Skip to content

Dias Loureiro versus José Sócrates

29 Maio, 2009

Dias Loureiro

José Sócrates

Existem suspeitas vagas sobre Dias Loureiro, embora ainda ninguém lhe tenha atribuído um crime concreto. Terá participado num negócio fictício em Porto Rico? Terá mentido ao Parlamento? Charles Smith foi filmado a dizer que José Sócrates recebeu dinheiro para aprovar o Freeport. José Sócrates foi o responsável pela aprovação do Freeport nos últimos dias de um governo de gestão.
Autoridades portuguesas dizem que Dias Loureiro não está a ser investigado. Autoridades portuguesas dizem que José Sócrates não está a ser investigado.
Nenhuma autoridade estrangeiras está a investigar Dias Loureiro. As autoridades inglesas estão a investigar José Sócrates.
Oliveira e Costa diz que Dias Loureiro mentiu. Tinha interesse em dizer que mentiu. Charles Smith foi filmado a dizer que José Sócrates recebeu dinheiro para aprovar o Freeport, mas depois desmentiu a acusação. Tinha interesse em desmentir.
Dias Loureiro não é arguido. José Sócrates não é arguido.
Na SLN Dias Loureiro desempenhava funções privadas e tinha responsabilidades perante privados. No Ministério do Ambiente, José Sócrates desempenhava funções públicas.
Dias Loureiro era Conselheiro de Estado, nomeado pelo Presidente da República. Desempenhava cargo com pouco poder e baixo risco para o sistema. Foi dito que Dias Loureiro descredibilizava o Conselho de Estado. José Sócrates é conselheiro de Estado. Até ao momento, ninguém se lembrou de dizer que a sua presença no Conselho de Estado descredibiliza a instituição.
Dias Loureiro não era primeiro-ministro. José Sócrates é primeiro-ministro. Desempenha um cargo de muito poder e alto risco para o sistema.
Dias Loureiro não podia ser demitido pelo Presidente da República. José Sócrates pode ser demitido pelo Presidente da República.
Investigação do caso BPN prosseguiu de forma normal. Investigação do caso Freeport parou durante 4 anos. Lopes da Mota está a ser investigado por ter feito pressões sobre responsáveis pelo processo.
Cândida Almeida nunca deu entrevistas sobre o caso BPN. Cândida Almeida deu uma entrevista sobre o caso Freeport.
Dias Loureiro demitiu-se. José Sócrates não se demitiu.
About these ads
143 Comentários leave one →
  1. mmm permalink
    29 Maio, 2009 11:17

    Parabéns JM
    Claro e evidente..

  2. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 11:19

    Olha que giro

    É que é tal e qual
    A demissão do PM não tinha consequencias para o país.

    Um PM até se devia demitir sempre que lhe apetecesse ou fosse atacado que é para haver eleições em todas as estações do ano!!

  3. lica permalink
    29 Maio, 2009 11:19

    http://jn.sapo.pt/Opiniao/default.aspx?opiniao=Manuel%20Ant%F3nio%20Pina

    “Proteger a democracia”

    O”pequeno líder” socialista açoriano ambiciona, está visto, ser “grande líder” e já anda a apresentar publicamente “grandes ideias”. A última é obrigar os cidadãos, visto que a maior parte não o faz de livre vontade, a votar. Diz a Lusa que “Carlos César [defende] o voto obrigatório nas eleições em Portugal como forma de ‘proteger’ a democracia”. César pretende “proteger” a democracia …dos cidadãos. Como? Tirando-lhes liberdade. Tendo acorrido em massa às urnas no pós-25 de Abril, os cidadãos deixaram pouco a pouco de o fazer porque concluíram que não valia a pena. E quem os levou a tal conclusão foram políticos como Carlos César, que governa os Açores com uma “maioria absoluta” de… 20,8% (40 mil votos, em mais de 192 mil inscritos). Nas últimas eleições, 53% dos açorianos (essa sim, a maioria absoluta) fizeram um manguito a César e congéneres e ficaram em casa. São esses que ele quer agora obrigar, a bem ou a mal, a confiar nos políticos. Não lhe passa, claro, pela cabeça “proteger” a democracia dos políticos. Obrigando-os, por exemplo (seria um bom começo), a cumprir promessas eleitorais.

  4. mmm permalink
    29 Maio, 2009 11:19

    Sócrates tem muitos negócios para os amigos se calhar Dias Loureiro não tem

  5. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 11:22

    De qualquer modo, penso que Dias Loureiro não se devia demitir.

    A culpa é que pediram a sua cabeça. Inclusive o líder parlamentar do psd!

    Dias Loreiro ao demiir-se só deu razão às figurinhas que pairam por aí, desde editoriais de jornais ao líder partidários

  6. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 11:24

    ««É que é tal e qual
    A demissão do PM não tinha consequencias para o país.»»

    Sempre pensei que a demissão de políticos sob suspeita fosse para evitar as consequências para o país. O que o caro anónimo me está a dizer é que só deve haver demissão se o cargo for irrelevante. Ou seja, quando a permanência do político sob suspeita for inócua.

  7. 29 Maio, 2009 11:26

    “Nenhuma autoridade estrangeira está a investigar Dias Loureiro.”

    eheheh
    como é que sabe?

  8. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 11:28

    #6

    Sim João Miranda, se um pm se demite por causa de alguém levantar suspeitas sobre si, está a hipotecar o país. Se ele é inocente não se pode demitir. Ou não deve. Iria colocar o país à merce dos conspiradores e mentirosos.

  9. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 11:29

    Uma das coisas que o PM está a fazer é a bater o pé e a dizer Não aos do caos e bandidos.

  10. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 11:30

    Is the fight for democracy….

  11. mmm permalink
    29 Maio, 2009 11:33

    A Justiça em Portugal tem claras dificuldades em chegar a quem tem poder.
    Depois quando alguém perde esse poder atacam com as garras afiadas.

    Por isso é que ninguém acossado quer sair, porque assim controla as rédeas e a chantagem.

    Portugal é um País pequeno e todos se conhecem.

    Que tal contratarem Procuradores Ingleses ou Americanos para limpar o País, de tipos como O Sócrates e outros que tais? Fátima Felgueiras, Familia Valentim,Avelinos, Isaltinos, …

  12. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 11:34

    ««Sim João Miranda, se um pm se demite por causa de alguém levantar suspeitas sobre si, está a hipotecar o país. »»

    Já um mero conselheiro de Estado deve demitir-se porque não hipoteca o país. Primeiro-ministro sob suspeita bom, conselheiro de estado sob suspeita mau.

    ««Se ele é inocente não se pode demitir.»»

    Já um conselheiro de estado deve demitir-se mesmo que seja inocente.

  13. Picuinhas permalink
    29 Maio, 2009 11:40

    Que heresia… mas se é o próprio Loureiro a considerar o Sócrates um “menino de ouro” porque é que se deveria fazer esta comparação herética?É que para os “preocupados” com a coisa pública tudo isto é “teatro”.No fim vão todos festejar á mesma tasca e quem se lixa, como sempre é o “mexilhão” que ainda se arrisca a um “processo” esse sim devidamente fundamentado por “doutores” eméritos ao serviço da causa…

  14. Picuinhas permalink
    29 Maio, 2009 11:49

    E depois se o menino de ouro se demitisse o que seria da africanização?De mais medidas de apoio a “jovens” no “secundário”, nos bairros , na “profissionalização”, nas novas oportunidades, nas “orquestras”…quem é que “conteria” esses repressivos polícias que só se metem com a “diferença enriquecedora” que deveriam é levar á prais e convidar para se juntar ás “corporações”…
    E depois que figura não fariam perante o rei dos reis africanos?
    Tenha juizo.Ainda falta tirar muito gay do armário, importar muito parceiro através do “casamento”.Portugal na União Africana!E já antes que seja tarde…

  15. 29 Maio, 2009 11:50

    DIVIDA EXTERNA DE PORTUGAL // 348 MIL MILHOES DE EUROS // DEZEMBRO 2008

    348 BILIOES DE EUROS EM DIVIDA EXTERNA !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    MAIS COMENTARIOS PARA QUE ?

    E ASSIM QUE SE ENTERRA UM PAIS, EU JA VI ESTE FILME NO BRASIL ……..

    CADA HOMEM / MULHER E CRIANCA PORTUGUES, DEVE AOS BANCOS

    INTERNACIONAIS 34.828,00 EUROS ( TRINTA E QUATRO MIL OITOCENTOS E

    VINTE OITO EUROS ).

    VIVA PORTUGAL !!!!!!!!!!!

    UM PAIS GOVERNADO POR GATUNOS E OUTRAS COISAS MAIS.

    UM ABRACO DEMOCRATICO.

    RAMIRO LOPES ANDRADE

    ————————————————————————————————

    http://www.bportugal.pt/stats/sdds/extdebt.htm#*

    348 mil milhoes de euros

    ABSTENCAO / ABSTENCAO / ABSTENCAO

    ramirolopesandrade@blogspot.com

    provocador.ramiro@hotmail.com

    Gross External Debt Position (*)

    (Information disclosed by Banco de Portugal (BP))

    106 Euros End-of-period data

  16. g.fm permalink
    29 Maio, 2009 11:52

    Falta acrescentar que:

    Sócrates foi eleito pela maioria dos portugueses, estando sujeito a eleições daqui a pouco tempo.

    Dias Loureiro foi amavelmente convidado pelo Cavaco Silva para Conselheiro de Estado, cargo esse do qual ninguém o podia demitir a não ser o próprio.

  17. Picuinhas permalink
    29 Maio, 2009 11:53

    Que chato este gajo vir falar de “dívida”.Então e a pobreza de áfrica que nós andamos a combater?Se não formos nós quem é que meteria a tarefa em ombros?E olhem que a “dívida” ainda não é nada pois que como os indígenas não querem trabalhar têm que vir muitos mais africanos…

  18. Salomão permalink
    29 Maio, 2009 11:55

    Is the fight for democracy….

    No sir. Is the fight for power.
    And that is very undemocratic, sir!
    First minister is not a job, is a position of trust. When the confidence is gone, the position is lost… in any true democracy.

  19. Paulo Nunes permalink
    29 Maio, 2009 11:57

    Mas alguém tem dúvidas, nesta altura e depois de tudo, que ambos têm culpa no cartório?

    O que enoja é a forma degradante que, independente de qual seja, um deles é crucificado em praça pública e o outro desculpabilizado, dependendo da tendência política de quem emite a opinião.

    E é por haver este tipo de labirintos e dualidade de critérios que os políticos sempre arranjam forma de se safar. E é uma prática que abrange todos os políticos, desde os mais à esquerda aos mais à direita. Veja-se Fátima Felgueiras, Isaltino Morais, Valentim Loureiro, Paulo Pedroso, Mário Soares, Sócrates, Judas, Dias Loureiro, Miguel Cadilhe (há quem não se tenha esquecido a “brincadeira da SISA na década de 90)… todos se safam porque há sempre quem os considere coitadinhos e vítimas de uma qualquer “cabala política”.

    E aqui andamos todos a discutir o sexo dos anjos ao mesmo tempo que somos f(…).

  20. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 12:00

    Oh Ramiro
    A tua tecla Tab encravou?

  21. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 12:05

    o miranda é o máximo, no comparativo esqueceu-se dos consumos e das emissões de carbono. e já agora conhecer os preços também seria interessante.

  22. 29 Maio, 2009 12:08

    Então e ninguem fala da idiotice do ERASMUS EMPREGO?

  23. 29 Maio, 2009 12:09

    5 ESTRELAS

  24. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 12:12

    o miranda ainda não percebeu que o dlóreiro foi demitido por vexa numa tentativa de minimizar os estragos e imagem. aguarde cenas dos próximos capítulos, apesar da comunicação social e a magistralhada estarem mais interessados em freeporco e em nova dose de casapia. a isenção e o rigor a que o crespo nos vem habituando.

  25. Vítor Costa permalink
    29 Maio, 2009 12:22

    Já houve referências em jornais a dois factos que eu acho que carecem de algum esclarecimento:

    -Patrícia Cavaco Silva (filha do PR) é ou não accionista – com um capital significativo – do BPN?

    -É, ou não, verdade que o genro de Cavaco Silva teve um empréstimo avultado concedido pelo BPN para um negócio na área do espectáculo com condições bastante vantajosas?

  26. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 12:27

    #24 – tás a falar da vencedora vitalícia de um concurso bué de restrito organizado todos os anos por uma farmaceutica.

  27. 29 Maio, 2009 12:28

    Ó carago.
    Cavaco devia demitir-se.
    JÁ.

  28. permalink
    29 Maio, 2009 12:30

    Olha Miranda, entre um e outro… Seja como for, fico elucidado que para o Miranda só conta o que o estado rouba aos contribuintes. Que depois esses fundos sejam canalizados das mais variadas formas para os amigos capitalistas já não tem mal. Afinal são apenas decisões de negócio.

  29. 29 Maio, 2009 12:35

    O Presidente da República não tem competências para demitir o PM.

    Devemos ser rigorosos.

    Agora, concordo em absoluto com o espirito do post. qualquer pessoa de bem, no lugar do PM, há muito que teria renunciado ao cargo.

  30. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 12:36

    ««Olha Miranda, entre um e outro… Seja como for, fico elucidado que para o Miranda só conta o que o estado rouba aos contribuintes. Que depois esses fundos sejam canalizados das mais variadas formas para os amigos capitalistas já não tem mal.»»

    Não percebi. O dinheiro “canalizado das mais variadas formas para os amigos capitalistas” não é dinheiro roubado pelo governo aos contribuintes? Que eu saiba, o BPN não cobrava impostos nem tinha responsabilidades públicas.

  31. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 12:38

    ««O Presidente da República não tem competências para demitir o PM.»»

    Claro que tem. Está na Constituição. O PR pode demitir o PM de duas formas:

    – demitindo o governo
    – dissolvendo a AR

    Creio que neste momento já passou o prazo, mas quando começou o caso Freeport poderia tê-lo feito.

  32. Carolo permalink
    29 Maio, 2009 12:41

    João Miranda,
    dedica-se agora ao humor?

    Isto é um fartote de rir.
    Dr. Cavaco será capaz de ler isso?

    AHM AHN AAA …
    Dias loureiro não é, ainda, distiguido dos outros todos…

    Percebe???

  33. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 12:43

    Muito bom. Destaco esta parte, porque retrata bem o que somos: “José Sócrates é conselheiro de Estado. Até ao momento, ninguém se lembrou de dizer que a sua presença no Conselho de Estado descredibiliza a instituição.”

  34. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 12:44

    #30 – “mas quando começou o caso Freeport poderia tê-lo feito.”
    porquê? com que motivo, o miranda mistura realidade com sonhos.

  35. 29 Maio, 2009 12:47

    vide

    133. º g) e 195.º da CRP, com o devido respeito, concluirá que só de forma indirecta…

  36. Pizarro permalink
    29 Maio, 2009 12:54

    Excelente JM.

    Quanto ao demitir o Governo, a forma mais fácil seria dissolver a AR, como fez Jorge Sampaio.

  37. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 12:57

    A “tralha do PPD/PSD pode ver aqui

    http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=086C8E29-0120-4F03-BF57-2F6C441D0F7E&channelid=00000009-0000-0000-0000-000000000009

    Junta-lhe o BPN

    Mas que cambada , haja deus, misecordioso

  38. 29 Maio, 2009 12:58

    João Miranda

    Ainda propósito da demissão do PM pelo PR; há uma questão que não pode deixar de ser analisada, os factos e os indícios são anteriores a esta legislatura. Por isso, só se o PM tivesse sido constituído arguido é que, talvez, houvesse condições politicas para a demissão do Governo da República. De contrário, mesmo com o precedente do anterior PR, seria uma leitura politica perigosa do ponto de vista da independência dos poderes. A democracia talvez perdesse mais do que aquilo que ganharia.

  39. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 13:02

    ««Por isso, só se o PM tivesse sido constituído arguido é que, talvez, houvesse condições politicas para a demissão do Governo da República.»»

    Como se tem visto, as condições políticas para a demissão de alguém são criadas pelo barulho que se faz nesse sentido.

  40. Eber permalink
    29 Maio, 2009 13:03

    #9
    “Uma das coisas que o PM está a fazer é a bater o pé e a dizer Não aos do caos e bandidos.”

    O nosso PM é um bom samaritano!
    Só pensa é no bem dos seus súbitos. :P

  41. JJ Pereira permalink
    29 Maio, 2009 13:04

    Sem ironia : isto não é um “post” , é serviço público.
    Nota-se que aos próprios assalariados de turno falta convicção na sempiterna tentativa de tapar o sol com uma peneira…
    “Wishful thinking” : dava jeito um qualquer assessor de Belém ser leitor do Blasfémias – é que assim tinha a “papinha” toda feita.
    Cpmts.

  42. Alberto Costa Andrade permalink
    29 Maio, 2009 13:09

    Ninguem equaciona a demissão de PR no caso BPN?

    Sempre me ensinaram “tanto é pecador o que come a maça como aquele que a vê comer”

    Ora, o cidadão Cavaco Silva, tinha depositado uma importancia, não sei se muito, se era pouco. Julgo que levantou, quando?

  43. 29 Maio, 2009 13:09

    »Como se tem visto, as condições políticas para a demissão de alguém são criadas pelo barulho que se faz nesse sentido.»

    1- O poder judicila nunca fora claro no se refere a esta matéria.

    2- as sondagens quase sempre foram favoráveis ao PM.

    3- há muita gente conivente com esta situação (Alguns medía, alguma classe politica e a nossa população que gosta dos chicos espertos).

    Só com uma renovada República, vamos lá! Mas para isso é preciso muita coragem.

  44. 29 Maio, 2009 13:14

    “…as condições políticas para a demissão de alguém são criadas pelo barulho que se faz nesse sentido.” – Miranda

    Arranje um megafone, escreva em maiúsculas e bold, que talvez lá chegue.

  45. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 13:17

    é um post muito demagogico
    esta materia do PM e freeport é muito mal tratada! e começa a ter efeitos perversos
    se continua a ser tratada da forma que é, veja-se o caso da tvi, começa a dar força ao PM

  46. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 13:22

    ah e ja agora, vamos falar do oliveira e costa.
    qual foi a campanha eleitoral que este senhor financiou??????

  47. 29 Maio, 2009 13:32

    Interessante …!

    Más Influências Na Educação

    Os dados da sondagem usada hoje na Visão são extremamente interessantes não apenas pelos seus valores globais, mas igualmente quando desagregados por idade ou estatuto económico.

    Por exemplo os dados globais sobre a má influência dos diversos intervenientes no processo educativo são os seguintes:

    Professores: 23,2%
    Pais e Associações de Pais: 24,4%
    Sindicatos: 30,3%
    Alunos: 48,4%
    Governantes e ME: 56,6%

    Nota-se desde logo que nâo apenas os professores mas os próprios sindicatos estão bastante bem vistos por comparação com os alunos e o pessoal político do ME.

    Mas se tomarmos os dados relativos às chamadas classes A e B temos os seguintes números:

    Professores: 23,6%
    Pais e Associações de Pais: 26,1%
    Sindicatos: 36,9%
    Alunos: 47,1%
    Governantes e ME: 61,8%

    Isto significa que para as camadas teoricamente mais abastadas e culturalmente aptas da população a posição relativa dos professores melhora, alargando o seu diferencial para as próprias associações de pais e pessoal político (de 33 para 38 pontos de vantagem).

    Portanto, e sempre ao contrário de um falso senso comum que se tenta apresentar como dado adquirido, a imagem dos professores continua bastante bem e tanto melhor quanto se sobe na própria estrutura socio-económica da população, descendo a dos políticos e do Ministério.

    Quando se afirma que o estado da Educação é mau ou insatisfatório, não parece que ninguém concorde muito que isso se deve aos professores.
    http://www.educar.wordpress.com/

  48. g.fm permalink
    29 Maio, 2009 13:50

    #48 Anónimo

    “Interessante …!”??

    Culpar os alunos dos maus resultados na Educação é muito p’ra lá de interessante.

  49. 29 Maio, 2009 14:07

    G.Fm # 49

    De facto, o povo português é muito mais lúcido do que se julga.

  50. Confrade permalink
    29 Maio, 2009 14:16

    esse piscoiso devia ser terminado, tal como o patrao dele

  51. zirpelino permalink
    29 Maio, 2009 14:18

    O JM diz que nunca me viu aqui a escrever sobre o Freeport. Eu não alimento campanhas criadas pelos santanetes na base de carta anónima para tirar vantagem política(caso já julgado em tribunal, nem processos deixados 4 anos em banho-maria, para não altura conveniente saírem da toca. Para além destes factos, existe o desfalque de uns milhões de escudos, euros ou libras conforme a fonte, que as polícias inglesa e portuguesa estão a investigar. Os únicos suspeitos e arguidos são conhecidos. O PM só apareceu nisto por causa da carta dita anónima e agora por um “video” onde alguém diz que disse. Se as pessoas forem julgadas e condenadas na base do que alguém disse, então temos princípios e valores que nos põem nos antípodas de um estado de direito e portanto não entrei nesse peditório.
    Reconheço que o caso Freeport é um incómodo para o PM e o PS como o caso BPN o é para o PSD. Por isso fiquei cheio de curiosidade de saber o que dizia o Blasfémias. Mas não, o Blasfémias e o polícia, juiz e carrasco nº1, O JM, passam ao lado e o único argumento é voltar ao Freeport, como se os casos fossem comparáveis em termos políticos e éticos.
    O caso Freeport e o caso BPN são ambos um caso de polícia. Em ambos os casos alguém fez um desfalque e está ser investigado por isso, o resto é intriga política. No BPN, o desfalque afecta a economia portuguesa e os depositantes no banco, fala-se na módica quantia 2 mil milhões de euros, a comissão de inquérito já apurou muitos factos e Dias Loureiro foi responsável por negócios comprovadamente ruinosos para a SLN, pelo que a pertencer a um orgão por convite do PR e ao ser um membro destacado do PSD arrasta o partido e o PR. Oliveira e Costa foi dirigente do PSD e secretário de Estado e o PSD passa incólume?
    Dias Loureiro devia demitir-se porque estava a pôr em causa um orgão consultivo do PR e a confiança do PR. Não vinha nenhum mal ao mundo. Se se provasse que estava inocente, sairia reforçado. Sócrates se por cada ataque que sofra, por cada suspeita que os seus adversários lhe lançassem, se demitisse de um lugar para o qual foi sufragado, então que democracia era a nossa. Se tiver cometido algum crime será julgado por isso. Do ponto de vista político e ético será avaliado nas eleições. Um estado de direito é isto.

  52. Santo Pragal permalink
    29 Maio, 2009 14:20

    PR diz que Dias Loureiro se demitiu “tão rapidamente quanto possível”
    O Presidente da República (PR), Cavaco Silva,

    disse hoje que Dias Loureiro pediu a demissão do Conselho de Estado para ser ouvido “tão rapidamente quanto possível” pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

    O que isto quer dizer…é para totós? quer-me parecer que somos totós

    O que d

  53. Confrade permalink
    29 Maio, 2009 14:20

    e interessa esta bosta toda?? esses gajos estao todos ricos e nós cada vez menos… ladramos ladramos , mas passa nada!

  54. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 14:26

    ««Dias Loureiro foi responsável por negócios comprovadamente ruinosos para a SLN,»»

    Fazer negócios ruinosos agora é crime? E não acha estranho que os accionistas da SLN nunca se tenham queixado? Não acha estranho que as virgens ofendidas sejam todos menos os directamente prejudicados pelo suposto negócio ruinoso.

    ««Sócrates se por cada ataque que sofra, por cada suspeita que os seus adversários lhe lançassem, se demitisse de um lugar para o qual foi sufragado, então que democracia era a nossa. »»

    Já reparou que esse argumento leva a que só as suspeitas que perturbem cargos menores levam à demissão. Suspeitas que perturbem desempenho em cargos importantes não levam à demissão. É como se a tese de que os suspeitos se devem demitir só é válida quando o impacto da suspeita no desempenho do cargo não tem grande impacto.

  55. 29 Maio, 2009 14:32

    O Costa já se demitiu?

    E o Lopes da Mota?

  56. 29 Maio, 2009 14:33

    É que a professora de Espinho foi de imediato suspensa de funções …

  57. 29 Maio, 2009 14:35

    O PR já suspendeu de funções o funcionário público José Sócrates?

  58. açoriano permalink
    29 Maio, 2009 14:40

    # 55 João Miranda
    “Fazer negócios ruinosos agora é crime?” Sim, podem ser e alguns são mesmo crimes graves.

    E como prémio foi convidado para conselheiro de Estado, assim se vê a meritocracia do Cavaco Silva e da direita.

  59. 29 Maio, 2009 14:41

    “…as condições políticas para a demissão de alguém são criadas pelo barulho que se faz nesse sentido.” – Miranda

    exactamente o que faz a TVI e a MMGuedes, Miranda… os bons métodos da honestidade intelectual dos que estão alinhados desse lado!…

    a forma como compara a situação de Loureiro a Dias e o Socras é também muito arrastada pelos cabelos… como as investigações feitas por esse modelo de imparcialidade, honestidade intelectual e respeito pelo código deontológico da profissão de jornalista, que pratica a MMGuedes… o João Miranda não é jornalista, mas tem tanta ou mais responsabilidade que um qualquer profissional do sector, para que se possa aceitar os seus “construídos” postais ou artigos de opinião ditados pela mais fácil demagogia!

    não é o barulho nem as peixeiradas jornalísticas da TVI que me incomodam… o que me incomoda é a falta de isenção na investigação e na construção das peças que pretendem fazer passar por provas… Miranda, ainda mais um esforço para acabar com a sua credibilidade…

    país da treta, jornalismo da treta – tanto o “ruídoso” da TVI, como o “silencioso” de outros mádias, e, fretes, fazem todos, cada qual os faz para os seus patrões – e mentirosos há muitos… só por ter mentido tão descaradamente na comissão de inquérito, já indicia uma força de carácter e honestidade do conselheiro Loureiro, que levantou também algumas dúvidas quanto à atitude de Cavaco. o que se esconde ainda por trás de tudo aquilo… e não me diga que são mais dignas de crédito as alegações do Charles Smith, só que lhe convém assim, não é?

    país da treta, jornalismo da treta e “opinadores oficiais da treta”… mas a mim não me enganam vocês nem os políticos desse “centro” de interesses…

  60. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 14:50

    ««a forma como compara a situação de Loureiro a Dias e o Socras é também muito arrastada pelos cabelos… como as investigações feitas por esse modelo de imparcialidade, honestidade intelectual e respeito pelo código deontológico da profissão de jornalista, que pratica a MMGuedes…»»

    Quais são as informações da tabela que estão erradas?

  61. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 14:52

    ««Sim, podem ser e alguns são mesmo crimes graves.»»

    Crime porquê? Um empresário não pode fazer negócios ruinosos?

  62. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 14:54

    Acho que a voz do sócrates (o dono) está a fazer Eco aqui na caixa de comentários.

    Hilariante, a capacidade contorcionista dos sócretinos de serviço.
    Como eu gosto de os ver dobrar a mola!

  63. 29 Maio, 2009 15:14

    anónimo 63,

    ecos anónimos das vozes dos seus donos há muitos… cada dono, cada eco!

    não sou sou socretina e muito menos só cretina… as demagogias denuncio-as, venham em eco de que voz do dono venham! e, mola é o que lhe deve faltar, para que nem assine o seu comentário!…

  64. zirpelino permalink
    29 Maio, 2009 15:14

    JM, para que saiba eu sou empresário, não vivo à custa do orçamento como você.
    Por isso estou à vontade para falar do que sei. Falências fraudulentas são crime. Há uma grande diferença entre um empresário e um vigarista. Os empresários têm responsabilidade social. Criam emprego e riqueza. Os vigaristas aproveitam-se da boa-fé de outros, ou das suas posições para tirarem vantagens pessoais. Não criam riqueza. Desbaratam-na. De que lado está você?
    Sobre a sua tabela, a Bocaguedes, diria o mesmo. Ninguém desmentiu. A tabela está feita para conduzir à conclusão que você quer. Só apresenta uma parte dos factos. A sua técnica é conhecida

  65. Kolchak permalink
    29 Maio, 2009 15:15

    Acertou em cheio.
    Como com Dias Loureiro, volto a repetir: o grande responsável por esta situação é o Presidente da República: Cavaco adoptou a estúpida estratégia do «não se mexam e não lhe mexam!». Enquanto tal, o País assiste atónito à “piolheira” em que o sistema se tornou.

  66. José Barros permalink
    29 Maio, 2009 15:17

    Brilhante, caro JM. Admiro-lhe a coragem.

  67. fidel permalink
    29 Maio, 2009 15:20

    “Só com uma renovada República, vamos lá!” ?????

    com mil raios mais repúblicas não !!!!!

  68. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 15:23

    ««ecos anónimos das vozes dos seus donos há muitos… cada dono, cada eco!»»

    Estou a ver que o barrete lhe serviu… erviu… rviu… viu… iu… u….

  69. Kolchak permalink
    29 Maio, 2009 15:26

    Fidel:

    Percebo que diz mas ainda há esperança: a república pode escolher ter um Rei…!

  70. fidel permalink
    29 Maio, 2009 15:27

    tem razão o camarada zirpelino na tabela do lado do camarada engº faltam muitas outras “trapalhadas” como por exemplo a licenciatura marada ou a compra de apartamento muito mal explicada entre outras que vão surgindo de forma envergonhada nesta nossa muito pouco independente comunicação social. A verdade é que por muito menos o camarada Sampaio, com a ajuda do psd profundo, deu um golpe de estado.

  71. tapaporos permalink
    29 Maio, 2009 15:29

    “Fazer negócios ruinosos agora é crime?”
    “Crime porquê? Um empresário não pode fazer negócios ruinosos?”

    Bem, está à vista de todos que pode fazer. E ainda pode com isso ganhar lugar no Conselho de Estado.

    Para dizer se houve crime ou não temos que esperar pela Justiça mas está à vista de todos que existiu incompetência.

    E para pagar os dois mil milhões de euros de buraco cá estão os contribuintes. Coisa pouca para quem está sempre tão preocupado com a forma como se gastam os dinheiros públicos.

    A responsabilidade perante os accionistas e os depositantes? Que se lixe isso…

    Porventura, o Oliveira e Costa estará preso pelos excelentes negócios que realizou. Uma injustiça.

  72. berto permalink
    29 Maio, 2009 15:30

    Sócrates só ficaria a ganhar com a demissão logo que apareceram as primeiras suspeitas. Assim como Dias Loureiro e outros que por aí andam alapados ao poder e aos cargos.
    É claro que a demissão de um 1º ministro traria maiores dissabores ao país que um reles conselheiro de estado, mas, que diabo!, ainda temos o Santana Lopes!

  73. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 15:31

    #67 – caboti nice solidária de outro amordaçado. coragem era no tempo da outra senhora.

  74. 29 Maio, 2009 15:33

    Brilhante trabalho de Mr. João Miranda !
    Síntese mais cristalina, não há !

  75. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 15:39

    devem estar para despejar a k7 do quim barreiros e demais cerejadas. ou seja, já não têm mai nada para dizer.

  76. Pimenta permalink
    29 Maio, 2009 15:40

    Vocês fazem a festa, atiram os foguetes e apanham as canas, mas a m***a continua a mesma. Os políticos só falam bem na oposição, porque quando se sentam na cadeirinha do poder roubam todos por onde podem… No dia em que alguém queira credibilizar a classe política, acrescentem à constituição uma cláusula que abranja a “responsabilização dos políticos”, obriguem-nos a responder em tribunal pelos crimes de lesa pátria. no Dia em que começarem a ser chamados a responder e pagar pelo mal que fazem aos portugueses e ao país, as coisas mudam e se calhar estes abutres do governo e respectivos amigos começam a pensar 2 vezes antes de irem para o governo e antes de fazerem propostas e promessas puramente eleitoralistas. Deviam era ter vergonha, são todos iguais e a culpa é nossa que os metemos lá. Só temos o que merecemos !

  77. 29 Maio, 2009 15:44

    eco anónimo 70 da voz do seu dono,

    não só já lhe disse que não era socretina e ainda menos só cretina!… e, como devia saber, quem não se sente não é filho de boa gente… se se referisse a um mero eco não teria escrito Eco… a minha resposta foi-lhe endereçada claramente, e não me limitei a insinuações, e a carapuça foi feita à sua medida, pois mencionei o nº do seu comentário só cretino!…

  78. Pimenta permalink
    29 Maio, 2009 15:44

    Gostaria de deixar só uma pergunta no ar, que “questões” queria o governo abafar ao nacionalizar o BPN ? Porque não fez o mesmo ao BPP ?

  79. 29 Maio, 2009 15:47

    “A culpa é que pediram a sua cabeça.”

    O que teria sido se não fosse a oposição. Se fosse o partido do governo cairia o Carmo e a Trindade

  80. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 15:51

    #76 – o lambebotismo entrou ao serviço.

  81. ordralfabetix permalink
    29 Maio, 2009 15:53

    Há documentos que mostram que Dias Loureiro mentiu.

    1.Disse que não conhecia o Fundo Excellence e assinou documentos que o davam como responsável por esse fundo e outras mepresas envolvidas no negócio de Porto Rico.

    Há algum documento que mostre que Sócrates está envolvido no Freeport?

    2.Oliveira e Costa sabe muito sobre o Freeport. Pena que não o tenham deixado falar.

    3. A Carlyle desencadeou o escândalo Freeport. E esteve para comprar o BPN. Coincidência?

  82. 29 Maio, 2009 15:54

    Foi com a opinião dos seus cofrades mais ou menos ligados ao seu partido quem palpitaram para ele pedir a demissão do CE. talvez até tenha havido um zumzum do maior para que tal acontecesse.

  83. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 15:56

    vamos lá com calma, quem pediu a cabeça do lóreiro foi o psd, que cobardemente assobia para o lado.

  84. 29 Maio, 2009 16:07

    # 65

    O JM está do lado daqueles que comem do orçamento para o qual muitos de nós contribuimos. Acontece porém que comer eles comem. Falta é saber se o que ganham corresponde aquilo que produzem. É este o busilis da questão.

  85. 29 Maio, 2009 16:14

    JMiranda,

    “Quais são as informações da tabela que estão erradas?”

    até com alguns factos verídicos se constroi uma tabela falsa, basta omitir alguns detalhes e empolar outros… tal e qual o que se faz na TVI e depois ainda têm a lata de perguntar quais as informações que são falsas ou quem é que se atreve a desmentir!…

    pegando na mais evidente:

    Dias Loureiro não podia ser demitido pelo Presidente da República.
    José Sócrates pode ser demitido pelo Presidente da República.

    Só Cavaco e o próprio CE podiam demitir Dias Loureiro, mas o PR depositou toda a confiança no conselheiro que ele próprio nomeou, por leais serviços, e o CE nem ousou pronunciar-se e no fim vem o Lobo Antunes com aquela enorme treta já fora de horas…

    O Presidente da República não pode demitir o PM sem dissolver o parlamento ou o governo… portanto, só meias verdades e podia continuar!

  86. mesquita permalink
    29 Maio, 2009 16:28

    Caro João Miranda,

    Se vier a ser provado que um intermediário usou dinheiro para supostamente subornar Sócrates, mas no caminho de tal empreitada, agasalhou a pasta, pergunto:

    Quantas postas vai escrever sobre o assunto.
    Qual o tamanho/destaque das mesmas.

    É MUITO IMPORTANTE QUE RESPONDA A ESTAS QUESTÕES.

    AB.

  87. Paulo Duarte permalink
    29 Maio, 2009 17:11

    Em cheio o seu post!

    Mts parabéns JM!

    Assino por baixo.

    Paulo Duarte

  88. 29 Maio, 2009 17:28

    JM,

    não vai agora dizer-me que desconhece isto:

    «Buscas realizadas há um mês a um escritório de advogados trouxeram factos novos ao inquérito do BPN e abriram pistas sobre a intervenção do ex-ministro do PSD Dias Loureiro nos negócios sob investigação. A equipa do Ministério Público e da PJ, dirigida pessoalmente por Rosário Teixeira, esteve no escritório Baião, Castro & Associados, de onde levou documentação em papel e em suporte digital. Estas informações, articuladas com as declarações de Oliveira e Costa, mostraram indícios sobre Dias Loureiro, em particular sobre o negócio de Porto Rico, que obrigaram a reequacionar os termos em que estava a ser pensada a sua audição no inquérito. Ontem, com a demissão, tudo mudou e, em princípio, estará dispensado o envio do pedido de levantamento da imunidade.» [Correio da Manhã]

    não só não desconhece como o omete… é assim a desonestidade intelectual dos nossos opinadores oficiais e encartados!…

  89. Confrade permalink
    29 Maio, 2009 18:04

    omete onde?

  90. melusine permalink
    29 Maio, 2009 18:21

    Agora é que foi. Já ometeu tudo…

    “:O?

  91. 29 Maio, 2009 18:29

    JM, “Fazer negócios ruinosos agora é crime?”; “Crime porquê? Um empresário não pode fazer negócios ruinosos?”

    Claro que pode fazer negócios ruinosos… desde que não prejudique os seus clientes, as pessoas que para ele trabalham ou o país… seja no branqueamento de capitais, na fuga ao fisco, ou ao atirar a empresa para um processo de falência mais ou menos fraudulento em que mais uma vez é o ESTADO, que tanto critica, que vem aparar as consequências das operações ruinosas e pagar muitos meses de subsídio de desemprego aos trabalhadores dessas empresas… é assim que se assiste a muita falta de responsabilidade na responsabilidade que essa gente tem também na dívida pública!

    e este parágrafo dum artigo do DN resume a situação da responsabilidade que têm as figuras de topo e accionistas do BPN:

    “O valor da factura decorrente da nacionalização ainda é desconhecido, mas pelas contas actuais já rondará os dois mil milhões de euros, o que significa um custo de 200 euros por cada cidadão residente. Mas, como lembrou Oliveira e Costa, uma imparidade não é necessariamente um prejuízo no futuro. Por isso, quando este processo terminar os contribuintes merecem saber, até ao cêntimo, onde é que foi gasto o dinheiro perdido do BPN.”

    daqui: http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?channelid=00000093-0000-0000-0000-000000000093&contentid=C2AC2EC5-A6A8-4B0C-977F-4C514359DA7C

    se isto não é crime, para não falar do branqueamento de dinheiro e fuga ao fisco que foi moeda corrente no BPN, o que será então?

    não há pachorra, para os seus branqueamentos selectivos, João Miranda!…

  92. OLP permalink
    29 Maio, 2009 18:32

    Cultura cívica mesmos caros é o que falta…………. aos outros, sempre aos outros.
    Há alguma estampilha por aí que possa vender ao cromo da colecção essa tal de cultura cívica?

  93. açoriano permalink
    29 Maio, 2009 18:37

    #62 João Miranda
    “««Sim, podem ser e alguns são mesmo crimes graves.»»

    Crime porquê? Um empresário não pode fazer negócios ruinosos?”

    O Dias Loureiro não era empresário mas sim administrador, vê o pormenor. Existe responsabilidade criminal, patrimonial e solidária pelos actos de gestão se forem ruinosos, ilegais e/ou fraudulentos para o Estado, accionistas, clientes e funcionários.
    Quando é para os bónus e os ordenados milionários está tudo bem, mas para esse tipo de gestão há a nomeação para conselheiro de Estado.

  94. 29 Maio, 2009 18:40

    mesquita

    Quantas postas vai escrever sobre o assunto.
    Qual o tamanho/destaque das mesmas.
    É MUITO IMPORTANTE QUE RESPONDA A ESTAS QUESTÕES.”

    Nenhuma. A resposta que o sapiênte iluminado comedor dos nossos impostos dar-lhe-à este tipo de resposta:

    “Não espere que eu lhe escreva posts a pedido. Isto não é um programa de discos pedidos. Sou eu que decido o que escrevo.”

  95. 29 Maio, 2009 18:44

    “Fazer negócios ruinosos agora é crime?”; “Crime porquê? Um empresário não pode fazer negócios ruinosos?”

    Pode desde que seja com o seu dinheiro. Não com dinheiro dos nossos impostos. Que não sejam os contribuintes a pagar as farras destes senhores.

  96. 29 Maio, 2009 18:47

    já sei, têm toda a razão, é omite e não omete, mas isto de ser bilingue francês/português em que o francês é dominante, levou-me a empregar o “e” do omettre… mas não é razão para dar uma tão grande importância a um detalhe tão insignificante!… tá?

  97. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 18:48

    ««Pode desde que seja com o seu dinheiro. Não com dinheiro dos nossos impostos.»»

    Não sabia que o BPN cobrava impostos.

  98. 29 Maio, 2009 18:52

    Pois é quem é que vai pagar o buraco do BPN? Não será o estadop? E o estado quem é? não seremos todos nÓs os que pagamos impostos? Os que não pagam são parazitas em 95% dos casos.

  99. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 18:52

    ««O Dias Loureiro não era empresário mas sim administrador, vê o pormenor. Existe responsabilidade criminal, patrimonial e solidária pelos actos de gestão se forem ruinosos, ilegais e/ou fraudulentos para o Estado, accionistas, clientes e funcionários.»»

    Falta provar isso tudo. Alegar que o negócio foi ruinoso não chega. E é preciso que os lesados se queixem. Nunca se queixaram.

  100. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 18:55

    ««Claro que pode fazer negócios ruinosos… desde que não prejudique os seus clientes, as pessoas que para ele trabalham ou o país»»

    Lamento, mas é da natureza dos negócios que as empresas vão à falência. O que pode prejudicar clientes, empregados e o país. Continua a não ser crime. Há empresas a ir à falência todos os dias por causa de negócios ruinosos. Milhares de pessoas são prejudicadas. Mas não é crime. Incrível, não?

  101. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 18:57

    ««e este parágrafo dum artigo do DN resume a situação da responsabilidade que têm as figuras de topo e accionistas do BPN:»»

    Lamento, mas a opção de nacionalizar foi do governo. Não foi dos administradores do BPN. Numa situação normal, o banco iria à falência. Quem foi accionista ou emprestou dinheiro seria responsabilizado por essas opções. O contribuinte só é lesado por opção do governo.

  102. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 19:00

    ««não vai agora dizer-me que desconhece isto:»»

    O que é que isso prova exactamente? Que existem uns papeis sobre os negócios de Porto Rico? É normal. Nada que desminta o que escrevi no post.

  103. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 19:03

    ««Só Cavaco e o próprio CE podiam demitir Dias Loureiro,»»

    Isso é falso. Um conselheiro de estado não pode ser demitido.

    ««O Presidente da República não pode demitir o PM sem dissolver o parlamento ou o governo… »»

    O que implica (basta usar um bocadinho de lógica) que o Presidente da República pode demitir Sócrates, ainda por cima por dois métodos diferentes.

  104. Boymerang permalink
    29 Maio, 2009 19:04

    Tanto Socrates como Dias loureiro estao de consciencia tranquila, o mesmo ‘e dizer que estao inocentes. Nao obstante, tanto Socrates como Loureiro apresntaram a sua demissao. Acontece que Cavaco so aceitou a demissao de Loureiro. Impoe-se a pergunta: Porque Cavaco nao aceitou a demissao de Socrates?

  105. Boymerang permalink
    29 Maio, 2009 19:06

    Pois’e!! Cavaco sabia que a antecipacao das eleicoes beneficiava Socrates, por isso nao acetou o pedido de demissao. A verdade ‘e que agora, com Socrates a ser frito em lume brando, a maioria absoluta j’a era. Cavaco sabe-a toda.

  106. JoaoMiranda permalink*
    29 Maio, 2009 19:07

    ««Há documentos que mostram que Dias Loureiro mentiu.»»

    Será crime mentir? É isso de que o acusam? Mentir? Fraquito.

    ««Há algum documento que mostre que Sócrates está envolvido no Freeport?»»

    Não foi o Ministério do Ambiente que aprovou o Freeport?

  107. Boymerang permalink
    29 Maio, 2009 19:11

    Resta acrescentar que no pedido de demisao, Sócrates alegou que desempenhava funções públicas num cargo de muito poder e alto risco para o sistema, mas nem isso foi sduficiente para demover Cavaco. Em suma, o Joao Miranda nao sabe o que diz.

  108. 29 Maio, 2009 20:25

    Interessante quadro. Alguem me explica que se pode concluir do mesmo? O sokas é sério? Porque ri pouco? Ahn? Não ri tão pouco como isso? Alguem me esclareça… Boymerang? Açoriano? Zirbelino? Piscoiso?

  109. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 20:55

    #108 – “Não foi o Ministério do Ambiente que aprovou o Freeport?”
    e isso é crime? se calhar era competência tua.

  110. 29 Maio, 2009 21:05

    82,

    vc é, afinal e mesmo, um patetinha.
    E os outros comentadores favoráveis ao post, também ‘lambem as botas’ ?
    E logo eu, a ‘lamber as botas’ a Mr. JMiranda ….

  111. ordralfabetix permalink
    29 Maio, 2009 21:22

    http://www.parlamento.pt/ComissoesAR/Paginas/default.aspx

    http://www.tradulinguas.com/legis2.html

    Administração danosa é crime? Sim. É um dos crimes imputados a Oliveira e Costa.

    http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=66A23783-28E9-4679-958D-63F1644CFFB2&channelid=00000090-0000-0000-0000-000000000090

    Branqueamento de capitais e fuga ao fisco é crime? Sim.

    Fraquito, JM, muito fraquito mesmo.

  112. ordralfabetix permalink
    29 Maio, 2009 21:25

    Errata:

    Em 101, 102 e 108 JM revela alguma (eufemismo, leia-se confrangedora) ignorância.

    Mentir em Comissão Parlamentar é crime? Sim.

    http://www.parlamento.pt/ComissoesAR/Paginas/default.aspx

    http://www.parlamento.pt/ComissoesAR/Paginas/default.aspx

    http://www.tradulinguas.com/legis2.html

    Administração danosa é crime? Sim. É um dos crimes imputados a Oliveira e Costa.

    http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?contentid=66A23783-28E9-4679-958D-63F1644CFFB2&channelid=00000090-0000-0000-0000-000000000090

    Branqueamento de capitais e fuga ao fisco é crime? Sim.

    Fraquito, JM, muito fraquito mesmo.

  113. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 21:27

    JM, GENIAL!

    Só uma grande orquestra bem orquestrada ( que incluí inúmeros desmentidos de quem tem o dever de investigar e estar calado…) pode inculcar na opinião pública que a malta do BPN são vigaristas (entre privados)e que os “negócios” públicos que se sabe são muito, muito sérios.

    E há uns bois a olhar para palácios que acreditam…

  114. Anónimo permalink
    29 Maio, 2009 21:37

    #114-
    O Zézito já explicou porque fez aprovar o tal Decreto nos dias D?

    Que desse modo favoreceu a possibilidade de construir omde era proibido?

    As compras de casas/mãe/primo/tio, etc…….

    Por que razão o $$$ anda fugido sabe-se lá por onde? Se é tudo sério, como se compreende a necessidade de investigar o caminho do $$$ lá fora???

    Por que razão o LMota-foge-fatinha teve um “almoço de amigos” para falar do Zézito?

    O que tinha a ver o LMota-Eurojust com o Freeport???

    Por que razão a comunicação com as autoridades UK tem de passar ao lado do Eurojust???

    Será que é para o LMota-foge-fatinha não saber e informar-bufo-violar segredo de justiça os “amigos???

    A sua cabeça já pôs os poucos neurónios a funcionar?
    já percebeu a realidade?

  115. ordralfabetix permalink
    29 Maio, 2009 21:45

    “A sua cabeça já pôs os poucos neurónios a funcionar?
    já percebeu a realidade?”

    Caro anónimo 116:

    Felizmente uso muitos neurónios todos os dias. E já agora sinapses e axónios. Porque só neurónis não chega. Mas realmente não são preciso muitos para perceber que Sócrates não é inocente. Como já (aqui) escrevi inúmeras vezes.

    O anónimo 116 é que, toldado o pensamento por alguma clubite partidária (porque certamente transborda neurónios e sinapses)consegue ler o que não está escrito em lado algum.

  116. Pifas permalink
    29 Maio, 2009 22:27

    KSSSSs, KSSSSss!

  117. A. R permalink
    29 Maio, 2009 23:07

    Ora assim é que é falar. Dois pesos e duas medidas: faz lembrar o Baltazar Garzon.

  118. Paulo Nunes permalink
    29 Maio, 2009 23:13

    Já que se fala em dinheiros do estado…

    Porque é que o governo (PS) comprou um terreno de 26.000 m2 (com dinheiro dos contribuintes) para oferecer à J.P Sá Couto para ampliação de instalações?

  119. Libertas permalink
    29 Maio, 2009 23:23

    muito bem

  120. 30 Maio, 2009 00:14

    # 120

    Dia a dia, a total falta de pouca vergonha aumenta …

    Legalizou-se a corrupção …

  121. Confrade permalink
    30 Maio, 2009 00:25

    e-ko era brincadeira , não leve a sério, aliás aqui pelo nosso reino nada deve – nada é – ser levado a sério

  122. 30 Maio, 2009 00:26

    Este pessoal continua a brincar aos julgamentos.

  123. 30 Maio, 2009 00:41

    Concordo com o que disse um anónimo:

    A demissão de Dias Loureiro é irrelevante.
    A demissão de Sócrates teria consequências políticas de fundo.
    Claro que têm que ter pressupostos e procedimentos diferentes.

    Muito enviesado, caro JM…

    Se querem destronar Sócrates, ganhem-lhe nas urnas!

  124. 30 Maio, 2009 00:42

    Confrade,

    ó pá, claro que não é pra levar a sério… bem basta o que essa gente a sério, e tão séria, faz ao dinheiro dos outros e às contas públicas de forma tão leviana!… não?

  125. tapaporos permalink
    30 Maio, 2009 01:17

    Pois claro, a tabela é muito gira. Pena que confunda a realidade com a ficção, como já foi anteriormente comentado. Pois, confunde os factos com os desejos.

    Pois, o buraco de dois mil milhões do bpn é bem real e ninguém contesta enquanto as supostas luvas para aprovação do freeport, nem sequer há certeza que tenham desaparecido. Pois, no bpn existem dezenas de documentos que levantam suspeitas de crimes e certezas quanto às causas do desaparecimento dos depósitos, enquanto no freeport não há, que se saiba, uma única irregularidade no licenciamento.

    Entre freeport e bpn, o difícil é ver semelhanças. Nem sequer é uma questão de crimes que está em causa. Pelo menos até ao momento. Senão vejamos:
    o Dias Loureiro foi escolhido e, portanto, esteve até agora a pôr em causa quem o escolheu;
    o primeiro ministro foi eleito e, vá-se lá saber porquê, continua a ter a maioria a seu favor :)
    o conselheiro de estado foi acumulando contradições que entretanto roçaram a mentira;
    os portugueses ainda não conhecem uma única contradição do primeiro ministro no caso freeport;

    Portanto, neste post temos muito wishful thinking e sobretudo pânico devido às últimas sondagens. Afinal, e pelos vistos, o desespero está na direita que continua a meter os pés pelas mãos.

    E mais havia quem previsse estar aí uma nova geração super-intelectual da direita portuguesa. Onde?… E escusam de vir com moralidades!

    O JMiranda gostava que o governo tivesse deixado cair o bpn para poder malhar com força. Mas não teve essa sorte.

  126. 30 Maio, 2009 02:41

    A comparação não faz sentido nenhum. O Dias Loureiro é um vigarista e o facto de não ter sido eleito não lhe tira essa qualificação. Que ele é um vigarista está mais do que provado com documentos e testemunhos, inclusive o dele (“não me lembro de ter assinado um contrato de 50 milhões”; por amor de deus!)
    O Socrates está a ser acusado de corrupção, que não é a mesma coisa que vigarice (apesar de igualmente condenável), mas até agora as provas são circunstanciais. Muitas circunstâncias, de facto, mas nada de concreto.
    Pessoalmente acho que os dois agiram reprovavelmente (porque é que Sócrates, quando o tio lhe falou que havia marosca nos licenciamentos do Freeport, não comunicou à Procuradoria?) mas não são comparáveis.

  127. 30 Maio, 2009 10:12

    É a Glória.
    Este apontamento é hoje citado por José Manuel Fernandes no Público.

  128. Anónimo permalink
    30 Maio, 2009 10:19

    #128 – vai atrasado, aquilo está para fechar. podiam ter publicado os comentários. fica para a próxima, se houver.

  129. ordralfabetix permalink
    30 Maio, 2009 12:30

    “Porque é que o governo (PS) comprou um terreno de 26.000 m2 (com dinheiro dos contribuintes) para oferecer à J.P Sá Couto para ampliação de instalações?”

    Tanto erro em 3 linhas apenas

    1, Não foi o Governo. Foi a Câmara.
    2.Não comprou. Era propriedade da Câmara.
    2.Não ofereceu. Concessionou o terreno por um período limitado notempo. E em caso de incumprimento da empresa esta perde a concessão.

    O que ganha a Câmara? Investimento e produção de riqueza no seu concelho. E terá retorno com os impostos que a empresa pagar.

    Este procedimento é comum. Quando da instalação da Siemens em Vila do Conde lembro-me bem da guerra que houve entre este municipio e a Maia. Todos ofereciam terrenos para que a empresa se instalasse por lá.

    Por isso isto é notícia porquê? Porque a empresa produz Magalhães. E quando se fala em Magalhães há muita gente que se lembre sde um pateta de cabelo grisalho a vender Magallanes em san Salvador.

  130. Confrade permalink
    30 Maio, 2009 15:47

    #130

    “Pela primeira vez, a Câmara de Matosinhos decide directamente disponibilizar dinheiros públicos para financiar uma empresa, logo, beneficiando-a perante as restantes. Esta Câmara Municipal de Matosinhos que conseguiu assistir impávida ao encerramento de centenas de Pequenas e Médias Empresas nos últimos quatro anos sem considerar qualquer ajuda ou medidas o plano económico para alavancar o seu funcionamento”, afirmou José Pedro Rodrigues.
    A bancada da CDU chamou ainda a atenção para o facto de a autarquia não ter “este terreno para oferecer à Empresa Sá Couto. E como não tem, vai endividar-se – e endividar os matosinhenses – para o comprar e oferecê-lo à empresa”.

    E magalhães na escola dos meu filhos? ainda nao vi nada…

  131. Confrade permalink
    30 Maio, 2009 15:48

    estamos em campanha não é? Voto? Só no CDS é que vale a pena!

  132. 30 Maio, 2009 17:35

    Após ter lido com muita paciência os 133 comentários que aqui se encontram, só me resta concluir que efectivamente nós somos um povo que até se interessa “desapaixonadamente” pelos assuntos, bons ou maus, que acontecem no nosso País. Neste caso concreto trata-se de assuntos maus tais como, roubalheiras, corrupção, bancos, falências, utilização dos meus impostos para cobrir despesas de vigaristas, conselheiros de estado, presidentes de república, amigos, primeiros ministros, demissões, constituição, etc. Como português só digo uma coisa. Não é nada que o povo já não soubesse. A democracia é mesmo assim. Funciona muitas das vezes como uma família pobre. “Não há pão…todos ralham e nenhum de nós tem razão”. Se por acaso o raio do Dec-Lei 353/73 não tem saído, se calhar não estaráiamos a falar destes actores.

    ALGUÉM ACREDITA QUE TUDO ISTO SE PASSA POR ACASO ?

    NUM PAÍS ONDE TODOS OS DIAS O POVO PORTUGUÊS SE DEPARA COM NOTÍCIAS QUE EM NADA ABONAM UMA VERDADEIRA DEMOCRACIA.

    FOI PARA ISTO QUE O POVO APROVEITOU A BOLEIA DOS MILITARES AQUANDO ESTES SE REVOLTARAM EM 1974 CONTRA A DECISÃO DO GOVERNO À DATA ( Decreto-Lei 353/73 )

    13 de Julho de 1973
    Decreto-lei aprovado por Sá Viana Rebelo, ministro do Exército, que procurava fazer face à escassez de capitães dos quadros permanentes.
    Funcionou como autêntico detonador para a contestação que, após rápida e profunda evolução, levaria ao 25 de Abril de 1974.
    Bem, mas é bom passarmos o tempo a dizer isto, aquilo aquele outro porque até vamos desabafando mas com a certeza que não leva a lado nenhum.
    A talho de foice, não sou diferente dos demais, até gosto de me distrair no meu blogue, colocando por vezes coisas que no meu entender servirão para mera distracção para mi e para quem as lê.
    Continuem sempre assim, estamos vivos…

  133. ordralfabetix permalink
    31 Maio, 2009 03:08

    1. Quanto pagou a Ikea pelo terreno da fábrica de Paços Ferreira?

    2. A Câmara de Vila do Conde alterou o PDM para que em reserva agrícola fossem construídas a Siemens (depois Qimonda), Nassica e Lactogal.

    3. A Câmara Municipal de Figueira de Castelo Rodrigo tem um programa de incentivo à fixação de empresas na zona industrial local, com a atribuição de um subsídio de mil euros por cada posto de trabalho criado.

    4. A Câmara de Bragança publicita terrenos industriais a preço simbólico. Tal como a da Covilhã e a das Caldas da Raínha.

    5. A Câmara de mangualde ameaçou expropriar terrenos para depois os vender à Citroen. Por um preço mais baixo do que pretendiam os proprietários.

  134. Alguém permalink
    31 Maio, 2009 12:19

    “Piscoiso disse
    29 Maio, 2009 às 11:26 am
    “Nenhuma autoridade estrangeira está a investigar Dias Loureiro.”

    eheheh
    como é que sabe?”

    Porque em Portugal tudo se sabe. E quando não se sabe, inventa-se. Se Dias Loureiro estivesse a ser investigado no estrangeiro acha que não se sabia? E mesmo que não queiramos saber, há sempre um fulano ou fulana no café a falar alto.

  135. Cavalinho permalink
    31 Maio, 2009 23:13

    #137#
    ordralfabetix
    Quanto pagou a Ikea pelo terreno da fábrica de Paços Ferreira?

    Quantos milhões gastou a C de Paços de Ferreira para que a IKEA lá fosse instalada?
    Quantos empregos foram criados para os habitantes do concelho?
    Qual o buraco financeiro que esssa camara tem?
    Quanto é que a camara vai receber de impostos durante o tempo que lá se mantiver?
    Os senhores do PPD sempre estiveram à frente desse município.
    O tem feito a camara pelos milhares de pequenas e microempresas desse concelho?
    Quem tiver curiosidade e interesse, tente informar-se.
    Claro que o João Miranda vai mandar isso ás malvas. O que interessa é enterrar o Sócrates.

  136. zirpelino permalink
    1 Junho, 2009 15:15

    SÓ AGORA VOLTEI A ESTE POST.
    jm NÃO RESPONDEU ÀS MINHAS QUESTÕES. NÃO É POR ACASO. NÃO PODE, PORQUE SÓ GOSTA É DE SOUND BYTES. NADA DE ARGUMENTOS SÉRIOS. DESDE QUE SEJA PRA ATACAR O GOVERNO, OU MELHOR SÓCRATES VALE TUDO. AGORA PRA O PSD USA A ESPONJA. NÃO VALE A PENA PERDER TEMPO CONSIGO. ADEUS.

  137. Afonso permalink
    5 Julho, 2009 00:09

    Dias Loureiro é arguido devido a caso de Porto Rico. Engole !!!

  138. Maria** permalink
    19 Fevereiro, 2010 06:32

    ora aqui está algo que deveria ter sido escrito aquando das tropelias do sr dias loureiro , mas que se calhar na altura não dava jeito escrever.

    http://apombalivre.blogspot.com/2010/02/ora-aqui-esta-algo-que-deveria-ter-sido.html

Trackbacks

  1. Pequenas diferenças comportamentais entre amigos « A penúltima gota…
  2. Falta de vergonha socialista (3) « O Insurgente
  3. Por favor, falem mais do Freeport at Aspirina B

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 34.863 outros seguidores

%d bloggers like this: