Saltar para o conteúdo

3×30 – Tudo tranquilo na frente ocidental

18 Abril, 2021

Apesar da propaganda inflamada dos media da corte que isolam Ventura como o ditador sanguinário em potência, aquele que trará o fascismo, o nazismo e até talvez jihadismo para a pacata nação, será impossível que tal aconteça. Nenhum ditador sanguinário, daqueles desejados por populações que esgotaram os brioches para comer, pode atingir a corte se membro da própria corte.

Entre membros da corte há movimentações palacianas, várias facções e ainda mais traições. Porém, o homem providencial será sempre o tipo de fora. Assim foi com o Marquês de Pombal, assim foi com Salazar, assim foi com a generalidade dos forasteiros que, a bem ou mal, terminaram com o ciclo de umbiguismo perpétuo da frase: “Lisboa é o país, o resto é paisagem”.

Rui Rio tenta chegar à corte, mas nunca será aceite para algo mais que o papel de bobo, que desempenha com afinco. Portanto, tudo tranquilo na frente ocidental.

25 comentários leave one →
  1. Expatriado permalink
    18 Abril, 2021 17:21

    Ora bem…

    Liked by 5 people

  2. 18 Abril, 2021 18:14

    Essa parte do Ventura é que não sei … Lembrem-se de Conde Francisco Correia de Herédia na Revolta Republicana ou por antitese Cunha Leal entre 1922 e 1925. moo a vossa paciência com este excerto de um livro sobre a segunda parte e Cunha Leal:
    “Os partidos republicanos conservadores e os pequenos grupos de notáveis ligados a grupos de interesses haviam-se habituado a usar meios extraparlamentares para a obtenção do poder desde os anos 10. Depois da Guerra existiram governos de coligação, e até alguns governos conservadores, mas sempre em situações de crise. A radicalização dos pequenos partidos republicanos conservadores foi um factor chave na queda da República, levando-os a apelarem aos militares, quando o Partido Democrático voltou a alcançar a vitória nas eleições de 1925. Algumas figuras carismáticas emergiram então deste espectro de partidos, aderindo ao pedido da pequena e elitista extrema direita no sentido de uma intervenção militar, bem como da constituição de grupos organizados no seio das forças armadas. Cunha Leal, um dirigente do Partido Nacionalista, foi um desses líderes, que pelo menos desde 1923 vinha advogando a intervenção militar e a negociação de uma posição política post factum com as facções militares.
    A intervenção militar na política republicana e a persistência de facções organizadas no interior das forças armadas precede o período do pós-guerra. A principal diferença entre as intervenções do pré-Guerra e o golpe de 1926 é, talvez, a multiplicação de “tensões corporativas” entre o exército como instituição e o governo, primeiro, e a sua crescente “unidade” na intervenção na arena política, depois” …

    … et pour cause … Ventura!

    Liked by 1 person

  3. Weltenbummler permalink
    18 Abril, 2021 18:43

    ps socrático actualmente no poder
    « Omertà: Código de honra siciliano que proíbe dar informações sobre quaisquer crimes, considerados assuntos pessoais das pessoas envolvidas.

    Liked by 1 person

  4. 18 Abril, 2021 19:01

    Portugal é o melhor país do mundo!
    – As lojas de comida estão repletas de iguarias a preços módicos Pingo Doce, Continente, Lidle, apresentam variedades sem fim de iogurtes, queijos, bolachas, peixe fresco a saltar, belos bifes de novilho, lojas espalhadas por todo o país, de norte sul, de este a oeste…
    – Gasolina a rodos, para quem gosta ou necessita de conduzir o seu carro ou mota, sem limites, sem racionamento.
    – Casas de habitação a dar com um pau, a todos os preços. Quem não tem posses para viver no centro da cidade, vai morar para os arrabaldes, pois o passe social é barato!
    – Esplanadas cheias de sol todo o ano, com o melhor café do mundo, ao preço mais barato da Europa. E as praias? Dessas não se fala! areias finas e brancas, ondas suaves sem poluição!
    – Liberdade de expressão e de informação. Compram-se e lêem-se os jornais que se entende, do Diabo ao Avante, e comentam-se as notícias à mesa do café, que ninguém nos olha de soslaio. Quem tem posses, até pode criar um jornal. Quem não tem, cria um blog, e diz o que quer nele, para quem o queira ler. Pode até criar vários blogs, um a dizer bem ou mal do Sporting, outro a dizer bem o mal do governo etc.
    . Se quiser casar, casa-se. Com uma pessoa de sexo diferente para constituir família, ou com uma pessoa do mesmo sexo, para constituir família também, adotando uma criança. Até pode mudar de sexo, se isso contribuir para a sua felicidade. Ninguém lhe aponta o dedo por isso!
    – Se quiser votar, vota, senão vai para a praia, que ninguém tem nada com isso. Até pode ir votar e anular o boletim de voto com um desenho obsceno!
    – Se estiver doente tem médico de borla. Se a doença for grave vai para o hospital, tem hospital de borla. Quando já não pode trabalhar, recebe uma reforma.

    Só diz mal de Portugal quem nunca teve que morar em outro país.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      19 Abril, 2021 06:56

      -Mata-se pessoas indefesas por conveniência. Aborto. Matar-se-á mais por Eutanásia.
      -És obrigado a ser socialista mesmo que o não sejas.
      -Sempre que tens iniciativa, arriscas, prospera, milhões na multidão começam a dizer mal de ti se não pagares a Jiiza socialista.
      -Não há criação, invenção, só consumo.
      -Há cada vez menos crianças. O desastre socialista é também o fim civilizacional.
      -A tolerância só existe se não afectares a ideologia do poder. Como se viu no caso PS e o Bloguer João Gonçalves com a Polícia, Rui Mateus e outros exemplos.
      O pais está completamente indefeso a qualquer ataque militar.

      Nada disto é sustentável. A cobra está a comer a própria cauda.

      Liked by 2 people

      • 19 Abril, 2021 10:49

        Depois do baby boom que ocorreu a seguir à guerra mundial do século XX os brancos caucasianos aburguesaram-se. Abandonaram os valores que faziam das pessoas com famílias grandes, muitos filhos, casos de sucesso e passaram a considerar como bons os valores associados à posse de bens materiais, tecnológicos ou outros. Ter um bom automóvel, uma bela casa ou fazer férias em lugares cobiçados, passou a povoar os desejos dessa gente. As famílias numerosas passaram a ser consideradas um sinal de pobreza ou subdesenvolvimento cultural .
        O caucasiano tornou-se edonista. Quer gozar os prazeres da sociedade de consumo, do capitalismo, e não quer saber se isso contribui ou não para a sua destruição num futuro que considera longínquo.
        O socialismo não tem nada a ver co isto.

        Liked by 3 people

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        19 Abril, 2021 21:08

        Se fosse essa a desculpa dos americanos (o hedonismo, que até em parte me faz concordar consigo), então os soviéticos eram muito hedonistas, porque por lá sempre faltava o que comer!

        ANEDOTA SOVIÉTICA. Contada por russos:

        Diz-se que as espigas de trigo na URSS tinha uma densidade marginalmente superior à dos postes telefónicos na Polónia.

        ANEDOTA SOVIÉTICA. Outra comprada por eles.

        O que significava a careca do Kruschev? A colheita de 1963.

        Liked by 1 person

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        19 Abril, 2021 21:10

        Lucklucky,

        -És obrigado a ser socialista mesmo que o não sejas.

        Obrigado não és… podes sempre emigrar (ilegalmente, claro); ou passar o Estínge na Barca de Caronte.

        Depois de desceres à cova é quase certo que votarás democrápula nos Estados Unidos, mesmo que tenhas sido conservador toda a vida.

        Liked by 2 people

    • chipamanine permalink
      19 Abril, 2021 07:59

      A vidinha de reformado da função pública ou similar dá aos galvoes deste mundo uma ideia do paraíso. Exactamente o miserável paraíso onde eles adoram viver. Com mais de 20% da população abaixo do nível de pobreza, outros tantos com condições miseráveis de habitação , com centenas de milhares em filas de espera para cirugias anos fora de prazo, com os novos pobres apesar de terem trabalho, com centenas de milhar de consultas atrasadas (quase um milhão) , com umas das mais altas carga de impostos europeia em função do rendimento (mais alta que a do gaspar), com o amiguismo político corrupto impune, um sistema de justiça que funciona depois de prescrever ou não funciona mesmo, com a educação em que se ensina desde os sete anos que apanhar no cu é cidadania e de onde saem analfabrutos iliteratos (fora as elites que podem)………..está quase o galvao no seu paraíso socialista.

      Gostar

      • 19 Abril, 2021 08:49

        Eu deixo ao Bloco de Esquerda e ao PCP a tarefa de defender os 20% da população abaixo do nível de pobreza, a duplicação do SNS para que não haja filas de espera, a criação de escolas de orientação religiosa, sobretudo islâmica, para que deixe de se ensinar às criancinhas o deboche da Civilização Ocidental.

        Gostar

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        19 Abril, 2021 10:25

        Ó Galvão,

        20% abaixo da linha da pobreza é pouco para si? Prefere 80% sem comida, como em Cuba, cujos sucessos duvidosos da ciência, da cultura e do desporto são eclipsados pelos verificados fracassos do pequeno-almoço, do almoço e do jantar?

        [Tirado de uma anedota cubana que me foi contada por um cubano, obviamente fora de Cuba.]

        Por outro lado pode sempre baixar a linha da pobreza num país comunista para o zero absoluto em rendimentos e ter 0% de pobreza.

        Facto: o operário médio americano nos anos 50 e 60 ganhava 4 vezes mais do que o soviético com produtividade tripla. Isto é, mais do produto do seu trabalho ia para o americano no raio do capitalismo do que ao soviético no paraíso socialista. Marx ficava com mais empadas do trabalho dos outros.

        Liked by 2 people

      • chipamanine permalink
        19 Abril, 2021 14:16

        Eu sei que vc deixa para os outros a tarefa pq nem vc nem esses outros estão interessados nas pessoas que vivem nessas situações. Aliás vc e eles quantos mais pobres melhor para se justificarem e poderem continuar no poder a iludi-los amarrados aos subsídios que concedem magnanimamente com o dinheiro dos outros. O deboche da civilização ocidental é precisamente representado por pessoas como vc que dele beneficiam e o escarnecem. Chama-se hipocrisia que disfarçada de humor engraçadinho não muda nada.

        Liked by 2 people

      • 19 Abril, 2021 14:53

        Caro Francisco, 20% abaixo da linha da pobreza é muito, mas é inferior ao que se passa nos EUA, o arauto dos valores ocidentais não socialistas. O país de partido único em que só alternam no Poder duas das suas fações.
        Trump foi posto como presidente do país mais poderoso do mundo pelos seus pobres, porque lhes vendeu a ideia falsa que a globalização é reversível. Não é, porque a forma como se calculava a produtividade nos anos 50, conducente a salários altos, não pode ser calculada da mesma forma hoje. Hoje a produtividade consegue-se incorporando máquinas automáticas na produção. Cada vez que uma máquina dessas trabalha, existe uma fração de mão de obra asiática que o patrão da fábrica está a pagar. Pois os automatismos, os ships, o software, etc, são mão-de-obra barata incorporada nessa máquina. Valor de mão-de-obra que entrou na formação do preço de compra que o patrão da fábrica teve que pagar. Para poder fazer a América Grande de Novo, seria necessário importar da Ásia muitas fábricas que nunca existiram na América e com elas, importar também toda a mão de obra que nelas trabalha. Isto é, seria necessário triplicar a população residente na América. Os atuais pobres americanos só deixariam de ser pobres nessa Revolução, se fossem capazes de incorporar os postos de trabalho dessas fábricas. É impossível reciclar em escolas tecnológicas milhões de norte-americanos com mais de 40 anos de idade e com fraca escolaridade.
        O salário dos operários Comunistas da União Soviética fica para outra altura. é desonesto querer comparar alhos com bugalhos…

        Liked by 1 person

      • chipamanine permalink
        19 Abril, 2021 16:26

        A linha de pobreza nos EUA está na exacta porporção da entrada de migrantes (15 milhões tentam todos os anos). Coisa aliás que nunca se passaria se o país fosse socialista pois além de ninguém querer emigrar para lá também impedem de entrar.
        Entretanto os socialistas de todo o mundo enquanto impedem a entrada atiram os seus nacionais para a pobreza americana. É aquela história de não construam muros mas sim pontes. Pontes para os outros muros para nós.

        Liked by 1 person

      • chipamanine permalink
        19 Abril, 2021 16:29

        Comparar salários dos EUA e da URSS é misturar alhos com bugalhos. Curioso quando se compara aspobrezas tuguesas e americana. Foram os alhos ou os bugalhos?

        Liked by 1 person

      • 19 Abril, 2021 18:07

        Ó Chipanzé, que confusão nessa cabeça… a taxa de desemprego nos EUA é de 7%. Imagine se esses milhões de imigrantes não estivessem sempre a entrar. Eles vão á para trabalhar.
        O que acontece é que os brancos caucasianos nos EUA desistiram de ter famílias numerosas. Só tiveram tusa para fazer filhos nos anos que seguiram a Grande Guerra do século XX.
        Os brancos americanos não se ajeitam a trabalhar na agricultura, nem nos serviços de limpeza, tomar conta de velhos, empregados de mesa, etc tudo atividades que empregam mão-de-obra intensiva. Hoje são os imigrantes que ocupam esses postos de trabalho.
        Cada vez há mais espânicos, chineses, mulatos, pretos, na sociedade americana. Os brancos já começam ser uma minoria.

        Faz todo o sentido comparar pobrezas de países que são democracias de inspiração anglo saxónica. Por exemplo comparar europeus ocidentais com americanos do norte.

        Gostar

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        19 Abril, 2021 21:00

        Galvão,

        Com Trump, a economia melhorou substancialmente para a classe média.

        Agora, quanto a linhas, a linha dos pobres nos Estados Unidos compreende muitas vezes ar condicionado, smartphone e TV Cabo. Como disse, se se muda a definição da linha, ou a altura, muda-se a percentagem de pobres. Se a linha dos Estados Unidos fosse aplicada em Portugal ($17420 para um lar com duas pessoas), o Galvão veria aparecer 50% de pobreza, sendo que o salário médio (Pordata) anda nod EUR 940,00 mensais, antes de impostos.

        Ergo, mais vale ser pobre nos Estados Unidos.

        E é por isso que saem da América Latina e da China aos magotes para lá.

        Liked by 1 person

      • chipamanine permalink
        19 Abril, 2021 21:28

        A confusão é minha . População dos EUA: Brancos 67% Hispanicos 19% Negros 12% outros 4%.
        O que andas a beber galvãozito?deve ser cachaça lulista, ou será daqueles “cigarros” de erva? olha que anda estragada.
        Queres mais gavião?
        Escusavas de te revelar

        Liked by 2 people

      • 20 Abril, 2021 09:04

        Já percebi. Os EUA têm os pobres mais ricos de entre todos os pobres do mundo…

        Gostar

    • FreakOnALeash permalink
      19 Abril, 2021 09:14

      Agradece à União Europeia e ao parco investimento estrangeiro, não ao PS que apenas assinou o pedido de adesão. Se não fosse a UE isto teria-se tornado uma CUBA socialista!

      Gostar

      • 21 Abril, 2021 10:06

        Falso Freak! Se não continuássemos a insistir estar posses no Clube de Bruxelas de Maastricht, a realidade tinha-nos levado a bom porto de país independente com moeda sempre própria e ao nosso serviço, e Guterres, Barroso e Sócrates não tinham acontecido.

        Gostar

  5. Expatriado permalink
    18 Abril, 2021 20:06

    Entretanto, na frente ocidental (onde todas as “modas” começam), as coisas estão a aquecer.

    https://www.foxnews.com/politics/maxine-waters-urges-minnesota-anti-police-crowd-to-stay-on-the-street-if-chauvin-acquitted-in-floyd-case

    Continuem a ignorar isto e depois não se queixem. Podem ter a certeza que vai cá chegar.

    Gostar

    • FreakOnALeash permalink
      19 Abril, 2021 09:17

      Só ainda cá não chegou porque o António Costa ainda intende que lhe é benéfico politicamente tratar os Mamadus como párias e a Joacine foi engavetada, e bem, pelo sapo que preside ao parlamento.

      Liked by 1 person

  6. FreakOnALeash permalink
    19 Abril, 2021 09:24

    Gente que defende que lá porque regime da Coreia do Norte não cabe no conceito de democracia ocidental isso não significa que não se trate de uma democracia = comunista de estimação, gente de bem.

    Gente que acha todos os que residem em Portugal devem fazer por trabalhar, pagando os seus impostos, e seguir as leis, respeitando a Nação e a sua História = perigosos fascistas, gente malvada racista, xenófoba…e outros brindes.

    Liked by 3 people

    • Francisco Miguel Colaço permalink
      19 Abril, 2021 21:02

      Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem mal; dos que dizem que as trevas são luz e a luz trevas; dos que fazem do amargo doce e do doce amargo! (Is. 5:20)

      Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: