Skip to content

Se …

10 Outubro, 2013

Estes são os principais “ses” das reformas do Estado alternativas:

– Se houvesse dinheiro …

– Se fosse possível despedir funcionários públicos …

– Se os ministros fossem microgestores omnisciêntes …

– Se os credores continuassem a financiar-nos depois de um default …

Anúncios
30 comentários leave one →
  1. YHWH permalink
    10 Outubro, 2013 12:30

    SE… Portugal tivesse um governo com neurónios funcionais e tomates q.b…

    Gostar

    • ora permalink
      10 Outubro, 2013 21:05

      ó filha isso nã era o Othelo …..tinha neurónios funcionais e soluções

      eram era todos e todas de merda….e escreve-se If ó grego

      Gostar

  2. tric0001 permalink
    10 Outubro, 2013 12:42

    se Portugal tivesse moeda própria….

    Gostar

  3. Carlos Dias permalink
    10 Outubro, 2013 12:50

    Se Portugal deixasse de existir…

    Gostar

    • Trinta e três permalink
      10 Outubro, 2013 13:22

      Ora, aqui está uma medida de poupança real que, como diria o Coelho do nosso descontentamento, reduzia à brava a “emissão de hidrocarbonetos”.

      Gostar

  4. tric0001 permalink
    10 Outubro, 2013 12:52

    se Portugal tivesse um Governo digno desse nome…

    Gostar

  5. Alexandre Carvalho da Silveira permalink
    10 Outubro, 2013 12:52

    SE… nem o Salazar conseguiu reformar o estado! Há centenas de anos que não há politico que não prometa a reforma do estado. Nenhum conseguiu. O estado português é irreformavel, e é uma das razões do nosso secular atraso. Toda a estrutura legislativa portuguesa assenta ne existência de um estado que só atrapalha porque se quer meter em tudo. Portugal é o país do “isso não é possivel”, quando alguns incáutos se dirigem às repartições publicas para se informarem sobre qualquer iniciativa que queiram tomar.
    Como é que um país se pode desenvolver quando, ainda hoje, para alguém montar um negócio, é obrigado a passar as penas do inferno nos vários ministérios aonde tem de se dirigir. O Santos Pereira quiz acabar com isso, e fizeram-lhe logo a caminha. Legislação que ele tinha aprovada para agilizar os processos burocráticos, voltou à estaca zero.
    Este país não tem futuro, porque o estado não deixa!

    Gostar

  6. tric0001 permalink
    10 Outubro, 2013 12:57

    O Rui Manchete o cãozinho dos Angolanos!! Agora que Angola apoia Qatar-Israel na destruição da Cristandade no Médio-Oriente…
    .

    .

    Gostar

  7. Juromenha permalink
    10 Outubro, 2013 13:07

    Parafraseando o outro ( infelizmente desaparecido ) : Coservamos, somente, os sinais exteriores de independência.
    Como é que “isto” vai acabar, ninguém sabe, já que somos uma pequena irritação, e ademais periférica, numa gravíssima complicação geral.
    Talvez as coisas se aclarem depois das 17 espanhas, aqui ao lado ,encontrarem solução para o molho de brócolos em que se meteram.
    E aí não haverá “Windsor” que nos valha…

    Gostar

  8. 10 Outubro, 2013 13:22

    No post anterior, tive oportunidade de lhe mostrar como o Estado desperdiça dinheiro com outsourcings que não criam qualquer mais valia.
    Agora, lembro-lhe a necessidade de racionalizar serviços:

    http://cronicasdorochedo.blogspot.pt/2013/09/querem-mesmo-fazer-reforma-do-estado_3.html

    O único problema é que falta gente competente no governo, que perceba alguma coisa de administração pública e saiba detectar os problemas. Como não há, corta-se nos salários dos funcionários e nas pensões, porque é muito mais fácil. Éa receita dos ignorantes e dos preguiçosos.

    Gostar

    • JoaoMiranda permalink*
      10 Outubro, 2013 13:41

      Carlos,

      Que adianta fechar serviços? O custo está nos salários dos funcionários. É o 3º “se” da lista. Quando diz que não há pessoas competentes no governo cai no 4º “se”. Se o governo fizesse microgestão …

      Gostar

      • RCAS permalink
        10 Outubro, 2013 14:40

        “A Blasfémia é a melhor defesa contra o estado geral de bovinidade!

        Só não percebo por que é que o JM não consegue sair dele? porquê? porquê?

        Gostar

      • ora permalink
        10 Outubro, 2013 21:08

        porque lhe estás sempre marrando obviamente

        quem quer sair da manada leva marrada dos bois do status cu….

        e o teu cu deve ser enorme

        é directamente proporcional ao status

        daí o do soares ter desinchado….

        o do socrates o grego tá fine pois é cu ruptor e nã cu rompido….

        é outra classe de gregos

        Gostar

  9. Ricciardi permalink
    10 Outubro, 2013 13:32

    Mas eu pergunto-lhe. Para quê pagar para os FP’s sairem se eles saem aos magotes todos os anos… de graça. É alei dos grandes numeros. Apesar de tudo os FP’s morrem, reformam-se, abdicam. No ano passado sairam 40 mil. Mais do dobro acordado no programa de ajustamento.
    .
    O que falhou então se eles sairam mais do que a conta?
    .
    Ahhh afinal engana-mo-nos deviam ter saido mais, argumentarão os Austerians.
    .
    E vão sair mais. And guess what quando sairem mais, mais serão necessários que saiam.
    .
    Porquê?
    .
    Because its a pescadine with de rabe in the mouth.
    .
    Rb

    Gostar

  10. Fincapé permalink
    10 Outubro, 2013 14:53

    Se houvesse um pouquinho de decência…
    Se houvesse um nadinha de coerência…
    Se houvesse um bocadinho de sapiência…
    Se houvesse um tiquinho de vergonha…
    Se houvesse um primeiro-ministro no governo, nem que fosse só de vez em quando…
    Pronto, já sei, estou a exigir de mais. 😉

    Gostar

    • Alexandre Carvalho da Silveira permalink
      10 Outubro, 2013 15:03

      Fincapé, não percebe que é esse tipo de raciocinio que fode isto tudo? Exigimos sempre aos outros o que não exigimos a nós próprios, principalmente se tivermos um espelho à frente. Os portugueses que são os mais desorganizados e maiores baldas da Europa, exigem santos e impolutos para os governarem. Acha mesmo que decência, coerência, sapiência, vergonha, são atributos do português comum?

      Gostar

      • Fincapé permalink
        10 Outubro, 2013 15:17

        Acho que ainda há gente com essas virtudes. E não são essas que “fazem sexo” com isto tudo. São exatamente as outras.
        Isto não lhe retira parte da razão. Imagine só que eu ando a ficar maluco com vários portugueses que se comprometeram comigo a fazer determinados trabalhos. Ora, eu pago na hora, trato bem as pessoas, dou-lhes mais do que é pedido e mesmo assim vejo-me “vítima de sexo violento”. Até me apetece exigir que o Estado nacionalize mais serviços privados. Pelo menos, podemos recorrer ao livro de reclamações.
        Mas no governo gostaria mesmo de ver outro tipo de gente.

        Gostar

      • RCAS permalink
        10 Outubro, 2013 15:50

        Vês ó Silveira, quando deixas (raro) o teu estado bovinização, até aprecio o que escreves… mas olha, essa do espelho… tás a aprender!!!

        Gostar

    • RCAS permalink
      10 Outubro, 2013 15:45

      Exagerar demais? he !he !he! estive a tentar encaixá-los, nem que fosse só numa… não consegui!

      Gostar

      • Fincapé permalink
        10 Outubro, 2013 18:04

        Não é exagerar, RCAS. Eu estava era a exigir de mais, 🙂

        Gostar

  11. @!@ permalink
    10 Outubro, 2013 15:11

    Se Portugal tivesse asas descobriria o caminho para “Where no man has gone before”!

    Gostar

  12. @!@ permalink
    10 Outubro, 2013 15:35

    Mas como Almeida Garrett muito bem observou
    http://ocanto.no.sapo.pt/asas.htm
    e sermos comedidos nas pretensões terrenas e materiais temos de saber qual é a nossa? Terra ou mar? A terra parece que não quer nada connosco e o mar, tanto mar que assusta
    Ó mar salgado, quanto do teu sal
    São lágrimas de Portugal!
    Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
    Quantos filhos em vão rezaram!
    Quantas noivas ficaram por casar
    Para que fosses nosso, ó mar!

    Valeu a pena? Tudo vale a pena
    Se a alma não é pequena.
    Quem quer passar além do Bojador
    Tem que passar além da dor.
    Deus ao mar o perigo e o abismo deu,
    Mas nele é que espelhou o céu.

    Gostar

    • RCAS permalink
      10 Outubro, 2013 15:57

      Oceano Nox
      Junto do mar, que erguia gravemente
      A trágica voz rouca, enquanto o vento
      Passava como o vôo do pensamento
      Que busca e hesita, inquieto e intermitente,

      Junto do mar sentei-me tristemente,
      Olhando o céu pesado e nevoento,
      E interroguei, cismando, esse lamento
      Que saía das coisas, vagamente…

      Que inquieto desejo vos tortura,
      Seres elementares, força obscura?
      Em volta de que idéia gravitais?

      Mas na imensa extensão, onde se esconde
      O Inconsciente imortal, só me responde
      Um bramido, um queixume, e nada mais…

      Antero de Quental, in “Sonetos

      Gostar

      • ora permalink
        10 Outubro, 2013 21:28

        an terra de esquentamento mental

        Oceano Nox

        em baixa vox

        feito em inox

        cheio de mox…..

        Junto Ao mar, Se erguia grave mente
        de trágica voz louca, em lamento lento
        Trespassava pouco a pouco a todo o momento
        Todo o louco intermitente e mesmo o demente

        Junto Ao mar sem água tristemente,
        MIRando o céu de mágoa e nevoento,
        Caí num terno alucinar semi-birrento
        E às aRreCuAs caí em mim molemente

        Que inquieta pulsão as élites tortura?
        Seres em aventais sois força obscura?
        Em volta de que panaceias gravitais?

        Mas na imensa loja ,que tudo esconde
        O Inconsciente Arquitecto, nunca responde
        Solta bramidos, queixumes, e nada mais…

        e em versos banais

        como os demais

        às aRreCuAs me Suicido

        num vagido

        nunca antes ouvido

        no país fodido…..

        Gostar

  13. murphy permalink
    10 Outubro, 2013 16:05

    Que clima cansativo! Para quando uma petição a defender o seguinte:

    PPC, pf afaste-se e deixe o Dr. Seguro “mostrar como se faz”!

    http://jornalismoassim.blogspot.pt/2013/10/portugal-precisa-de-politicos-assim.html

    Gostar

  14. 10 Outubro, 2013 16:25

    Os pensamentos de Fernando Pessoa estavam adiantados 50 anos da pasmaceira nacional!
    Com Estado ou menos Estado, haverá sempre muitos portugueses famosos.
    Escolas, para todos, modernas são precisas.
    É vergonhoso termos analfabetos.
    Com o pantomineiro Passos Coelho, emigraram os “doutores” do Sócrates.

    Gostar

  15. Cáustico permalink
    10 Outubro, 2013 17:03

    O João Miranda diz ao que vem.
    Ao menos essa honra tem que lhe ser prestada.
    Mas essa dos ministros microgestores omniscientes é um espanto. Bastava que fossem pessoas sérias e, em vez de inundar os gabinetes com a canalha da jota, arregimentassem pessoal competente, do quadro das diversas direcções gerais.
    Porque, caso eles, os ministros, (e os blogueiros cá do sítio) não saibam, a maioria dos funcionários públicos sabe, pode e quer, contribuir para a mudança. Só que, enquanto estes forem tratados ao chuto pelos políticos, vão assistir impavidamente às manobras da minoria de funcionários a quem não interessa a mudança nem os sacrifícios e que parasitam os sindicatos.

    Gostar

  16. Carlos permalink
    10 Outubro, 2013 18:53

    Se os deputados da AR passassem para o mínimo constitucional de 180…

    Se houvesse real interesse de servir a nação e não o próprio bolso…

    Se o João Miranda fosse Primeiro Ministro… (ok, esta era a gozar!)

    Gostar

  17. Jorge Figueiredo permalink
    11 Outubro, 2013 08:55

    Se a ‘corja’ dos professores ( principal ódio de estimação do JM ) for fuzilada…

    Gostar

  18. JCA permalink
    12 Outubro, 2013 12:51

    .
    ‘Exotismos dos americas’:
    .

    Corruption at Detroit’s City Hall: America’s dirtiest mayor jailed for 28 years
    http://www.independent.co.uk/news/world/americas/corruption-at-detroits-city-hall-americas-dirtiest-mayor-jailed-for-28-years-8872659.html
    .
    .

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: