Saltar para o conteúdo

Coisas giras que se começam a ouvir

28 Julho, 2010

1. A Oi é um activo estratégico de grande importância, um pouco como a insubstituível Vivo o era ainda há 15 dias.

2. Vender a Vivo por 7,5 mil milhões é um grande negócio. Há quinze dias atrás a venda por 7,15 mil milhões era uma asneira tendo em conta o grande potencial da empresa.

3. A Oi é uma empresa de grande potencial. Há 15 dias atrás era uma empresa cheia de problemas cujo potencial não tinha qualquer comparação com o da Vivo.

4. A PT está a vender a Vivo na altura certa. O potencial de crescimento está esgotado. Esgotou-se nos últimos 15 dias.

5. Ser minoritário na Oi não é um problema. Há 15 dias uma posição de controlo da Vivo era essencial.

6. O governo fez muito bem em usar a Golden Share. Conseguiu-se subir o preço e os accionistas privados ganharam. Há 15 dias intervenção estatal era justificada pelo interesse nacional, hoje intervenção estatal é justificada como forma de reforçar o poder de barganha de privados.

7. Se não fosse o uso da Golden Share a PT não tinha entrado na Oi. Non sequitur óbvio. Mas pronto. Há quem acredite nisso.

8. Conseguiu-se vender a Vivo por bom preço e ficar no Brasil. (Falta dizer que a Oi foi cara, o que em parte anula o bom negócio que se fez com a Vivo).

9. Há 15 dias era inaceitável vender a Vivo porque se teria que sair do mercado brasileiro. Entrar noutra empresa seria muito difícil. Ou a Vivo ou o caos. Ao fim de 15 dias trocou-se uma posição de controlo na Vivo por uma minoritária na Oi.

10. E já nem falo nos grandes nacionalistas portugueses, que se contentam com muito pouco. Basta a ilusão de que ser minoritário na Oi é tão bom como controlar a Vivo para os manter felizes. Ficam contentes por mandar menos em menos. Santana Lopes nem se vai lembrar do que disse.

40 comentários leave one →
  1. José permalink
    28 Julho, 2010 18:13

    Aldrabões. Oliveiras da Figueira. É o que o Bava é. E o Granadeiro idem.

    Gostar

  2. mesquita alves permalink
    28 Julho, 2010 18:15

    Caro João Miranda,
    Tem que melhorar o seu poder de síntese.
    Bastava dizer que decisão de Bruxelas, e ameaça ao Tribunal Europeu do Comercio, obriga a alteração de estratégia.
    É simples!

    Gostar

  3. Romão permalink
    28 Julho, 2010 18:30

    Há bem pouco, neste blog, antecipavam-se desgraças comparáveis somente às pragas bíblicas quando Sócrates abriu a caixa de pandora através da golden share.

    Era o mercado que tinha sido ferido de morte (sacrilégio!)
    Era a PT que, sem a golden share, ia ser engolida pela Telefónica como um aperitivo na consoada
    Era a credibilidade do Estado português que estava em causa
    Era o valor das acções da PT que ia descer mais fundo que a reputação de um certo primeiro-ministro
    Era a ameaça jurídica da Telefónica no sentido de desfazer a holding que tinha com a pt e reforçar a posição
    Era o Ricardo Salgado que ia já escolher um novo primeiro-ministro no bazar da assembleia ou dos partidos
    Era o desfecho imprevisível e inenarrável, passível de ser posteriormente transmitido aos meninos na fase da absorção de moral, que daria lugar a uma das histórias económicas mais embaraçosas que o país já conheceu (o que acontece quando a política se mete na economia, céus!)

    A minha opinião, registada algures nestas caixas de comentários, ainda que menos prolixa do que a maioria dos comentadores, era a de que o negócio se realizaria na mesma, porque nunca havia sido comprometido originalmente, apenas adiado.

    E adiado porquê? Porque Sócrates tiraria dividendos políticos consideráveis da posição anti-castelhana e pró-nacionalista, mesmo que a mesma só muito confusamente e por reacção entrasse na esfera do patriotismo de cada um dos eleitores.

    Assim, o negócio realiza-se, Sócrates ganha (a golden share é passado e o preço até foi superior ao acordado inicialmente), a Telefónica ganha, a PT não perde inteiramente e continua a ter mercado para explorar no Brasil e Zeinal e Granadeiro podem respirar de alívio, assim como Ricardo Salgado que, por esta altura já deverá ser, novamente, o melhor amigo de Sócrates.

    O João, no entanto, tem espírito de meteorologista e continua a achar que ainda pode ter razão, mesmo em cima da razão que não teve.

    Gostar

  4. john moon permalink
    28 Julho, 2010 18:36

    “Se não fosse o uso da Golden Share a PT não tinha entrado na Oi. Non sequitur óbvio. Mas pronto. Há quem acredite nisso.”

    Parece verdade, se até o JM concede isso.

    Agora lá que a Oi, oi, oi, não é melhor negócio que a Vivo, não é, nem pode, a trtar-se de uma rede fixa, dada a perder peso, como entre nós é claro, enquanto não desaparece.

    Gostar

  5. john moon permalink
    28 Julho, 2010 18:39

    Aldrabões. Oliveiras da Figueira.

    Não que, afinal, os gajos chegaram a temer perder tudo, o negócio e a própria Vivo, sem melhor ganho.

    Gostar

  6. 28 Julho, 2010 18:42

    Cromos.

    Gostar

  7. 28 Julho, 2010 19:02

    Há 15 dias o JM criticava a “golden share” por ser uma injustificável interferência do Estado, prejudicando os accionistas. Hoje, o preço aumentou. Ganharam os accionistas. e provou-se que a crítica que havia a fazer, nada tinha que ver com os argumentos apresentados pelo JM. De facto, se é uma empresa estratégica, nunca devia ter sido privatizada. É aí que está a hipocrisia.

    Gostar

  8. 28 Julho, 2010 19:17

    É apenas mais um episódio da saga: criar problemas para poder apresentar soluções.

    O que o engenheiro da treta gosta mesmo é de negócios. E se ele acha, agora, que a venda da Vivo foi um bom negócio…

    Até pode ter sido. Já tenho dúvidas acerca da compra da Oi.

    De qualquer maneira a situação era insustentável e depois do show off, era preciso descalçar a bota o mais rapidamente possível.

    Ricardo Salgado nem teve que esperar muito!

    Gostar

  9. montenegro permalink
    28 Julho, 2010 19:22

    Foi um grande negocio para o País, é opiniao do Jornal de Negocios

    O especialista dá os parabens ao Socrates

    Gostar

  10. JoaoMiranda permalink*
    28 Julho, 2010 19:27

    ««Hoje, o preço aumentou.»»

    Na verdade o preço baixou. A Telefónica pagou mais 350 M, mas os accionistas foram forçados a comprar a Oi para fazer o negócio. Algo me diz que eles não gostaram da troca.

    Gostar

  11. Alexandre Carvalho da Silveira permalink
    28 Julho, 2010 19:29

    O que salta à vista é que isto foi tudo preparado para o Sócrates brilhar, porque as sondagens andam muito por baixo. E já veio cantar vitoria.
    O interesse nacional fica defendido com uma posição minoritaria na OI, que custa o triplo do seu valor em bolsa? Não me parece.
    A telefonica dá 2,5 o valor da VIVO pelo controle da empresa, mas vai recuperar uma grande parte do investimento, depois fazer a fusão com a empresa de S Paulo vender a parte de que não precisa para controlar a admnistração. A PT fica apenas com 22% na OI, sem mandar nada. Ainda por cima a OI é um saco de gatos, onde os accionistas mais importantes não se entendem.
    Vale mais por o dinheiro a juros, ou comprar no mercado a divida publica portuguesa que vai ser colocada a partir de agora. E vai ser muita.

    Gostar

  12. montenegro permalink
    28 Julho, 2010 19:39

    http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=437171

    “A golden share foi usada pela primeira e última vez – com sucesso”
    28 Julho2010 | 19:33
    Jornal de Negócios Online – negocios@negocios.pt
    Imprimir|Enviar|Reportar Erros|Partihar|Votar|Total: 1 VotoTamanho

    Sócrates fez uma jogada de risco: se não houvesse negócio todos sairiam mal. Com o negócio da PT, todos saem bem. Mas a “golden share”, que foi declarada ilegal, terá de transferir poderes. Veja a análise de Pedro Santos Guerreiro em directo na RTP
    Sócrates fez uma jogada de risco: se não houvesse negócio todos sairiam mal. Com o negócio da PT, todos saem bem. Mas a “golden share”, que foi declarada ilegal, terá de transferir poderes. Veja a análise de Pedro Santos Guerreiro em directo na RTP

    Gostar

  13. Outside permalink
    28 Julho, 2010 19:39

    Há poucos accionistas por aqui há…

    Gostar

  14. 28 Julho, 2010 19:40

    mais um dia na república das bananas… o que é que há de novo?!

    Gostar

  15. montenegro permalink
    28 Julho, 2010 19:42

    Eu não sou especialista da materia, ate tenho raiva de quem percebe…como e caso do Miranda

    Gostar

  16. Félix Esménio permalink
    28 Julho, 2010 19:53

    Existe um comentador (ou comentadores) a usar indevidamente o meu nome neste blog, expressando “opiniões” e utilizando uma linguagem absolutamente deploráveis. As tecnologias proporcionam enormes benefícios, mas constituem igualmente fonte de inegáveis equívocos. Os mais ingénuos ou desprevenidos podem ser levados a acreditar que os comentários aqui expressos têm rosto ou autor assumido. Infelizmente, na maioria das vezes, são primatas frustrados ou brincalhões de mau gosto que se escondem cobardemente atrás do anonimato. Seria menos lamentável se para este exercício de “exorcismo” não envolvessem o verdadeiro nome de terceiros.

    Gostar

  17. José Barros permalink
    28 Julho, 2010 20:04

    Excelente post.

    Gostar

  18. montenegro permalink
    28 Julho, 2010 20:14

    A PT, com a Oi,uma nova empresa, da outra motivação.

    É dos livros.

    É dificil de entender?

    Gostar

  19. montenegro permalink
    28 Julho, 2010 20:15

    http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1628875

    Passos Coelho defende parceria ibérica para ultrapassar crise

    Gostar

  20. montenegro permalink
    28 Julho, 2010 20:16

    Junta-se a fome com a vontade de comer

    Gostar

  21. Eph permalink
    28 Julho, 2010 20:22

    “5. Ser minoritário na Oi não é um problema. Há 15 dias uma posição de controlo da Vivo era essencial.”

    Ao contrário do que dá a entender, a participação da PT na Vivo era também minoritária.

    Gostar

  22. Norma Lobo permalink
    28 Julho, 2010 20:23

    Para açém das contradições entre o que agora é bom e há 15 dias, mau)assinalo três pontos:
    1–“Agora lá que a Oi, oi, oi, não é melhor negócio que a Vivo, não é, nem pode, a trtar-se de uma rede fixa, dada a perder peso, como entre nós é claro, enquanto não desaparece.” John Moon
    2–A desgraça na popularidade de Socrates que aproveita o pratioteiro sentimento contra os nuestros hermanos-
    3–O saber ( de certesinha) que ia sair agora da justiça,aquele aborto relativo ao Freeport ,que ele aproveitou( ridiculamente) para se armar em cruxificado.
    E ….com um PM destes, Portugal pode descansar…:(

    Gostar

  23. JoaoMiranda permalink*
    28 Julho, 2010 20:34

    ««“5. Ser minoritário na Oi não é um problema. Há 15 dias uma posição de controlo da Vivo era essencial.”

    Ao contrário do que dá a entender, a participação da PT na Vivo era também minoritária.»»

    O que dou a entender é que a PT tinha o controlo da Vivo (em paridade com a Telefónica). A sociedade que a PT mantinha com a Telefónica detinha 60% da Vivo. Por sua vez a PT controlava 50% dessa sociedade, o que permitia o controlo da Vivo à PT.

    Gostar

  24. aix permalink
    28 Julho, 2010 21:11

    Boa, Montenegro (15)! Sobre aquilo de que não sabemos o melhor é estar calado, JM!|

    Gostar

  25. FMP permalink
    28 Julho, 2010 21:15

    Pequena precisão Joao: dos 7.5bln, 1bln é pago em dezembro e 2bln a 31 de outubro de 2011, o que significa que o verdadeiro preço para comparar com os 7.15 anteriores é na verdade mais perto de 7.25, se actualizarmos o valor total ao momento de hoje… (os 7.15 eram pagos de uma só vez)

    Gostar

    • 28 Julho, 2010 22:23

      Claro. A Telefonica, praticamente, manteve o preço, mas arranjaram maneira de dizer que o preço tinha aumentado. A 10% de taxa de desconto, são só mais 70 milhões de euros. (1%). O acerto deve ter sido feito com os direitos ao resultado do ano.

      Gostar

  26. A. R permalink
    28 Julho, 2010 23:14

    Brilhante post! Ficaram todos com o pirilau pequenino e murcho à vista.

    Gostar

  27. Prof permalink
    28 Julho, 2010 23:33

    3.
    Excelente comentário.
    O João Miranda deveria ter deitado o post ao lixo e substituí-lo pelo seu comentário, uma vez que ficou arrasado. Mas parece que mais ninguém o leu.

    Gostar

  28. Pirro permalink
    29 Julho, 2010 01:28

    Ora pirro

    Gostar

  29. Antonio Maria permalink
    29 Julho, 2010 08:10

    João Miranda tem toda a razão.
    Nunca vi uma vitória ser comemorada com tanta tristeza.
    O Baiva o Granadeiro e o senhor de Vilar de Maçada bem podem congratular-se, mas sabem (pelo menos os dois primeiros) que esta solução é um mal menor e bem pior que a de há 15 dias.
    Vejamos.
    O preço de 7,5 mil milhões vai ser pago em 2 anos ao invés dos 7,15 que eram a pronto.
    Descontados os valore, o aumento cifra-se em pouco mais de 100 milhões. “Peanuts” como diz o Berardo.
    Além disso “são obrigados a comprar 22.4 % da OI por um preço astronómico, tendo em consideração a sua situação financeira.
    Só o passivo bancário é superior a 9 mil milhões.
    Pasmo pois ver os analistas/jornalistas socráticos dando grandes elogios ao sr. Socrátes.
    É evidente que quer os acionistas quer a administração não gostam desta solução e têm que a engolir.
    Só vejo um objectivo para isto.
    Colocar o Rui Pedro Soares fora daqui e nomearem-no representante da PT na OI.
    Vai uma aposta?

    Gostar

  30. brmf permalink
    29 Julho, 2010 09:54

    Nos entretantos não houve uma decisão de um qualquer tribunal europeu? Ou estarei enganado?

    Gostar

  31. 29 Julho, 2010 10:00

    Não fui favorável (nem desfavorável, pois declarei-me ignorante na matéria) ao uso da Golden Share, mas parece-me que o segundo comentário tem toda a razão de ser.

    Se Bruxelas impede o uso futuro da Golden Share – o que me parece dúbio tendo em conta que permite a existência de acções com direitos especiais, e o preço da empresa quando privatizada reflectiu a existência dessas acções e a sua manutenção por parte do estado – então conseguir aumentar o valor oferecido pela Telefónica é uma saída airosa para aquilo que poderia perfeitamente ser – e aliás era antecipado neste blogue como – uma enorme calamidade.

    E se eu realmente temi que neste blogue se tivesse razão, e que afinal a intervenção do governo pudesse acabar por resultar num desastre (em parte por culpa dessa decisão europeia), parece-me pouco honesto não reconhecer este desfecho como uma surpresa agradável.

    Enfim, uma vitoriazinha. Esperemos que parte importante do dinheiro seja usado para amortizar dívidas, que a nossa economia bem precisa.

    Gostar

  32. JoaoMiranda permalink*
    29 Julho, 2010 10:03

    Caro João Vasco,

    A ilegalidade da Golden Share já era previsível antes do veto. O governo na altura já tinha obrigação de antecipar que a Golden Share seria declarada ilegal. A menos que sejam amadores e andem ao sabor dos acontecimentos.

    Gostar

  33. e-ko permalink
    29 Julho, 2010 11:18

    neste caso, estou em total acordo consigo… uma vez não é hábito!…

    Gostar

  34. e-ko permalink
    29 Julho, 2010 11:41

    ao que parece, a imprensa internacional acha que a PT foi a grande vencedora (the economist)

    http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=437241

    Gostar

  35. 1 Agosto, 2010 22:45

    O seu texto foi recomendado por Miguel Morgado no programa Combate de Blogs, do TVI24. http://www.tvi24.iol.pt/tecnologia/combate-de-blogs-tvi24-rodrigo-moita-de-deus-miguel-morgado-tomas-vasques-ana-matos-pires/1181778-4069.html

    Gostar

  36. José Moreira permalink
    2 Agosto, 2010 00:15

    Por que razão se continua a fingir serem estas operações coordenadas pelo governo português? Só se for essa intervenção for para atrapalhar. Na realidade, trata-se de negócios entre privados, com particular interesse para a PT, para a continuação do desenvolvimento das novas tecnologias.

    Gostar

Trackbacks

  1. O primeiro-ministro estratega « O Insurgente
  2. Negócio da PT, golden share e lusofonia « Mente Livre
  3. A mentirinha dos 350 milhões « BLASFÉMIAS

Deixe uma Resposta para AB Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: