Saltar para o conteúdo

não comenta, mas interpreta

30 Dezembro, 2010

O Governo não comenta declarações de candidatos presidenciais em campanha eleitoral. Mas quer dizer que foi feita uma acusação muito grave à actual administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD), porque é ela a responsável pela gestão do BPN (Pedro Silva Pereira).

37 comentários leave one →
  1. JP Ribeiro permalink
    30 Dezembro, 2010 18:15

    Este Silva Pereira…apesar de mau não chega aos calcanhares do chefe.
    Mas também onde é que Socrates ia arranjar melhor?

    Gostar

  2. fagulhas permalink
    30 Dezembro, 2010 18:18

    Cavaco lucrou 147 mil euros com acções da holding do BPN
    Apesar de ter negado à TVI24 ter comprado ou vendido algo do BPN, a verdade é que Cavaco Silva teve um lucro de 147.500 euros com a venda de acções da SLN, que é dona deste banco. O negócio remonta a 2003. A filha do candidato presidencial também ganhou 209.400 euros.

    Gostar

  3. fagulhas permalink
    30 Dezembro, 2010 18:19

    Em declarações à TVI24, após o debate presidencial com Francisco Lopes, Cavaco Silva voltou a afirmar o que já havia sido divulgado em 2008 através de comunicado: “Nunca trabalhei no BPN, nunca comprei nem vendi nada do BPN, nunca recebi qualquer remuneração do BPN, é um caso de Justiça e o Presidente da República não deve interferir nos processos judiciais”.

    Na verdade, em maio de 2005, o jornal Expresso já dava conta do negócio que envolvia Cavaco Silva e a Sociedade Lusa de Negócios (SLN), dona do Banco Português de Negócios (BPN).

    Cavaco Silva comprou 105.378 acções da SLN a um euro cada em 2001. Em Dezembro de 2003, vendeu-as a 2,4 euros, com um lucro de 147.500 euros. O valor da venda das acções foi determinado por contrato, cujo conteúdo se desconhece. Certo é que foi assegurada ao candidato presidencial uma mais-valia assinalável, que Francisco Louçã, coordenador da Comissão Política do Bloco de Esquerda esclarece “ser determinada por um favor contratual de Dias Loureiro ou de Oliveira e Costa, seus ex-ministro e ex-secretário de Estado”.

    O presidente da República, que agora se recandidata, nomeou, entretanto, Dias Loureiro, ex-ministro e responsável na sua campanha presidencial, para o Conselho de Estado.

    A filha de Cavaco Silva também adquiriu, à época, 149.640 acções da SLN, tendo vendido as suas acções ao mesmo tempo que o pai e pelo mesmo valor: 2,4 euros. O lucro obtido foi de 209.400 euros.

    Gostar

  4. Portela Menos 1 permalink
    30 Dezembro, 2010 18:25

    como diz o actual responsável do BPN estas declarações só podem ser lidas à luz da actual campanha eleitoral – e nas campanhas eleitorais dizem-se muitas mentiras.
    mas não deixa de ser interessante que o candidato Cavaco critique a actual gestão do banco – que tem meses – e se esqueça da gestão dos amigos do peito durante anos!

    Gostar

  5. montenegro permalink
    30 Dezembro, 2010 18:38

    CARTA ABERTA AO CANDIDATO DR SILVA

    A Presidência da República e o “Dia da Raça” em Viana do Castelo
    Esclarecimento de Defensor Moura:
    ‘Depois do debate com Cavaco Silva, um jornal diário de Lisboa solicitou-me uma entrevista para esclarecimento de algumas das afirmações feitas, a que eu acedi imediatamente porque, o escasso tempo concedido aos candidatos na TV é insuficiente para a cabal explanação dos temas abordados.

    Infelizmente, hoje verifico que, certamente por falta de espaço, as minhas afirmações foram muito reduzidas por aquele jornal e, por isso, decidi publicitar o meu resumo da citada entrevista:

    Disse que Cavaco Silva não é isento nem leal, favoreceu amigos e correligionários e tolerou e beneficiou com negócios considerados ilícitos pela justiça, além de lhe faltar cultura política para se identificar com eventos relevantes da história recente do país, tendo eu afirmado que esses atributos são importantes na avaliação dos candidatos ao cargo de Presidente da República.

    Informei ainda o referido jornal que, no Dia de Portugal de 2008, recusei a comenda de Grande Oficial da Ordem de Mérito, que o Presidente da República me quis atribuir, não só por considerar que o trabalho em Viana do Castelo tinha sido realizado por uma vasta equipa e não apenas por mim mas, também, por não aceitar ser distinguido por quem tinha tido uma série de atitudes pouco edificantes durante a preparação do evento.

    No debate televisivo, fiz referência a vários factos ocorridos durante a preparação do Dia de Portugal em Viana do Castelo em 2008 que, na minha opinião, demonstram claramente que Cavaco Silva não tem perfil para ser PR e que só naquele momento, “olhos nos olhos” com o agora recandidato, senti o dever cívico de os revelar para que os portugueses o conheçam melhor, ultrapassando o poderoso aparelho de propaganda que lhe construiu a imagem de isenção e seriedade que “só em duas vidas” os outros portugueses poderiam alcançar.

    A falta de isenção de Cavaco Silva foi revelada quando recusou o convite (mostrado ao jornalista) que lhe fiz para realizar o Dia de Portugal em Viana do Castelo em 2009, para encerrar as comemorações dos 750 anos do Município, antecipando-o para 2008.

    Na altura o PR alegou que, sendo 2009 ano de eleições autárquicas não queria beneficiar nenhum município e, por isso, as comemorações seriam realizadas em Lisboa, com carácter mais nacional.

    Afinal, em 2009 as comemorações realizaram-se num município liderado pelo PSD.

    Para demonstrar o seu favorecimento de amigos e correligionários, considerei suficiente mostrar ao jornalista a proposta feita à Câmara Municipal pela Presidência da República para se contratar a fadista, que tinha sido mandatária da juventude na candidatura de Cavaco Silva, para um espectáculo público em Viana do Castelo.

    A proposta indicava ainda um maestro e um palco especial para a actuação, tudo orçado em mais de 90 mil euros, com IVA incluído. A Autarquia recusou a proposta presidencial e realizou um espectáculo, de não menor qualidade, com artistas vianenses, que custou apenas seis mil e quinhentos euros.

    Mas o despesismo da Presidência de Cavaco Silva, ainda foi mais exuberante no arranjo da sala para a cerimónia solene do Dia de Portugal. Não foi aceite a proposta da autarquia de a realizar no magnífico Teatro Municipal e, o arquitecto da equipa do PR, fez um projecto de decoração interior de um pavilhão de exposições, que constituiu uma verdadeira tenda gigante e que orçou em 165 mil euros, para um acto de apenas uma hora e meia!

    Apesar de eu ter resistido o mais que pude a realizar tão grande despesa e até ter discutido o orçamento com a empresa, que fora indicada pela equipa presidencial, a Câmara Municipal teve de assumir aquele encargo perante a exigência presidencial da maior dignidade para as comemorações, sempre com a “ameaçadora hipótese” de o evento poder ser transferido para outra cidade.

    A propósito da dispendiosa tenda alugada e paga por Viana do Castelo, cumpre-me denunciar que, numa clara atitude de favorecimento da Presidência de Cavaco Silva, uma tenda semelhante e para o mesmo acto em 2009, foi financiada pela Presidência da República e não pela autarquia liderada pelo PSD, certamente porque Cavaco Silva já começava a ter “preocupações com a pobreza e a fome”, que agora sem pudor utiliza na campanha eleitoral , e decidiu poupar aquela despesa ao município amigo.

    Mas, ainda tivemos de recusar outras dispendiosas propostas da Presidência da República, substituindo-as por realizações menos onerosas para a autarquia, como por exemplo um espectáculo multimédia para os convidados da Presidência que custava mais de 60 mil euros, substituída por uma sessão de fogo de artifício orçada em 14 mil euros, que foi oferecida aos convidados do PR e ao público vianense.

    Por toda esta evidente diferença de postura, quer na gestão de dinheiros públicos, quer de isenção no exercício de cargos oficiais, achei muito estranha a vontade de Cavaco Silva me condecorar no Dia de Portugal e, em carta dirigida ao Chefe da Casa Civil, que mostrei ao jornalista como toda a correspondência relativa aos factos relatados, comuniquei que recusava receber a comenda de Grande Oficial da Ordem de Mérito.

    Refira-se que estes factos ficaram sempre no restrito âmbito do meu gabinete e da vereação, porque entendi que a sua revelação perturbaria o evento que todos os vianenses desejavam ser um sucesso para o município, com foi.

    Só agora decidi revelá-los, olhos nos olhos com o recandidato, por serem factos indesmentíveis e nesta altura de escolha do novo PR sentir a obrigação cívica de revelar a falta de isenção e lealdade, favorecimento e despesismo de Cavaco Silva no exercício do cargo, atributos absolutamente contrários aos que ele com despudor se atribui publicamente.

    Sobre a deslealdade institucional de Cavaco Silva com o Governo, na inventona das escutas e não só, e, também, a deslealdade pessoal com os seus correligionários Fernando Nogueira e Santana Lopes, bem como sobre a forma como pactuou com os responsáveis do BPN e teve chorudos benefícios com as acções da SLN, que qualquer leigo só considera possíveis com negócios ilícitos, são factos do conhecimento público que referi de passagem no debate e a que nada pretendo acrescentar.

    Devo dizer, no entanto, que ao longo dos anos, vários factos semelhantes me foram relatados por autarcas e outros protagonistas políticos que, por razões diversas, não foram revelados.

    A terminar quero refutar veementemente a acusação de Cavaco Silva de que estarei a participar numa campanha suja contra o ainda Presidente da República, afirmando sem temor que sujas e altamente criticáveis foram estas e outras atitudes de Cavaco Silva no exercício do mandato presidencial e, com esta minha denúncia, pretendo que os portugueses fiquem a saber que o agora recandidato não é aquele político exemplar e acima de todas as suspeitas que a sua propaganda divulga há quase três décadas.’

    Gostar

  6. balde-de-cal permalink
    30 Dezembro, 2010 18:57

    o ps começou a despejar a penicada habitual
    esquece freeport, face oculta, cova da beira, e monte de ‘ratarias’ que arruinaram o rectângulo
    procuro esquecer o que ouvi na maçonaria do minúsculo oriente do ex-seminarista

    Gostar

  7. 30 Dezembro, 2010 18:58

    O Silva Pereira é bem o retrato deste Governo de pacotilha.
    Que desgraça de gente!

    Gostar

  8. 30 Dezembro, 2010 19:02

    fagulha,
    Cavaco ganhou, a filha também… Onde está o mal? Onde a ilegalidade?
    O que V. tem é inveja…
    Olhe, jogue também… e boa sorte!

    Gostar

  9. 30 Dezembro, 2010 19:02

    PS e PSD são os dois braços de um mesmo corpo. A esta luz talvez haja muita «guerra partidária» que se torna mais compreensível.

    Gostar

  10. 30 Dezembro, 2010 19:11

    A “coragem” do Defensor Moura é um espanto.
    Em vez de, na altura própria, ter denunciado o que ora afirma ter acontecido – e que era o mínimo exigível a quem os tenha no sítio -, vem agora com uma historieta sem pés na cabeça.
    Vai receber a resposta devida no dia 23. A dúvida está entre 0,1% e 0,3%… Cá para mim, serão 0,2%. Vai uma apostinha?

    Gostar

  11. Fredo permalink
    30 Dezembro, 2010 19:35

    Pensador,
    Cavaco ganhou, a filha também… Onde está o mal? Onde a ilegalidade?
    O que V. tem é inveja…
    Olhe, jogue também… e boa sorte!

    Ainda não percebeu? O problema é Oliveira Costa só convidou quem quis para lhe oferecer um “contrato” de 147% de lucro de, tanto quanto se sabe, dinheiro roubado. Tanto quanto julgo saber, ter lucros assim, para um comum mortal que não CS, configuram o crime de “participação em negócio ilícito”.
    Essa Agora,
    Tenha DM 0,1% ou 0,0%, isso não altera em nada o que ele disse pois não? Ou a sua tese é que quem tiver muitos votos pode fazer as trafulhices que quiser, e quem tiver poucos nem sequer as pode denunciar?

    Gostar

  12. Portela Menos 1 permalink
    30 Dezembro, 2010 19:36

    (…) Cavaco ganhou, a filha também… Onde está o mal? (…)
    Em lado nenhum; o pessoal não deve gostar é de coincidências !

    Gostar

  13. AZI(A)TICO permalink
    30 Dezembro, 2010 19:38

    Desde há 36 anos, que o povo português tem a desdita de apesar de eleições livres, continuar a votar não em políticos competentes, mas sempre nos males menores, ou seja, atrelados ao partidarismo, vota-se sempre em gente sem envergadura, tal qual no futebol ,ainda que a equipa vá no fim da tabela, há que ser daquela cor.
    No mundo futebolístico ainda se compreende, agora em política, considero uma preocupante e profunda idiotice, que nos coloca ao nível dos países do terceiro mundo.

    Gostar

  14. AZI(A)TICO permalink
    30 Dezembro, 2010 19:52

    Pedro Silva Pereira, fez uma afirmação muito grave para um ministro, que se quer com o mínimo conhecimento do funcionamento da justiça. Acusou a anterior administração do BPN de gestão criminosa, sem que nenhum gestor ainda fosse condenado em Tribunal, malgrado o seu Presidente ter estado detido preventivamente e posteriormente com detenção domiciliária.
    Todos nós sabemos que houve manifestos crimes naquele banco, mas enquanto houver julgamento e o processo não transitar em julgado, toda a gente se presume inocente.
    Era isto o que o ministro devia interiorizar, mas como estamos a ser governados por sobas e marionetas como o sr. Pereira, tudo lhes é permitido até dizer barbaridades.

    Gostar

  15. 30 Dezembro, 2010 20:01

    Fredo,
    V. é que não quis nem quer entender coisa nenhuma.
    Contra isso, batatas! Não vale a pena perder o meu tempo e gastar o meu latim com gente formatada como V.. Passe bem!

    Gostar

  16. Arlindo da Costa permalink
    30 Dezembro, 2010 20:20

    É impressão minha, ou o Cavaco já perdeu as eleições?

    Gostar

  17. 30 Dezembro, 2010 20:28

    Acho que é impressão sua, sr. Arlindo.

    Gostar

  18. Tiradentes permalink
    30 Dezembro, 2010 21:04

    Anda aqui muita gente “impressiva”.
    Quando se eleito o cavaco começar a fazer frente a este governo ainda vão ver os arlindos a elogiá-lo.
    Querem uma apostinha?

    Gostar

  19. Gol(pada) permalink
    30 Dezembro, 2010 21:35

    Tiradentes
    “Quando se eleito o cavaco começar a fazer frente a este governo”
    Só peca por tarde, porque normalmente a resposta dele é:Não comento.Teve 1000 chances e NADA fez.
    Entre o Desgoverno e Cavaco o muda são as moscas.
    Já não acredito em nada nada nada…

    Gostar

  20. José permalink
    30 Dezembro, 2010 22:46

    fagulhas:

    Vou copiar parte do seu comentário para escrever no meu blog.

    Gostar

  21. luis Moreira permalink
    30 Dezembro, 2010 22:47

    O BPN sofreu dois assaltos. Um dos anteriores accionistas e gestores e outro por parte deste governo que não aceitou a proposta de Miguel Cadilhe e nacionalizou o banco.Já lá vão 3.500 milhões e o BPN continua na falência. Em vez de conversa fiada e, depois de lá estarem na administração há quase 2 anos, não era gostoso que o governo se deixasse de insinuações e jogasse os trunfos que tem, seja contra quem seja? Pode ser que a verdade venha ao de cima. Porque hesita o governo? Deve saber tanto…
    E a diferença é que antes da nacionalização o dinheiro era privado( quero lá saber que arrebentem com ele…) mas, após, é nosso, muito nosso.É diferente, não?

    Gostar

  22. Fredo permalink
    31 Dezembro, 2010 00:23

    “Acusou a anterior administração do BPN de gestão criminosa, sem que nenhum gestor ainda fosse condenado em Tribunal”
    AZI(A)TICO

    Salvo melhor opinião, basta um Técnico de Contas para declarar “gestão criminosa” ou “gestão danosa”, sem necessidade de Tribunais. Para julgar os actos, cometidos por pessoas, que levaram a tal estado, que podem ou não constituir crime, é que será preciso um Tribunal.

    Gostar

  23. Nuno permalink
    31 Dezembro, 2010 05:04

    A questão é simples: o governo e camarilha chuchalista devem ser corridos depressa e à mocada… a tiro seria melhor!

    Gostar

  24. Tiradentes permalink
    31 Dezembro, 2010 05:53

    Totalmente de acordo consigo no que refere.
    Mas que quer? Cavaco é o exemplo acabado do tuga normal. Quer estar bem com deus e o diabo. Quer ser contra mas nem tanto.Quer ser a favor mas nem tanto também. Pertence ao reino do NIM, nem não nem sim, ou do talvez.
    Uma miséria portanto. E é por isso que acho que ele não vai ter dificuldade nenhuma em ganhar na primeira volta. Os tugas se revêem nele e chamam-lhe de bom senso.
    Por outro lado a comandita de candidatos também não abona nada os restantes tugas. Um pior que o outro.
    Mais lhe digo…. se for votar voto no palhaço Coelho (?) lá da Madeira. Palhaçada por palhaçada!!!

    Gostar

  25. certo permalink
    31 Dezembro, 2010 09:03

    Actualmente, os incendiários da economia global transformaram-se nos procuradores que acusam os bombeiros de terem causado uma inundação.

    Jean-Paul Fitoussi, referindo-se ao Cavaco da RTP1

    Gostar

  26. Doe, J permalink
    31 Dezembro, 2010 09:08

    fagulhas
    Posted 30 Dezembro, 2010 at 18:18 | Permalink

    “Cavaco lucrou 147 mil euros com acções da holding do BPN
    Apesar de ter negado à TVI24 ter comprado ou vendido algo do BPN, a verdade é que Cavaco Silva teve um lucro de 147.500 euros com a venda de acções da SLN, que é dona deste banco. O negócio remonta a 2003. A filha do candidato presidencial também ganhou 209.400 euros.”

    So what?
    O “engenheireiro” empochou bem mais do que isso só na “compra” do apartamento no Heron-Castilho. E a mãezinha também.
    E agora? O que é que todas estas “chouriçadas” contribuem para o nossa felicidade?

    Gostar

  27. Tiradentes permalink
    31 Dezembro, 2010 09:19

    No caso BPN os” incendiários da economia global” foram para além dos trafulhas criminosos representados por Oliveira e Costa, o governo portuga (min. finanças e min.SS) 3.600 milhões de euros da segurança social na “especulaçãozinha” dos tóxicos, razão pela qual o nacionalizaram.
    Sintomático é que o escondam e façam de conta que nada disso se passou.
    Estes “socialistas” depois de verificarem que a carteira de investimentos estava a valer zero atiram o fogo para o vizinho e cobram do povo.

    Gostar

  28. ribas permalink
    31 Dezembro, 2010 10:02

    Antes de Cavaco Silva ser nomeado PR, o Carmo e a Trindade estremeceram. Uns diziam que vinha o fim do mundo em cuecas; outros diziam que tinham que refazer as malas e ir para Argel, Rússia e Paris e ainda outros que diziam que o partido de Sócrates não sobreviveria. Tudo se sobreverteu. Cavaco ganha as eleições e Sócrates, mesmo (des)governando-nos ainda lá está e até alguém diz que tem condições para levar a legislatura até ao fim.
    Quem não se lembra das atitudes dos ex-presidentes na primeira legislatura? E depois. O que disse Jorge Sampaio sobre o orçamento do Santana Lopes? Há vida para além do orçamento…

    Gostar

  29. certo permalink
    31 Dezembro, 2010 10:09

    Efectivamente,
    ó Ribas, de inútil, além
    de ridículo, esse presidente é
    tal uma anedota e aquela nulidade
    autêntica.

    Gostar

  30. Tiradentes permalink
    31 Dezembro, 2010 12:23

    Com datas muito aproximadas das do Cavaco e dos seus “investimentos” na SLN/BPN há um sem número de políticos nomeadamente deputados que viram as suas contas crescer exponencialmente.
    Basta verificar algumas declarações de rendimentos e desde quando é que elas “cresceram”.
    Entre eles há alguns materialistas-dialécticos que fazendo jus a tal condição num ano tinham três milhões de euros e dois anos depois declaram 5 milhões.
    Não há no entanto ponta por onde se lhe pegue no sentido legal do termo.
    Mas que mamaram …..mamaram da mesma vaca e quiçá da mesma teta.

    Gostar

  31. Nuno permalink
    31 Dezembro, 2010 14:17

    Palhaços? É uma vergonha e ofensa para ospalhaços compará-los sequer à merda dos candidatos.
    Os palhaços respeitam-se, os candidatos são filhos da puta, mas todos.

    Gostar

  32. 31 Dezembro, 2010 14:21

    Tiradentes,
    Pois é, mamaram e fizeram eles bem, porque eram tetas de vaca. Já outros, como V., metem os dentes em tetas de chibo. São gostos…

    Gostar

  33. será permalink
    31 Dezembro, 2010 14:59

    Sim,o PM tem de concretizar o que disse, pois parece que conhece o dossiêr, como afirmou no debate. Também podia dizer em quantos milhões se abotoaram os amigos de peito, oliveira e costa e , sobretudo, dias loureiro!

    Gostar

  34. Tiradentes permalink
    31 Dezembro, 2010 16:32

    essa agora.
    Pela sua reacção V deve ter sido um dos que mamou, ou no minimo identificou os seus correlegionários que o fez e está com dores por eles.
    Só assim se justifica a sua reacção.
    Mais lhe digo
    Quem nunca mamou não mama mesmo. Mas quem já mamou na teta da vaca não se importa que seja um chibo a ter que mamar.Pior são os que tomam as dores dos outros porque esses só mamam mesmo nos chibos e reagem violentamente (como V. faz) quando lhes descobrem os vícios.

    Gostar

  35. 31 Dezembro, 2010 17:32

    Tiradentes,
    Tenha cuidado! Olhe que a inveja, às vezes, mata.

    Gostar

  36. Tiradentes permalink
    1 Janeiro, 2011 09:20

    Lá está vc com inveja dos 147% do Cavaco.

    Gostar

  37. AZI(A)TICO permalink
    1 Janeiro, 2011 19:16

    Caro Fredo
    Não tenho conhecimento se um TOC terá ou não capacidade para declarar qualquer gestão danosa.
    O amigo certamente não entendeu o que eu escrevi.
    O que eu disse foi que o ministro Silva Pereira , não pode nem deve proferir declarações como as que produziu, ou seja criticar processos que ainda estão em segredo de justiça.
    Quanto ao resto eu também declarei que houve efectivamente gestão criminosa no BPN, só que o Tribunal é que tem a última palavra, e não um qualquer ministro de qualquer governo.
    A anterior administração até podia levar o banco à falência que a nós não nos dizia respeito, neste momento esta administração actual, é responsável pelo dinheiro que foi lá colocado, e que é do erário público, portanto dinheiro que é de todos nós.
    Cumprimentos

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: