Saltar para o conteúdo

“É precipitado falar de rota”, diz Governo.

16 Setembro, 2020
«Vinte e oito migrantes foram detetados a desembarcar na ilha Deserta, situada na ria Formosa (Algarve) ao início da tarde desta terça-feira (15 de setembro). De acordo com as informações recolhidas pelo DN, o grupo, cuja nacionalidade ainda não foi confirmada, está a ser acompanhado por elementos da Polícia Marítima, da GNR e do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). De acordo com as informações da Polícia Marítima o grupo é constituído por 24 homens, três mulheres (uma delas grávida) e uma criança.  »
Também acho que “É precipitado falar de rota”. Eu diria que saíram de casa para ir às compras e se trocaram na sinalização.
19 comentários leave one →
  1. Expatriado permalink
    16 Setembro, 2020 15:31

    É. Estava um vento muito forte de Sul nas velas…

    Liked by 2 people

  2. 16 Setembro, 2020 15:35

    Claro que é precipitado! O Cabrita já lá mandou pôr um cais de acostagem, um posto de recepção com cabazes de Natal (sem porco e só com sumos, nada de álcool) e um palco para o Tordo cantar as boas vindas, mas está tudo atrasado (como de costume). Só depois disso é que se poderá falar em rota. Até lá foi gente que se precipitou. Uns quantos apressados…

    Liked by 3 people

  3. Expatriado permalink
    16 Setembro, 2020 15:41

    Os marroquinos que chegaram de barquito ao Algarve em junho e que estavam detidos foram libertados por o prazo ter esgotado. Saíram para junto da população geral sem, pelo menos, estarem obrigados a se apresentarem á polícia regularmente. O Cabrito diz que isso é normal.

    E ninguém se revolta?

    Liked by 4 people

    • 17 Setembro, 2020 01:14

      Faz parte do “velho normal”.
      Para além disso, a capacidade de indignação do povo Português há já muito que está esgotada.

      Liked by 2 people

      • Ausente52 permalink
        17 Setembro, 2020 08:24

        esgotada?…. Acredito antes que esteja anémica.

        Gostar

  4. Artista Português permalink
    16 Setembro, 2020 15:42

    Se calhar enganaram-se no vaporetto…

    Liked by 1 person

  5. Maria José Melo permalink
    16 Setembro, 2020 15:52

    É inaceitável!
    E hoje libertaram um grupo que chegou da mesma forma, que estava detido desde Junho, sem documentos de identificação. A explicação é que foi ultrapassado o prazo previsto na lei para a execução da ordem judicial de expulsão. Isto porque as autoridades de Marrocos não emitiram os documentos de identificação necessários para cumprir a decisão do tribunal.
    Então, agora vai andar por aí um grupo, sem documentos, a fazer o quê?
    Isto não é um Estado soberano e de direito.
    Quero o meu país de volta! Portugal!!!

    Liked by 6 people

    • 16 Setembro, 2020 16:16

      Por isto é que o Algarve se está a transformar no términus de uma rota de migração que irá aumentar muito rápidamente de frequência de desembarques e de quantidade de pessoas envolvidas.
      Só por um grande desconhecimento sobre a natureza humana e muita ingenuidade é que há quem não perceba esta evidência !

      Liked by 2 people

    • chipamanine permalink
      16 Setembro, 2020 16:36

      Eles sabem o que fazem……não é inaceitável, foi e é assim que os tugas engoliram tanto as leis do processo penal como as leis da imigração beneficiando sempre os infractores, por conta das anti-xenofobias, dos humanitarismos e outras pollitiquices “correctas”.
      Calaram-se e deixaram passar e agora reclamam? já vai tarde.
      Dentro em breve , já vão ver , só vão chegar “crianças” sem documentos dizendo ter 16/17 anos para não serem deportadas, mas podem ter mais de 20 ou 30 mas isso não importa.
      Estiveram calados este tempo todo?
      Aguentem

      Liked by 5 people

  6. 16 Setembro, 2020 16:36

    Este Cabrita é um inepto formidável. Deve ser essa a única qualidade que o Costa lhe vê para o manter no chamado ‘Governo’ que nos oferece…

    Liked by 3 people

    • jppch permalink
      16 Setembro, 2020 16:59

      Era o imbecil do Cabrita, fornecer-lhes no cais umas litradas de tinto, umas febras, uns presuntos e uns coiratos, com banda de música e uma recepção a condizer, mais umas aguardentes de medronho como digestivo… tudo financiado pelo Estado Xuxalista e acabava-se a rota em três tempos…

      Liked by 2 people

  7. 16 Setembro, 2020 17:15

    Esta canalha apascentada pelo Estado, sempre está disposta a apascentar mais uns tantos, venham eles de onde vierem.
    Dão-se ares de bonzinhos enquanto deixam para a Autoridade Tributaria o papel de fornecer o pasto à custa dos pagantes, que sempre têm por reaccionários por não lhes aplaudirem a p* das bondades!

    Liked by 2 people

  8. Prova Indirecta permalink
    16 Setembro, 2020 18:56

    O inverno está a chegar , deixai-os poisar .

    Gostar

  9. Zé Manel Tonto permalink
    16 Setembro, 2020 20:04

    24 homens. Não disseram idades, mas já todos vimos fotos desses barcos de imigrantes ilegais, sabemos que nenhum tem mais de 35 anos.
    3 mulheres, uma delas grávida. Sortuda, já tem garantia de nunca ser deportada. Uma criança.

    Mas isto são refugiados. Podem crer! São os engenheiros e médicos que vêm de África para pagar as reformas dos Portugueses, porque os Portugueses jovens estão a por-se a andar da parvónia.

    Estrangeiros que não se querem assimilhar, a entrar aos milhares, e a estabelecerem os seus cantinhos dentro de portas. Isto por volta do ano 400 não correu bem, mas desta vez os bárbaros vão ser integrados. Certinho!

    Gostar

  10. 16 Setembro, 2020 20:50

    Eu só gostava que me explicassem como é que sabem que estes “migrantes” não pertencem ao ISIS, se não trazem qualquer documento identificativo !
    E os que foram libertados ? Vão andar por aí sem identificação ? Ou será que foram registados como filhos do Kosta ?

    Liked by 1 person

    • Zé Manel Tonto permalink
      16 Setembro, 2020 21:20

      Ora, ora, Velho…
      Suspeitar de imigrantes ilegais é racismo, islamofobia, e outras coisas muito feias…

      Acha que o Costa é desse grupo de malvados? O nosso Querido Líder está ocupado a salvar-nos do covid, isso é que é importante.

      Liked by 3 people

  11. Weltenbummler permalink
    16 Setembro, 2020 21:22

    Algarve imune
    A pequena cidade La Línea de la Concepción, que liga Espanha a Gibraltar foi durante as últimas duas décadas o maior ponto de entrada de haxixe, tabaco de contrabando e, mais recentemente cocaína, em Espanha e para o resto da Europa. Durante anos o Governo espanhol e a Junta Regional de Andaluzia pouco ou nada fizeram para controlar o tráfico de estupefacientes originários do Norte de África …
    Nos últimos anos a rede de cocaína proveniente de países do Norte da América do Sul é introduzida em África através do Senegal via marítima seguindo por terra até Marrocos onde utiliza os meios sofisticados entretanto montados pelas redes marroquinas e espanholas de tráfico de haxixe e tabaco. Estas redes e meio sofisticados estão também a ser utilizados para tráfico humano servindo como mais uma variante de fazer dinheiro fácil utilizando recursos já existentes e que estão a tornar-se num verdadeiro quebra-cabeças para os líderes políticos europeus. O tráfico de refugiados é a nova droga destas redes. Tudo serve para fazer dinheiro através das lanchas rápidas de borracha
    https://casadasaranhas.com/2020/09/11/l

    Liked by 1 person

    • Alex.soares permalink
      16 Setembro, 2020 23:53

      … países do norte da América do Sul… fds estou convencido. Vou comprar um canhão sem recuo,, calibre 12, ou +-, daqueles que funcionam a pólvora da antiga, da boa.
      CHEGA.

      Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: