Saltar para o conteúdo

boris johnson flying circus

20 Outubro, 2019
by

índice69Aí há uns dias, quando começou a trapalhada do “no-deal Brexit”, escrevi que o primeiro-ministro inglês estava a entrar por caminhos de onde só poderia sair mal, ao suspender o parlamento com um mero expediente administrativo, para impedir que os actos do seu governo fossem fiscalizados. A tese era muito simples e factual: desde, pelo menos, 1688, que, em Inglaterra, quem se mete com o parlamento não tem vida política longa e saudável. Johnson, que até tem obrigações redobradas por ser um bom conhecedor de história, revelou-se, assim, um aventureiro sem dimensão, que acabará, inevitavelmente, corrido da política inglesa, ainda que, até lá, possa averbar algumas alegrias e até ganhar algumas batalhas. Chegará o dia em que o parlamento, com esta ou outra constituição qualquer, correrá com ele.

Todavia estamos, por ora, num saudável momento de comédia, que devemos aproveitar. As cartas que Johnson enviou, ontem, a Bruxelas, são um dos episódios mais hilariantes da política contemporânea de que tenho memória. Para não dar o dito por não dito, e não ter de se suicidar numa vala, como prometera, Johnson ensaiou um número circense em que quem pede o adiamento é o Reino Unido, mas não é ele, e ele diz que não pediu e nem queria que pedissem, embora chefie o governo do país que está a pedir. Uma comédia. Só é pena que os Monty Python já não estejam no activo: Johnson poderia associar-se à trupe quando abandonasse funções no governo. Ficaríamos todos a ganhar.

65 comentários leave one →
  1. joaquim permalink
    20 Outubro, 2019 14:50

    who cares ?

    Gostar

  2. 20 Outubro, 2019 14:53

    A comédia é a partidarite parlamentar.
    Mais nada.
    Este tipo faz o que tem a fazer. O resto é conversa de treta.

    A porcaria da dita democracia é isto que está à vista.
    Fazem o povo acreditar que pode mudar o destino do seu país.
    As pessoas votam num referendo e isso seria para ser cumprido, democraticamente, por maioria de voto.

    Depois a boa da democracia tem quem governa e quem desgoverna no Parlamento partidário.
    E o que está à vista é que quem governa não pode fazer cumprir o voto democrático superior- o voto directo.
    Porque os guias do povo, os paizinhos do povo, mandam sempre mais nem que seja apenas para sabotar e tirar dividendos de clã.

    Liked by 1 person

    • rui a. permalink*
      20 Outubro, 2019 14:59

      O sistema inglês é, há muito, um sistema parlamentar, Zazie, e não um sistema tribunício da plebe. Não há democracia directa superior à representativa parlamentar. São assim há muitos séculos e não têm vivido mal com isso.

      Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:01

        Eu quero que o sistema se foda.
        Tal como a rainha também disse, sem precisar de dizer.
        E os ingleses dizem, depois de votarem e apoiarem este bacano.

        O cabrão do comuna é que estraga tudo. Esse e os revolucionários dos independentistas de sempre.
        Os independentistas em micro-escala regional, que v.s. so liberais e o Gabriel Silva e mais os ancap trostkistas, tanto gostam.

        Liked by 1 person

      • Mario Figueiredo permalink
        20 Outubro, 2019 19:55

        Nem mais Zazie! Disse sem rodeios.

        Para esta gente a vontade do povo que se lixe. Foi chamado às urnas, mas agora “é um sistema parlamentar” e não da plebe.

        Já nem à vergonha na cara, porra!

        Liked by 2 people

      • Mario Figueiredo permalink
        20 Outubro, 2019 19:56

        Ui… gralha. “Já nem há”, não “Já nem à”.

        Gostar

      • Weltenbummler permalink
        20 Outubro, 2019 21:43

        a desgrala está à porta devido aos políticos e ao sistema ultrapassado

        Gostar

      • Isabel Silva permalink
        21 Outubro, 2019 19:20

        Foi o parlamento que aprovou a realização do referendo e é o parlamento que agora não quer aprovar a sua concretização.
        Há juristas que entendem que o parlamento usurpou poderes que são do governo ao fazer uma lei para uma única decisão que é o governo que tem de tomar. Reviro-me ao pedido de novo adiamento.
        Por outro lado, acho que estas atitudes que se generalizaram, nos últimos anos, no sentido de os estrangeiros botarem sentença e fazerem campanha sobre eleições de países onde não vivem e, frequentemente, que só conhecem através da propaganda ou de visitas turísticas mais ou menos curtas, deixa-me estupefacta. Felizmente que Portugal interessa a muito poucos e que não tenho de ouvir ou ler nos media ou internet de outros países muitos disparates sobre as eleições portuguesas.
        De qualquer modo, esse louco de quem falam por cá, tem a aprovacao da maioria da população inglesa que, como sabemos, é muito mais ignorante que a portuguesa que teve a inteligência de eleger um partido que governa com menos de 15% de votos, etc etc etc

        Liked by 1 person

      • 21 Outubro, 2019 19:28

        ehehehe
        Grande boca, Isabel Silva. Com essa arrumou tudo.

        Gostar

    • Maria permalink
      20 Outubro, 2019 17:52

      Completamente d’acordo, Zazie. Parabéns.
      Maria

      Liked by 1 person

  3. 20 Outubro, 2019 14:55

    A raínha disse que era para sair!
    O que é que o Rui quer ainda mais, acima da raínha?
    Quer a burocracia dos truques e manigâncias de lei?

    Ele tem de cumprir a casuística. Mais nada, E cumpre pedindo o que a lei obriga e dizendo o que pensa,
    E pensa o mesmo que a Raínha de Inglaterra e que os ingleses!

    Ou já há barricadas na rua por causa do Brexit?
    Os ingleses estão revoltados contra o Boris e querem é o bom do vegan comuna?

    Gostar

    • rui a. permalink*
      20 Outubro, 2019 15:00

      A rainha não é um órgão soberano, Zazie, como bem sabe, mas meramente simbólico. Soberanos são o parlamento e o governo.

      Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:03

        Pois. Mas os ingleses respeitam mais essa figura simbólica que toda a canalha partidária.

        E acho muito bem. Os ingleses são tradicionalistas por natureza.
        Coisa que os tugas já nem sabem e os liberais detestam.

        Gostar

      • rui a. permalink*
        20 Outubro, 2019 15:33

        Pois são tradicionalistas. O Boris é que não é. Se fosse, respeitava o sistema e as instituições tradicionais do sistema político que, tal como vc., também mandou foder.

        Gostar

    • mariojgcfernandes permalink
      21 Outubro, 2019 07:06

      Falando de respeito, que tal respeitar a decisão referendada de saída?

      Ou é para se ir votando até »eles« obterem os resultados pretendidos?

      Gostar

  4. 20 Outubro, 2019 14:56

    O Boris ganha eleições nas calmas.

    E o Brexit vai acontecer, por muito que os eurofálicos chorem.

    Gostar

    • rui a. permalink*
      20 Outubro, 2019 15:02

      Zazie, não é pela UE que o RU não se vai embora, se é que se vai mesmo embora e se é que alguma vez lá esteve plenamente. É mesmo por causa da política inglesa, que nem a May, muito menos o Johnson, conseguiram domar.

      Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:04

        A politiquice da canalha partidária que se vai tramar.

        E o Boris sai vencedor sem precisar de fazer nada.

        É só deixar correr o marfim.

        Porque ele nem precisa de inimigos internos. Já tem os bons dos amigos externos da UE que não deixam outra saída a não ser saírem.

        Ou v. acredita que os ingleses iam agora votar para ficarem na UE, de orelha murcha e cauda entre as pernas?

        Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:06

        Os ingleses tiveram a coragem de votar pela saída.

        Gostam do seu país. Coisa que por cá já nem se sabe o que significa-.
        E nada têm a ver historicamente com os que os mais os humilharam.

        Terem de andar de cócoras entre a Alemanha e Bruxelas é a maior humilhação a um povo que passou o que passou há pouco mais de meio século.

        Liked by 2 people

      • rui a. permalink*
        20 Outubro, 2019 15:07

        Não imagino nada, mas sei que se os sucessivos pms conseguissem aprovar um acordo com a UE no parlamento a coisa já há muito estaria resolvida. Este último até nem era catita, segundo o Boris? Foi a UE que o tramou? Não me parece nada.

        Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:13

        Quem é que chumbou o acordo da May?

        Não foram os mesmos dos bons parlamentaristas que agora o Rui tanto elogia?

        Palavra que não o entendo.

        Não sei o que é isso de admirar uma cena burocrática só por ser uma cena antiga e detestar uma nacionalidade por ser muito mais velha.

        Liked by 1 person

      • rui a. permalink*
        20 Outubro, 2019 15:34

        Viu algum elogio meu aos “parlamentaristas”? Aonde? Convém não confundir factos com sentimentos.

        Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:38

        Vi o elogio à casa dos parlamentaristas

        ahahahahah

        Rui, desculpe mas essa casuística é para rir.

        Andar a defender os empata é cá uma coisa.

        Ou bem que e clubite europeísta ou é asneira.

        Gostar

      • rui a. permalink*
        20 Outubro, 2019 15:43

        É evidente que prefiro o parlamentarismo inglês a um doido que quer meter o parlamento no bolso para cumprir uma promessa pela qual nem sequer foi eleito para a função que desempenha. Mas, ainda assim, o caso é simples: meteu-se com o parlamento, vai-se lixar (já está), quer se goste mais de um ou de outro. É factual.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        20 Outubro, 2019 19:59

        Pelos vistos é melhor um Parlamento completamente ilegítimo, onde vários dos deputados foram eleitos por outros partidos e que foram eleitos dizendo defender coisas que hoje não defendem.

        Nunca um Parlamento se degradou tanto. Ficará para a História.

        Liked by 1 person

      • Zé Manel Tonto permalink
        21 Outubro, 2019 07:08

        Que respeito pode haver por um Parlamento onde os deputados foram eleitos dizendo que iam respeitar a decisão do referendo, e neste momento estamos num ponto em que já nem sequer se dignam a votar contra a proposta de acordo, recusam-se a decidir?

        Não gostam dos acordos, não gostam do Brexit, aceitem ir eleições, e apresentem-se aos eleitores a dizer claramente que com eles no Governo não há Brexit. Vamos lá ver se o comuna Corbyn tem tomates, ou vai continuar a ser a triste figurinha do único líder de oposição que, em vez de exigir eleições, tem medo delas.

        Gostar

    • Maria permalink
      20 Outubro, 2019 17:55

      Nem mais, Zazie. Parabéns.

      Gostar

    • Maria permalink
      20 Outubro, 2019 17:57

      Correcto, Zazie. Conheço bem os ingleses e acredito que vai ser mesmo isso que vai acontecer mais cedo ou mais tarde.
      Maria

      Gostar

  5. 20 Outubro, 2019 14:59

    Acho que é o único político que me lembro de gostar.

    Sempre curti o Boris, Vi o que fez como mayor, Ia sempre ao Carnaval del Pueblo e como ele conseguiu com essas festarolas integrar tanta coisa que os franceses nunca conseguiram integrar.

    Se fosse inglesa tinha votado pela saída e apoiaria este grande bacano que os tem no sítio.E mandava a Bismerka para essa parte. Essa estúpida é que criou o problema com aquele descabelamento do “venham todos, abram as portas, deixem entrar”. E depois, desorelhem, ide para o Estado Social dos outros que aqui já chega”.

    Liked by 1 person

    • rui a. permalink*
      20 Outubro, 2019 15:05

      Zazie, a Bismerka geriu uma crise como não há memória desde que o Império Romano do Ocidente colapsou. Foi-o fazendo como pode, sendo certo que a alternativa é a ameaça que o Erdogan fez na semana passada.

      Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:07

        A Birsmerka não geriou nada. Quem a safou foi mesmo o Erdogan!

        A Hungria e a Austria sabem da poda.

        Gostar

      • 20 Outubro, 2019 15:11

        A Birsmerka não geriu nada. Quem a safou foi mesmo o Orban.

        A Hungria e a Austria sabem da poda.

        Não sei de onde vem agora a treta com a Turquia quando o controle de fronteiras foi estragado por primaveras utópicas

        Como não sei de onde vem tanto pavor com a dita extrema-direita austríaca.

        É gente que defende os seus. ponto final

        Liked by 1 person

      • 20 Outubro, 2019 15:12

        Queria dizer o Orban e não o turco.

        Nem sei a que título vem agora o turco.

        Se estão chateados com a cena curda, que mande a UE para lá tropas.
        A Bismerka que mande e mais o Macron

        😛

        Gostar

      • 20 Outubro, 2019 19:21

        ” Bismerka geriu uma crise como não há memória desde que o Império Romano do Ocidente colapsou. ”

        LOL

        E o que este tipo dizia sobre o “sucesso” do Lula há uns anos atrás.

        Liked by 1 person

      • lucklucky permalink
        20 Outubro, 2019 20:05

        “Zazie, a Bismerka geriu uma crise como não há memória desde que o Império Romano do Ocidente colapsou. Foi-o fazendo como pode…”

        Então gerir é incentivar todos a virem…

        https://www.reuters.com/article/us-germany-merkel-immigration/merkel-says-german-multiculturalism-has-failed-idUSTRE69F1K320101016

        Não pensem que ela é genuína ao dizer isto. Isto é só ela a navegar. Diz umas coisas e faz precisamente o contrário.

        Liked by 1 person

      • 20 Outubro, 2019 20:07

        Lucky- quem escreveu isso foi o Rui A. Não fui eu. Eu disse que quem travou a coisa foi o Organ. Ela fez a porcaria toda e depois ainda teve a lata da impingir aos outros.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        20 Outubro, 2019 20:59

        Julgo que ficou claro que não me estava a referir a ti.

        Liked by 1 person

      • 20 Outubro, 2019 21:09

        Ok, ok. Depois reparei nisso.

        E tens razão. Ela está apenas a cavalgar a onda.
        A Bismerka é escardalha e cheia de complexos de culpa.

        Gostar

      • Weltenbummler permalink
        20 Outubro, 2019 21:45

        ‘nem trepa, nem sai de cima’

        Gostar

      • Zé Manel Tonto permalink
        21 Outubro, 2019 07:10

        Geriu? Abriu as perninhas…

        Gerir era meter os “refugiados” em campos de concentração (sim, sei bem que palavras estou a usar), e deportá-los em menos de uma semana.

        Merkel é o principal rosto dos traidores que venderam a Europa.

        Gostar

    • 20 Outubro, 2019 15:11

      Muito bem!!

      A gaja, a louca Merkel, já treme agora, cada vez que recebe visitas oficiais.

      Como é que resolveram o problema? Agora assentam-se em cadeiras, para ocultar a doença. Hahahahahahahhahahahahahaa.

      Cada dia que passa, mais alemães vêem, o que ela é: a maior burra e criminosa, uma das mulheres mais falsas e cobardes, que a história moderna conhece, que anda por encima desta terra.

      E ela tem um doutoramento em física. Hahahahahahahahahahaha.

      Gostar

  6. Jornaleca permalink
    20 Outubro, 2019 15:03

    O PeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeSSee faz tal igual. Eles nunca respeitam a vontade do povo.

    a. O penúltimo referendo contra a matança a sangue frio de bebés na véspera do nascimento, o tal povo que ordena, votou a favor DA VIDA. Não foi?

    b. Depois veio o criminoso, a puta do António Guterres, oito anos mais tarde, para tentar novamente, até o resultado agradar a aqueles, que vão foder ao cu do outro. E o Guterres gosta de foder no cu dos outros. Perdoe-me esta linguagem, mas deve ser dito o que é ncessário.

    Tanta maldade, tanta falsidade. Lá fizeram mais um referende e depois, ninguém sabe bem como, ganharam aqueles, que MATAM bebés como querem e eu tenho que pagar ainda por cima.

    Então, se não me enganar, metade do povo merece a morte. Que canalha está aqui instalada? E dessas pessoas é que esperam bom governo? Dos maiores porcos, que andam por encima da terra a matar bebés?

    E depois usam os bebés mortos para fazer cremes para a cara e para a pele?

    Par voltar ao REINO UNIDO!
    O que interessa é só o resultado. E o Boris Johnson está a fazer bom trabalho. Só no fim da história é que fazemos as contas. Se o Reino Unido sair, Boris valeu cada tostão!!

    Pior que o Boris são as putas em Bruxelas.

    Eu sou a favor do Brexit!!

    O Largo do Rato que se lixe.

    Gostar

    • 20 Outubro, 2019 20:46

      Jornaleca,

      Falava do Guterres, mas deveria querer dizer o Sócrates. No tempo do animal feroz é que o segundo referendo foi realizado.

      Gostar

      • Jornaleca permalink
        21 Outubro, 2019 01:16

        @Francisco

        Já passou algum tempo. Eu fiquei sempre com a sensação, que foi o Guterres. Mas se assim for, assim seja.

        Obrigado!

        Gostar

  7. Jornaleca permalink
    20 Outubro, 2019 15:18

    Caro autor, Rui A.

    a. Quem mais tem medo, do Reino Unido sair da UE, é a Alemanha, Bruxelas, Paris.

    Um facto inatacável. Eles tremem, por dentro.

    b. A Merkel fez-se, de livre vontade, escrava, do pior que anda por encima desta terra.
    Inatacável.

    Basta ir a uma qualquer mesquita na Alemanha, e ouvir em língua turca ou árabe, o que o novo hóspede pretende. Erdogan já o disse tantas vezes, sem papas na língua.

    Só pessoas perversasa, altamente podres, sem juízo nenhum, é que o negam. Basta falar com um muçulmano ou mais abertamente.

    A Alemanha está feita ao bife. O islão vai conquistar e afundar a Alemanha. Ceteris paribus. E poucos percebem o porquê!!

    Gostar

  8. Jornaleca permalink
    20 Outubro, 2019 15:34

    A comunicação social europeia, está no mesmo estado, que Portugal estava, pouco antes do 25 de Abril. A esquerda fascista controlava tudo, não era assim?

    Fontes credíveis escrevem, que o Boris enviou três cartas para Bruxelas, mas dizem, ter só assinado uma. Para não adiarem nada e o Reino Unido sair em fins de Outubro de 2019.

    Como a maior parte da comunicação está entregue ao soldado inompetente e comunista verde, é muito difícil acompanhar os pormenores decisivos.

    Ao que parece, isto iria significar, o não acordo.

    Dias atrás, os inimigos do povo, os intrigantes, aprovaram uma lei, no Reino Unido, para evitar mesmo isso.

    Vamos ver.

    Bruxelas e a Alemanha perdem muito, mesmo muito, com a saída do Reino Unido. Se um sair, não vão poder evitar, que outros façam o mesmo, no futuro.

    E a melhor solução e mais temida em Bruxelas e Berlim é e continua a ser o não acordo.

    Etc.

    Paris até dizem que vai gostar, porque o poder relativo vai subindo. Mas os que governam a França são mais doidos e incompetentes ainda, do que a Alemanha.

    Vai ser bonito.

    Gostar

  9. 20 Outubro, 2019 15:39

    Aquele Corbyn é um nojo. Um tarado vegan e comuna que faz política de terror por causa da carne com hormonas que vem aí da América, é uma anedota.

    Gostar

    • 21 Outubro, 2019 09:49

      Por falar em vegans, Agora vão introduzir dieta a gafanhotos, grilos e baratas nas escolas
      😀

      Esta malta vegan devia ser internada.

      Gostar

      • 21 Outubro, 2019 09:50

        E isto vem em linha directa das heresias medievais que, por sua vez, vêm dos materialistas epicuristas gregos.

        Gostar

  10. 20 Outubro, 2019 15:40

    Consta que o Hitler também era vegan.

    Eu desconfio de quem apenas pasta.

    Gostar

  11. 20 Outubro, 2019 15:44

    Todos os comunas e todos os anarcas são sempre contra as nacionalidades e a favor de tudo o que as esfrangalhe.

    É coisa de longa data e com a mesmíssima genealogia.

    São contra o Brexit porque são a favor de todos os independentismos que destruam o Reino Unido.
    São contra o “franquismo” por serem a favor de todos os independentismos catalãoes e quejandos que destruam a Espanha.

    E por aí adiante.

    Daí acabarem até por ser pela UE porque é a maior aliada para o comunismo internacionalista de esquerda e para o comunismo internacionalista dito de direita- leia-se- ancap- liberal.

    Gostar

    • Jornaleca permalink
      20 Outubro, 2019 15:57

      Uns dias atrás, um palhaço da comissão europeia em Bruxelas, um idiota grego, exigiu que todos os países deixassem de controlar as suas fronteiras.

      Vejam lá, esse filha da puta grego. Ele disse-o, porque recebeu ordens, do cabrão do Juncker, esse filho da puta maior.

      A Dinamarca fechou as suas fronteiras com a Suécia porquê, estes dias? Por causa dos muçulmanos, que nunca na vida vão querer integrar-se. O Erdogan já o proibiu!! Erdogan é claramente CONTRA a integração do muçulmano. Ele não vai ceder um mílimetro no seu pensamento.

      Quem o negar, é mentiroso. Ou já tem medo.

      E aparece um chulo grego, cheio de profunda maldade, para as fronteiras serem abertas? Dizem, que há mais de 50.000 (cinquenta mil) guerreiros muçulmanos na UE, sem qualquer identificação, a viver bem. Ninguém os controla.

      É esse o futuro para nós?

      O estado socialista, da esquerda, não nos protege. Não nos podemos proteger. Estão todos doidos? É o criminoso que manda agora?

      Gostar

      • 20 Outubro, 2019 20:52

        Posso-vos dizer, sabendo, que estiveram cá quatro operacionais dos terroristas a vistoriar onde podiam fazer atentados. Foram ouvidos discretamente, falando árabe, por quem sabia a língua e de imediato avisou os serviços de segurança.

        Portugal não está imune. Para o Estado Islâmico pertencemos à Dar Al-Islam. Para Marrocos somos território provisoriamente ocupado.

        Gostar

      • Jornaleca permalink
        20 Outubro, 2019 21:46

        @Francisco
        Que quatro filhos do diabo estariam a planear isso, aqui, não sabia. Admirado não estou. Mas triste. Um pouco.

        Agora o que eu sei, sem dúvida nenhuma, é que os gajos só atacam regimes podres e fracos, perversos e decadentes. E o PS defende mesmo isso.

        Os nossos inimigos são cobardes e fracos. Um estado forte dá-lhes um pontapé na parte traseira e eles fogem com a cabeça também cortada.

        E é só a esquerda que leva a esta situação. Você sabe-o.

        Um estado são pode ignorar o pensamento podre do islão. O que eles dizem querer não precisamos temer. Eles é que vão ter que temer a nós. Eu conheço muitos muçulmanos e todos são falsos, com muito raras excepções. Eles só se atiram sobre sociedades decadentes e moribundas.

        Gostar

  12. Jornaleca permalink
    20 Outubro, 2019 15:46

    Falem sobre o Reino Unido.

    Escrevam, o que é que o Reino Unido ensina agora a crianças inocentes, nas escolas primárias, a crianças de seis anos ou sete, oito e novo. Quem gostar disto, ou o defender, merece a morte. Ponte final. Quem guerra quer, guerra terá. A tolerância tem os seus limites, a comunicação com respeito também. Se os pais já não poderem educar os filhos como cada um querer, isto é pior que guerra.

    Falem do Reino Unido. Por cada igreja cristã que fecha, abrem quatro mesquitas. Qual o liberal ou socialista que gosta de ouvir o sermão de doidos, de assassinos, de perversos, que desrespeitam qualquer valor, que a modernidade adora? A igreja do ateu deve gostar muito, deve.

    Falem do Reino Unido. O sucessor do Boris em Londres. Falem dele. Um muçulmano, do mais falso que existe no mundo. Agora Londres é a capital das facadas em Europa.

    Não sabem? Ou não querem saber? Medo de quê?

    É isto que querem em Portugal?

    Orban foi muito corajoso.

    E a esquerda fascista fala todos os dias mal do Orban, e da Polónia e do melhor partido, que a Áustria teve.

    A Merkel intrometeu-se na política interior na Áustria e em Itália, com intrigas, das mais reles que se pode imaginar.

    Mas o Salvini já está a contra-atacar em Itália. O povo gosta dele.

    Gostar

  13. Weltenbummler permalink
    20 Outubro, 2019 16:26

    disse-lhe na altura que o ‘paralamento’ vai escaqueirar o UK
    Boris avacalha propositadamente se bem percebo através da GL

    Gostar

  14. Prova Indirecta permalink
    20 Outubro, 2019 17:27

    Digo eu com os meus botões , que o autor deste artigo é capaz de estar a pôr a carroça à frente dos bois . Digo eu …

    Liked by 1 person

  15. 20 Outubro, 2019 19:05

    Era melhor não opinar e deixar o RU decidir, a vida é deles.

    Gostar

  16. lucklucky permalink
    20 Outubro, 2019 20:10

    A violencia politica Marxista, coisa que Direita sempre a olhar para as aparencias

    https://www.telegraph.co.uk/women/life/new-liberal-god-complex-people-allowed-opinions-right-opinions/

    Liked by 1 person

  17. Artista português permalink
    20 Outubro, 2019 23:38

    Este artigo tem toda a razão de ser! Então o BoJo está a contrariar a vontade popular na GB!? Isso é indigno de um democrata, ainda para mais numa democracia com tantos pergaminhos e tanta tradição. E logo agora que a UE está a demonstrar toda a sua pujança e um verdadeiro sentido de “união” que lhe augura um futuro tão promissor….

    Gostar

  18. Jornaleca permalink
    21 Outubro, 2019 01:31

    @ lucklucky (20 Outubro, 2019 20:05)

    Esse pormenor, da louca Merkel, é bem conhecido, na Alemanha.

    Ela disse isso, sim: o multiculturalismo está morto. Pelo menos foi assim citada.

    Mas a gaja vira a bandeira para o vento como lhe apetece, para se manter no poder. Agora o partido dela, a CDU (PSD alemão) é um partido da esquerda, verde. Ele promove tudo o que a esquerda fascista adora. E o que conta é o conteúdo da garrafa e não o rótulo.

    Se a moda for dizer, que a lua é quadrada, ela vira para esse lado. Já o fez muitas vezes.

    Mas a gaja é mais. Ela trabalhou para a PIDE comunista, a espiar a vida de pessoas inocentes, e estudou na Rússia um anos pelo menos.

    Agora ela está a arruinar a Alemanha e a Europa que a seguir.

    Da vigarice e da traição da Merkel, surgiu um novo partido, cujo nome é AfD (Alternativa para a Alemanha). Esse partido defende as tal posições, que a Merkel abandonou. A AfD é o PSD alemão, de há quinze anos para trás. Eles defendem muitas das posições desse tempo, e são claramente contra o veneno do multiculturalismo, que não existe, que é uma ficção de asnos drogados.

    Os muçulmanos são a prova dos nove.

    Na “Holanda”, dizem, dez por cento dos deputados, têm raízes turcas, muçulmanos. Nunca verifiquei. Mas acredito que assim seja.

    Merkel é não só uma vira-casacas, mas também uma grande burra. Se alguém pudesse fazer uma entrevista inteligente com ela, pôr as perguntas que quer, ela seria um total fracasso.

    Agora querem impor por lei, a “igualdade do género”. As mulheres alemãs vão arruinar a Alemanha? Já estão. No lugar da competência, tem que ser uma mulher incompetente.

    Uma mulher vai para o lugar do Juncker. Uma autêntica burra.
    E para o lugar do Draghi vai uma burra francesa. Que nada percebe da matéria, ela diz ser advogada.

    E assim para a frente. O resto já é conhecido.

    Gostar

  19. Procópio permalink
    21 Outubro, 2019 09:25

    Zazie pontuou. O Boris é um tanto louco, o Trump não lhe fica atrás.
    Se reflectirmos um pouco, porém, verificamos que é preciso ser “diferente” para enfrentar a hidra. A diferença faz correr riscos, faz. A alternativa é zero.
    Rui A. discorre com a sua lógica e usa uma metodologia respeitável. Só que assim a liberdade que preza corre ainda mais riscos. Lutar contra a canalha intelectual fascistóide, os energúmenos das causas fracturantes, os globalistas inveterados, os corruptos da democracia, os terroristas declarados, utilizando punhos de renda é suicidário.
    Nem que seja preciso organizar serviços de optometria para corrigir as miopias.

    Liked by 1 person

    • Maria permalink
      21 Outubro, 2019 13:27

      Procópio: plenamente d’acordo com o que escreveu.
      Maria

      Gostar

  20. Zé Manel Tonto permalink
    21 Outubro, 2019 18:07

    Há que acrescentar que o Parlamento Britânico já teve ocasiões em que se armou aos cucos e levou porrada no lombo até desistir. Já ouviram falar de um país chamado Estados Unidos da América?

    Quando o povo se farta do Parlamento os parlamentares lamentam-se.

    O povo britânico não está muito satisfeito com os empatas.

    Gostar

Deixe uma Resposta para Weltenbummler Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: