Saltar para o conteúdo

Por uma vez na vida façam jornalismo

13 Setembro, 2020

Dez países da UE recebem 400 crianças de Moria. Dez países da União Europeia vão receber cerca de 400 migrantes menores desacompanhados, retirados da ilha grega de Lesbos após os incêndios que destruíram o campo de Moria.

Por exemplo expliquem:

a) Donde vêm estas 400 crianças?

b) O que levou as suas famílias a deixá-las partir sós? Onde estão essas famílias?

c) Que idade têm estas crianças?

d) Como e por quem vão ser educadas? Vão ser institucionalizadas? Adoptadas?

25 comentários leave one →
  1. Zé Manel Tonto permalink
    13 Setembro, 2020 10:49

    Qualquer pessoa que classifique estes imigrantes ilegais como crianças expõe ao Mundo a sua estupidez.

    Liked by 1 person

    • lucklucky permalink
      13 Setembro, 2020 19:53

      O Jornalismo é uma operação de Guerra Psicológica.

      Gostar

  2. chipamanine permalink
    13 Setembro, 2020 10:50

    A primeira pergunta que deve ser feita é se são realmente crianças. É que a UE considera crianças todos aqueles que não tem 18 anos. Não vá acontecer como na Suécia em que os ditos “menores” que chegaram sem documentos e todos “declaravam” ter 16/17 anos na assistência dentária que lhes foi disponibilizada o dentista ao ver as radiografias dizia que muitos tinham 30, pelo menos. Claro que na Suécia este dentista foi afastado do serviço

    Liked by 5 people

  3. João Brandão permalink
    13 Setembro, 2020 12:47

    Os eleitores europeus continuam a votar em bastardos da política que promovem a vinda desta gente para aqui.
    São refugiados de coisa nenhuma, não emigraram por razão alguma que habitualmente faz um cidadão emigrar, isto é, trabalhar em outro país que lhe proporcione melhores condições de vida.
    Aqueles bastardos apenas seguem uma agenda conjugada dos democratas norte americanos e dos comunistas, não há diferença nenhuma entre eles(!), ‘abençoados’ pela igreja católica.
    Com este monstruoso plano enchem de dinheiro os sacanas das igrejas evangélicas, alemã e francesa proporcionam um bela vidinha a uns quantos bandidos que se dizem dirigentes de ong’s. São bandidos porque são cúmplices, colaboradores, de traficantes de população humana.
    Cedo se percebeu qual era o plano dos bastardos. Não se preocuparam em ajudar a desenvolver os países de origem desta gentalha que por aí chega. Obviamente que quem presta para alguma coisa nesses países, ficam e rebotalho social é despachado para aqui.
    Porque se houvesse alguma preocupação humanitária neste monstruoso plano esses países seriam ajudados e desenvolver-se-iam, mas esta sacanagem levada a cabo por este bando de bastardos políticos e religiosos nada tem a ver com humanismo ou solidariedade.
    Mais, estes bastardos da política e da religião não dizem quando é que esta monstruosidade pode acabar. Será quando a Europa estiver completamente inundada de miséria ou quando não houver mais gente disposta para vir até aqui pelas condições miseráveis que se prefigura estarem a caminho?

    É notável verificar como os europeus se deixaram apodrecer mentalmente e em vez de almejarem evolução económica e desenvolvimento e se deixam entreter com balelas já experimentas e falhadas, não se incomodando ao ver a Coreia do Sul e a China muito mais à frente no desenvolvimento tecnológico.

    Apenas um apontamento mais acerca dos sacanas que estão e executar este plano. Anteontem dia 11, a esquerdalha comuna Katrin Göring-Eckardt, alemã, foi apanhada por detrás das linhas da polícia grega que continha mais uma manifestação desses evoluidíssimos seres na ilha de Lesbos. Ao perceber que foi ‘topada’ no local por uma blogger alemã no local, rapidamente e de ‘fininho’ se afastou dali.
    É gentalha deste tipo que estão a fazer da Europa um enorme alcouce merdoso.

    Liked by 3 people

  4. Expatriado permalink
    13 Setembro, 2020 13:10

    Jornalismo? Basta notar o tom desta reportagem para se ver quem o repórter identifica como os “maus da fita”.

    https://www.itv.com/news/2020-09-08/the-wild-west-without-a-sheriff-itv-news-witnesses-a-brazen-display-of-militia-power

    Gostar

  5. Maria José Melo permalink
    13 Setembro, 2020 15:22

    Por que razão vão tirar as crianças aos pais?
    Vão ficar completamente desenraizadas… futuros jihadistas… Que horror! Que futuro espera a Europa?

    Gostar

    • Albano Silva permalink
      13 Setembro, 2020 19:42

      Nada disso, meu caro. Os pais mandam as crianças à frente para efeitos de fácil legalização. Conseguido isso, estas ficam intituladas a chamarem as famílias, de forma legal, claro. Trigo limpo.

      Liked by 1 person

  6. Expatriado permalink
    13 Setembro, 2020 17:13

    Acredito que hoje, nos noticiários da 20, os jornalistas vão analisar esta notícia.

    https://www.foxnews.com/us/protesters-hospital-los-angeles-sheriffs-deputies-ambushed

    Gostar

  7. voza0db permalink
    13 Setembro, 2020 18:14

    Ó HelenaFMatos… Tu sabes as respostas para todas aquelas questões! Nem que seja à zona!

    Mas o mais divertido é porque raio achas tu que algum tuga está preocupado com essa treta?! Então se nós fazemos parte e financiamos e apoiamos as campanhas para bombardear e destruir os países de origem daqueles escravos modernos, e os tuga não estão nem aí para esta REALIDADE, não vejo porque razão agora se iriam preocupar em ler notícias da treta com tantos detalhes…

    Gostar

    • Zé Manel Tonto permalink
      14 Setembro, 2020 16:11

      Em quantas coligações está Portugal metido que andem a bombardear a Argélia, o Bangladesh, ou a Nigéria?

      Agradecido…

      Liked by 1 person

      • voza0db permalink
        14 Setembro, 2020 19:00

        Porquê a escolha selectiva de apenas esses 3 países?!

        Gostar

  8. SRG permalink
    13 Setembro, 2020 18:39

    Para quando, as autoridades europeias investigarem as mafias que estão ligadas ao transporte de migrantes para a Europa ? Há 50 anos também paguei para ir a “monte”para França, mas para trabalhar.

    Gostar

    • 13 Setembro, 2020 20:14

      Máfias?

      Pergunte aos serviços secretos austríacos quem os mandou calar quando descobriram a cia a financiar gente subsaariana, que não ganhava 2€/mês, com $800 para pagar a passagem até ao mediterrâneo …

      Gostar

  9. 13 Setembro, 2020 18:44

    Tanta conversa, e depois não diz o essencial:
    1. O Marxismo Cultural foi inventado pelo grande capital, depois da G.Guerra do século XX. Foi inventado por quem ganhou a guerra. Pelos campeões da democracia. Plano Rockfeller, com os banqueiros judeus a marcharem contra o comunismo.
    2. Com o objetivo de dotar as democracias de inspiração anglo-saxónica de políticas internas que favorecessem a pilhagem das riquezas desses países democráticos.
    3. Só são consideradas Democracias, os países que aceitam sem contestar as leis da OMC (antes do GATT), as leis das bolsas, os currículos escolares das universidades Norte Americanas, etc. que ensinam os países a comprar aonde é mas barato (no estrangeiro), abandonando a produção de bens essenciais dentro do seu território, equilibrando a balança de pagamentos com venda de riquezas nacionais, muitas vezes com valor estratégico (empresas monopólio de energia, de comunicação, empresas extrativas, agrícolas, pescas, etc.)
    4. Só são consideradas democracias, os países que implementarem políticas que defendam os direitos do homem e suas extensões como o direito à saúde, habitação, educação, à Justiça desde que haja separação de poderes…. Políticas de esquerda, com a designação de Socialismo em Liberdade, para distinguir do socialismo URSS.

    Hoje, os países que forem considerados não democráticos, cai-lhes o céu encima. São condenados a bloqueios económicos, que fazem com que, no seu território, uma simples dor de dentes se transforme num drama, pois desaparecem do mercado as anestesias de dentista, normalmente importadas de países da confraria anglo-saxónica…

    Aqueles que aqui em Portugal combatem o Marxismo Cultural, fazem-no porque não têm receio de um dia ser-lhes recusada a extração de um molar por se terem esgotado as anestesias a nível nacional. Não têm receio de que o seu país se transforme numa não-democracia.

    Os outros defendem-no, porque detestam não serem capazes de resolver rapidamente uma forte dor de dentes. Sabem que numa democracia anglo-saxónica, como a nossa, nunca faltará anestesia nos dentistas…

    Gostar

    • lucklucky permalink
      13 Setembro, 2020 20:13

      É mesmo verdade que o que escreveste faz sentido para ti?

      Gostar

      • Olympus Mons permalink
        13 Setembro, 2020 20:38

        Não, nem tem qualquer importância.
        Já não há nada a conversar ou tentar argumentar. E agora?

        Só resta votar no CHEGA.

        Liked by 1 person

      • chipamanine permalink
        13 Setembro, 2020 21:57

        O sentido que faz para esta gente é vira e mexe eles usam a retorcida dialéctica em qualquer “explicação” imaginária cujo resultado é sempre o mesmo…culpar o capitalismo e judeus
        É o “argumento” social-fascista. Parecem aqueles biólogos nazis a demonstrarem as diferenças “estruturais” dos judeus.

        Gostar

      • 13 Setembro, 2020 22:15

        Em 1948, a OCDE se originou como a Organização para a Cooperação Econômica Europeia (OCEE),[5] liderada por Robert Marjolin, da França, para ajudar a administrar o Plano Marshall (que foi rejeitado pela União Soviética e seus Estados satélites).[6] Isso seria alcançado alocando a ajuda financeira dos Estados Unidos e implementando programas econômicos para a reconstrução da Europa após a Segunda Guerra Mundial. (Ajuda de reconstrução semelhante foi enviada à República da China, devastada pela guerra, e à Coreia do pós-guerra, mas não com o nome “Plano Marshall”.)[
        Os americanos deram ajuda econômica no valor de cerca de 14 bilhões de dólares na época[1] (equivalente a cerca de cem bilhões de dólares em 2018 ajustado pela inflação),[2] que foram entregues para ajudar na recuperação dos países europeus que se juntaram à Organização Europeia para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico.

        WIKIPÉDIA – não faz sentido.

        Gostar

      • chipamanine permalink
        13 Setembro, 2020 22:36

        Bem me parecia que era “coltura” wikipediana . Mas mesmo com ela onde estará a conspiração judaico-capitalista explicita na reconstrução da Europa? No facto dos comunistas “terem rejeitado” (nem lhes foi “oferecido” porque seria impossivel “aceitar”). Isto de ouvir a Cristina Ferreira e depois o Tony Carreira dá nestas alucinações que , repito, acabam sempre no mesmo. Os filhos, netos e bisnetos do socialismo internacionalista ou nacionalista sempre acharam e identificaram “povos” que são o mal da humanidade, tais como os judeus, ciganos escoceses, irlandeses e africanos.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        13 Setembro, 2020 22:59

        Já e estás sem palavras próprias Manuel Galvão?

        Então o Marxismo Cultural é criação Capitalista para dotar de politicas internas que favorecessem a pilhagem das riquezas que incluiu o Plano Marshall para recuperar o Ocidente todo sobre o controlo do Plano Rockefeller e dos banqueiros Judeus a marchar contra o Comunismo. Uau!

        Gostar

      • 14 Setembro, 2020 08:37

        A Wikipédia só diz mentiras, os dólares não eram americanos, os estados sociais e respetivos SNS foram construídos com dinheiros dos marcianos…

        Gostar

      • lucklucky permalink
        14 Setembro, 2020 18:52

        Então o Estado Social criação Americana. do Rockfeller e dos banqueiros Judeus é para pilhar as riquezas desses países democráticos?

        Gostar

    • chipamanine permalink
      14 Setembro, 2020 11:45

      A wikipedia não diz só mentiras apesar de muitas vezes ser demasiado imprecisa. O que a wikipédia não tem culpa é das alucinações de certos “leitores” dela. É cada “viagem” que até se desconfia de um daqueles charros de material muito bom. A outra hipótese é um surto psicopata a tender para uma possível esquizofrenia.
      Aliás também devia ter cuidado com ela. É mais uma “arma” (criação) da grande conspiração judaico-capitalista, tipo OCDE e Plano Marshal que os amanhas que cantam do materialismo-dialéctico e do manifesto já no século anterior tinham identificado.
      Agora vou ter de ir fumar um para poder continuar nesta “viagem” e no “fundo” por a tocar a internacional para relaxar como a ministra da saúde. Avante camarada

      Gostar

  10. voza0db permalink
    13 Setembro, 2020 22:38

    Pronto Helena… QUERES JORNALISMO? >Aqui tens

    Gostar

  11. 14 Setembro, 2020 00:15

    Pedir aos jornalistas que façam jornalismo?
    Isso é muito complicado.
    Mesmo que esses pobres quisessem já lhes seria difícil.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: