Saltar para o conteúdo

Da apatia

14 Março, 2021

O Blasfémias tem um novo autor entre as suas hostes e por isso lhe dou as boas-vindas à boa e velha maneira deste Blog, dizendo-lhe que me revejo pouco naquilo que ele escreveu no seu post inicial.

Isto porque no segundo parágrafo o Ricardo Luz escreve que “o movimento liberal”, hoje, “encontra representação na política” destacando como exemplo o “Iniciativa Liberal”.

Ora, neste blog há militantes do CDS, PSD, Chega e, creio, do Iniciativa Liberal. Sei que há abstencionistas convictos, autores sem filiação ou simpatias partidárias especiais. Basta esta casa portanto (prefiro “casa” a “loja”) para se perceber que não há nem *um* nem *o* movimento liberal, nem sequer uma orientação partidária preponderante.

Por mim falo: não só não me sinto representado na IL, como continuo a considerar a sua existência um oxímoro e dificilmente me verei representado por algum partido do nosso espectro político. Não por caprichos doutrinários ou entrega a um mantra de pureza ideológica, mas porque entendo sobretudo o liberalismo como uma atitude filosófica e um modo de vida individuais, numa saudável distância dos partidos.

Acresce ainda dizer sobre o Iniciativa Liberal que, sendo justo reconhecer que votou contra quase todas as declarações do “estado de emergência”, sobre a maior a mais séria ameaça à Liberdade das últimas décadas, as suas posições públicas ou foram alinhadas com a generalidade da narrativa dominante ou traduziram-se em frouxas críticas ao que foi sendo decidido. Pior ainda, recentemente, verifiquei que a IL subscreve a alarvidade dos testes em massa e generalizados ao SCov2 assim como a obrigatoriedade do uso de máscaras nas escolas.

Para combater a apatia, fui hoje do Porto a Ponte de Lima.

5 comentários leave one →
  1. pmanuelp37 permalink
    14 Março, 2021 18:32

    A IL e os liberais nem me irritam nem me entusiasmam. Não sei se é só a mim, mas pelo que oiço e vejo parece-me que há mais como eu. Sem irritar e sem entusiasmar não lhes vejo grande futuro. Mas isso sou eu.

    Gostar

  2. JMS permalink
    14 Março, 2021 19:53

    Excelente post com o qual me identifico plenamente.

    Todos os fins de semana me desloco entre concelhos (3) e, nestes tempos de ditadura, tenho um prazer redobrado.

    A minha “questão” com a IL foi o seu começo. Um partido novo, “liberal”, ter ido pedir autorização a um néscio (Vasco Lourenço) para desfilar na Av da Liberdade num 25/4, deixou-me completamente de “pé atrás”. Um partido que começou com um facebook de alguem do PS, também não abona muito em seu favor. A prestação de Carlos Guimarães Pinto, enquanto lider da IL, também não me agradou de sobremaneira. Aliás, depois de anos anos a ler os seus escritos, senti-me desiludido com as atitudes dele quando foi chamado para a “cabeça do touro”.

    João Cotrim de Figueiredo foi (e continuo a achar que é) uma lufada de ar fresco. Num partido tão novo, não é grande coisa ter 3 líderes num tão curto espaço de tempo. Pelo menos, tem um discurso mais incisivo.

    Depois de décadas a votar PSD, fiquei órfão de voto no dia em que Passos Coelho anunciou que não se recanditaria a presidente do PSD. O meu voto no PSD sempre foi votar num mal menor, entenda-se.

    Para ser honesto, o único voto que pode valer alguma coisa, hoje em dia, para combater as falinhas mansas do costume e mentalidade socialista que, paulatinamente vai destruindo moral, social e economicamente o nosso país, é o voto no Chega. Não se preocupem porque não estamos na República de Weimar. Sei que parece mas não estamos. E os tempos são outros.

    O maior câncro que mina o país não são os que votam à esquerda. São os idiotas que ficam no sofá em dias de eleições.

    Deixem a mentalidade do séc XIX e ponham as eleições a um dia de semana, como fazem os países visceralmente não socialistas.

    Onde se vive incomparavelmente melhor.

    Liked by 1 person

  3. 14 Março, 2021 23:43

    Os “routos” da il deram à costa, agora andam aqui aos beijinhos…nunca me enganaram!

    Gostar

  4. 15 Março, 2021 07:19

    … todos os partidos (sérios) deveriam ter uma ala, uma tendência liberal. Haver um partido só para isso é muito redutor.

    Gostar

  5. voza0db permalink
    15 Março, 2021 21:00

    Este novo gangue de salafrários “Iniciativa Liberal” apenas demonstrou logo no arranca da Chacina Presidencial (despoletada por Obediência Serviçal aos Bilionários e SFD) que não passam de cobardes, pois MAIOR COBARDIA não existe nesta FARSA de “democracia” que se ABSTER quando a situação IMPÕE CORAGEM PARA VOTAR CONTRA!

    Vão-se todos atirar da Ponte Salazar…

    Gostar

Deixe uma Resposta para ctrocado Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: