Saltar para o conteúdo

As duas velocidades da liberdade na Europa

10 Novembro, 2021

Há 32 anos viveram-se dias de glória!

Os regimes comunistas e socialistas chegaram a 1989 putrefactos e o início da queda do muro de Berlim a 09 de novembro desse ano foi um momento histórico absolutamente inesquecível.

O muro foi construído nos anos 60 para tentar impedir e conter a fuga de cidadãos das sociedades de planeamento central para os países capitalistas. Mais de 4 milhões de pessoas escaparam à tirania.

No fundo estas pessoas concretas pouco ou nada se importavam com a retórica ideológica do socialismo versus capitalismo. Apenas reagiram a factos e procuraram reconquistar aquilo que de mais humano existe: serem senhores das suas próprias vidas e responsáveis pelas suas próprias escolhas. Não quiseram ficar dependentes nem subjugados a ordens do Estado sobre o que podiam fazer, ver, ouvir, ler, comer, vestir, comprar, que amizades poderiam cultivar, para onde poderiam viajar. Enfim, rejeitaram uma vida estúpida e sem sentido.

Mas se após longas e traumáticas décadas de opressão a queda do comunismo trouxe finalmente ao antigo bloco oriental a possibilidade de desfrutar do nascimento da liberdade e da democracia, na Europa Ocidental, apesar de vivermos hoje muito melhor em inúmeros aspectos da nossa vida, a verdade é que as nossas liberdades têm vindo a ser paulatinamente cerceadas e estamos – três décadas depois – quase que entregues a outros coletivismos e dirigismos, dominados por uma nova Esquerda progressista que controla as universidades, os media e todos os principais partidos políticos.

Hoje, no Ocidente, a liberdade de expressão é mais limitada e a dissidência política pior tolerada. Há repressão contra opiniões desalinhadas, controlo de linguagem e imposição de vocabulário politicamente correcto. A democracia deu lugar ao activismo e à política de causas.

A pretexto da covid19 e tolhidos pelo medo conferimos aos políticos a possibilidade de limitar fortemente a nossa liberdade de circulação, outorgamos confinamentos de pessoas saudáveis, deixamos que nos proibissem de trabalhar, toleramos que fechassem escolas, permitimos que nos impedissem de ver familiares, anuímos a que nos obrigassem a ser vacinados, autorizamos a segregação de pessoas, consentimos passaportes sanitários, admitimos todos os atropelos à legalidade e ao estado de direito.

Com a histeria apocalíptica a pretexto das alterações climáticas, santificamos uma adolescente desequilibrada alvo de abusos e aproveitamentos políticos, demos espaço a que a flatulência das vacas alterasse os menús das cantinas escolares, estamos disponíveis para sacrificar a vida de milhões de seres humanos para sinalizar a suposta virtude ambiental de uma classe urbana abastada que vive em círculo fechado.

Também a ideia original de integração amigável da Europa baseada na cooperação voluntária e na eliminação de barreiras entre os países foi hoje de tal modo substituída pela unificação, centralização e erosão democrática que a nomenclatura da União Europeia não se coíbe de tentar punir e humilhar o Reino Unido pelo Brexit, nesta tentativa dos britânicos em recuperar alguma da sua soberania perdida.

Assim como a União Europeia faz ameaças infames e aplica multas ultrajantes à Polónia pelo facto de o regular funcionamento das instituições democráticas e judiciais daquele país ter interpretações menos convenientes ao poder central de Bruxelas. A Polónia, veja-se lá, povo martirizado pelos desmandos comunistas e que nos deu lições heroicas de resistência através do Solidariedade de Lech Walesa ou de impulso à liberdade pelo Papa João Paulo II…

Hoje, no Ocidente, caminhamos para uma vida de servidão. Vale a pena por isso recordar algumas imagens de quem sofreu as consequências dos poderes alargados da máquina do Estado mas que em Novembro de 1989 decidiu voltar a ser livre. A partir do minuto 4:50 deste vídeo:

34 comentários leave one →
  1. pmanuelp37 permalink
    10 Novembro, 2021 20:14

    Os tempos não estão fáceis, mas quando os Floreais e os Brumários foram paridos pelo fanatismo jacobino ainda eram piores. E às tantas o pessoal acordou. Bem sei que hoje, com os algoritmos a manipularem em grande as cabeças dos deltas e dos epsilões , a coisa não está fácil. Mesmo assim tenho esperança.

    Gostar

  2. 10 Novembro, 2021 21:09

    Valha-nos Telmo o liberal conservadorismo capitalista de matriz anglo-saxónica para “defender” a liberdade da “tirania comunista”….

    Gostar

  3. lucklucky permalink
    10 Novembro, 2021 21:27

    O COP26 e o cartel da Política Ocidental impor impostos para empresas, logo protegendo-se a si próprios da competição assinalam o começo da Democracia Totalitária no Ocidente.

    Gostar

  4. 10 Novembro, 2021 21:34

    É muito simples. Se quiser voltar a ser livre:
    1. Deite o telemóvel ao rio, ainda mais se for uma máquina ligada ao satélite e à internet.
    2. Mande desligar a TVCabo e o WIFI lá de casa, use TDT.
    3. Venda o seu automóvel, ainda mais importante se ele tem Via Verde
    4. Deite fora todos os cartões de débito ou crédito que tenha na sua posse,
    5. Pague tudo a dinheiro (ainda é possível). Receba o valor do seu trabalho em dinheiro.
    6. Não frequente locais que tenham câmaras de vigilância.

    Nada destas benesses existiam quando a GGuerra acabou, e as pessoas eram mais livres, tem razão.
    As pessoas trocaram a liberdade que tinham por amarras que, alegadamente, as fazem sentir mais mais livres. Mentira.

    Gostar

    • chipamanine permalink
      11 Novembro, 2021 09:37

      Deite o seu pc fora assegurando que ele não acaba numa lixeira na India ou na China com as pessoas a envenenarem-se e ao ambiente com ele.

      Gostar

  5. 10 Novembro, 2021 22:14

    O Telmo também fala muito sobre os regimes comuno-socialistas, mas só não nos diz é, quem é que foi a correr para o salvar, aliando-se a eles, e quem é que garantiu a sua expansão e ocupação para outros territórios.

    Gostar

  6. Weltenbummler permalink
    11 Novembro, 2021 09:03

    por cá vamos andando às arrecuas
    se isto é liberdade sou ET

    Gostar

  7. Weltenbummler permalink
    11 Novembro, 2021 09:06

    Doze vozes gritavam em fúria e eram todas idênticas. Não havia agora dúvidas sobre o que estava a acontecer às caras dos porcos. Os animais que estavam lá fora olhavam dos porcos para os homens, dos homens para os porcos e novamente dos porcos para os homens; mas já não era possível dizer quem era quem.
    George Orwell

    Gostar

  8. chipamanine permalink
    11 Novembro, 2021 09:50

    Chama-se à atenção para o facto de TODO o espectro politico estar numa caminhada proto-totalitária embarcando em medidas/politicas cerceadoras das liberdades, civis, económicas e outras….. por conta dos medos criados, do politicamente correcto, da religião e moral do estado etc etc.
    A incapacidade de conceptualização desta mensagem faz com que aqueles “recém formados pela cidadania nas novas oportunidades” usem exemplos disso mesmo como se fossem coisas contrárias.
    Já há gerações de ineptos mentais que só usam um dos hemisférios cerebrais, incapazes das ligações ao outro hemisfério. “Educadas e instruídas” de forma a que não compreendendo nem sequer uma simples mensagem, serão os escravos do amanhãs que cantam.
    Nem a cannabis tem esse efeito tão duradouro e profundo nos cérebros.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      11 Novembro, 2021 17:36

      “Chama-se à atenção para o facto de TODO o espectro politico estar numa caminhada proto-totalitária embarcando em medidas/politicas cerceadoras das liberdades, civis, económicas e outras”

      Precisamente. Do PSD ao CDS do PCP ao BE do PS ao Chega e até a IL todos querem mais poder para o Estado e sempre que estiveram no poder o aumentaram.

      Gostar

  9. 11 Novembro, 2021 12:19

    Felizmente ainda há pessoas com “capacidade de conceptualização desta mensagem”.
    Ainda há esperança de salvação!

    Gostar

    • chipamanine permalink
      11 Novembro, 2021 15:29

      Não a tenha porque vc mesmo nem percebeu e eu não sou nenhum iluminado graçola como vc, nem pretendo ser . Isso está reservado para iluminados com todas as certezas como vc mesmo.
      Não procuro salvação nenhuma, nem para mim nem para os outros, nem de nada como vcs procuram. Apenas é uma constatação que fez o favor de confirmar com esse dichote merdoso.

      Gostar

    • 11 Novembro, 2021 15:33

      Um privilégio só para quem é capaz de usar os dois hemisférios cerebrais.
      E eles sabem disso porque já foram certificados com um selo de qualidade na testa.

      Gostar

    • 11 Novembro, 2021 16:12

      E ele não é um “iluminado com todas as certezas” como nós, ele só tem a certeza daqueles que só usam ao contrário dele uma parte do hemisfério e incapazes de ligações ao outro, seus dichotes merdosos..
      Como é que ele sabe isso ? Porque os incapazes de conceptualização de usar os dois hemisférios não trazem selo na testa como ele.

      Gostar

      • chipamanine permalink
        11 Novembro, 2021 18:25

        Este nazi anti semita não larga os seus hábitos, O do selo. Outro iluminado que aqui demonstra todas as suas certezas que os outros não podem ter senão ele próprio. Mais um das novas oportunidades da cidadania.
        Não há um post que ele não polua com as certezas absolutas dele e vem querer por selos nos outros qual nazi .

        Gostar

      • 11 Novembro, 2021 18:56

        Ora ai está, o chipamanine a brindar-nos com uma pequena amostra da sua “capacidade de CONCEPTUALIZAÇÃO de mensagens”.

        Gostar

      • chipamanine permalink
        11 Novembro, 2021 22:13

        Precisamente e é por isso que vc se sente “tocado” e sente necessidade de responder. Viu a sua própria imagem assustou-se e recusa-se a assumir.
        Parafraseando-o no que de mais importante escreveu
        “Ora aí está”

        Gostar

      • 12 Novembro, 2021 01:39

        Tenho de dizer que, o Freud em psicanálise era menino ao pé de si.

        Gostar

      • chipamanine permalink
        12 Novembro, 2021 06:53

        Tenho de dizer que vc só soube de Freud nos jornais e revistas da bola. O resto é copy paste achando que contradiz e afinal acaba por reforçar o que vc supõe ser contrário.

        Gostar

      • 12 Novembro, 2021 16:26

        E foram as vozes que ouve na cabeça que lhe disseram isso ?

        Gostar

  10. André Silva permalink
    11 Novembro, 2021 15:31

    Extraordinário. Sem mas e sem mais.

    Gostar

  11. 11 Novembro, 2021 18:13

    Diz o Telmo cito :”a nova Esquerda progressista controla os média e todos os principais partidos políticos.”

    OS média “esquerdistas”

    Gostar

    • André Silva permalink
      11 Novembro, 2021 18:17

      Guincha e grunhe para aí até te cansares.

      Gostar

      • chipamanine permalink
        11 Novembro, 2021 18:30

        O velho esteriotipo. Se és milionário és “de direita”. Portanto aqueles bilionários chineses do partido comunista chinês são todos “de direita”
        E depois ainda se queixam de selos dos outros. Não conseguem perceber a si próprios mas sabem dos outros. Como aquela das partidarites. Só ele tem o selo na testa da informação e da “isenção”. Só ele é capaz de descortinar a verdade …que só por mero acaso….é a dele.
        Guincha e grunhe é um bom qualificativo para isso.

        Gostar

    • 11 Novembro, 2021 18:30

      Os média “esquerdistas” de França

      Gostar

    • 11 Novembro, 2021 18:31

      O comunas que controlam os média nos EUA

      Gostar

      • Chopin permalink
        11 Novembro, 2021 20:39

        Quase todos os caminhos vão dar aqui: BlackRock

        Gostar

  12. 11 Novembro, 2021 19:14

    E por cá na santa terrinha em Portugal Sr Telmo. Quem são os Belmiros ? Quem é o Pinto Balsemão e a Impresa ? Quem é a Media Capital ? Quem é a Cofina ? Quem é a Gobal media Group ? E quem é o Luis Amaral e o Observador

    Gostar

  13. 11 Novembro, 2021 19:32

    Ia começar pelos politicos que são controlados pela “esquerda” , como por exemplo o Macron …

    Gostar

    • 11 Novembro, 2021 19:48

      Mas interrompemos para anunciar que este programa de média é patrocinado pela comuna Pfizer & proletariaados Lmt.

      Gostar

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        11 Novembro, 2021 23:28

        Só há o problema de em Portugal estar quase tudo vacinado, até o cão e o periquito, e de andarem todos cheios de medo da Quinta Vaga, e não a do Alvin Toffler.

        Mais valia vacinar com soro fisiológico. Pelo menos não aumentava os riscos cardiovasculares.

        Gostar

  14. Arlindo da Costa permalink
    13 Novembro, 2021 02:18

    Deem graças a Deus por viverem em Portugal, um dos países com mais Liberdade, Democracia e respeito pelos Direitos Humanos.
    Quem não gostar que vá para a China, Brasil, Rússia ou Arábia Saudita!

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: