Saltar para o conteúdo

As cruzadas contra os muito ricos que acabam a tramar os pobres do costume

10 Outubro, 2021

No OBSERVADOR escrevo hoje sobre os Pandora Papers: «A cada um destes papers tenho crescentes dúvidas sobre os bastidores deste tipo de jornalismo que vive de fugas de informação e experimento uma irritação crescente contra a amálgama populista entre quem enriqueceu com a sua actividade e quem roubou: basta ter dinheiro e procurar pagar menos impostos para se entrar na categoria de mediaticamente suspeito. Ora colocar no mesmo plano pessoas que sabemos como enriqueceram, como acontece com Julio Iglesias, que vendeu mais de 300 milhões de discos, ou Guardiola, que é treinador de futebol, com o de alguém que enriqueceu de forma ilícita não é aceitável.»

E aproveito para colocar uma pergunta: «Uma dúvida profunda atormenta-me há dias: dado o unanimismo das redacções portuguesas na hora de apelidar Rui Fonseca e Castro como “juiz negacionista” vão passar a tratar como  juiz ou juiza “xoné” quem aceitou que João Rendeiro desse a morada da embaixada portuguesa em Londres como  local para ser contactado após viajar para Inglaterra?»

5 comentários leave one →
  1. Expatriado permalink
    10 Outubro, 2021 12:42

    Talvez essa “interpretação” se deva a uma flagrante deficiência de interpretação do que se lê e esta é, convenientemente, exploradora pelos mídia avençados do sistema. Tudo começa nos primeiros anos do ensino básico onde transitam de ano sem saber ler, entre outras matérias tais como aritmética (matemática). Isso acontece porquê? Porque inventaram a teoria do “ninguém pode ficar para trás (chumbar)” porque isso é discriminação…

    Mas não é só cá como é muito bem descrito aqui:

    https://www.foxnews.com/opinion/dropping-f-grades-soft-bigotry-low-expectations-lindsey-burke

    Vejam o último vídeo do artigo. Muito esclarecedor.

    Gostar

  2. jppch permalink
    10 Outubro, 2021 14:31

    pois… onde está a informação pública dos jornalistas avençados pelo BES (ou Ricardo Salgado)? estão a trabalhar em prol da liberdade de imprensa? Pelo vistos, nesta fossa de dejetos em que se transformou o país (asséptica e mesmo com decantação) nem Panamá, nem Pandora… eles aí estão a debitar no “media” de serviço (subsidiados pelo Costa & C.ª) as suas opiniões…

    Liberdade de imprensa e pensamento é que não (e depois o BE dá uma ajudinha)

    Cumprimentos

    JPPCH

    Liked by 1 person

  3. Weltenbummler permalink
    10 Outubro, 2021 17:49

    «Les chiens sont fidèles à la connaissance qu’on en a. Les hommes le sont moins. Avec eux, on n’est jamais sûr.»
    José Streel, La Révolution du vingtième siècle

    Gostar

  4. marão permalink
    11 Outubro, 2021 07:51

    SELO NA CUECA
    “Uma comunicação social fraca… Significa uma sociedade civil fraca e uma democracia fraca.”
    Quem teve o descaramento de bolsar esta acutilante verdade foi nem mais nem menos o mais alto magistrado, mero olheiro figurante do pantanal que apodrece a seus pés.

    Gostar

  5. 11 Outubro, 2021 22:37

    Obviamente. Parabéns 👏

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: