Saltar para o conteúdo

Bel’Miro – A Primeira Semana (uma retrospectiva)

10 Fevereiro, 2014
BelMiro-Retrospectiva

Um livro de Idelberto Adaberto

Os leitores do Blasfémias, tal como 95% dos portugueses, são apreciadores de arte contemporânea. É com o prazer que deriva da cultura que vos convido para a leitura do livro “Bel’Miro – A Primeira Semana (uma retrospectiva)”, disponível para Kindle, iPhone/iPad/Mac/ePub e PDF (ePub e PDF gratuitos).

Download_on_iBooks_Badge_PTPT_110x40_090513

Adicionalmente, e em verdadeira expressão artística multimédia, podem ver o anúncio do lançamento desta obra em vídeo:

Editado em 14/2/2014, dia dos namorados: acrescentado link para iTunes.

Anúncios
38 comentários leave one →
  1. Castrol permalink
    10 Fevereiro, 2014 11:16

    Este homem é um empreendedor!!

    Tivesse sido contratado pelo BPN e não estaríamos agora a discutir a venda dos Miró…

    Gostar

  2. 10 Fevereiro, 2014 12:12


    Muito mais imaginativo é este sobre DALI.

    Gostar

    • vitorcunha permalink*
      10 Fevereiro, 2014 12:15

      Lá está: tudo que seja estrangeiro é que agrada ao Piscoiso. Está a destruir o cluster nacional de avant-garde.

      Gostar

      • RCAS permalink
        10 Fevereiro, 2014 13:08

        A obsessão destes blasfemos neoliberais pelos Miros, cheira-me a síndrome de Tourette…

        Gostar

      • 10 Fevereiro, 2014 14:39

        Quem fecha escolas e hospitais,também é neoliberal de direita ehehehe

        Gostar

  3. anónimo permalink
    10 Fevereiro, 2014 12:16

    http://3.bp.blogspot.com/-gbB1NIKwLAE/UvjAJlhtOWI/AAAAAAAAS0Q/sITEqNzCD_E/s1600/'ora%C3%A7%C3%A3o.tif

    “Placa cerâmica 15X15. Magnífico exemplar da fase da Sala Amarela dos 3 anos do Colégio do Sagrado Coração de Maria”.

    Gostar

  4. @!@ permalink
    10 Fevereiro, 2014 12:35

    Apareceu o béubéu cão, deu tudo à sola, até a cola, fez-se escuro. Significativo, muito profundo. Será que se chama mirrrr oh?

    Gostar

  5. RCAS permalink
    10 Fevereiro, 2014 13:16

    Algures da blogosfera!

    Nesta semana o Expresso teve o seu momento “SOL” nas suas apuradas investigações para descobrir que a culpa da venda dos Miró foi, tal como o senhor com ar ridículo disse, do maldito José Sócrates.

    Sócrates não vendeu, não decidiu nada, não soube de nada, não autorizou nada mas é o responsável porque alguém no seu tempo se lembrou de pensar em vender, curiosamente uma administração do BPN onde até ex-governantes do PSD estavam.

    Sabe-se agora que se alguém no tempo de Sócrates pensou vender o cavalo da estátua equestre do D. José, no Terreiro do Paço, este governo pode vendê-la à vontade porque tudo começou no tempo do Sócrates.

    Enfim, quem empossou este governo não foi um feliz Cavaco, as eleições até se realizaram no tempo do Sócrates!!!

    PS – Se o ridículo mata-se…

    Gostar

    • anónimo permalink
      10 Fevereiro, 2014 13:20

      Ou seja: ” Se PS, o ridículo mata-se”

      Gostar

    • vitorcunha permalink*
      10 Fevereiro, 2014 13:22

      O ridículo mata-se mas renáz-se sempre.

      Gostar

      • RCAS permalink
        10 Fevereiro, 2014 14:18

        O importante foi o mata-se prof ? se é… então rectifico, ” matasse”!
        Pronto, agora já se podem concentrar no resto ok?

        Gostar

    • 10 Fevereiro, 2014 14:41

      RCAS,é como nos swaps e nas ppp..o governo de então estava-se cagando(utilizando uma bela frase do Ferro nas escutas da casa pia) para os mesmo,as empresa estavam tido autogestão

      Gostar

      • RCAS permalink
        10 Fevereiro, 2014 19:04

        RR
        Acredite que a GRANDESSÍSIMA maioria dos que por aqui andam por aqui a blefar não fazem a mínima sobre swaps ppp , NÉPIA!!!
        Até eu que gosto de fazer os “trabalhinhos políticos de casa”, e que tive a IMENSA pachorra, de ver e ouvir todas as seções na comissão de inquérito na AR, sobre as ditas, cheguei a uma conclusão:
        Na idiossincrasia portuga, com o défice de rigor e organização que existe no nosso código genetico, em qualquer PPP o Estado é sempre papado, seja qual for o governo ou políticos que lá estiverem!
        Simplesmente o Estado não tem gente altamente qualificada, para negociar com segurança com os privados, e aqui estamos a falar de bancos!
        E quando vejo o ataque aos salários da função pública, com o abandono dos melhores, e observo a FP a ser invadida por imberbes “Yuppies”, eu temo francamente o pior!
        Falar sobre ppps ou swaps, não é para totós… é demasiado complicado!!!

        Gostar

      • 10 Fevereiro, 2014 19:15

        Acredite que a GRANDESSÍSIMA maioria dos que por aqui andam por aqui a blefar não fazem a mínima sobre swaps ppp , NÉPIA”
        E porque é que chega a essa douta conclusão,digam-me lá? Simplesmente não tínhamos condições financeiras para recorrer a esses mecanismos.Que é que isto tem de complicado RCAS,explique-me então lá?

        Gostar

      • RCAS permalink
        10 Fevereiro, 2014 20:07

        RR
        Se compararmos hoje este País com o antigamente, o progresso foi notório.
        Conheci e conheço turistas que ficaram agradavelmente surpreendidos com o seu desenvolvimento com a sua “fantástica” mobilidade (na opinião deles mas também na minha), acham que temos um País lindo para visitar, que temos é que nos preocupar mais, e aqui batem no meu calcanhar de Aquiles e um dos meus qui pro quo com o “meu amigo Sócrates”, ou seja o património Portugês!

        O Cavaco vendeu a troco de milhões de euros, a nossa pouca indústria, a nossa frota de pesca, a nossa Agricultura, para podermos comprar os excedentes da Europa sobretudo Alemães e Franceses!

        O endividamento deve-se a vários factores, sendo estes os mais importantes, senão fosse assim não tínhamos o País que temos hoje, que aliás estes mequetrefes que nos governam estão a fazer andar para trás! incrível!

        Quando quis ter uma casa e um automóvel não tinha dinheiro para isso…
        tive que “me endividar”… e fui pagando as dividas, a casa por exemplo leva 30 anos, mas paga-se!
        O primeiro carro foi-se pagando já foi vendido, já se comprou outro a credito e também se há-de pagar!!!

        As dividas são para ser geridas, e o meu filho diz-me: dá-me TGVs progresso, que não me importo de pagá-los em 30 ou 40 anos, mas… não me dês BPNs Banifs e todas as tretas e as merdas que o nosso “défice” de rigor e organização mental, conseguem por aí amontoar!

        Bem… vou jantar

        Gostar

      • 10 Fevereiro, 2014 22:51

        O endividamento deve-se a vários factores, sendo estes os mais importantes, senão fosse assim não tínhamos o País que temos hoje, que aliás estes mequetrefes que nos governam estão a fazer andar para trás! incrível!”
        Mas o progresso custa dinheiro amigo,custa dinheiro.O progresso não é viagens a Cancun,carros de luxo e autoestradas. É preciso dinheiro para financiar as coisas.Quisemos coisas para as quais nós não tínhamos forma de pagar.Foi assim que muita gente perdeu as suas casas.
        E a maior parte dos portugueses não tinham como pagar os seus empréstimos.Pelos vistos você não vive neste planeta para nãop conseguir entender esta simples realidade.O seu comentário mostra de uma forma antológica,a origem de muitos problemas económicos que o pais e o mundo vivem.Foi assim no subprime por exemplo. É uma mentalidade perdulária,irresponsável,hedonista.É a loucura!
        E eu não quero estar a passar dificuldades por causa de uns elefantes brancos que só servem para encher a pança a uns quantos patos-bravos.Quero ter a minha independencia,o meu dinheiro no meu bolso.E as autoestradas e os TGV não servem para coisa nenhuma.Prefiro mais exportação,mais emprego.
        Não RCAS,obrigado mas recuso assumir compromissos que ponham em causa a minha qualidade de vida e o meu bem-estar.Ao contrário de certas pessoas,ainda sou responsável e maduro.
        Temos que ter aquilo que podemos ter.
        Quer ter Tgv´s? Pague-os você então,não me ponha é a mim a pagar.Quer passar dificuldades passe,mas não me ponha a mim a passar!

        PS: Não quer pagar BPN? Vai pagar porque o seu querido Sócrates nacionalizou-o.

        Gostar

    • Tiradentes permalink
      10 Fevereiro, 2014 15:05

      e é repetitivo e insistente no erro….mesmo depois de ter sido corrigido nele (precisamente o mesmo) vários pots atrás, (além de outras calinadas)……
      Ó RR para ele entender direito… o governo de então “estavasse” cagando…..
      É por essas e por outras que ele não vos entende e …”prontessss” sois todos neoliberais

      Gostar

      • RCAS permalink
        10 Fevereiro, 2014 19:13

        O pavão vaidoso do “consultório dos horrores”, sempre na sua imensa prosápia, lança o anátema de “ignorante” ao infeliz do RCAS… depois fica todo ululante e contente e satisfeito da vida…

        aaah! RCAS, pelo menos deixas estes doutos da treta… felizes da vida …
        PORREIRO PÁ!!!

        Gostar

    • 10 Fevereiro, 2014 16:22

      Você não é aquela jornalista do Expresso que outro dia deu exactamente o mesmo erro?

      Gostar

    • Tiro ao Alvo permalink
      10 Fevereiro, 2014 18:41

      RCAS, a Parvalorem foi constituída com que objectivo? Quem lhe definiu a missão?

      Gostar

      • RCAS permalink
        10 Fevereiro, 2014 19:27

        Acabar com os activos tóxicos do BPN ou mais politicamente correcto:

        A PARVALOREM, S.A. tem por objetivo gerir, criteriosamente e com o sentido bem presente do “Interesse Público”, a carteira de créditos adquiridos no âmbito da privatização do BPN…

        Gostar

      • Tiro ao Alvo permalink
        10 Fevereiro, 2014 20:50

        RCAS, consulte o site da Palvalorem e não diga asneiras. Seja um bocadinho mais modesto.

        Gostar

    • Abre-latas permalink
      10 Fevereiro, 2014 21:46

      A frase é verdadeiramente biográfica do Sócrates:
      “Sócrates não vendeu, não decidiu nada, não soube de nada, não autorizou nada”.
      Ele é o expoente máximo da “geração mais bem preparada de sempre”!

      Gostar

    • colono permalink
      10 Fevereiro, 2014 21:53

      Camarada RCAS
      Fala baixo…
      O nosso camarada Zezito, não quis nem quer vender nada… Ele só compra, pá!
      E quando vai às compras no Freeport leva o nosso camarada Coelhones , pá , para o ajudar carregar os sacos…! É que a Cova da Beira fica longe…

      Chiu, não digas a ninguém, pá! caso contrario tiram-te o cartão de militante!

      Gostar

  6. JCA permalink
    10 Fevereiro, 2014 14:39

    .
    A nova teoria da conspiração …. disseram por aí nas caixas de comentários parece que do Expresso,
    .
    não sei se é verdade, que afinal os Miró’s não vieram do japonês etc e tal. Teriam vindo por uns emprestimos do BPN a um familiar do Aznar (da mesma familia politica do atual em poder cá) que deu como garantia os ditos tais Mirós. Deu o calote e os Mirós teriam ficado para o BPN. Acrescentam também que parece que durante 10 anos não podem ser vendidos por umas leis quaisquer, a menos que fossem despachados pela porta do cavalo.
    .
    Não afianço nem sou fiador desta teoria por não serem matérias da minhas profissoes. Mas lá que garantiram e tudo … lá isso é verdade.
    .
    Quem melhor saiba que se afoite para confirmar se sim ou não. E por aqui anda gente muito diplomada nestas matérias, e ainda bem.
    .

    Gostar

    • Tiradentes permalink
      10 Fevereiro, 2014 15:30

      E tudo isto sob as barbas do Constâncio, do Teixeirinha e do Pinto de Sousa. Assim como quando nacionalizaram deixaram de fora o accionista-mor que por pura coincidência lhe tinha “vendido” aqueles “apartements” na Castilho ………

      Gostar

      • 10 Fevereiro, 2014 19:17

        O Policia faltou ao seu trabalho é verdade sim senhora.Mas quem cometeu o crime foi o ladrão,não percamos isso de vista não

        Gostar

    • RCAS permalink
      10 Fevereiro, 2014 20:24

      Disse e disse muito bem! este pessoal é que anda todo a dormir… só porque sim!

      Gostar

  7. murphy permalink
    10 Fevereiro, 2014 14:44

    Quando sai a decisão do TC sobre o referendo à eventual co-adopção dos Mirós?…

    Gostar

  8. 10 Fevereiro, 2014 15:07

    E os restantes 5% foram estudar para a Escola de Artes da Bairrada?

    Gostar

  9. PiErre permalink
    10 Fevereiro, 2014 17:59

    Esta longa série do Blasfémias sobre os Mirós traz água no bico.
    Será apenas para desviar as atenções de outros impostos que nos vão ser impostos pelos impostores cá do rectângulo, ou tem outros objectivos?

    Gostar

    • RCAS permalink
      10 Fevereiro, 2014 22:26

      Aqui está uma interrogação inteligente!…

      Gostar

      • RCAS permalink
        10 Fevereiro, 2014 22:28

        Esta longa série do Blasfémias sobre os Mirós traz água no bico.
        Uma questão de “síndrome de Tourette”…

        Gostar

  10. 10 Fevereiro, 2014 18:37

    O filme é muito engraçado. 70×7 vezes melhor que o que Marcelo Rebelo de Sousa sugeriu, Rodrigo Moita de Deus realizou e não se sabe quem pagou (perguntei ao RMD no seu blogue mas não obtive resposta).

    Gostar

  11. Fincapé permalink
    10 Fevereiro, 2014 20:32

    Eu confesso que não entendi bem o filme. Faltam-lhe as legendas. 😉

    Gostar

    • vitorcunha permalink*
      10 Fevereiro, 2014 20:41

      Então? Já parece uma pessoa bruta de direita. Compreender é algo subjacente à esquerda.

      Gostar

      • Fincapé permalink
        10 Fevereiro, 2014 20:56

        A direita não é bruta em tudo, Vítor. Nalguns aspetos até é bem esperta. Sabe mais do que aquilo que eu lhe ensinei. 😉

        Gostar

Trackbacks

  1. Depilar ou não depilar: eis a manchete | BLASFÉMIAS

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: