Skip to content

O “Império dos Sentidos” por amadores

21 Maio, 2017

Não há vivalma nesta terrinha onde Judas perdeu as botas (as que a Dora encontrou a tempo da Eurovisão) que não comente a desgraça que foi o Correio da Manhã ter republicado um vídeo com actos sexuais praticados num autocarro dos transportes públicos (s.m. pl. qualidade de coisas que não são praticadas em privado ou que não são, elas próprias, propriedade de algo ou alguém). É curioso que tal aconteça por unanimidade (a que o Senhor Presidente chama consenso e as pessoas normais chamam lamúrias de Viúvas Socráticas) tomando em consideração as diferentes interpretações do conteúdo do dito vídeo, que variam de “violada em público” a “grande tarada, ela queria era mais”. A omnisciência tuga é uma maravilha da natureza que permite aferir tudo, desde “o que os portugueses querem” ao grau de excitação sexual de pessoas em vídeos que mostram zonas pélvicas cobertas de ganga.

Menos surpreendente que a crítica unânime à publicação do vídeo é o número de vezes que o vídeo foi visto pelos críticos. Desde o tempo em que o arcebispo de Braga, D. Eurico Nogueira, afirmou nunca ter visto algo tão nojento (passo a citar: “horríveis vómitos”) como o “Império dos Sentidos” em 1991, que sabemos que o nosso clero, da Madre Câncio ao Presbítero Daniel Oliveira, se enjoam com facilidade com tudo que assistem até ao último segundo. Em particular a partir da quinta ou sexta visualização.

Anúncios
18 comentários leave one →
  1. 21 Maio, 2017 10:33

    Óptimo post.

    O que é preciso é animação — AC-DC a propósito das autárquicas, proposta que o MCThomaz não recusa, melhor, “ambos os dois” estimulam quotidianamente. Haja pois animação, apalpem ou não o cu “á minha filha” e siga o baile.

    Gostar

  2. Churchill permalink
    21 Maio, 2017 10:41

    Cunha
    Estás a ser injusto, a Cância só ficou aborrecido porque aparentemente era uma mão de um gajo dentro das calças de uma gaja. Aceitável só se fosse gajo-gajo, gaja-gaja, hibrido-xxx

    Gostar

  3. Euro2cent permalink
    21 Maio, 2017 12:24

    Bah, isso não é nada. Os frémitos de indignação espumante que brotam em todas as fibras dos semi-instruídos ao contemplar o presidente cor-de-laranja …

    Se os anunciantes não baixam a dose que lhes injectam, a esperança de vida desses infelizes pode baixar drásticamente.

    Gostar

  4. Manuel permalink
    21 Maio, 2017 12:40

    Estes senhores(as) só falta sugerirem a censura, mas que falta de vergonha. Só existe uma solução: boicote total à compra dos jornais onde esses senhores escrevem.

    Gostar

  5. piscoiso permalink
    21 Maio, 2017 14:02

    Não vi o vídeo nem li a notícia, mas o direito à imagem não cessa em locais públicos.

    Gostar

    • Manuel permalink
      21 Maio, 2017 14:31

      Numa sociedade como a nossa, podes estar a defender o direito de imagem de gente que os vendeu à comunicação social. Tal como os políticos, as pessoas comuns também se vendem, os primeiros recebem uns milhões na conta de amigos, os segundos recebem uns tremoços e umas cervejas. Ficou-me da física uma ideia: só vemos 5% do que existe.

      Gostar

    • 21 Maio, 2017 16:11

      Direito à imagem? Como em “estava eu muito bem a foder no autocarro das 19h22 e veio um gajo publicar um vídeo de mim com a cara tapada que me violou o direito de imagem”?

      Gostar

      • 21 Maio, 2017 19:15

        É proibido praticar sexo em locais públicos.
        Falta de juízo.
        Os que filmaram podem ter cometido também outro tipo de crime.

        Gostar

      • oscar maximo permalink
        22 Maio, 2017 11:54

        DA, aí entramos na matéria daquele professor de direito consultado: se introduziu o dedo é uma coisa, se não já é outra. Há que alocar uma série de funcionários e meios a esta investigação, para poder obter resultados daqui a seis meses.

        Gostar

    • A. R permalink
      21 Maio, 2017 18:17

      Claro que tem o direito à imagem e nós também se eles a quiserem divulgar que é o que faz gente assim em locais públicos.

      Gostar

    • Churchill permalink
      21 Maio, 2017 22:45

      Eh pá Piscoiso
      Se não viste o vídeo como é que comentas?
      Ou tens vergonha de dizer que deste uma olhadela e só viste a parte de fora do fecho eclair da moça?

      Gostar

  6. licas permalink
    21 Maio, 2017 14:02

    D. Eurico Nogueira

    Carente da lembração
    Qu´o Império dos Sentidos
    Jamais, pois, foram havidos
    Com tropa em formação,
    Eurico foi ao engano:
    Com Colónias ? O catano.

    Após Salazar-jejum
    Durante anos a fio
    Foi um farto corropio
    A querer ver mais um
    De filmes que nunca viu
    P´ra estimular o “pavio”:

    Nada de mais natural
    É humano, sim senhor,
    O curioso pendor
    Do nossa parte animal:
    Quem pretender que não,
    Só por mera embirração.

    licas f.

    Gostar

  7. licas permalink
    21 Maio, 2017 18:03

    Lenine (Moreno)

    Como em campanha estivesse
    Ele todo se derreia
    O Rafael Correia
    Em despedida aquece
    Lenine posto de lado
    Permanece, pois, calado.
    Sabe a quem obedecer
    Na cadeira de rodas s´tá
    E lá permanecerá
    Como verbo de encher.
    Ninguém espera nada assim
    Feito Dmitri do Putin.
    Uma forma feia e suja,
    Fintar a Constituição
    Quanto à reeleição
    Repetida a dita cuja:
    Só não vê quem não ver quer
    Seja homem ou mulher.

    licas f.

    Gostar

  8. Arlindo da Costa permalink
    21 Maio, 2017 18:44

    Comparar um filme (uma obra de arte) com um chavascal ilegal e que é um atentado à privacidade, é de génio, Sr. Vitor Cunha.!

    Gostar

    • José Ribeiro permalink
      21 Maio, 2017 20:30

      Ao contrário do arrelindo, o Vítor Cunha é mesmo um génio. (Não estou a dar “graxa”!)

      Gostar

  9. Churchill permalink
    21 Maio, 2017 22:47

    Que cambada de puritanos
    Nas escadas da Assembleia da República, em todas as manifestações gay (ou equiparado) há muito mais do que isto e aparece no noticiário da RTP com orgulho de todos.

    Gostar

  10. Barão Marquês permalink
    22 Maio, 2017 07:16

    Na Europa, cada manifestação “do orgulho Gay” contou, em média, com 100.000 pessoas.
    Cada manifestação “Contra a Corrupção” teve, em média, cerca de 2.500 pessoas!
    Estatisticamente, fica provado que há mais gente a “lutar pelo direito de levar no rabo” do que a “lutar para não ser enrabado”.
    Miguel Esteves Cardoso

    Liked by 1 person

  11. carlos alberto ilharco permalink
    22 Maio, 2017 16:53

    O arcebispo de Braga escandalizou-se foi com o filme “Pato com Laranjas” L’anatra all’arancia com o maravilhoso Ug Tognazzi, se ele tivesse visto o Império dos Sentidos tinha morrido.
    O debate sobre o vídeo e a sua importância é apenas para desviar o escândalo que foi o favor que o FCP fez ontem ao Moreirense.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: