Saltar para o conteúdo

Educação para a denúncia: transformar cada criança num vigilante da família

3 Setembro, 2020

Entre os diversos exercícios propostas para as aulas de cidadania contam-se vários em que as crianças detalham o que acontece em casa, como se organiza a família, os seus tempos livres e de trabalho. Em seguida é suposto debater-se o modelo familiar…

O que está em causa não é apenas uma questão de proselitismo e da Educação para a Cidadania ser uma Religião e Moral Maçonico-Progressista. As aulas  de Educação para a Cidadania podem fazer da cada criança um vigilante da doutrina estatal nas suas casas.

24 comentários leave one →
  1. lucklucky permalink
    3 Setembro, 2020 19:11

    A denuncia é táctica habitual no Marxismo.
    É ainda bom recordar que a família é considerada pelos Marxistas como um obstáculo à “igualdade”

    Liked by 1 person

  2. Leunam permalink
    3 Setembro, 2020 19:21

    Que me lembre, NUNCA no Ensino Oficial do Estado Novo, que frequentei em todos os níveis, jamais me fizeram qualquer pergunta oficial ou privadamente do que em casa da minha Família se fazia ou deixava de fazer; se meus pais eram ricos ou pobres se trabalhavam ou dormiam, se eram católicos, protestantes ou ateus, se usavam cuecas, ceroulas ou nada… e também não recordo nenhum episódio em que isso tivesse acontecido com os meus colegas e que eles me tivessem contado.

    Portugueses:

    NÃO SE MEXAM, NÃO!

    Qualquer dia são obrigados a partilhar o vosso apartamento com mais uma ou duas famílias, verem a correspondência violada e os vossos filhos ESCRAVIZADOS.
    O perigo está à porta.
    Leiam:

    “Os Russos”, de Hedrick Smith (Prémio Pulitzer), Publicações Europa – América

    Liked by 1 person

    • Amora de Bruegas permalink
      3 Setembro, 2020 22:45

      Muito bem observado! Também fui aluno durante o período do Estado Novo e nunca me fizeram tal interrogatório. Aliás, seria considerado má-educação.

      Gostar

  3. 3 Setembro, 2020 19:29

    file:///C:/Users/HP/Downloads/IDEF_2010_2011_b.pdf

    Gostar

  4. grangeio permalink
    3 Setembro, 2020 19:55

    Aqui está um assunto sobre o qual se esperava que o tonto do Presidente se pronunciasse, mas, pelos vistos, não pode falar sobre assuntos polémicos, não é bom para a popularidade. Este sistema está doente, não serve os interesses do país, alguma coisa está profundamente errada. Salazar foi o último político a pôr os interesses do país à frente dos interesses pessoais e de grupo.

    Gostar

  5. voza0db permalink
    3 Setembro, 2020 20:14

    PIDE – Programa Infantil para a Defesa do Estado

    Continuem a VOTAR EM SALÁFRIOS E CORRUPTOS e depois continuem a queixarem-se nas tascas do século XXI… blogues e redes sociais!

    Gostar

  6. EMS permalink
    3 Setembro, 2020 21:19

    É curioso que o livro é de 2012. Época em que o nosso pais estava nas mãos dos sinistros marxistas culturais Gramscianos Pedro Passos Coelho, Paulo Portas e Aníbal Cavaco Silva.

    Gostar

    • chipamanine permalink
      3 Setembro, 2020 22:17

      sim depois de 18 anos de socialismo em 25 e com a falência do estado curiosamente também socialista ….curioso não é? No tempo exactamente em que o Passolas de Massamá teve de governar sem dinheiro para mandar tocar um cego e sob o chicote financeiro acordado pelos socialistas e a troyka. Era mesmo tempo de trocar livros. A curiosidade até mata esses “raciocínios”

      Gostar

      • EMS permalink
        3 Setembro, 2020 22:25

        Podia ter abolido as aulas de cidadania com a justificação de precisar de poupar uns trocos.

        Liked by 1 person

      • chipamanine permalink
        3 Setembro, 2020 22:59

        Podia mas o Mario Nojeira nao deixaria como vcs bem sabe . Mas isso não não muda o facto da “inducação” socialista durante 18 anos nem pelo facto do livro ser daquele ano ser do tempo do Passolas. Muito menos diminui que a responsabilidade da falência e das amarras da troyka terem sido importação socialista só porque o tal livro foi publicado no ano em que vc quer fazer crer que era da responsabilidade do governante da altura. Essa argumentação dialectico-progressita que gosta de raciocínios de um só sentido usando só um hemisfério do cérebro quando convém e porque lhe convém …é o eterno engana-tolos populista da esquerdopatia

        Gostar

  7. A. R permalink
    3 Setembro, 2020 22:26

    A táctica era usada pelos comunistas nas Escolas da Ucrânia, durante o holodomor, para descobrirem possíveis mantimentos que tivessem sido escondidos pelos pais para sobreviverem.

    Gostar

    • chipamanine permalink
      3 Setembro, 2020 23:03

      Na África foram usadas as crianças “revolucionárias” (doutrinadas) na cidadania progressista para denunciar os “mais velhos” . Nada de novo, apenas nuances dialectico-progressitas pois todos os meios justificam os fins de alcançarmos os amanhas que cantam e onde o sol brilha mais alto.

      Gostar

  8. Saloio permalink
    3 Setembro, 2020 23:50

    Um dia ainda teremos também um herói como o Pavlik, https://pt.wikipedia.org/wiki/Pavlik_Morozov

    Gostar

  9. 4 Setembro, 2020 00:15

    Ou seja, estão a perguntar o que é que os pais faziam quando eram crianças – não me parece uma grande devassa da vida privada.

    Liked by 1 person

  10. 4 Setembro, 2020 00:20

    Se a Helena Matos soubesse o exercício que o nosso professor de economia nos mandou fazer no 10º ano (perguntar às nossas mães quantas horas por semana gastavam na lida da casa e depois multiplicar pelo salário/hora de uma mulher a dias para ver quanto dava)…

    Liked by 1 person

  11. marão permalink
    4 Setembro, 2020 07:43

    “‘Os fascistas do futuro chamarão a si mesmos de antifascistas’, Winston Churchill”

    Gostar

  12. FreakOnALeash permalink
    4 Setembro, 2020 08:57

    A única forma de equilibrar a balança é no dia que tiver prole em idade escolar e Educação para a Cidadania for obrigatório eu inscrevo a prole em Religião e Moral para que lhe dêem o contraditório!

    Off topic. Leiam a úlmtima de João de Almeida Dias no Observador

    https://observador.pt/especiais/kenosha-pode-ter-sido-um-ponto-de-viragem-nas-eleicoes-dos-eua-resta-saber-para-onde/

    Eu sugiro utilizarem a extensão tranquility no firefox.
    Assim que eu li o que ele escreveu sobre Kyle Rittenhouse desisti de ler o resto…é execrável a manipulação. E cito da “notícia”: “(…)Kyle Rittenhouse, de 17 anos, que na noite de 25 de agosto, matou dois manifestantes(…)” e “(…) Houve ainda duas mortes — ambas imputadas a Kyle Rittenhouse, jovem de 17 anos e membro de uma milícia de extrema-direita (…)”.

    Shame!

    Gostar

  13. Luís Lavoura permalink
    4 Setembro, 2020 09:45

    Aquilo que ilustra este post não é nada a perguntar o que acontece em casa. É a perguntar aquilo que os pais faziam quando eram jovens, ou seja, há uns 30 anos.

    Liked by 2 people

  14. Filipe permalink
    4 Setembro, 2020 10:45

    Então e os alunos que têm 2 pais ou 2 mães? São discriminados nas aulas de cidadania?

    Liked by 1 person

  15. Jorge Couto permalink
    4 Setembro, 2020 12:37

    Querem as crianças sejam como o Pavel Morozov do stalinismo!!!

    Gostar

  16. Lino permalink
    4 Setembro, 2020 22:59

    Esse lamentável “guia” de educação tem 11 autores, das quais só um parece ser homem. Se a comissão para a igualdade de género não é androfóbica, gosta de parecer.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: