vão-se conformando: o Processo Marquês desapareceu do sistema informático CITIUS. Info oficial do juiz Ivo, notícia recente no SAPO. Leiam que vale a pena perceber.
    ………………………………………………………………………………………………………………………..

    Há muitos meses eu, aqui, previ que vão surgir desaparecimentos deste e doutros casos incómodos para o regime partidário e não só… E não deixem janelas abertas nos sítios onde estão os processos em papel, pode haver uma ventania que os leve ou um curto-circuito, ou…uma “avaria” informática. Ainda e não por acaso o sindicato dos juizes insurgiu-e e alertou há dias do joguinho entre o P”S” e o RRio para novo processo de colocação de juízes…

    Gostar

  9. 17 Dezembro, 2018 20:58

    Hitler e Mussolini eram marxistas como eram Lenine e Trotsky. “So strong was the Nazi party’s commitment to socialism that in 1921 the party entered into negotiations to merge with another socialist party, the German Socialist Party. The negotiations fell though, but the economic socialism remained a consistent Nazi theme through the 1920s and 30s.

    For example, here is Adolf Hitler in a speech in 1927: “We are socialists, we are enemies of today’s capitalistic economic system for the exploitation of the economically weak, with its unfair salaries, with its unseemly evaluation of a human being according to wealth and property instead of responsibility and performance, and we are all determined to destroy this system under all conditions.”[10]

    goebbels-finger-100pxEven more strongly, Josef Goebbels hated capitalism and urged socialism. Dr. Josef Goebbels was perhaps the most brilliant and educated of all the Nazi politicians. Once the Nazis came to power he was to be one of the most powerful of the very top Nazis—perhaps number two or three after Hitler himself. But Goebbels’ commitment to National Socialist principles began much earlier. He received a wide-ranging classical education by attending five universities in Germany, eventually receiving a Ph.D. in literature and philosophy from Heidelberg University in 1921. During his graduate student days he absorbed and agreed with much of the writings of communists Karl Marx and Friedrich Engels. Damning those he called “the money pigs of capitalist democracy,”[11] Goebbels in speeches and pamphlets regularly declaimed that “Money has made slaves of us.”[12] “Money,” he argued, “is the curse of mankind. It smothers the seed of everything great and good. Every penny is sticky with sweat and blood.” And in language that could be right out of the writings of Karl Marx, Goebbels believed fervently: “The worker in a capitalist state—and that is his deepest misfortune—is no longer a living human being, a creator, a maker. He has become a machine. A number, a cog in the machine without sense or understanding. He is alienated from what he produces.”

    Gostar

    • 17 Dezembro, 2018 23:05

      Não queria interromper os seus “estudos” de wikipedia, mas não tinha lá estas frases citadas ?
      “Der Marxismus muß sterben damit die Nation wieder auferstehe”
      “Macht Deutschland vom Marxismus frei”

      Gostar

    • Daniel Ferreira permalink
      19 Dezembro, 2018 16:56

      Hitler, Mussolini, Stalin, Lenin, Trotsky e quase todos os outros “famosos” foram todos atores às mãos de outros.

      Gostar

    • Pedro permalink
      29 Dezembro, 2018 12:12

      Ó Pedro, olhe que nem todo o socialismo é marxista.

      Vai nessas conversas do Rodrigues dos Santos…

      Gostar

  10. weltenbummler permalink
    17 Dezembro, 2018 21:18

    a lacri mijar poderia ter dito sobre o ‘inerme’ ‘morreram só 4’

    Gostar

  11. Rão Arques permalink
    18 Dezembro, 2018 09:27

    É preciso revistar o baú do Costa carregado de lixo poluente à sua imagem e semelhança.

    Gostar

  12. 18 Dezembro, 2018 13:19

    A ética republicana no seu melhor : a ministra da justiça diz que ” não é oportuna a greve do sector” ; a ministra destemida da saúde ” diz que não negoceia com criminosos”; uma antiga ministra dos governos Sócrates dizia que ” o dinheiro era do PS” ; o antigo PM Sócrates demonstrou isso mesmo ao abarbatar-se com milhões para ele, sua família e amigos ; o antigo ministro Pinho fez-nos a todos uns corninhos. É assim que os contribuintes portugueses se sentem, encornados e sempre mais esmifrados a contribuir para o socialismo que irá levar Portugal à glória.

    Gostar

  13. Ana Maria permalink
    18 Dezembro, 2018 15:36

    Disseram que tinham tirado Portugal do fascismo. Mas nunca tiraram os fascismo dos portugueses. Não há esquerda nem direita. Apenas fascismos em disputa.

    Gostar

  14. Arlindo da Costa permalink
    18 Dezembro, 2018 21:06

    A extrema-direita saudosista de Salazar é para rir. Velhos jarretas à espera do dia de finados.
    A extrema-direita verdadeira é aquela que migrou da esquerda comunista e da extrema-esquerda.
    É o clássico.

    Gostar

  15. becas permalink
    19 Dezembro, 2018 12:43

    Esta ministra é bonita . Gosto muito

    Gostar

  16. Pedro permalink
    29 Dezembro, 2018 12:13

    Não percebo qual é o espanto.

    O PS nunca teve nada de esquerda a não ser o nome.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: