Saltar para o conteúdo

A ler

27 Abril, 2020

i 15 4 14 b

i 15 4 14 c

 

i 15 4 14 d

Tirado desse blogue que é também uma espécie de hemeroteca digital:  Porta da Loja. 

A ler.

41 comentários leave one →
  1. 27 Abril, 2020 12:04

    Pois é mesmo para ler.

    Liked by 1 person

    • Carlos Rosa permalink
      28 Abril, 2020 00:21

      A Esquerda promove os burros e incapazes e desdenha dos melhores, em parte porque estes não se revêem na Esquerda. Por isso é que um governo de Esquerda só funciona enquanto há dinheiro dos outros para gastar.
      O Costa manhoso, se soubesse o que sabe hoje, já teria arranjado um pretexto para zarpar. Pela ganância do poder não o fez. Agora já é tarde. Vai estalar-lhe a castanha na boca.

      Gostar

  2. Expatriado permalink
    27 Abril, 2020 12:17

    Uma crónica que também devia ser do conhecimento geral em Portugal

    https://observador.pt/programas/contra-corrente/o-amor-do-pcp-por-ditadores-nunca-esmorece/

    Liked by 2 people

  3. Os corruptos que se cuidem permalink
    27 Abril, 2020 12:25

    Grande blogue! Indispensável nos tempos que correm… mais blogues assim surgissem, ou mesmo um canal de TV digital para contrariar a desinformação e a manipulação ideológica.

    Liked by 4 people

    • Mario Figueiredo permalink
      27 Abril, 2020 13:19

      Bloqueado em alguns departamentos do estado, incluindo algumas escolas se não me falha a memória. Ou pelo menos assim foi quando o José se apercebeu e denunciou o caso. Não sei como isso está agora.

      Gostar

      • Carlos Guerreiro permalink
        28 Abril, 2020 22:49

        Continua igual. Curioso é o que teria levado a ficar bloqueado.

        Gostar

  4. Os corruptos que se cuidem permalink
    27 Abril, 2020 12:27

    Se uma pessoa só consegue fazer tal trabalho de investigação e manutenção de um arquivo, o que não faria um grupo de pessoas de boa vontade….

    Liked by 1 person

    • 27 Abril, 2020 12:28

      Não faria porque não guardou os recortes uma vida inteira.

      Liked by 1 person

      • 27 Abril, 2020 12:30

        E nem memória tinha
        eheheh
        O José do Portadaloja é único e é uma fonte viva.

        Liked by 3 people

      • Mario Figueiredo permalink
        27 Abril, 2020 13:16

        É a primeiríssima razão porque considero o Porta da Loja património nacional. O primeiro, e único até ao momento, inteiramente virtual.

        É obrigação de todos nós protegermos este monumento à nossa história.

        Liked by 2 people

      • Os corruptos que se cuidem permalink
        27 Abril, 2020 23:37

        Pois, Zazie. Também é verdade. O José parece ter a hemeroteca em casa… além do resto: a memória, a motivação, a cultura, certamente bastante tempo livre.

        Gostar

  5. Olympus Mons permalink
    27 Abril, 2020 14:14

    Extrema Direita? – Não sei onde, nem perco tempo com isso.
    O que sei é que no discurso do 25 de Abril, André ventura diz: É altura da quarta república porque esta falhou! — Só pela coragem de o dizer ali, acima de todas as datas, já tem o meu voto!!!!!!!

    Liked by 2 people

  6. ATAV permalink
    27 Abril, 2020 14:52

    Ora muito bem. O Ferraz da Costa. O homem que está há décadas a dizer que os salários dos trabalhadores são demasiado elevados e que os portugueses são uns preguiçosos.

    Aqui (em 2014) está muito preocupado com o aparecimento da extrema-direita. Diz que o espectro politico português é todo de esquerda. Segundo ele o CDS, o PNR e a Nova Democracia do Manuel Monteiro (com programa eleitoral do CHEGA, que aliás foram escritos pela mesma pessoa) são de “esquerda”.

    Gostaria de saber o que será um partido de “direita” para o Ferraz da Costa…

    Curiosamente agora que já a extrema-direita já chegou ao parlamento e o CDS está a derivar para o extremo, acabaram-se as criticas deste individuo. Percebe-se agora que essa “preocupação” de 2014 era apenas o desejo sublimado de mais um que “estava confortável” no antigo regime, leia-se um extrema-direita impenitente…

    Gostar

    • Andre Miguel permalink
      27 Abril, 2020 18:06

      A velha táctica marxista de de atacar o mensageiro e não a mensagem.

      Os salários estão (ou deviam estar) indexados à produtividade e a economia portuguesa vai para duas décadas de estagnação.

      Liked by 1 person

      • Duarte de Aviz permalink
        27 Abril, 2020 21:06

        Correto. Mas não tenha ilusões – a esquerda Portuguesa nunca vai entender essa correlação.
        Contudo, eu acrescentaria que o problema da productividade portuguesa não é dos Portugueses trabalhadores, ou empresários. A produtividade é uma pescada-de-rabo-na-boca – é baixa porque não há investimento em tecnologia e processos; não há investimento porque não há dinheiro; não há dinheiro porque não se acumula riqueza.
        Um ciclo vicioso.
        A forma de quebrar esse ciclo é atrair capital e investimento.
        Enquanto vivermos reféns do PC e dos impostos a que o “estado social” obriga, nunca sairemos deste ciclo de empobrecimento.
        Isto é tão óbvio que só os tontos que votam no PS, PC e BE é que não entendem.
        Hooops!
        Quase 30% dos portugueses votam nesses malucos…

        Gostar

      • Jornaleca permalink
        27 Abril, 2020 21:47

        @Duarte de Aviz, muito bem dito.

        Os que sabem, conseguem ter sucesso.

        Não é tanto o trabalhador, mas um dos sistemas mais estúpidos implantados com o 25 de Abril.

        Gostar

      • ATAV permalink
        28 Abril, 2020 00:11

        André Miguel

        “A velha táctica marxista de de atacar o mensageiro e não a mensagem.”

        Ferraz da Costa: “O CDS e PNR são de esquerda”
        Eu: O Ferraz da Costa tem preferências politicas tão extremas que, na perspetiva dele, um partido democrata-cristão e um partido salazarista são de esquerda.
        André Miguel: MARXISTA!!!! Pára de atacar o mensageiro!!! diz ele sem se aperceber que ao rotular-me de marxista acabou de fazer um ataque “ad hominem” sem rebater o meu argumento. Ironia? Alguma noção? Nicles…

        “Os salários estão (ou deviam estar) indexados à produtividade e a economia portuguesa vai para duas décadas de estagnação.”

        Claro que os salários devem estar ligados à produtividade. Os dos trabalhadores, claro. Os salários dos CEO e executivos já podem aumentar desmesuradamente à vontadinha deles.

        Analisemos agora a politica económica levada a cabo nas últimas duas décadas:

        privatizações a torto e a direito, liberalizações do mercado de trabalho, cortes nas pensões futuras, congelamento dos salários da administração pública, montar PPPs em barda (o privado geria melhor que o público, lembram-se?), desmantelamento da capacidade interventiva do estado na economia em detrimento de entidades reguladoras, baixa do IRC …

        Não gosta da estagnação económica? Vá falar sobre isso com os liberais, são eles que gostam das medidas acima descritas…

        Gostar

      • ATAV permalink
        28 Abril, 2020 00:32

        Duarte de Aviz

        “A produtividade é uma pescada-de-rabo-na-boca – é baixa porque não há investimento em tecnologia e processos; não há investimento porque não há dinheiro; não há dinheiro porque não se acumula riqueza.
        Um ciclo vicioso.
        A forma de quebrar esse ciclo é atrair capital e investimento.
        Enquanto vivermos reféns do PC e dos impostos a que o “estado social” obriga, nunca sairemos deste ciclo de empobrecimento.”

        O enriquecimento por via da “competitividade” dos baixos custos unitários do trabalho e carga fiscal. Ou seja baixos salários e sem estado social. Transformar Portugal num Bangladesh da Europa onde meia dúzia de “empreendedores” detêm a riqueza toda e a maioria da população está na miséria.

        Um estado social produz uma população instruída (mais produtiva e com maior poder de compra) graças ao sistema de ensino, mais saudável (menor absentismo e mais qualidade de vida) com o acesso universal a cuidades de saúde e com o poder de compra assegurado na velhice, doença ou se ficarem desempregados através da segurança social. Produz também uma maior coesão social que reduz o risco de sublevações e revoluções sendo que a estabilidade social é principal requisito para uma boa economia.

        Mas pronto, você prefere uma oligarquia. Opções…

        Já agora, cada vez que alguém queixa-se do “politicamente correcto” ao pé de mim a única coisa que oiço é “sou um choninhas que gosta de insultar os outros mas começo logo a choramingar quando recebo o troco”.

        Liked by 1 person

      • ATAV permalink
        28 Abril, 2020 00:39

        Jornaleca

        “Os que sabem, conseguem ter sucesso.”

        Aparentemente no mundo laboral não há batalhas de egos, revanchismos, mesquinhez, abusos de poder, nepotismo, discriminação ou mesmo ganância pura e dura. O mercado laboral é perfeito e toda a gente tem o que merece.

        Tenho inveja da sua mundividência. Também gostaria de viver numa alucinação onde as coisas são perfeitas e a meritocracia existe.

        Gostar

      • Duarte de Aviz permalink
        28 Abril, 2020 03:05

        ATAV: nunca comento comentários de trols avençados.

        Gostar

      • Zé Manel Tonto permalink
        28 Abril, 2020 21:43

        “Um estado social produz” patati patata.

        É uma país rico e uma economia desenvolvida que criam as condições para haver um estado social, e não o contrário.

        Se fosse o estado social a enriquecer os países, qualquer país podia ser rico e desenvolvido, bastava atirar dinheiro do alto de um prédio.

        “Produz também uma maior coesão social que reduz o risco de sublevações e revoluções”

        Dá me dinheiro, ou cometo violência. Feito entre duas pessoas chama-se assalto, feito entre grupos sociais chama-se estado social. Certo…

        Gostar

      • ATAV permalink
        28 Abril, 2020 22:58

        Que miséria… É isto que passa por argumentação nesta casa?

        “É uma país rico e uma economia desenvolvida que criam as condições para haver um estado social, e não o contrário.”

        Última Hora!!!
        Um individuo descobre que programas de vacinação e alfabetização não podem ser implementados por países subdesenvolvidos.

        “Se fosse o estado social a enriquecer os países, qualquer país podia ser rico e desenvolvido, bastava atirar dinheiro do alto de um prédio.”

        Exclusivo!!!
        O mesmo homem refere também que arranjou provas irrefutáveis que trabalhadores saudáveis, instruídos e com poder de compra não são necessários para se ter uma sociedade desenvolvida.

        “Dá me dinheiro, ou cometo violência. Feito entre duas pessoas chama-se assalto, feito entre grupos sociais chama-se estado social. Certo…”

        Mais um exclusivo!!! Individuo aproveita a presença dos meios de comunicação e proclama que “Imposto é roubo”. Fica à espera de palmas mas o auditório fica perplexo e em silêncio. Este repórter pergunta se o individuo se sente bem ou se precisa de um copo com água e uma cadeira para se sentar…

        Por amor da santa… Já não há pachorra!

        Gostar

    • ATAV permalink
      28 Abril, 2020 11:25

      Duarte de Aviz

      Lá porque você está disposto a vender os seus principios por meia duzia de tostões, não parta do princípio que toda a gente é igual.

      Olha, mais um ataque “ad hominem”. Então e aqueles mui nobres principios de atacar a mensagem e não o mensageiro? É só para os outros não é? Tal como indexar os salarios dos trabalhadores à produtividade enquanto que os dos administradores são definidos pelo compadrio e através de processos opacos…

      Gostar

      • Duarte de Aviz permalink
        28 Abril, 2020 17:39

        Quando eu fiz a 4ª Classe da Escola Primária, todos os dias havia uma hora dedicada a Leitura e Interpretação. Durante essa hora, os alunos liam um texto e a D. Celeste fazia preguntas sobre o significado e intenção de passagens do texto.
        Portanto, em primeiro lugar, é preciso saber ler,
        Era assim que se aprendia e se iam abrindo os horizontes intelectuais dos alunos.
        Imagino que nas Novas Oportunidades os métodos eram diferentes.

        Gostar

      • ATAV permalink
        28 Abril, 2020 20:24

        Duarte de Aviz

        Ah! E assim se explicam as limitações do seu pensamento em termos de modelos económicos: “só enriquece quem tem um rico a disposto dar-lhe dinheiro”. Isso do destruir o estado social para atrair investimento estrangeiro e a defesa do trickle-down economics traduzem-se basicamente nisto

        Se você não tem mais que a 4ª Classe, não seria expectável que soubesse o que é a classe média e como é que esta foi criada nos países ocidentais, o que é uma sociedade de consumo, o impacto da intervenção estatal no desenvolvimento económico ou os mecanismos que permitiram aos países desenvolvidos ascenderem a essa mesma condição.

        Tenho a certeza que a D. Celeste foi um excelente professora e você foi um aluno aplicado mas nota-se que precisa de mais. Informo-o desde já que até aqueles que só têm a primária podem expandir os seus “horizontes intelectuais”. O Novas Oportunidades já não existe mas pode recorrer ao Ensino Básico Recorrente para completar a sua instrução. Se precisar, eu disponibilizo-me para o ajudar a preencher os impressos.

        Gostar

      • Duarte de Aviz permalink
        28 Abril, 2020 22:48

        ATAV,
        A ala Psiquiátrica está temporariamente fechada por causa do virus chinês, mas experimenta injectar lexívia na veia que pode ser que te limpe e desinfete os miolos. Usa sem diluição – directamente da embalagem.

        Gostar

      • ATAV permalink
        28 Abril, 2020 23:09

        Duarte de Aviz

        Vírus chinês??? Olha um trumpista! Aparição rara nos dias que correm.

        Também gostei da referência à lixivia. Agora que o seu ídolo cobriu-se de ridículo de forma irreversível há que distanciar-se dele o mais rapidamente possível não é? Mas o seu racismo primário denunciou-o e a careca foi descoberta. Temos pena…

        Eu sei que é difícil mas da próxima vez controle melhor os seus impulsos rasteiros.

        Gostar

    • Zé Manel Tonto permalink
      28 Abril, 2020 14:39

      Alguma vez ouviu o CDS a dizer que é preciso acabar com a segurança social?
      Eu não me lembro, e tenho mais de 30 anos.

      Assim sendo, tenho que colocar o CDS no caixote de lixo a que se convencionou chamar esquerda.

      Gostar

  7. Daniel Ferreira permalink
    27 Abril, 2020 15:10

    Se o senhor “a ler” quer com isto dizer que o que temos agora não é dos mais radical possível, estamos falados sobre a desinformação patente em tal artigo.

    Gostar

  8. Olympus Mons permalink
    27 Abril, 2020 15:14

    Acabei de ver um segmento na TV, daqueles do feel good dos media, de um miúdo a falar sobre o pai, o super pai, que mostra face de bravura…. Mas será que está tudo bem?? Bla, bla, bla….depois no fim diz: família, amigos, vizinhos também são linha da frente para ajudar economicamente….espera, espera. Não, não. Isso é direita isso é ingroup, é capital social de grupo identificado, é valorização do grupo, isso é direita!!!! Estamos há 46 anos a ouvir dizer que, nada disso, é o coletivo, o coletivo “não individualizado” que conta, é o estado, o abstrato comum que interessa…. Agora que estão à rasca já é o irmão? O vizinho? O ingroup e lealdade dos próximos?

    Esquerdalhada nojenta!

    Gostar

    • Jornaleca permalink
      27 Abril, 2020 17:27

      Porque é que roubaram ao emigrante o direito ao voto?
      Muitos pagam impostos, e de que maneira, fazem bem ao país, ajudam a alimentar essa canalha e os filhos da puta socialistas, não dão ao voto do emigrante o mesmo peso? É isto justo?

      A palavra “extrema direita” é só para meter medo ao pessoal e insinuar, continuar a insinuar, a mentir, que os actuais gatunos, vigaristas, ladrões, ainda são melhores, serão sempre melhores.

      Por isso, o termo em nada ajuda. Quem assim fala, como Ferraz da Costa, nada percebeu.

      Eu não quero nenhum partido da extrema direita, eu quero pela primeira vez em Portugal, depois do 25 de Abril, um partido corajoso, justo e um que dê um pontapé em toda a esquerda e expulse para fora do país e lhes retire TODOS OS DIREITOS a votar.

      Mas quando é que esses que querem derrubar o actual poder, estudam bem como os tirar do mesmo poder, sem os subestimar, para não ser mal compreendida?

      Temos que dar a todos os emigrantes o mesmo poder de voto, como aos idiotas da esquerda. Isto é profundamente injusto. E seria razão, em princípio, para desencadear uma guerra mortal e matar toda a esquerda podre e fascista.

      Eles querem guerra? Guerra terão!!

      Gostar

  9. George Young permalink
    27 Abril, 2020 18:45

    A ideia da bazuca nas finanças surgiu com certeza das características desta arma.
    Com certeza estaríamos na segunda guerra mundial. Hoje o termo seria um lança rockets.
    Mas porquê a bazuca e não um canhão de 88 mm ou uma bomba arrasa quarteirões.
    Bom. A bazuca é uma arma pequena, fácil de manusear, que permite que apenas um homem com um tiro certeiro destrua um tanque.
    Parece que nas finanças o pessoal tem pouca pontaria, falam já em bombas atómicas de triliões? Mas! Mesmo uma bomba atómica consegue falhar o alvo.
    Nesta crise o dinheiro deixou de circular porque neste momento já 60 % dos trabalhadores em Portugal baixou os seus rendimentos.
    O dinheiro não circula. Uma fatura que deixa de ser paga aqui deixa uma dívida ali.
    Não seria altura de lançar dinheiro de helicóptero? Não seria original?
    Para Portugal dar 1000 euros a cada um dos três milhões de contribuintes que perdeu rendimento seriam apenas 3000 milhões. Para os 100 milhões de Europeus com perdas de rendimento seriam 100 000 milhões (metade do PIB português – pouco para a Europa)
    Isto sim seria um tiro de bazuca!
    Mesmo que não fosse aplicado em Portugal era bom para a economia Europeia e traria benefícios a Portugal
    Podia até ser sugerido que isto fosse aplicado em toda a Europa menos em Portugal. Na condição do cheque levar a assinatura do chefe do Eurogrupo. Mário Centeno.
    Podia ser que ele, com aquela dentadura que parece revelar afinidades com o conde Drácula, não fizesse planos para ferrar o dente no contribuinte português!
    Com o mérito de tal medida! E o prestígio de ser um português a assinar os cheques que chegariam a todos os europeus menos aos portugueses!!! Centeno não seria mau para Portugal.

    Gostar

    • Jornaleca permalink
      27 Abril, 2020 19:40

      Lançar dinheiro de helicóptero, por um governo, que odeia as empresas que fazem lucros? Que não quer que o povo que ordena seja livre e ganhe bem?

      Centeno é bom para Portugal, fazendo parte de um governo dos mais estúpidos que se pode imaginar?

      Doravante os helicópteros vão salvar e resolver tudo.

      E depois, você desaparece, caladinho, e recusa as suas responsabilidades, quando ver, ser obrigado a ver, a porcaria que pediu.

      O problema é, outra vez, que o António Costa é um grande burro, incompetente, e recusa-se a reconhecer isso.

      Não precisamos de helicóptero nenhum, mas correr com esta esquerda toda para sempre.

      Gostar

  10. Arlindo da Costa permalink
    27 Abril, 2020 19:32

    O Ferraz da Costa? Esse pigmeu? Um proxeneta que sempre mamou à fartazana com o regime vigente. Vão mas é se catar!.

    Gostar

    • Andre Miguel permalink
      27 Abril, 2020 19:40

      Mais um que ataca o mensageiro e não a mensagem.
      Diz-se que mentes pequenas discutem pessoas e grandes mentes discutem ideias…

      Gostar

  11. lucklucky permalink
    27 Abril, 2020 20:00

    Mais uma entrevista do Jornalismo Marxista

    Então para o jornalista Extrema Esquerda não é Radicalismo….

    Será que para o dito jornalista ter dívida record não é uma prova do radicalismo do regime do 25 de Abril dominado pelo centro esquerda?

    Um record não é algo radical, não é algo extremo?

    Gostar

  12. Leunam permalink
    27 Abril, 2020 22:50

    Informação da Euronews:

    Para efeito de garantir o acesso ao Sistema Nacional de Saúde português, passam a ser considerados como residentes nacionais:
    Quinhentos e oitenta mil imigrantes (580 000) que vivem actualmente em Portugal.
    Os rastreios para o Covid 19 estão em curso para todos estes 580 000 cidadãos.

    Gostar

  13. Liberal de Bancada permalink
    28 Abril, 2020 00:05

    A Helena, volta e meia, cede ao jornalismo globalista.
    Um partido de extrema-direita? Tipo qual? O Mário Machado?
    Ou o Ferraz da Costa está a insinuar que o Chega possa ser de extrema-direita?

    Gostar

  14. Albino manuel permalink
    28 Abril, 2020 13:54

    Um tipo que repete a mesma lengalenga há 40 anos. A entrevista data de 2014; seis anos., logo ultrapassada.

    Mas nào me esqueço de um debate dele com um tipo do Pingo Doce. Saiu-se bem. Referiu a exploração sofrida pelos produtores às mãos dos Pingo Doce. Cada um trata de si, foi a resposta. O senhor não trabalha para nôs, pois não? Não, fabrica comprimidos vendidos em farmácias. Tinha razão e tocou num ponto nevrálgico: os oligopólios. Vendesse ele azeite e estava tramado.

    Hoje é um velho, fora de prazo e fora de ideias. Pelo menos tem uma vantagem sobre o Saraiva: não é hipócrita.

    Nào tem nada a acrescentar desde o compromisso espremer Portugsl. Mas pelo menos é uma voz dossonante. Tendo vivido sempre à conta do estado, por via do sns.

    Gostar

  15. ANTONIO MANUEL PAIXAO AFONSO permalink
    28 Abril, 2020 15:28

    concordo com a homengame ao portal da lioja. muito bem.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: