Saltar para o conteúdo

Um pedido que não foi feito na passagem de ano mas ainda deve ir a tempo

3 Janeiro, 2021

Foi o que fiz hoje no Observador: Exm senhores Comandante Geral da GNR e Director Nacional da PSP, venho encarecidamente pedir-vos que acabem com o degradante espectáculo da guerra pela escolta ao transportes de vacinas. Nós já nos habituámos a muito, até àquilo que nunca pensámos tolerar como é o caso das vergonhosas prestações do ministro Eduardo Cabrita, mas ficar-se a saber que a PSP terá bloqueado o transporte das vacinas que estava a ser escoltado pela GNR é algo que ainda está acima das nossas capacidades.

14 comentários leave one →
  1. chipamanine permalink
    3 Janeiro, 2021 11:25

    Eu já tinha enviado uma carta ao director nacional da GNR a propósito de Alter do Chão em que não havia efectivo suficiente durante cinco dias para acabar com o ajuntamento festivo que por lá ocorreu……..mas que segundo as nossa querida “emprenssa” estava em total e completo alerta para desancar, deter ou multar (multas “pesadíssimas”) quem se atrevesse a estar na rua a partir das 23h do dia 31.

    Liked by 1 person

    • Zé Manel Tonto permalink
      3 Janeiro, 2021 21:17

      É uma questão de força dos números.

      Se a GNR e PSP forem multar um restaurante que estiver aberto, e a vizinhaça em peso (para cima de 200 pessoas) não deixar, a polícia baixa as orelhas, e vai embora.

      Como o comum cidadão obedece a tudo o que o governo vomita, a lei aplica-se ao comum cidadão.

      Como alguns grupos mandam a polícia (e por interposta pessoa, o governo) dar uma curva, se não quiserem ter um motim em mãos, fazem o que querem.

      No fundo, leis são cartas para o Pai Natal, se não houver homens armados que as imponham (a frase não é minha, mas gostava que fosse).

      Gostar

      • chipamanine permalink
        4 Janeiro, 2021 07:39

        Deixe-se de tretas. No caso específico não foi nem o número nem as circunstâncias que determinaram que não haveria efectivo “suficiente”. Todos sabemos que esse efectivo se desloca em caso de necessidade.
        Teve sim a ver com as “características” dos festivos e a cobardia politica de os afrontar exactamente por essas “características”.
        Um pelotão das forças de intervenção em um dos 5 dias que durou o evento, bastaria para dispersar 200 pessoas. A não ser que essas pessoas estivessem armadas e as ameaçassem dessa forma, o que por si tornaria a festa e os festivos ainda mais fora da lei.

        Gostar

      • chipamanine permalink
        4 Janeiro, 2021 09:04

        Se fosse essa a questão num caso no Algarve com um número semelhante de convidados uma festa “britânica” nem sequer foi necessário chamar reforço nenhum e entre gritos e outras “palhaçadas” de alcoolizados tudo dispersou.

        Gostar

      • Zé Manel Tonto permalink
        4 Janeiro, 2021 21:09

        “Teve sim a ver com as “características” dos festivos”

        O facto dos festivos serem conhecidos por não obedecer a ninguém, e responderem com violência, ajuda a que a polícia vá procurar outra coisa com que se entreter.

        Gostar

  2. João Brandão permalink
    3 Janeiro, 2021 12:28

    Nos tempos em que passei pela tropa, este comandante da GNR, pelas lamentáveis provas que já deu, seria demitido da função e baixado de posto. Em boa verdade, seria mais adequado despromovê-lo para cabo do rancho e esse assunto morria aqui.

    Quanto ao vagina, tendo em conta as presunções de que se toma e os dislates que já proferiu, só faltava mesmo isto. Colocá-lo de turno no intendente seria uma excelente saída para a figureta!

    Sá falta o outro. Já se sabe há muito que se trata de um ser completamente ‘descapacitado’ seja lá para o que for. Mas, tendo em conta o elenco deste governo e do que o precedeu, percebe-se que qualquer aleijado ali tem lugar.

    O desempenho destes três exemplares diz bem da porcaria de governo e até de regime que nos calhou em (pouca) sorte.

    Gostar

  3. sam permalink
    3 Janeiro, 2021 13:36

    Para esta luta de galos, só encontro uma explicação: o serviço de escolta deve estar a ser bem remunerado…

    Liked by 3 people

    • jppch permalink
      3 Janeiro, 2021 14:06

      Concordo perfeitamente e subscrevo… sendo Portugal (tanto quanto me é dado a saber) o único país dos 27 da UE, que tem em sede de Orçamento de Estado uma área formal dada a receitas de multas (e aí nem PSP nem GNR bufam porque são bem remuneradas) estamos falados… como disse (e bem) o serviço de escolta deve estar a ser bem remunerado.

      Gostar

      • jppch permalink
        3 Janeiro, 2021 14:09

        Queria especificar “multas automobilísticas” não aquelas que se devem multar, mas todas as outras de “Lana caprina” …

        Gostar

  4. André Silva permalink
    3 Janeiro, 2021 15:13

    Não percebo o espanto ou indignação. Um país de socialismo em ritmo acelerado rumo ao cãomunismo é isto e disto para pior. Habituem-se – “primeiro estranha-se, depois entranha-se”.

    Gostar

  5. Eduardo Menezes permalink
    4 Janeiro, 2021 19:23

    E evidente que o escândalo tem origem nos ministérios que não souberam coordenar a operação.
    Para eles não há leis, nem protocolos.
    Convencidos que são os donos da quinta fazem o que querem e lhes apetece.
    Essa gente é impecável a dizer:
    … vamos dar…. vamos distribuir…. vamos fazer… o eterno vamos xuxialista

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

<span>%d</span> bloggers like this: