Skip to content

Aprovado o orçamento

16 Março, 2016

Uma das principais fontes de burocracia e diarreia legislativa é a vontade dos deputados de brincar às casinhas lá na Assembleia. O governo fez um orçamento que define os destinos de cerca de 80 mil milhões de euros. Nesta fase aumentou impostos  a uns para reduzir impostos a outros e para aumentar salários a um terceiro grupo. Depois deu 50 milhões de euros para os deputados brincarem. E lá estiveram eles por ester dias a baixar o IVA do copo menstrual e do Seitan (que já tinham IVA reduzido, mas isso não impediu ninguém) ou a subir a taxa de TV em 1 euros a uns e a baixá-la em 20 cêntimos a outros (ou vice-versa), ou a dar benefícios fiscais aos animais domésticos e a tirá-los às crianças (desde que filhas de ricos), ou a reduzir o IMI aos pobres mas também aos ricos mas não a quem está ali pelo meio da escala social … Passou  a ser possível ter isenções fiscais com dívidas fiscais (para quê se não há intenção de pagar?), os transportes vão voltar a ser gratuitos para determinadas classes sociais ligadas ao Estado e vamos ter manuais escolares gratuitos (mas apenas para quem os usa, para o contribuinte não são gratuitos). Há também uma nova prestação social para quem já não recebe subsídio de desemprego e também já não recebe subsídio social de desemprego. Será algo como o subsídio social essencialíssimo de desemprego.

Acaba por ficar barato. Ocupa-se os deputados por vários dias e eles só gastam 50 milhões. Mas os custos burocráticos e do legado de direitos adquiridos  são 10 vezes maiores.

Anúncios
9 comentários leave one →
  1. 16 Março, 2016 14:31

    Mais do que números, os orçamentos do Estado deviam definir a política.
    Mas a Esquerda não percebe isso. A Esquerda não percebe o mundo que nos rodeia.
    Que caia quanto antes!

    …A GNR hoje em dia faz tudo menos proteger os portugueses…

    …Ouvi uma vez um homem de Esquerda caluniar o Nicolau Breyner chamando-lhe paneleiro. Hoje, hipócritas muitos acorreram à Basílica da Estrela.

    Portugal está podre. O Regime de Esquerda apodreceu Portugal.

    Lutemos contra a podridão!

    Gostar

  2. Baptista da Silva permalink
    16 Março, 2016 14:37

    Eu nem sei como o povo mais pobre não se revolta, os defensores oficiosos dos pobres são a esquerda, principalmente a Radical. Afinal, havia outra, expoliados são os da classe média baixa, os pobres recebem uns pozinhos, os corporativistas dos FP e reformados FP, recebem o grosso do dinheiro, “pessoas” que ganham mais de 1500 euros e mais de 4000 de reforma vão receber aumentos de 20%, esses sim, os vencedores.

    Pobre é ignorante, pelo que vejo e observo, ainda têm a lata de defender esses crápulas do PS/BE/PCP/PEV/PAN.

    Liked by 1 person

  3. basto_eu permalink
    16 Março, 2016 15:15

    O OE antes de ser aprovado foi comprado pelo autoproclamado aos três que agora têm vida airada…

    Gostar

  4. 16 Março, 2016 15:26

    Os partidos da situação são todos dirigidos por funcionários públicos. Para eles Portugal é a Função Pública e depois há uns gajos fora do Estado que devem pagar impostos para sustentar a máquina do Estado e permitir-lhes pagar uns abonos de família e mais umas merdices. Assim os governantes de Esquerda até fazem figura de gente porreira.
    Por outro lado sabemos que os funcionários públicos são os que mais votam. O pessoal das empresas privadas balda-se às eleições porque está farto dos políticos. Lincha-se.
    O problema é que isso é o que os políticos da situação querem. Que os das empresas privadas não votem.
    Portugal está de facto numa camisa de onze varas de onde não é fácil sair.

    Gostar

  5. 16 Março, 2016 17:28

    David Rosa no comentário 15:26 está a por o dedo na ferida.
    Os deputados defendem os interesses de quem os elegeu e poderá tornar a eleger: os Partidos.
    Não fiscalizam o governo. Mais, são-lhe obviamente subservientes.
    Um jogo sujo e nada democratico.

    Gostar

  6. JgMenos permalink
    16 Março, 2016 23:49

    Geringonça é isso mesmo: um concurso publicitário de enormes ‘sensibilidades sociais’!

    Gostar

  7. Arlindo da Costa permalink
    17 Março, 2016 00:07

    Aprovado com a graça de Deus!!!!!!!!!

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: