Saltar para o conteúdo

Empatia my ass

13 Fevereiro, 2020

O argumento da empatia é a coisa mais manhosa que se pode usar para defender a eutanásia. Em primeiro lugar, porque empatia têm as pessoas da esquerda, aquelas que nos amam a todos e querem tanto o nosso melhor que, por eles, nem haveria ensino ou medicina privada; adoram-nos de tal forma que sabem exactamente o que queremos, o que devemos querer e a forma como o conseguir. Em segundo lugar, porque a empatia existe num plano de conexão entre pessoas individuais. Eu sinto empatia pelo Zé, que sente empatia pelo Joaquim, que por sua vez acha que eu sou um idiota. Ninguém sente empatia por grupos, como em “este grupo de pessoas, coitadinhas, vítimas de um terramoto, um grupo tão distinto que incluía mães, crianças e três violadores, merecem toda a minha empatia”. Ora, o que a eutanásia de estado é é precisamente a falta de empatia: o velho quer morrer? – Manda-se para o médico, que tem a empatia obtida pelos cinco minutos necessários para o matar, tudo isso depois de passar pelo processo de avaliação do estado – esse ente tão empático – que, com a máxima empatia, ainda consegue avaliar a veracidade da vontade expressa (são velhos amigos, o velho e o estado).

Usem os argumentos certos. Digam antes assim: não vejo qualquer problema em envolver o estado na tragédia pessoal de uma pessoa se for para autorizar um funcionário para que este cometa homicídio. Porque o estado dar autorização para homicídios tem tudo para correr bem: afinal, o estado é o supra-sumo da empatia.

47 comentários leave one →
  1. Joao Boavida permalink
    13 Fevereiro, 2020 18:23

    Garantidos dois pressupostos:
    1 – condições de saúde do paciente cumprirem os requisitos para tal (bem definidos e restritos); e
    2 – as intenções do próprio de não continuar a viver nessas condições;
    que argumento ético e humano se sobrepõe a estes factos e á decisão do próprio?

    Gostar

    • 13 Fevereiro, 2020 18:27

      Nenhum. Não há qualquer argumento ético contra homicídios (mas só se…)

      Liked by 3 people

    • Carlos Rosa permalink
      13 Fevereiro, 2020 21:24

      Oh cetor, posso já vestir o velho antes de vomecê o matar?
      É que o meu gaiato faz anos e convinha-me sair mais cedo.

      Gostar

  2. Filipe Bastos permalink
    13 Fevereiro, 2020 18:35

    “…empatia têm as pessoas da esquerda, aquelas que nos amam a todos e querem tanto o nosso melhor que, por eles, nem haveria ensino ou medicina privada”

    E onde está a dúvida?

    A saúde não é um negócio; pretender o contrário é, mais que imoral, um retrocesso civilizacional. Veja-se os EUA, esse farol da direita: um ‘mercado’ obsceno explorado por seguradoras, farmacêuticas, hospitais privados, médicos mercenários e outros mamões.

    Sr. Cunha, sabe quanto gasta um diabético nos EUA em insulina, cuja patente foi vendida em 1922 por 1 dólar? Gasta 500 dólares por mês.

    Num dos países mais ricos do mundo, milhões sofrem e até morrem em função do dinheiro ou do seguro que têm. Não é por falta de capacidade ou de tecnologia; é pura ganância.

    Ensino privado ainda vá: mas sem subsídios públicos, e bem regulado para evitar a perpetuação de injustiças. Sim, injustiças. Ninguém escolhe onde nasce, nem a escola onde vai, nem o dinheiro dos papás.

    Gostar

    • Zé Manel Tonto permalink
      13 Fevereiro, 2020 19:16

      “Sr. Cunha, sabe quanto gasta um diabético nos EUA em insulina, cuja patente foi vendida em 1922 por 1 dólar? Gasta 500 dólares por mês.”

      E num sistema socializado toda a gente paga esses 500 dólares por mês. Ou acha que é de borla.

      ” e bem regulado para evitar a perpetuação de injustiças”

      Isso quer dizer o quê?

      Que os professores do privado ficam obrigados a fazer x greves por ano?

      Que tem que haver falta de funcionários e equipamentos, porque o virar de página da austeridade só chegou para as 35 horas?

      Liked by 1 person

      • Filipe Bastos permalink
        13 Fevereiro, 2020 21:58

        “E num sistema socializado toda a gente paga esses 500 dólares por mês.”

        Menos a margem da farmacêutica. Esqueceu-se, Zé Tonto?

        Quanto dos 500$ acha que é lucro para os offshores desses mamões? Ou melhor: quanto acha que não é?

        “Ou acha que é de borla.”

        Muito coisa neste mundo é de borla, Zé Tonto, a começar pela estupidez.

        A insulina não será; mas faz parte da civilização pagarmos para haver certas coisas: estradas, escolas, hospitais, e sim, insulina para quem precisa.

        “Isso quer dizer o quê?”

        Que não há mérito em nascer-se rico. Que as escolas devem ser tão boas e tão iguais quanto possível. Todas as escolas, Zé Tonto.

        Gostar

      • Zé Manel Tonto permalink
        13 Fevereiro, 2020 22:57

        “Menos a margem da farmacêutica. Esqueceu-se, Zé Tonto?”

        Trabalham de borla…

        “faz parte da civilização pagarmos para haver certas coisas: estradas, escolas, hospitais, e sim, insulina para quem precisa.”

        Há civilização há milhares de anos. Insulina nem tanto.

        “Que as escolas devem ser tão boas e tão iguais quanto possível. Todas as escolas”

        Só proibindo o ensino privado consegue isso, mas não me admira que esteja nos seus planos.

        Liked by 1 person

    • FreakOnALeash permalink
      14 Fevereiro, 2020 12:21

      O SNS é o que distingue animais de uma civilização…por muito a favor da liberdade que seja, jamais abrirei mão do Nosso SNS, que apesar dos maus tratos dos governos é 1001 vezes melhor que a selvajaria americana, e admiro Trump mas os USA é, no mínimo, um país de imbecis que acha que pagar impostos para um sistema universal de saúde é comunismo e não apenas humanismo.
      Se há algo que nunca deva ser um negócio é a saúde. Agora que o Nosso estado controla coisas onde nunca deveria ter a mão lá isso controla…fiscalizar e regular sim, sempre e mais sff,…pagar impostos para TAP não, obrigado.

      Gostar

      • Zé Manel Tonto permalink
        14 Fevereiro, 2020 17:08

        “por muito a favor da liberdade que seja, jamais abrirei mão do Nosso SNS”

        Por muito a favor da liberdade que seja, jamais abrirei mão de um sistema que cobra quantidades parvas de impostos a quem produz para entregar a quem não produz.

        Corrigido de borla, não tem que agradecer.

        Gostar

      • Duarte de Aviz permalink
        15 Fevereiro, 2020 19:48

        Para alem dos filmes da Disney, que mais eh que voce conehce dos US?

        Gostar

  3. Oscar Maximo permalink
    13 Fevereiro, 2020 18:39

    É também pelas razões expostas, que, na altura certa, quero ser morto por um amigo, qual médico, qual Estado, qual quê.

    Gostar

    • The Mole permalink
      13 Fevereiro, 2020 18:52

      Com amigos desses, quem é que precisa de inimigos?…

      Gostar

  4. 13 Fevereiro, 2020 18:51

    Um pouco menos com a histeria hiperbólica e a má fé sofista argumentativa , senhor vitor. Pois também é pouco “ético”.
    O termo homicídio é um conceito jurídico e determinado pelo estado.
    Caso contrário poderiamos por exemplo afirmar que os Estados que têm pena de morte e a aplicam cometem “homicidios”.

    Gostar

    • 13 Fevereiro, 2020 19:05

      Está bem: execução por carrasco. Contente?

      Liked by 3 people

    • 13 Fevereiro, 2020 19:19

      Ouvi dizer que era isso que a “esganiçada” Catarina Martins chamava em 2012 àqueles que estavam no governo na altura, de que ela acusava de quererem “destruir o SNS”. É bom saber que o vitor está a seguir-lhe as pisadas.

      Gostar

      • 13 Fevereiro, 2020 19:21

        Atenção, eu defendo até à morte a sua liberdade de enfiar a cabeça no cu.

        Liked by 2 people

      • 13 Fevereiro, 2020 19:47

        Eu gostava de lhe retorquir a amabilidade das suas palavras senhor vitor. Mas infelizmente receio que o senhor vitor me aplique os mesmos honestos procedimentos de exclusão, que o facebook lhe aplica a si, e de que o senhor faz tanta questão aqui de os enaltecer .

        Gostar

      • 13 Fevereiro, 2020 19:48

        Mas não o faz por empatia.

        Liked by 2 people

  5. 13 Fevereiro, 2020 19:01

    “Porque o estado dar autorização para homicídios tem tudo para correr bem”

    Isso já existe senhor Vitor. Chama-se aplicação da lei. E é por isso que há os agentes que têm a autoridade para a forçar, e usam armas mortais como pistolas para em ultima instância a aplicar. E mais uma vez só é homicídio aquilo que o estado determinar juridicamente como tal.

    Gostar

    • 13 Fevereiro, 2020 19:05

      Boa ideia! Deixem os médicos em paz. Usem polícias.

      Liked by 1 person

    • 13 Fevereiro, 2020 19:13

      Se isso já o deixar descansado para dormir à noite.

      Gostar

      • 13 Fevereiro, 2020 19:15

        Descansaria mais quando decidisse usufruir do novo direito que lhe vão dar.

        Liked by 1 person

      • 13 Fevereiro, 2020 19:46

        Você equipara velhos a criminosos. Doentes a agressores. O senhor é um completo imbecil.

        Liked by 2 people

      • 13 Fevereiro, 2020 19:51

        É algo que não vou ter acesso de usufruir se você continuar assim desse modo, a querer usar as “boas intenções” do estado para proibir por todos os meios tal novo “direito” de que fala.

        Gostar

      • 13 Fevereiro, 2020 19:52

        Mas não seja por isso: concedo-lhe já a sua eutanásia virtual. É para avançar? Não, espere: eu sou o estado disto. Eu decido.

        Liked by 1 person

      • 13 Fevereiro, 2020 19:58

        Vejo que já adoptou as boas práticas honestas do facebook…

        Gostar

      • 14 Fevereiro, 2020 11:39

        “Você equipara velhos a criminosos. Doentes a agressores. O senhor é um completo imbecil.”

        Eu ainda pensei que o senhor vitor se tivesse enganado no destinatário da sua resposta. Mas vejo que não.
        Assim estou convencido que dado a incapacidade de o senhor vitor de interpretar e contextualizar um texto, + o formato da sua carinha, assim como os seus ataques de histeria spergiana. Que o senhor sofre do mesmo sindroma da greta thunberg. E quando adicionado ao complexo napoleónico de que padece. Percebe-se pois a facilidade de consciencia com que aplica no seu palheiro a “eutanásia virtual”, enquanto depois choraminga quando o grande palheiro do facebook lhe aplica os mesmos critérios.

        Gostar

  6. 13 Fevereiro, 2020 19:19

    É isso mesmo. Empatia delegada nem quem tem por função e juramento tratar e salvar vidas é uma empatia excelente para os poltões que se aliviam assim de encargos monetários de orçamento.

    Os outros são os imbecis que adoram floreados de cartilha ideológica apenas porque a decoraram e têm muito respeitinho pela ortodoxia doutrinária.

    Liked by 1 person

  7. 13 Fevereiro, 2020 19:19

    poltrões

    Gostar

  8. 13 Fevereiro, 2020 19:21

    A propósito, VC. enviei agora mesmo um email para v.s por causa de uns comentários que pedi para serem retidos no Exageros” do JCD.

    Basta apenas editarem e colocarem o meu nick porque o resto foi estupidez que nem dei conta, pois tinha login insttucional e era bem chato.

    Gostar

    • 13 Fevereiro, 2020 19:34

      Mande para mim, Zazie. Esse e-mail pode nem estar a ser verificado. Quando estiver em casa trato disso. Se não tiver o meu e-mail eu envio-lhe um.

      Gostar

      • 13 Fevereiro, 2020 20:22

        Eu perdi o que escrevi.

        Foi escrito na caixa de comentários do texto do JCD- exageros.

        Posso repetir tudo mas dá um tanto trabalho.
        O comentário ficou logo retido precisamente por causa da estupidez do login.

        E ainda bem… ehehehe
        Não convinha nada que fosse publicado com aquele “nome de ususuário” ou lá como lhe chamam em brasileiro.

        Quero eu dizer que enviei email a pedir para editarem o comentário/s que escrevi ainda que não tenha sido o meu nick que estava lá.

        Está retido e pode ser publicado desde que em meu nome, porque é comentário meu.

        Agradecida

        Gostar

      • 13 Fevereiro, 2020 20:25

        De todo o modo obrigada.

        No email eu apenas pedia o que acabo de pedir aqui.
        Está retido 1 ou 2 comentários meus e podem enviar-me de volta ou editarem o nome do autor e colocarem o meu.

        É óbvio demais que só podia ser meu mas o que lá aparece é uma instituição, dada a estupidez de estar ligada a caixa de correio dessa instituição e não a minha.
        Foi à pressa e só quando apareceu retido na janela é que vi a parvoeira que tinha feito.

        Gostar

      • 13 Fevereiro, 2020 21:29

        Está resolvido.

        Liked by 1 person

      • 13 Fevereiro, 2020 22:45

        Obrigada

        Gostar

    • Filipe Bastos permalink
      13 Fevereiro, 2020 22:57

      Zazie, parece-me que o Vítor resolveu o nick, mas o (gr)avatar ainda identifica a tal instituição. Veja por si.

      Gostar

  9. 13 Fevereiro, 2020 19:27

    Só defendo a eutanásia se for fuzilamento no “Paredon” oficial, bem limpo e desinfectado de virus.

    Gostar

  10. LDM permalink
    13 Fevereiro, 2020 19:40

    Acostumem-se, hoje a eutanásia, amanhã,(quero dizer, quando formos velhinhos), a morte obrigatória quando começarmos a usar fralda… (usar fralda não é viver uma vida digna).

    Liked by 2 people

  11. Leunam permalink
    13 Fevereiro, 2020 20:16

    Tanta celeuma por causa da eutanásia.
    Não se preocupem.
    Mais de 30% das mortes nos hospitais são obtidas por infecções contraídas nos próprios hospitais.
    Basta que, por lá, a assepsia continue como está.

    Gostar

  12. 13 Fevereiro, 2020 22:42

    “com a máxima empatia, ainda consegue avaliar a veracidade da vontade expressa (são velhos amigos, o velho e o estado)”

    Pois é mesmo com essa máxima empatia que cheguei a ouvir médica em urgência de S. José, dizer que a tadinha da minha tia que estava com uma crise de herpes interno (só muito mais tarde outra médica bem perspicaz, percebeu que era isso), a dizer que era fita.

    “Os velhos fazem fitas. Se ela tem alzheimer é próprio do alzheimer gritarem.
    E eu a dizer à besta empática e bruxa que tratasse de mandar fazer exames para se perceber se era otite ou se tinha a ver com o muco que se notava num dos olhos.

    E a cretina a baldar-se. Às tantas, com ar de enfado perante a aflição da velhinha, pergunta-me como é que eu podia saber que eram dores se ela não falava.

    E aí fiquei cool e respondi-lhe à letra- Doutora- os bebés também não falam e é suposto até uma analfabeta distinguir um choro de uma dor muito grande.

    E os animais também. Só que esses até têm partido na Assembleia para os defender e os velhos não. Se a senhora se comportasse assim com um cão, ainda arriscava chamar-se a polícia e ser acusada de violência animal.

    ehehe

    A imbecil não se esqueceu e a historieta teve segundo desenvolvimento mais de um ano depois.
    Calhou-me a mim ter de ir a urgência. E depois internaram-me, ainda que eu tivesse percebido que o problema a existir já tinha sido antes mas sem filta iam esperar que tivesse daqueles avcs fatais que resolvem logo o gasto com ressonâncias.

    Na manhã seguinte aparece-me no quarto a estúpida da violência animal. Tinha-me sido atribuída.
    E a cabra olha e diz- acho que a conheço, que já nos conhecemos de algum lado…

    E eu, esqueça, esqueça, há-de ter sido engano
    ahahahaha

    Mas ela percebeu e baixou a bolinha porque eu controlei as imbecilidades que também se preparava para fazer comigo.

    Liked by 1 person

  13. 13 Fevereiro, 2020 22:44

    Já me voltei a cruzar com a da “violência animal”. Gramava saber que médicos é que estão a favor desta chacina de papel passado e credencial científica.

    Liked by 1 person

  14. Procópio permalink
    13 Fevereiro, 2020 22:46

    O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, disse esta quinta-feira “não” por duas vezes, contra o referendo e a eutanásia, ou morte assistida, que estará em debate dentro de uma semana no Parlamento, e fez um apelo: “Não matem.”

    Gostar

  15. Zé Manel Tonto permalink
    14 Fevereiro, 2020 17:12

    O aborto também era para ser de forma segura e em casos excepcionais, e a partir do momento em que foi permitido é uma bola de neve montanha abaixo.

    Nunca se deve dar ao Estado um centímetro que seja. Assim que passarem a lei da eutanásia o conceito de “vida digna” vai passar a ser elástico.

    Quem se quiser matar que o faça, mas sem o Estado metido ao barulho.

    Gostar

  16. 14 Fevereiro, 2020 21:59

    Vitor Cunha:
    Acerca daquilo que lhe pedi, agradecia que apagasse tudo antes que haja chatice…

    Gostar

  17. JMS permalink
    14 Fevereiro, 2020 22:13

    O meu enorme problema não é o sim ou o não.

    É a maneira prepotente, socialista, esquerdista, a que estamos sujeitos em qualquer assunto “fracturante”, como soi dizer-se.

    Acho incrível a forma bovina como a “sociedade” portuguesa reage a um assunto destes.

    Eu sei que há cerca de 40 anos andamos a ser direccionados neste caminho. A ideia é esvaziar-nos de qualquer sentido crítico, esquecermo-nos que temos o direito a escrutinar. O processo está invertido em Portugal. Nos melhores países europeus os governos existem para servir a população. Em Portugal, a população serve para servir o governo. Está tudo errado, como é óbvio. Como somos um país de “distraídos”, fazem de nós o que querem. Ajudados pela maior vigarice, pelos maiores “fake news makers”: a própria da “comunicação social”, esse lixo global. Se o problema fosse só cá…

    Portanto, a eutanásia vai passar, sem espinhas, dado o estado de imbecilidade, estupidificação, infantilização da “sociedade” portuguesa e tudo o que de pior possamos imaginar. Não nos esqueçamos, é um processo com, pelo menos 40 anos. Para nos livrarmos desta merda vão ser precisos outros tantos…

    País de…

    Gostar

    • JMS permalink
      14 Fevereiro, 2020 22:20

      O que me chateia é que não vou durar mais 40 anos.

      Até me podem evitar, legalmente, essa chatice. 😀

      Gostar

Deixe uma Resposta para Procópio Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: