Skip to content

Como são as coisas

22 Abril, 2016

Em Março de 2009, nos tempos em que Sócrates organizava almoços em São Bento com activistas, feministas e outros artistas que diante dos jornalistas juravam pelo avanço das políticas do então arrebatador líder, foi revelado por pessoas horríveis, um facto obviamente falso a que só pessoas nefandas podiam dar crédito:

São 67 páginas de documentos bancários de Celestino Monteiro, irmão de Júlio Monteiro, ambos tios de José Sócrates, que Mário Machado, líder dos Hammerskins portugueses, colocou na Internet. Os papéis publicados vão desde os certificados de constituição de uma offshore até aos movimentos bancários efectuados durante alguns meses do ano de 2001. Entre compra e venda de acções, o valor global das transacções do tio materno do primeiro-ministro ultrapassou os cem milhões de euros. Os documentos mostram a constituição de uma empresa offshore, a Medes, no estado do Wyoming, nos EUA, e de algumas subsidiárias, como uma em Gibraltar. Contactado pelo DN, o Banco Popular, entidade que absorveu o antigo Banco Nacional de Crédito, pelo qual, através da BNC International, foram feitas as transacções, não negou a veracidade dos documentos.

À época esta revelação não teve qualquer eco. E não acho que tal tenha acontecido apenas pela pelo respeitinho que Sócrates impunha mas também porque era difícil avaliar da seriedade daquelas informações. Curiosamente sete anos depois criou-se um frenesi nacional com os Panama Papers. E os mesmos jornais, rádios e televisões que ignoraram olimpicamente as revelações do off shore do tio de Sócrates andam agora arrebatados com as contas do Messi no Panamá mais de um tal Idalécio e pretendem que se crie uma nova ordem mundial por causa disto. A isto chama-se fazer dos outros parvos.

Advertisements
14 comentários leave one →
  1. 22 Abril, 2016 11:53

    Dos outros e deles próprios. Mas, já se sabe, a escardalhada é besta e não sabe disso.

    Gostar

  2. Arlindo da Costa permalink
    22 Abril, 2016 11:59

    O que é que vocês têm a ver com o dinheiro do tio de Sócrates? O homem ganhou honestamente e para não ser roubado em Portugal ou vigarizado pelos banqueiros portugueses fez muito bem em pôr o seu dinheirinho ao fresco.
    Mania esquerdista de invejarem quem trabalha e poupa!

    Liked by 1 person

  3. LTR permalink
    22 Abril, 2016 12:53

    A isto chama-se PUTEDO!

    Gostar

  4. licas permalink
    22 Abril, 2016 13:30

    Como então

    De tão boas intenções
    Anda o Inferno cheio
    Da Esquerda as pretensões
    Mas não passa de paleio:
    Coitados dos sem vintém
    Isto já motiva alguém?

    Usada a dita cuja
    Em pretensão à rotura
    Propaganda escura e suja
    P´ra promover ditadura
    Daquela havida outrora
    Mal morta em boa hora.

    Nos tempos da União
    De má lembrança ferida
    Era uma multidão
    A louvar a referida.
    Agora em baixo estão
    Mas tenazes como então.

    licas fecit

    Gostar

  5. 22 Abril, 2016 15:09

    Os irmãos Monteiro toda a gente sabe quem são. Mas o Messi, quem é esse gajo?

    Gostar

  6. LTR permalink
    22 Abril, 2016 15:38

    Para quem não se recordar, aqui está outro caso da Twilight Zone na forma de um certificado de habilitações, também desaparecido em combate de pintos, com o código postal que nem existia à data do documento. Como dizia o outro, “não havia lá nada”.

    Liked by 2 people

  7. Juromenha permalink
    22 Abril, 2016 18:53

    Jornalixo, minha senhora, jornalixo – o habitual no “torrãozinho de açúcar”.
    Quanto ao Panamá , isso pertence a outro campeonato ( em que os árbitros estão todos comprados, claro está).
    Mas a presidência dessa federação quis dar um ar da sua graça—

    Gostar

  8. Arlindo da Costa permalink
    22 Abril, 2016 19:04

    Já ninguém fala do Panamá….nem o Cameron, nem o Obama, nem o Esquentamento Juncker 🙂

    Gostar

  9. lucklucky permalink
    22 Abril, 2016 21:23

    Jornalismo é política. Ninguém vai para jornalismo para informar, vai para convencer os leitores das suas ideias políticas.

    Os offshores são para por na primeira página e abrir telejornais ou silenciar conforme a conveniência política.

    A informação é que menos interessa a um jornal ou uma TV, o que interessa é a direcção do impacto político.

    Liked by 1 person

  10. lucklucky permalink
    22 Abril, 2016 21:25

    Nunca nenhum jornalista cá colocou uma imagem de corpos de refugiados cubanos afogados ao tentarem fugir do regime comunista.

    Liked by 1 person

  11. 22 Abril, 2016 23:53

    Reduzidos ao essencial, os factos tornam-se muito mais inteligíveis.
    Por isso, Jesus Cristo doutrinou em parábolas.
    Se fosse hoje, abordaria assim este assunto:
    1. Meus Irmãos, um samaritano remediado contratou um administrador para o seu património, como era obrigatório.
    2. Esse administrador apoderou-se de grande parte do património do samaritano.
    3. O samaritano viu-se obrigado a redobrar o tempo e a intensidade do seu trabalho para sobreviver.
    4. Entretanto, o administrador obrigatório prosseguiu, desviando e negligenciando os depósitos e as contribuições exigidas ao pobre do samaritano, que foi vendo, aterrado, as suas dívidas aumentarem desmesuradamente.
    5. O administrador sugou o samaritano até ao tutano para tapar os buracos, provando-lhe que não havia outro remédio.
    6. Aos poucos, o samaritano descobriu quase tudo o que o administrador lhe fizera.
    7. O administrador, não podendo negar a evidência, mostrou a lei que entretanto fizera para se legitimar e, muito cinicamente, avisou o samaritano de que agora seria muito complicado reverter a situação…
    E Jesus Cristo virar-se-ia para os samaritanos dos nossos dias e proclamaria:
    – Meus irmãos samaritanos, em verdade em verdade vos digo, não pagueis nem mais um centavo de impostos aos vossos administradores e que sejam eles a atirar-vos a primeira pedra. Entretanto encarnarei pela segunda vez, descerei à terra e, da mesma forma como em tempos expulsei os vendilhões do templo, meterei todos os administradores na cadeia e com o dinheiro roubado pagarei todas dívidas da Samaria. A vida recomeçará e os samaritanos terão uma vida justa e digna. Em verdade, em verdade vos digo…
    NB! Aprendi com Cristo que as leis iníquas não são para cumprir. E garanto que, se não houver telhados de vidro e a argumentação for inteligente, nada acontece aos justamente indignados. Garanto, porque já o fiz por diversas vezes. E a reação foi o silêncio!

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: