Saltar para o conteúdo

Se não é de esquerda tem de ser ‘babe’

2 Setembro, 2008
by

Primeiro demandam, quase exigem, que as mulheres façam política ao mais alto nível. Querem percentagens, lugares marcados e que as alas se abram para a sua entrada em cena. Depois, percebe-se que esse desejo, afinal, não tem por objecto as mulheres – apenas aquelas que estão formatadas nos mesmos parâmetros.
Quando a esquerda bem-pensante é ultrapassada no seu querido pioneirismo quanto à escolha de pessoas do sexo feminino para lugares de topo na actividade política, só encontram defeitos.
E não se trata de um apoucamento qualquer: leiam bem esta prosa tão sintomática. Apreendam o desdém que a Governadora Palin aí recebe apenas por ser quem é: mãe, política que não cursou as lutas da geração ‘certa’, feminina (sem ‘ismos’) e… bonita. Este texto, caso fosse escrito por um homem daria origem a uma chuva de impropérios por parte de quem o originou. Assim, como vem de quem vem, pretende passar por uma lição sobre aquilo que as mulheres podem ou não podem ser na política.
A conclusão a retirar disto não é estranha na história das mulheres: trata-se de lhes impor condutas, normas comportamentais, dizer às mulheres o que podem dizer ou fazer, vestir ou aparecer. Caso contrário, as Anas Gomes deste mundo darão a severa sentença. No fundo, é a versão pós-moderna do velho ‘obedeçam ou levam’.

139 comentários leave one →
  1. orabolas permalink
    2 Setembro, 2008 13:20

    Se a inveja fosse tinha, havia muito careca…

    Gostar

  2. 2 Setembro, 2008 13:23

    Oh porra! mas o texto é apenas factual.

    Gostar

  3. 2 Setembro, 2008 13:29

    Texto perfeito.
    Por acaso, por cá, também já houve qualquer coisa do género com Teresa Caeiro.

    Gostar

  4. 2 Setembro, 2008 13:31

    Nem mais CAA. O ataque pessoal é realmente o melhor dos atalhos na política.

    Gostar

  5. 2 Setembro, 2008 13:34

    A questão do visual, não é despicienda na política actual. Tivesse a Ferreira Leite aquele aspeito e outro galo laranja cantaria.

    Gostar

  6. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 13:38

    Corta, corta, CAA, que o teu cortar tem graça…
    No tempo da outra senhora, terias emprego garantido.

    Gostar

  7. 2 Setembro, 2008 13:39

    Por acaso o Piscoiso atrapalhou-me um pouco com o caso Ferreira Leite.
    Embora, no meu ponto de vista, o problema da Dama do Silêncio, não seja tanto a sua feiura mas o seu ar mal-disposto com a vida.

    Gostar

  8. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 13:43

    A ordinarice não tem limites, pelos vistos.

    Gostar

  9. Luis Moreira permalink
    2 Setembro, 2008 13:53

    É pá, a Ana Gomes está cheia de ciúmes com a lasca !Mas que me parece uma má escolha,parece!

    Gostar

  10. caramelo permalink
    2 Setembro, 2008 14:02

    Este post só se percebe pela imbirração particular do CAA pela Ana Gomes. A Ana Gomes limitou-se, de forma sarcástica, a dizer que a Palin não tem grande coisa que a qualifique para a vice-presidência dos Estados Unidos, para além da luta contra a corrupção ao nível paroquial do Alaska (e a tarefa de uma vice presidente não é exactamente esse) e para além do seu ar de “bibliotecária sexy” (a expressão não é minha e espero não estar a ser demasiado politicamente incorrecto para com a santinha) e da sua aura de modelo familiar de mãe com cinco filhos e um com sindrome de down e que ainda tem tempo de cumprir com a all great american tradition de atirar aos ursos e veados.
    Enfim, é a candidata de que gosta muito a nossa “direita mais estúpida da europa”, diria o CAA. Mas como foi a Ana Gomes… e agora é tempo de cerrar fileiras à volta dos candidatos republicanos, sejam eles quem forem.

    Gostar

  11. Fulano permalink
    2 Setembro, 2008 14:05

    O engraçado da história, é q parece q tanto a capa da vogue como a história do bébé são montagens…

    Gostar

  12. Verdete permalink
    2 Setembro, 2008 14:08

    Segundo a CNN, parece que os evangélicos, que estavam de pé atrás com McCain, se renderam à senhora. Pormenor importante, se nos lembrarmos que foi aí que Bush foi buscar a vitória, em 2004.

    Gostar

  13. Bonifácio permalink
    2 Setembro, 2008 14:21

    “A Ana Gomes limitou-se, de forma sarcástica, a dizer que a Palin não tem grande coisa que a qualifique para a vice-presidência dos Estados Unidos, para além da luta contra a corrupção ao nível paroquial do Alaska”.
    Quanta falta não faz a lógica!
    A senhora Palin tem seis anos de experiência em cargos executivos, incluindo o governo do Alaska. Não digo que ela é muito qualificada, mas o senhor Obama não chegou a ser senador por seis meses e possui como única experiência profissional o trabalho numa ONG.
    Mas por alguma razão misteriosa ele tem qualificações para ser presidente americano. Já ela não possui para ser uma vice-presidente.

    Gostar

  14. rxc permalink
    2 Setembro, 2008 14:33

    “We’re the ones with the babe on the ticket.”
    Parece que o Rush Limbaugh não se importa de lhe chamar “babe” também. Será que virou para a esquerda?

    Gostar

  15. 2 Setembro, 2008 14:35

    Ali o Fulano disse uma coisa engraçada. Por acaso, da primeira vez que vi a foto da capa achei que era uma montagem. Será?

    Gostar

  16. Gabriel Silva permalink*
    2 Setembro, 2008 14:36

    Tiago,
    ver os links de https://blasfemias.net/2008/09/02/a-fotografia/

    Gostar

  17. caramelo permalink
    2 Setembro, 2008 14:37

    Ó Bonifácio, onde é que foi buscar os seus dados sobre a carreira profissional e politica do Obama?

    Gostar

  18. Sem Anestesia permalink
    2 Setembro, 2008 14:43

    Estou ligeiramente estupefacto …

    Coloquei um comentário neste post: https://blasfemias.net/2008/09/02/a-fotografia/

    E agora já lá não o encontro. Foi censurado?
    A única pista que me indica que o comentário chegou a estar lá, foi o comentário #3 a esse mesmo post, que se refere a um circo de pulgas; e o meu comentário envolvia precisamente a palavra “circo”.

    É defeito ou foi feitio?

    Eu não disse em que parte do circo deveria ser AG procurada …

    Gostar

  19. Sem Anestesia permalink
    2 Setembro, 2008 14:44

    O meu comentário foi (second try)

    “Se Ana Gomes não existisse, teria que ser procurada num circo”

    E alguém comentou na entrada #4 (e não #3) “Só se fosse num circo de pulgas”

    Por isso, ou o meu comentário foi removido (já depois da entrada #4) ou desapareceu algures.

    Gostar

  20. zeca permalink
    2 Setembro, 2008 14:55

    Obama tem carreira,mas não profissional

    Gostar

  21. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 15:00

    Zeca:

    “Obama tem carreira,mas não profissional”.

    Deve ser carreira de tiro.

    Gostar

  22. Winston Smith permalink
    2 Setembro, 2008 15:07

    ” Este texto, caso fosse escrito por um homem ”

    Mas Ana Gomes não é um homem?!…

    Gostar

  23. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 15:09

    A rir às valentes gargalhadas. Com que entao agora acham mal… desta vez já se incomodam. Os desmandos contra a bela ministra da defesa espanhola nao vos incomodou, pelo contrário até este blog se juntou à paródia.

    Isto é mesmo uma clubite despegada. Esta coisa d apolítica é mesmo horrível. Se a Palin fosse de “esquerda” o blasfémias era primeiro a atacar… lol

    Gostar

  24. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 15:11

    é Ana Gomes cotra Palin, e Helena Matos e Joso Miranda contra as ministras espanholas. A politiquice é uma gargalhada.

    Gostar

  25. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 15:18

    Já viram fotos de McCain quando jovem? Nao esquecer que ele era mesmo um homem bonito, tipo estela de hollywood. Nao esquecer que continua ser um concurso de beleza. Suponho até que em primeiro lugar para McCain estará a beleza. Nao deve gostar de o seu opositor ser na verdade mais atraente actualmente. Se ele fosse mais novo teria a seu favor a imagem. Ele quando novo era muito mais bonito que Obama. McCain era um icone da beleza.

    Gostar

  26. caramelo permalink
    2 Setembro, 2008 15:19

    “Obama tem carreira,mas não profissional”.

    Ó CAA, você sabia que o ensino e a advocacia não contam para a carreira profissional? Diz o Zeca.

    Gostar

  27. 2 Setembro, 2008 15:22

    Desde que a Ana Gomes disse numa entrevista que quando trabalhava no Ministério, ia à hora de almoço, fazer nudismo para o Meco. Está tudo escrito e dito, sobre a “musa”!

    Quanto à experiência de Palin é identica à de Obama (ela 2 anos como Governadora do Alaska, ele 2 anos como Senador pelo Illinois).

    Aliás, depois de George W., a América parece estar mais fuked, do que agora, pois sempre tinha gente “dura”, mas entrosada no sistema.

    Mas, descansem os “idealistas” europeus, que a América limpará o sistema, caso seja necessário!

    E por alguma razão, Buffett, Soros e afins, apoiam Obama.

    Gostar

  28. Minhoto permalink
    2 Setembro, 2008 15:25

    “não seja tanto a sua feiura ” diz o CAA, que falta de chá. Isso nunca se diz de uma mulher muito menos de uma senhora, apesar de o CAA ser um Adônis. Ó CAA é verdade que as suas maminhas vão servir de molde para a nova estátua da Républica?

    Gostar

  29. ordralfabeletix permalink
    2 Setembro, 2008 15:28

    A Thatcher nao era babe. A Merkel não é babe. Serão de esquerda?
    Por outro lado a Segoléne era babe. A Ana Drago é babe.Serão de direita?

    Gostar

  30. toni permalink
    2 Setembro, 2008 15:32

    em causa está o pseudo-argumento em relaçao à capa revista Vogue – a imagem é uma montagem do photoshop.

    Gostar

  31. Mialgia de Esforço permalink
    2 Setembro, 2008 15:46

    É o reflexo da falta de óleo nas pregas e dobradiças.

    Gostar

  32. Pi-Erre permalink
    2 Setembro, 2008 15:47

    Quando é que o Blasfémias estabelece uma quota para mulheres aqui na caixa de comentários?
    É que não se vê por cá nenhuma.

    Gostar

  33. Carlos III permalink
    2 Setembro, 2008 15:47

    Ana Gomes e Sarah Palin: se eu fosse escolher em termos políticos, teria dificuldades. Agora se fosse para um “tour” turístico, acampando nas floresta e montanhas do Alaska, talves preferisse a AG. Dixem que as noites por lá são frescas…

    Gostar

  34. 2 Setembro, 2008 15:52

    Já não se pode ser política e feminina ao mesmo tempo.
    No entanto, este texto de AG só acontece porque vivemos numa sociedade conservadora em que a mulher tem que seguir um determinado padrão para se poder afirmar politicamente, aos olhos dos homens e das próprias mulheres, na sua grande maioria.
    É curioso como a “facção” de esquerda do partido socialista se identifica ideologicamente, por vezes, muito mais com o nacional-socialismo do que propriamente com os princípios ideológicos que estiveram na base da sua formação doutrinária.
    Por ex., em certos casos, a conduta política de Mário Soares é, quanto a mim, o exemplo vivo disso mesmo.

    Gostar

  35. 2 Setembro, 2008 15:56

    CAA, muito sinceramente, consideras que a Palin foi escolhida por que motivo?
    Na CNN, sempre que entrevistavam alguém das hostes republicanos, todos muito felizes e radiantes com a escolha, uma das virtudes que sempre apontavam à senhora era o facto de ela ser caçadora (?!?). Caçadora. Ora quando há tão pouco a dizer a respeito do CV de alguém que tem de se estar sempre a frisar que ela é caçadora e membro da National Rifle Association…
    Penso que as acusações que fazes à Ana Gomes estão, essencialmente, erradas. Achas que se a Condoleeza Rice tivesse sido a escolhida que a Ana Gomes escreveria o mesmo tipo de texto? Com certeza que a criticaria imenso, dado que ela é uma face visível das políticas de Bush, mas não acredito que a tratasse com o desdém que dá a quem não tem a mínima densidade política.
    Obviamente não ponho de parte a hipótese de a senhora se vir a revelar uma excelente política e uma governante fantástica. Mas reconheço que nunca tinha ouvido falar nela. Repito a pergunta. Que virtudes (e currículo) tem esta senhora que a eleve acima de todos os outros potenciais vice-presidentes? Que CV tão estonteante tem ela que leve McCain a escolhê-la sem praticamente a conhecer?

    Gostar

  36. ordralfabeletix permalink
    2 Setembro, 2008 16:05

    Dia 2 de Outubro em St Louis, Missouri vamos ver de que massa é feita a Sarh. No debate com Joe Biden.

    Gostar

  37. Mialgia de Esforço permalink
    2 Setembro, 2008 16:08

    Off topic

    Momentos Twilight Zone no Estádio da Luz:

    http://br.youtube.com/watch?v=C6hmq7xlQIY

    Gostar

  38. Pi-Erre permalink
    2 Setembro, 2008 16:11

    “Dia 2 de Outubro em St Louis, Missouri vamos ver de que massa é feita a Sarh.”

    Se ela for em bikini o Joe Biden fica arrumado.

    Gostar

  39. 2 Setembro, 2008 16:20

    LA-C,

    «CAA, muito sinceramente, consideras que a Palin foi escolhida por que motivo?»

    Por ter as qualidades que McCain lhe reconheceu. A que acrescem as que ela possui e os outros potenciais ‘vices’ não têm: tem boa imagem, é jovem (para a função) e transmite novidade à candidatura republicana. Outros poderiam ser um esforço de segurar algum voto conservador que detesta McCain: mas, por exemplo, o Mike Huckabee parece ser politicamente execrável e Mitt Romney é mormon (já ouvi norte-americanos muito preocupados com este facto que para nós, europeus, nada significa, e ainda bem) e pouca diferença importante faria do candidato escolhido.

    A mensagem para ganhar em Novembro é a de McCain. Tem de tentar segurar os votos de Bush de há 4 anos e ganhar nos desgostosos com a retórica vazia de Obama, à sua esquerda. O seu grande adversário é a sua idade e as suas fragilidades físicas- Palin é um excelente complemento como quase sempre os candidatos a ‘vices’ o tentam ser.

    Quanto à tão falada ‘inexperiência’ não percebo bem: como sabes bem melhor do que eu, o cargo de governador é muito importante nos EUA. Dizem que o Alaska não é importante. Não é a California nem N. York, é certo. Mas Clinton ganhou e só tinha sido governador do Arkansas…

    Gostar

  40. Pi-Erre permalink
    2 Setembro, 2008 16:26

    E o Presidente Bush lá conseguiu dominar o furacão Gustav…

    Gostar

  41. 2 Setembro, 2008 16:34

    “Por ter as qualidades que McCain lhe reconheceu. A que acrescem as que ela possui e os outros potenciais ‘vices’ não têm: tem boa imagem, é jovem (para a função) e transmite novidade à candidatura republicana.”

    Bem, vamos ver. A mim parece-me que a própria Palin, no seu discurso de aceitação, quase que assumiu que foi escolhida com o único objectivo de ir buscar os eleitores que queriam votar à viva força numa mulher e que ficaram sem a hipótese de votar em Clinton.

    Bem vamos ver, como isto vai decorrer. O que dizes em relação a Bill Clinton ter sido acusado de inexperiência é verdade. Mas parece-me que o Clinton só ganhou porque nesse ano havia uma carta fora do baralho (Ross Perot) que roubou muitos votos a George Bush (pai). Penso que sem esse factor, a inexperiência de Clinton teria arrasado as suas hipóteses de ganhar as eleições.

    Da parte que me toca, gostaria que o partido republicano tivesse nomeado a Condoleezza Rice à presidência. Uma eleição entre ela e Obama (ou entre ela e Clinton) seria algo de verdadeiramente apaixonante de seguir.

    Gostar

  42. Alberto Dias permalink
    2 Setembro, 2008 16:36

    Trata-se de uma “babe”, não há dúvida; foi escolhida por razões que pouco têm a ver com a sua carreira política, parece óbvio; um dos ataques a Obama vindo do GOP é o “star system” de que faria parte, coisa de que o Senador deixou de estar isento.
    A prose de Ana Gomes é tudo menos cretina, é um comentário de quem toma partido que pode não agradar a CAA mas não é mais insultuoso do que muitos com que ele nos brinda.
    Quanto à comparação de Teresa Caeiro com Palin…seja em que aspecto for, poupem-me!

    Gostar

  43. 2 Setembro, 2008 16:37

    “Não é a California nem N. York, é certo. Mas Clinton ganhou e só tinha sido governador do Arkansas…”

    Ora, se fosse possível um nascido na Áustria ser President of the USA, lá seria Arnold Schwarseneger….um europeu no comando do Império, quer horror!

    Gostar

  44. caramelo permalink
    2 Setembro, 2008 16:39

    Porque é que foi escolhida a Palin. “Por ter as qualidades que McCain lhe reconheceu”. Pois claro. Arrasador, este comentário do CAA. Ah, e também tem “boa imagem” e é jovem. Um fenómeno politico, essa Palin. Mas desconfio que a rapariga agradeceria outro tipo de elogios.

    Gostar

  45. 2 Setembro, 2008 16:40

    LA-C,

    «… a própria Palin, no seu discurso de aceitação, quase que assumiu que foi escolhida com o único objectivo de ir buscar os eleitores que queriam votar à viva força numa mulher e que ficaram sem a hipótese de votar em Clinton.»

    Mas esse é um aspecto que tem de ser considerado, também.
    Quanto ao seu conteúdo político, reservo os meus comentários para mais tarde.

    Gostar

  46. 2 Setembro, 2008 16:42

    «Mas parece-me que o Clinton só ganhou porque nesse ano havia uma carta fora do baralho (Ross Perot)…»

    Há quem diga – li num site americano qualquer há algum tempo – que Hillary é o Ross Perot de 2008 mesmo sem concorrer.
    Para além da retórica, não existe maior interessado(a) na vitória de McCain: questões de sobrevivência…

    Gostar

  47. 2 Setembro, 2008 16:46

    SFF passem por lá

    http://www.geometria-variavel.blogspot.com

    Tiago

    Obrigado

    Gostar

  48. ordralfabeletix permalink
    2 Setembro, 2008 16:46

    “A mensagem para ganhar em Novembro é a de McCain.”

    Tem de ser uma mensagem mesmo muito apelativa.

    CNN Poll of polls (média de todas as sondagens): Obama 49 McCain 44
    Gallup: Obama 49 McCain 43
    (Nesta mostra-se que com a convencao democrata os apoiantes de Hillary que votam em Obama passou de 70 para 81%)

    Mais ainda, no mapa da CNN diz-se que Obama tem garantidos 226 dos 270 eleitores necessarios para assegurar a eleicao. mas dos estados em que ha duvidas Obama tem larga vantagem em 4:

    Nevada: 49/44
    Missouri: 48/43
    Iowa:50/43
    Minnesota: 48/38

    Se ganhar nestes estados fica com 259, pelo que so precisa de ganhar num destes três: Florida, Ohio e Michigan, onde tem vantagens minimas nas sondagens).

    http://edition.cnn.com/ELECTION/2008/

    http://edition.cnn.com/2008/POLITICS/06/10/electoral.map/index.html

    http://edition.cnn.com/ELECTION/2008/map/polling/

    Ou McCain dá uma grande volta, ou as eleições são mesmo ganhas por Obama.

    Gostar

  49. caramelo permalink
    2 Setembro, 2008 16:48

    “Quanto ao seu conteúdo político, reservo os meus comentários para mais tarde.”

    CAA, sobretudo, nada de gozar com a Senhora, como fez a Ana Gomes, que até faz nudismo e tudo.

    Gostar

  50. ordralfabeletix permalink
    2 Setembro, 2008 16:50

    “o Clinton só ganhou porque nesse ano havia uma carta fora do baralho (Ross Perot) que roubou muitos votos a George Bush (pai).”
    Isso é o mesmo que dizer que o Bush só ganhou ao Gore e ao Kerry porque o Nader lhes roubou muitos votos.

    Gostar

  51. Luis Moreira permalink
    2 Setembro, 2008 16:53

    Tiago,como é que se abre uma conta? Fui lá ao teu Geometria Variável como fui a outros e fico sem saber! Não leves a mal pá,mas no meu tempo era com ardósia…

    Gostar

  52. ordralfabeletix permalink
    2 Setembro, 2008 16:54

    “A mensagem para ganhar em Novembro é a de McCain”

    Tem de ser uma mensagem mesmo muito apelativa. Vejam as últimas (1/9) sondagens:

    CNN: Obama 49 McCain 44 (média d etodas as sondagens nacionais)
    Gallup: Obama 49 McCain 43

    (Nesta mostra-se que após a convencao democrata os apoiantes de Hillary que votam em Obama passou de 70 para 81%)

    http://edition.cnn.com/ELECTION/2008/

    Mais ainda, no mapa da CNN diz-se que Obama tem garantidos 226 dos 270 eleitores necessarios para assegurar a eleicao. Mas nos estados em que há dúvidas Obama tem larga vantagem em 4:

    Nevada: 49/44
    Missouri: 48/43
    Iowa:50/43
    Minnesota: 48/38

    Se ganhar nestes estados fica com 259, pelo que so precisa de ganhar num destes três: Florida, Ohio e Michigan, onde tem vantagens minimas nas sondagens).

    Ou McCain dá uma grande volta, ou as eleições são mesmo ganhas por Obama.

    Gostar

  53. 2 Setembro, 2008 16:56

    Podemos em geral gostar de mulheres públicas no bom sentido, quando carismáticas, compenetradas e até competentes, com aquele rasgo e aquela firmeza que poucos homens pelo menos hoje em dia ostentam, a não ser Medvedev e Putin, grandes e musculados líderes. Em matéria de político-sexyvidade, Sarah Palin coloca Ana Gomes num plano nada lisonjeiro, mas goste-se ou não se goste, a sua escolha foi mais um passe hormonal numa campanha McCain ferida de hipocondríaco e laconismo-MFL. Também acho exagerado urdir o CAA a tese contra a incoerência das quotas de mulheres-na-política vs. babes do populismo-na-política. Mais preocupante é a ideia de uma gravidez fingida para ocultar outra gravidez real e alheia. Se isso for verdade, Sarah Palin soma, além da tal poíticosexyvidade, a prestidigitação e a manha de um Copperfield.

    PALAVROSSAVRVS REX

    Gostar

  54. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 17:06

    Of topic

    Olhem para este assalto. ACham isto normal? Será que este assalto é mesmo assalto ou é de alguma organizaçao politica? Isto nao é normal… tanto armamento para roubar dinheiro aos ocupantes de um carro! Parece que o objectivo é mais aterrorizar.
    Estou a ficar paranoico.. Se calhar é apenas paranoia. Mas nao me parece nada normal.

    http://noticias.sapo.pt/lusa/artigo/1a1905bbde5686cac8d497.html

    Porto, 02 Set (Lusa) – Quatro homens que se faziam transportar num BMW preto interceptaram hoje, em Gaia, uma carrinha e roubaram objectos e dinheiro aos seus ocupantes, disse á Lusa fonte do Comando Metropolitano do Porto da PSP.

    Gostar

  55. 2 Setembro, 2008 17:07

    Obrigado Gabriel Silva.

    Eu acho que há aqui uma coisa essencial a apontar. No caso democrata, o candidato a presidente é inexperiente e o seu vice é experiente. No caso republicano é exactamente ao contrário. A mim interessa-me pouco esta eleição, mas aos americanos penso que deveria interessar um presidente que soubesse mais que o seu vice… sei lá…

    Gostar

  56. 2 Setembro, 2008 17:11

    “como fez a Ana Gomes, que até faz nudismo e tudo”.

    Faz nudismo, à hora de almoço, a 50 quilómetros do local de trabalho. Belo trabalho, com tais horas de almoço!

    Gostar

  57. 2 Setembro, 2008 17:18

    O Winston Smith acertou em cheio.
    E a propósito , ninguém se recorda do farmacêutico do Missouri?…

    Gostar

  58. bene dixit permalink
    2 Setembro, 2008 17:19

    Ai, essa mulher dentolas e caixa de óculos, de carão forte, previsível da bruxa que aí teremos não tarda muito, é bonita, ó CAA? Então nem o caro será lá feio como por aqui tamém alguns acham.

    Gostar

  59. rxc permalink
    2 Setembro, 2008 17:23

    TMR, nas duas últimas eleições (sim, porque o senhor pouco ou nada aprendeu no entretanto), parece-me que não se importaram muito com esse aspecto. Parece que um dos factores mais decisivos tem sido o “guy I’d have a beer with in a bar”

    Gostar

  60. 2 Setembro, 2008 17:34

    É pena q coisas de somenos importancia, se sobreponham aos verdadeiros problemas/debates politicos………

    Gostar

  61. berto permalink
    2 Setembro, 2008 17:34

    Se gostam mais da lasca do Alasca, da Ana Gomes, da Teresa Caeiro ou da Ferreira Leite o vosso problema é grave.
    Eu cá prefiro a Soraia Chaves a dizer palavrões.

    Gostar

  62. sebastião permalink
    2 Setembro, 2008 17:41

    “mas aos americanos penso que deveria interessar um presidente que soubesse mais que o seu vice… sei lá…”

    Dick Cheney sabia mais que Bush. Lyndon B Johnson mais que Kennedy. Não me parece um forte argumento. Bem, no caso de Bush tens razão.

    Gostar

  63. sebastião permalink
    2 Setembro, 2008 17:47

    “Mas por alguma razão misteriosa ele tem qualificações para ser presidente americano. Já ela não possui para ser uma vice-presidente.”

    Bem, a misteriosa razão terá sido aquela muito engraçada de ter sido eleito por 18 milhões de pessoas que votaram nele nas primárias democratas. Consta que isso lhe dará legitimidade. As pessoas votam, chama-se democracia. Quantas pessoas pessoas votaram na Sarah para ser vice de McCain? Uma, McCain himself. E assim se arrisca a ser a segunda vice dos EUA mais patética de sempre. Se McCain e os seus 72 anos decidem morrer a meio do mandato quem será a mandar na maior potência do mundo? A amiga Sarah do Nebraska escolhida ninguém sabe bem como.

    Gostar

  64. 2 Setembro, 2008 17:48

    E em cima disso tudo a “bela” governadora ainda consegue um record impressionante de hipocria pessoal misturado com o habitual autoritarismo social do partido republicano – a grande conversa de treta da filha que afinal era neta, tão bons resultados que os programas de abstinência sexual produzem…

    All in all: uma boa “peça” sem dúvida.

    Gostar

  65. José Barreiros permalink
    2 Setembro, 2008 17:57

    «Por ter as qualidades que McCain lhe reconheceu. A que acrescem as que ela possui e os outros potenciais ‘vices’ não têm: tem boa imagem, é jovem (para a função) e transmite novidade à candidatura republicana. Outros poderiam ser um esforço de segurar algum voto conservador que detesta McCain: mas, por exemplo, o Mike Huckabee parece ser politicamente execrável e Mitt Romney é mormon (…)»

    CAA,
    Você ainda não conhece os factos sobre a verdadeira Sra. Palin.
    Veja por ex. http://dererummundi.blogspot.com/2008/08/semente-do-diabo.html , como ponto de partida (e siga os links documentados).

    Gostar

  66. 2 Setembro, 2008 17:57

    “A amiga Sarah do Nebraska escolhida ninguém sabe bem como”.

    Por alguma razão, nos EUA, vota-se no “ticket”. quem elege o Presidente, elege o Vice-Presidente.

    Ou será que, Joe Biden não será eleito para Vice-Presidente, e não poderá ser presidente, no caso de um impeachement de Obama?

    Gostar

  67. sebastião permalink
    2 Setembro, 2008 18:01

    «CAA, muito sinceramente, consideras que a Palin foi escolhida por que motivo?»

    “Por ter as qualidades que McCain lhe reconheceu.”

    Palavra? E por acaso sabe que McCain tomou a decisão após um encontro ou dois com Palin. Acha que um encontro com alguém vale o segundo cargo mais importante do mundo? Leia este artigo do New York Times e que perceba bem a situação: http://www.nytimes.com/2008/09/02/us/politics/02vetting.html?hp

    Mais patética que Palin, só quem a defende com tanto entusiasmo quando à uma semana nunca tinha ouvido falar nela. E espero que o McCain, com sinceridade, caso seja eleito presidente, não acorde mal-disposto no dia em que tenha um encontro com o Cavaco ou com o Sócrates e decida bombardear aqui o paraíso.

    Gostar

  68. sebastião permalink
    2 Setembro, 2008 18:06

    “Por alguma razão, nos EUA, vota-se no “ticket”. quem elege o Presidente, elege o Vice-Presidente.”

    Não sejamos ingénuos, no final vota-se em Obama ou McCain. A decisão é essa. Ou acha mesmo que um país que elegeu o Dan Quayle para vice presidente quer saber do vice presidente para alguma coisa?
    http://uk.youtube.com/watch?v=_c00_QkXUd8
    Alguém com dois neurónios votava neste rapaz para vice-presidente?

    Gostar

  69. 2 Setembro, 2008 18:09

    Todos temos noção que ele nomeou a senhora para “combater” o efeito espetaculo de Obama ser o primeiro candidato negro ao cargo certo? Só que pelos vistos o pessoal no staff de McCain não sabe fazer o trabalho de casa e não sabia dos esqueletos no armário da governadora.

    Gostar

  70. Gabriel Silva permalink*
    2 Setembro, 2008 18:19

    J,
    «Por alguma razão, nos EUA, vota-se no “ticket”. quem elege o Presidente, elege o Vice-Presidente.»

    por acaso, os delegados do colégio eleitoral (os que de facto elegem os dois cargos), votam separadamente para presidente e seguidamente para vice-presidente, nada obrigando que sejam da mesa candidatura.

    Gostar

  71. 2 Setembro, 2008 18:20

    José Barreiros,

    Conhecia alguns factos mas admito alguma surpresa com as tão fortes ligações à igreja dominionista. Obrigado pelos links.

    Mas não me fiz entender na posta. Eu não gosto daquilo que a governadora Palin gosta, não partilho muitos dos seus valores políticos, sociais, religiosos, de costumes ou acerca da ciência.

    Mas a forma como a tenho visto tratada e o tipo de argumentos usados contra a sua escolha têm-me impressionado negativamente. Os mesmos que advogam em toda a parte a emancipação da mulher na política atacam-na com teses a roçar o machismo…

    Não se pode defender a entrada das mulheres na política e depois combater quem lá chega com as mesmas razões de quem não as queria em posições de comando em primeiro lugar.

    Quanto às vantagens, em tese, de McCain nesta escolha, fiz um esforço de análise política. O candidato republicano tem de segurar os votos que elegeram Bush. E isso é uma necessidade política que reconheci. Nunca me quis ‘colar’ aos valores que Palin representa.

    Quanto a essa discussão, adianto que várias das posições de McCain me agradam há muito. E apreciei aquilo que disse anteontem acerca do uso de tortura pelos norte-americanos.
    Ao contrário, quanto mais leio sobre a governadora do Alaska menos conxões sinto. Mas não sou eu que vou a votos…

    Gostar

  72. 2 Setembro, 2008 18:21

    No último parágrafo, digo ‘conexões’.

    Gostar

  73. 2 Setembro, 2008 18:21

    “Alguém com dois neurónios votava neste rapaz para vice-presidente?”

    Até o percebo. Mas, Gerald Ford estava a anos-luz de Richard Nixon, e até desempenhou uma Presidência satisfatória….e era Vice – Presidente de Nixon.

    Gostar

  74. 2 Setembro, 2008 18:24

    “por acaso, os delegados do colégio eleitoral (os que de facto elegem os dois cargos), votam separadamente para presidente e seguidamente para vice-presidente, nada obrigando que sejam da mesa candidatura.”

    Confesso que não sabia que havia 2 Colégios eleitorais. Ou, 1 Colégio, mas duas votações. Mas, seria estranho eleger um Presidente e um Vice-Presidente da outra candidatura…..coisas da América!

    Gostar

  75. 2 Setembro, 2008 18:27

    “Alguém com dois neurónios votava neste rapaz para vice-presidente?”

    Já agora, poderia fazer-se a mesma pergunta para George W. Bush, e ele foi eleito…..

    Os EUA são diferentes da Europa, e o Presidente não é a América, ainda que pareça.

    Bem a Europa tem o Berlusconi, que já vai na 8ª plástica, teve o Miterrand com vidas duplas e o Craxi exilado por crimes….

    Gostar

  76. Gabriel Silva permalink*
    2 Setembro, 2008 18:37

    J,
    o presidente e o vice-presidente não são eleitos directamente pelo eleitorado.
    É um sistema federal.
    Os eleitores, escolhendo o ticket desejado, estão a eleger delegados do seu Estado para o Colégio Eleitoral Federal que se reúne a cada 4 anos.

    Na maior parte dos Estados (creio que apenas 2 não tem tal sistema), a candidatura mais votada leva os delegados todos, em número igual ao que elegem para o Congresso (baseado no nº de população/eleitores), pelo que nem sempre (aconteceu 4 vezes o contrário) seja eleito aquele que tenha mais votos «populares» mas sim o que alcança maior número de delegados.

    Depois tais delegados em dia fixado escolhem então o presidente de entre os candidatos existentes e o vice-presidente, não estando obrigados a respeitar a indicação de voto de quem os designou como eleitores.
    Caso exista empate, a eleição processa-se (livremente, entre os dois mais votados) pelo Congresso (aconteceu uma vez).

    Gostar

  77. 2 Setembro, 2008 18:55

    O texto de Ana Gomes é fraco. E a linguagem, pior !
    Mas a diplomata é assim: por vezes, rasca e rasteira.

    Como está a “encostar-se”, vai longe, no próximo governo de Sócrates !

    Gostar

  78. activia permalink
    2 Setembro, 2008 19:02

    “Mas não me fiz entender na posta. Eu não gosto daquilo que a governadora Palin gosta, não partilho muitos dos seus valores políticos, sociais, religiosos, de costumes ou acerca da ciência.”

    compreendo muito bem o CAA por isto, no entanto, deixe-me que lhe diga que esteve brilhante no post. parabéns.

    Gostar

  79. 2 Setembro, 2008 19:03

    Claro que, a partir de agora, a campanha do partido democrata versará sobre a filha grávida, o marido independentista e que há 30 anos foi apanhado a conduzir com os copos, o cunhado, etc…

    Gostar

  80. ordralfabeletix permalink
    2 Setembro, 2008 19:05

    “acha mesmo que um país que elegeu o Dan Quayle para vice presidente”.

    Também elegeu o Bush Presidente. E reelegeu. O Quayle à segunda perdeu. De qualquer modo obrigado por nos recordar alguns momentos hilariantes. Apesar de tudo, a Palin não é desse calibre.

    Gostar

  81. ordralfabeletix permalink
    2 Setembro, 2008 19:08

    “Claro que, a partir de agora, a campanha do partido democrata versará sobre”

    CAA:

    Segundo as sondagens o Partido Democrata tem a eleição ganha. Assim, só um escandalo ou um descalabro nos quatro debates que faltam poderá inverter a situação. Assim, não precisa de versar sobre a filha ou o marido da pobre da sra. Palin.

    Gostar

  82. 2 Setembro, 2008 19:10

    «Segundo as sondagens o Partido Democrata tem a eleição ganha»

    Isso não é bem assim. Antes da Convenção, os democratas e republicanos estavam empatados. Após a Convenção, Obama subiu 6 pontos – como é a regra. Se a Convenção republicana não fosse perturbada por causas naturais, McCain teria todas as hipóteses de voltar a empatar.

    Veremos.

    Gostar

  83. 2 Setembro, 2008 19:17

    Well…
    Este caso, estas ofensas, estas desestabilizações, são próprias das eleições nos Estados Unidos.
    E pior surgirá, se os partidos entenderem, por esse método, digladiarem-se.

    Mas pior, foi a eleição-com-roubo de Bush em 2000 ! — lembram-se ?

    Gostar

  84. Zenóbio permalink
    2 Setembro, 2008 19:19

    CAA,

    Sobre o famigerado texto da AG:será que você gostaria de o ter escrito e não o fez? Mas afinal onde está admiração? A AG escreveu sobre o óbvio. Será que os ”maus-fígados” levam a direita a negar a realidade, quando e sempre, não venha do canal ”certo”?

    Gostar

  85. 2 Setembro, 2008 19:22

    Mr. CAA,

    estive ausente do Blasfémias por horas.
    Reparei que retirou um seu post ontem colocado, sobre a ida à RTPN. Já ontem, tinha eliminado algumas ofensas, e fez muito bem.
    Espero –e se tal aconteceu penitencio-me !– que a causa para o retirar não tivesse origem no meu comentário esta manhã colocado no qual respondi indelicadamente qb a um comentador.
    Mas suponho que alguém exagerou após o meu comentário matinal.

    Gostar

  86. sebastião permalink
    2 Setembro, 2008 19:28

    “Claro que, a partir de agora, a campanha do partido democrata versará sobre a filha grávida, o marido independentista e que há 30 anos foi apanhado a conduzir com os copos, o cunhado, etc…”

    Bem, Obama já falou sobre a filha grávida de Palin. Foi indelicado ou mostrou elegância no assunto?

    Quanto ao resto: se os republicanos pegaram com tudo no reverendo Wright, que os democratas peguem com tudo na investigação que decorre sobre o abuso de poder ou não de Sarah Palin. Se o republicanos apregoaram que Michelle Obama não era patriota, que os democratas mandem investigar se Palin pertenceu ou não a um partido de secessão no Alasca – http://blogs.abcnews.com/politicalpunch/2008/09/members-of-frin.html. Se os republicanos disseram que Obama era muçulmano, que os democratas apontem as mentiras que Palin já proferiu sobre a “bridge to nowhere” – http://www.usatoday.com/news/politics/election2008/2008-08-31-palin-bridge_N.htm?csp=34.

    Veremos.

    Gostar

  87. Cupido permalink
    2 Setembro, 2008 19:37

    CAA & MJRB, sitting in a tree. K I S S I N G!

    O MJRB não é um homem completo enquanto não for diaria e explicitamente interpelado pelo CAA!

    Gostar

  88. rxc permalink
    2 Setembro, 2008 19:50

    Claro que, a partir de agora, a campanha do partido democrata versará sobre a filha grávida, o marido independentista e que há 30 anos foi apanhado a conduzir com os copos, o cunhado, etc…

    Ou é ignorante ou não está de boa fé. Karl Rove diz-lhe alguma coisa? Se prevê esse comportamento por parte do lado democrata, o que esperar do GOP? Tudo, certo?
    E ainda gostaria que me explicassem como é que um dito liberal pode em consciência apoiar McCain (a menos que a liberdade consista apenas em cortar os impostos aos mais ricos…). Obama/McCain, democratas/republicanos, é tudo areia do mesmo saco.

    Gostar

  89. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 19:50

    Of topic
    Naíde Gomes ficou em 1º no meeting de Lousanne.
    E a vida continua.
    🙂

    Gostar

  90. rxc permalink
    2 Setembro, 2008 19:51

    Tirando raras e honrosas excepções (Ron Paul, Kucinich…).

    Gostar

  91. Anónimo permalink
    2 Setembro, 2008 19:53

    Of topic
    Naíde Gomes ficou em 1º no meeting de Lousanne.
    E a vida continua.
    🙂

    E o Asafa Powel quase que batia o record de Bolt ..eheh

    Gostar

  92. 2 Setembro, 2008 19:53

    Cupido,

    Vc. é (curiosamente) “novo/a” por aqui, daí o seu erro na suposição.
    Mr. CAA não está obrigado a responder-me, nem eu necessito que ele ou alguém me alimente o Ego.

    (Topo-te à distância, “cupido” ! Elaboraste mal o texto, daí…). PIM !

    Gostar

  93. Jerónimo Silva permalink
    2 Setembro, 2008 20:12

    Nem sei se vale a pena comentar postas do CAA.

    Comparem os primeiros comentários ao meio-dia
    https://blasfemias.net/2008/09/02/a-fotografia/
    e vejam o que lá está agora.

    Gostar

  94. bene dixit permalink
    2 Setembro, 2008 20:12

    Eh, a nossa Rice
    http://causa-nossa.blogspot.com/2008/09/nossa-rice.html

    não é Palin, nada.

    Gostar

  95. Jerónimo Silva permalink
    2 Setembro, 2008 20:14

    E, já agora, gostava de perceber qual o critério dessa censura.
    Alguem me explica?

    Gostar

  96. 2 Setembro, 2008 20:27

    E porque é que se não pode falar da gravidez da filha da outra ? É alguma doença ?

    Gostar

  97. 2 Setembro, 2008 20:30

    Cupido dixit:

    “O MJRB não é um homem completo enquanto não for diaria e explicitamente interpelado pelo CAA!”

    Também acho. Desde que viu pessoalmente o CAA por alguns segundos, o mundo do MJRB mudou, nada tendo voltado, para ele, a ser como antes.
    Pois se até no filme “King Kong” houve quem se apaixonasse pelo chimpanzé…

    Gostar

  98. 2 Setembro, 2008 20:43

    99,

    PIM !

    Gostar

  99. 2 Setembro, 2008 20:44

    Adenda:

    PIM ! (tadinho/a, era tão boa criatura…).

    Gostar

  100. 2 Setembro, 2008 20:52

    Tá a ver, CAA ?
    Quando não escreve sobre futebol até passa por pessoa inteligente 🙂

    Gostar

  101. mariana permalink
    2 Setembro, 2008 20:56

    outro dia, ai jesus que não puseram a miuda chinesa dos dentes podres a cantar. hoje, ah, é normal escolherem que não tem nada feito porque dá um ar jovem e bonito à candidatura. num caso, espectáculo. noutro, política.

    estou baralhada com tanta coerencia…

    Gostar

  102. Minhoto permalink
    2 Setembro, 2008 21:00

    Quando ninguém está a ver já tá o CAA a trabalhar!

    Gostar

  103. Pi-Erre permalink
    2 Setembro, 2008 21:17

    “MJRB Diz:
    2 Setembro, 2008 às 6:55 pm
    O texto de Ana Gomes é fraco. E a linguagem, pior !
    Mas a diplomata é assim: por vezes, rasca e rasteira.”

    Diplomata?! Nunca dei por isso. Sempre me pareceu que era apenas “diplomata”.

    Gostar

  104. 2 Setembro, 2008 21:40

    Pi-Erre,

    Diplomata…de carreira, assim a sei e conheço.

    Mas teve um extraordinário trabalho na causa timorense, reconheço ! E também sobre a questão Lages-Guantanamo.
    Pior, as “peixeiradas” que de vez em quando a motivam para dar nas vistas…até novo e destacado poder se Sócrates continuar PM post 2009 — tudo indica que sim.

    Gostar

  105. AR. de Tabulazzo permalink
    2 Setembro, 2008 21:43

    É claro que a Senhora não é “da malta de Esquerda”. Para o ser devia:

    Ter perdido a virgindade antes dos 13 no banco de trás de um carro;

    Ter fumado e ainda fumar uns charros para descontrair do stress do dia dia;

    Ter entrado em manifestações contra uma guerra qualquer;

    Ter sido membro de algum grupo terrorista a favor da Paz e da Harmonia;

    Ser lésbica nas horas livres;

    Ter feito 3 ou 4 abortos.

    Gostar

  106. José Barreiros permalink
    2 Setembro, 2008 21:47

    Caro CAA,

    Assim sendo, estamos de acordo.

    Gostar

  107. mariana permalink
    2 Setembro, 2008 21:58

    tabulazzo:

    quanto ao ponto um, pelo exemplo da filha, não metia as mãos no fogo…

    Gostar

  108. 2 Setembro, 2008 22:00

    O problema dos camafeus que andaram pelo MRPP todos sabemos qual é: fome, uma fome do biafra.

    Gostar

  109. 2 Setembro, 2008 22:11

    Caro MJRB,

    «Espero –e se tal aconteceu penitencio-me !– que a causa para o retirar não tivesse origem no meu comentário esta manhã colocado no qual respondi indelicadamente qb a um comentador.»

    Não foi por isso – era só um anúncio que já tinha esgotado a oportunidade.
    Quanto ao resto, se me permite: não vale a pena ligar aos roncos que vêm da rua e cujo único intuito é receber alguma atenção. Não lhes dê essa satisfação. Há boa gente com quem trocar razões por aqui, discutir e aprender, sem ter de sujar a mente com os jactos de ódio dos mesmos infelizes. Não lhes ligue que já quase ninguém o faz.

    Gostar

  110. 2 Setembro, 2008 22:18

    Mr. CAA,

    Grato.

    Gostar

  111. bene dixit permalink
    2 Setembro, 2008 22:25

    Enfim, que a “lasca”
    é fraca ninguém já por cá
    duvida, com e sem diplomacias
    de Alasca, pra mais agora Palin.

    Gostar

  112. Portela menos um permalink
    2 Setembro, 2008 22:36

    um dos “defeitos” da Senhora Palin é ser um bocadinho mais reaccionária do que McCain…coisa pouca.

    Gostar

  113. Minhoto permalink
    2 Setembro, 2008 22:38

    O comentário 104 estava precedido de outro, em que dizia que o CAA devia limpar os comentários desagradáveis de anteriores post, pois na posteridade iam dar outra imagem de si! Censurou! Já estou farto de rir!

    Gostar

  114. bene dixit permalink
    2 Setembro, 2008 22:46

    O texto de Ana Gomes é fraco?

    Quem disse a barbaridade, aí?

    Gostar

  115. bene dixit permalink
    2 Setembro, 2008 22:51

    Mas tamém o que esperava, CAA, agora dessa Palin, se pa primeiro republicano, depois do Bush, a Améria não tem melhor que esse velhadas, grosso, quê?, de M’Cain?

    Gostar

  116. Búfalo permalink
    2 Setembro, 2008 22:52

    Este texto não é o melhor exemplo disto, mas é bem verdade que as mulheres acabam sofrem de normas de condutas. Se são liberem tem que seguir um padrão, se não, outro. Mesmo aos homens existem esses padrões. Por estranho que parece deves escolher um e assim os outros acham mais “normal”…

    http://naoserouser.wordpress.com/

    Gostar

  117. bene dixit permalink
    2 Setembro, 2008 23:11

    O outro, porém, o Bama ou Obama, não lhe passa muito a perna, é verdade, já todo feito, igualmente, ao bife da guerra, qual típico maricano, atrasado, reles, baptista, quão filha da mãe.

    Gostar

  118. 2 Setembro, 2008 23:14

    “Leia este artigo do New York Times”

    Ja li.

    “that she was a member for two years in the 1990s of the Alaska Independence Party, which has at times sought a vote on whether the state should secede”

    Fantastico

    Gostar

  119. 2 Setembro, 2008 23:23

    Apesar de tudo… Luisão fica de fora contra o Sporting.
    O CD aplicou-lhe 2 jogos pela sangrenta cotovelada a Rolando.
    Agressões aos juizes de linha ficaram por 4.000 euros de multa.

    Gostar

  120. 2 Setembro, 2008 23:31

    “O CD aplicou-lhe 2 jogos pela sangrenta cotovelada a Rolando.”

    Foi ao Sapunaru. O Rolando ficou a sangrar num lnce anterior com outro jogador. Finalmente, apos anos de inimputabilidade o cotovelo do Luisao foi castigado. O do Cardozo o ano passado contra o Sporting passou em claro e contra o Getafe deu no que deu. Ea sorte do Nuno gomes foi nao se chamar Bynia senao tinha apanhado seis jogos.

    Gostar

  121. 2 Setembro, 2008 23:35

    CAA,

    “Claro que, a partir de agora, a campanha do partido democrata versará sobre a filha grávida, o marido independentista e que há 30 anos foi apanhado a conduzir com os copos, o cunhado, etc…”

    como já outros comentadores salientaram, a verdade é que no que toca a tácticas sujas os democratas são meninos de coro à beira do GOP. já ouviu falar de swiftboating? e o que dizer acerca do fantástico processo de impeachment do clinton? e da saga valerie plame?
    é aliás curioso que até nas primárias internas em 2000 o próprio Mccain foi derrotado por Bush com recurso a tácticas no mínimo pouco sérias.

    acha normal que uma escolha tão importante se baseie num único encontro Mccain/Palin de 15 minutos? (dado que ainda não ouvi ser rebatido…)

    Gostar

  122. 2 Setembro, 2008 23:45

    Mr. Piscoiso
    e
    Ordralfabeletix,

    Calma !
    Luisão talvez cumpra só 1 jogo de castigo. Com o Paços de Ferreira. Pelo que jogará com o Sporting.
    Isto, se o Benfica Futebol,SAD solicitar o que se chama reconversão do “processo sumaríssimo” em “processo sumário”.
    Vem aí bronca, eu sei, mas o Regulamento assim o permite.
    “Apostamos” ?

    Gostar

  123. 2 Setembro, 2008 23:52

    Esperemos que o ignaro e amorfo eleitorado norte – americano possa beneficiar das esclarecidas opiniões que correm aqui pelo “torrãozinho de açúcar”…

    Gostar

  124. Troll kalla mik permalink
    3 Setembro, 2008 03:48

    CAA, ja te vi muito pior que a AG…a acusares de pessoal de ser bebado! A dizeres coisas parecidas sobre a MFL…

    Agora vens para aqui armado em guardiao da moral…

    Gostar

  125. Chessplayer permalink
    3 Setembro, 2008 04:26

    os do 31 vão à festa dos do AVANTE Kamarada!
    posso perguntar se os Blasfénmias também vão.
    eu quero ver se não me esqueço de lah ir.

    Gostar

  126. 3 Setembro, 2008 08:44

    Foi ao Sapunaru.

    E o que é que este tem.
    Nódoa negra, dente partido, ferida contusa, ou nada?

    Gostar

  127. caramelo permalink
    3 Setembro, 2008 09:38

    “Claro que, a partir de agora, a campanha do partido democrata versará sobre a filha grávida, o marido independentista e que há 30 anos foi apanhado a conduzir com os copos, o cunhado, etc…”

    O CAA finge ignorar, porque lhe dá jeito, que quem levou a familia para o centro da campanha foi a Palin. Exigir agora privacidade para a sua vida familiar, soará um bocadinho hipócrita. E aliás, como já aqui foi dito, em matéria de lançamento de lama, os republicanos não recebem lições de ninguém.

    Eu pensava ingenuamente que os liberais do Blasfémias pouco ou nada tinham a ver com o que a Palin representa. Sobretudo o CAA. mas parece que estava enganado.

    Gostar

  128. ordralfabeletix permalink
    3 Setembro, 2008 09:39

    “Se a Convenção republicana não fosse perturbada”

    A Convenção foi beneficiada pela ausência de Bush. QQue fez um discurso insossso, lido no teleponto, sem chama e sem conteúdo.

    Das intervenções que vi, madrugada dentro, os republicanos não se preparam para eleger um presidente, mas um comandante militar. Será que alguém lhes lembra que em 2000 perderam porque “It´s the economy, stupid?”.

    Gostar

  129. caramelo permalink
    3 Setembro, 2008 09:49

    Sobre o assunto, a Palmira Silva escreve um excelente texto no 5Dias. Eu sei que muitos o desqualificarão sumariamente, com epitetos pouco abonatórios para com a Palmira. É o costume. Mas não o CAA. Seria interessante que este comentasse o texto. Não me surpreende a timidez do CAA em comentar a substância da santinha do Alaska, mas algum dia terá de acontecer.

    Gostar

  130. fidel permalink
    3 Setembro, 2008 10:04

    A camarada Ana está no partido errado, o lugar desta “dizem que é um espécie de intelectual” é no partido do camarada xico. O problema é que esse partido não tem muitos tachos para distribuir.

    Gostar

  131. OLP permalink
    3 Setembro, 2008 10:07

    Esta senhora é uma despeitada, talvez só politicamente, desde que passou a segundo plano depois da ribalta guterrista com o precedente timorense antes do kosovar.
    Já pouco ou nada me admira nela, desde as paixõss assolapadas até aos ódios viscerais.
    A intensidade com que se vira para argumentos tanto de elogio como de detracção, as análises sentimentais e moralistas,a falta de racionalidade minima fazem dela uma das pessoas mais reaccionárias que observo nos ultimos anos.
    Não é portanto de admirar que do orgasmo “analítico” sobre a convençao democrata, onde quase se poderia ver os amanhas que cantam e a salvaçao do mundo, passe no contrário á torpe linguagem macho-reacionária para falar da “sua” rival.
    Este tipo de comportamento é muito usual a quem tendo formatação ideológica dogmatica, quando se sentem relegadas para um plano inferior ao que eles sentem como seus de direito, pela sua própria “luminosidade”.
    Ela dá cartas no comportamento, ao presidente da camara de Gaia.

    Gostar

  132. caramelo permalink
    3 Setembro, 2008 10:37

    A caixa de comentários deste post tem sido um repositório de insultos para com a Ana Gomes, coisa que parece já não incomodar nada o CAA ou qualquer dos blasfemos. E estamos a falar de insultos ao carácter da própria Ana Gomes, não somente à sua desqualificação profissional…

    Gostar

  133. 3 Setembro, 2008 11:30

    Caramelo,

    Chamo-lhe a atenção para o meu comentário nº 72.
    E já apaguei quase uma dezena de insultos à Ana Gomes e a outras pessoas. Julgo que por aqui só restam os que me são dirigidos.

    Gostar

  134. caramelo permalink
    3 Setembro, 2008 11:46

    CAA, o comentário 72 tinha-me passado despercebido. Mas continuo a achar que esperava de si que fosse mais contundente em relação à Palin. Já o vi usar de linguagem mais dura sobre outros personagens de outros quadrantes, que você acha que não estão de acordo com os seus paradigmas liberais, e a Palin, de facto, não tem nada a ver com o “seu” liberalismo. Começando no fundamentalismo religioso, passando pela proibição de livros em bibliotecas, etc, etc.
    Quanto à Ana Gomes, não sabia que tinha apagado insultos em relação a ela. Só fiz o reparo, porque de facto, ainda sobraram alguns, como pode facilmente verificar, mais insultuosos do que qualquer um dirigido a si.

    Gostar

  135. caramelo permalink
    3 Setembro, 2008 11:46

    Espero que não tenha achado algum dos meus comentários insultuoso… Se assim for, peço desculpa, não foi minha intenção.

    Gostar

  136. Anónimo permalink
    4 Setembro, 2008 10:48

    Esta direita portuguesa é o ja nao vai mais. Negro e vermelho ao mesmo tempo. E capaz de conviver juntamente com este caso:

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Sarah_Palin

    E este outro. Tudo na mesma sacola e caixa da Pandora.

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Rachida_Dati

    Debe ter razao o Arroja. Tantos anos de convivencia e herdança escolástica e jesuitíca…

    Gostar

Trackbacks

  1. cinco dias » Palin’psesto

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: