Skip to content

E acaba-se a rica vidinha de todos e de todas num instante

31 Maio, 2016

Sindicatos da função pública defendem entrada em vigor das 35 horas para todos os trabalhadores
Só para os trabalhadores da função pública? Disparate! Injustiça. Vamos todos mas todos mesmo trabalhar 35 horas por semana, ter 25 dias de férias e já agora regermo-nos pelo acordo do Portod e Lisboa: promoções automáticas e não se admite mais ninguém que os direitos são para aqueles que cá estão.
Depois falamos mas é melhor começarmos a produzir batatas, couves e a construir capoeiras.

Anúncios
15 comentários leave one →
  1. 31 Maio, 2016 10:17

    A HMatos que não s’apoquente com a eventual decisão e consequências, porque há muita gente (funcionários públicos e no sector privado) que sendo eleitores do P”SD”, do PP e outros de “direita”, não se importam nadinha de passarem a trabalhar 35 horas.
    Manifestam-se hipocritamente “irados” ou convenientemente calados.
    Ironia sua, só pode ser, essa das capoeiras, couves e batatas.

    Gostar

    • Manuel permalink
      31 Maio, 2016 11:38

      Eu ainda acrescento que está na altura de cortar ou comprar a lenha para o inverno rigoroso que aí vem. Fica sempre bem uma metáfora.

      Gostar

      • 31 Maio, 2016 14:34

        Sem metáfora: não é necessária nenhuma lenha porque não vai haver “Inverno rigoroso”. O maralhal tem futebol, telenovelas, reality shows, cançonetas, concursos, vidas de “famosos” que o aquece durante 365 dias.

        Gostar

  2. LTR permalink
    31 Maio, 2016 10:23

    Em 1975 foi o liceu para todos 🙂

    Gostar

  3. ali kath permalink
    31 Maio, 2016 10:37

    podem ficar em casa e receber o ‘ordenhado’ pelo MB
    ‘o polvo é quem mais ordenha’

    Gostar

  4. Luís permalink
    31 Maio, 2016 10:38

    Convém não esquecer que a máquina já foi inventada…

    Gostar

  5. A.Silva permalink
    31 Maio, 2016 11:34

    Ai que saudades do tempo da escravatura, era tudo tão mais simples.

    Que gente mais reaccionária, o “futuro” a que aspiram está nas catacumbas da idade média.

    Gostar

  6. 31 Maio, 2016 11:59

    bom , lá que a consequência disso é os preços aumentarem upa upa , é. a entrada de novos trabalhadores terá de ser paga e bem pelo consumidor.

    Gostar

  7. 31 Maio, 2016 13:28

    Preferia que acabassem a hora de descanso obrigatória.
    Nos países produtivos, o funcionário tem direito a 20 minutos de descanso (para almoçar) que fazem parte do horário laboral.
    Aqui é obrigatório o funcionário tirar uma hora (ou duas caso o patrão queira alargar os horários de funcionamento) não paga para almoçar. Tentem ter só meia hora de almoço de forma legal ou 20 minutos pagos pela entidade patronal.

    40 horas de trabalho em portugal não é o mesmo que 40 horas na Alemanha/UK. Nine-to-five não é em portugal.

    Liked by 1 person

    • Luís permalink
      1 Junho, 2016 11:49

      Que interesse tem trabalhar mais numa empresa de baixo valor acrescentado e mal organizada?

      Gostar

  8. Emparedado permalink
    31 Maio, 2016 14:12

    35 horas; subtraia-se o tempo para cafés, lanches, vou ali um instantinho e já volto, face-book dos amigos, mostrar as fotos das “filhotas”, hoje tou toda ensonada, futebol a rodos, destinos para férias, roupas, sapatos e saldos, politica partidária, isto não se aguenta, doenças, sintomas e remédios, intriga fofoqueira, intriga avulsa, inveja, ciume e raiva. Tudo somado: 17 horas de trabalho por semana…
    Querem mais, querem?

    Gostar

  9. Zé Antonio permalink
    31 Maio, 2016 16:27

    Estes sindicatos estão cada vez mais longe na defesa dos trabalhadores,
    7 horas de trabalho por dia?
    estes sindicalistas acham que 17 horas chegam para uso próprio?
    Vejamos
    8 horas para dormir, 4 horas para comer (PA+A+J) , 2 horas para a sesta, 3 horas para ver TV (telenovelas e desporto) 1 hora para leitura, 1 hora para a caminhada, 1 hora para o petisco, 1 hora para conversar com os amigos, 1 hora para discutir política, 1 hora para o organizar as lutas sindicais, 1 hora para tomar banho. = 24H
    24+7 = 31 horas.
    Há qualquer coisa que não bate bem
    Recomende-se à AR para pedir ao Martelo que promulgue as 35 horas por dia sindicalista
    As 2 horas que sobram ficam para fazer coisas que aqui não pdem nem devem ser mencionadas.
    Está conforme à legislação da geringonça que funciona, mal, mas funciona, como diz o pai da vaca voadora

    Gostar

  10. Chopin permalink
    31 Maio, 2016 16:28

    35 horas só para a FP, claro.
    Quem já se lembra do ano longínquo de 2014 em que os juízes do TC chumbavam diplomas que “violavam o princípio da igualdade”?
    Passaram séculos entretanto e as coisas evoluíram.

    Gostar

  11. chipamanine permalink
    31 Maio, 2016 19:29

    E comprar iphones e tténis de marca para salgar que quando esta juventude irreverente que alimenta o o bBE se apercerceber que estes bens não são direitos adquiridos e capaz de começar a ficar importunada

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: