Saltar para o conteúdo

para quê?

27 Setembro, 2011
by

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social tem cinco directores e sessenta, repito, sessenta funcionários. Para quê?

28 comentários leave one →
  1. libertas permalink
    27 Setembro, 2011 15:39

    hipótese 1: para dar remuneração/subsídio a camaradas, amigos e familiares.
    hipótese 2: para subsidiar quem não tem vegonha e nada sabe fazer.
    hipótese 3: a hipóse 1 e hipótese 2 em simultâneo.

    O que acontecerá se se liquidar essa entidade? Nada. À semelhança de qq beneficiário do subsídio de desemprego, espero que quem consta ou constou na folha de vencimentos não tenha acesso a pensão de reforma.

    Gostar

  2. anti-comuna permalink
    27 Setembro, 2011 15:56

    Mais uma boa noticia:
    .
    http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=508357
    .
    “Até Agosto, a fábrica de Palmela aumentou também em dois pontos percentuais a incorporação nacional, que é agora de 60%. De acordo com o director-geral, a unidade compra hoje 500 milhões de euros por ano a fornecedores nacionais, que são actualmente 19.”
    .
    .
    Era preciso era alastrar esses fornecedores para o resto do grupo. Isso é que era.

    Gostar

  3. tina permalink
    27 Setembro, 2011 15:58

    Aposto que a ERCS da ex-URSS ainda tinha menos funcionários!..

    Gostar

  4. 27 Setembro, 2011 16:06

    Não sei porque é que enfatiza os sessenta funcionários e passa ao lado dos cinco, repito, cinco diretores.

    Gostar

  5. Arlindo da Costa permalink
    27 Setembro, 2011 16:08

    Não sei se já repararam, mas mais lá em em cima, está um gato pingado a anunciar mais uma «reforma», enquanto não chega a reforma dele…

    Gostar

  6. Fredo permalink
    27 Setembro, 2011 16:19

    Arlindo, o gato pingado foi muito simpático em ter avisado. Para mim é como aqueles avisos de obras na estrada, só lá passo se não puder mesmo evitar.

    Gostar

  7. 27 Setembro, 2011 16:22

    @Trinta e três
    se calhar porque ele referiu que são TODOS (ou grande parte, vá lá) inúteis, directores ou não.

    Gostar

  8. lucklucky permalink
    27 Setembro, 2011 16:30

    A pergunta não é essa.´
    A pergunta é porque é que ainda existe a Entidade Reguladora para a Comunicação Social

    Gostar

  9. Arlindo da Costa permalink
    27 Setembro, 2011 16:40

    E ainda poderíamos ir mais longe: para quê «comunicação sucial», pelo menos esta que existe neste pobre país?
    Para quê?

    Gostar

  10. Carlos Lopes permalink
    27 Setembro, 2011 16:49

    Realmente não consigo lembrar-me de nada de jeito que tenha sido feito pela ERCS. Para estes casos é qeu está bem indicado “Orçamento de Base Zero”.

    Gostar

  11. lucklucky permalink
    27 Setembro, 2011 16:56

    As pessoas deveriam ser livres de fazer o seu jornal, tv, radio se quiserem.
    ERC está cá para controlo político e limitar a concorrência.
    Veja-se a única grande experiência Ultra-Neo-Radical-Liberal em Portugal que provou que os Portugueses quando livres, sem o peso do Estado Soci@lista atrás -desatam a produzir: Rádios Piratas.

    Gostar

  12. zazie permalink
    27 Setembro, 2011 17:27

    Lá vem o Luck com a comuna maoista por bairro… É que está-se mesmo a ver que qualquer pessoa pode fazer o jornal que quer. O problema é apenas vendê-lo.

    Gostar

  13. zazie permalink
    27 Setembro, 2011 17:28

    Estes neotontos vivem no país dos sovietes e nunca deram por isso.

    Gostar

  14. 27 Setembro, 2011 17:41

    Na comunicação social continua tudo na mesma, como se o Governo ainda fosse do PS do Sócrates.
    Nada mudou: os mesmos alegados jornalistas e comentadores persistem em intoxicar a opinião pública com as suas criminosas inanidades e infindáveis disparates.
    Por seu turno, a Comissão de Censura, agora chamada ERC, calou-se que nem uma rata, a ver se se safa pelos intervalos da chuva. Os quatro “cavaleiros do Apocalipse” (Azeredo, Estrela, Elísio e Rui) mais os cinco directores, as dezenas de funcionários, motoristas, etc., lá continuam no palacete da 24 de Julho, a empochar dos nossos impostos e a fumar nos varandins, que essa coisa de trabalhar é para o preto da Casa Africana…
    Este PSD/CDS no Governo é mesmo um espanto, não acham?

    Gostar

  15. Beirão permalink
    27 Setembro, 2011 18:00

    Esta Entidade Regulaldora que, nos anos todos que já leva a mamar à fartazana das tetas desta depauperada e anémica porca da política, nunca fez, de útil, a ponta de um corno, tem de ser rapidamente corrida, a pontapé se necessário for. Uns chulos, esta cambada ‘xuxalista’ a quem o Grande Aldrabão deu guarida. Fora!

    Gostar

  16. lucklucky permalink
    27 Setembro, 2011 18:02

    “É que está-se mesmo a ver que qualquer pessoa pode fazer o jornal que quer. O problema é apenas vendê-lo.”
    .
    E? Isso é responsabilidade do criador ter um produto viável se o quiser, também pode gastar a fortuna própria…
    Seja um jornal, um livro , lavar pratos, pintar etc…

    Gostar

  17. Joao Fernandes permalink
    27 Setembro, 2011 18:05

    Serve para blogar e para tuitar …

    Gostar

  18. Arlindo da Costa permalink
    27 Setembro, 2011 18:06

    Acho que o Governo devia extinguir a ERC e criar um «novo» grupo de trabalho para monitorizar o «sector».
    Podem contratar o Braga de Macedo, o Campos e Cunha, o Medina Carreira, o Fernando Mendes do Preço Certo,etc.
    Tudo gente que tem muitos bolsos para empochar mais «algum»…

    Gostar

  19. 27 Setembro, 2011 18:18

    Bastava substituírem os 5 por 1 : jmf1957 !

    Gostar

  20. 27 Setembro, 2011 18:20

    Com helenafmatos assessora.

    Gostar

  21. zazie permalink
    27 Setembro, 2011 18:24

    Portanto, ó Luck, essa liberdade para todos é só para os que têm fortuna própria…
    .
    Por cá dá o nº de jornais que existe e ainda sobram alguns porque as “fortunas próprias” já têm de ir a África catá-las

    Gostar

  22. lucklucky permalink
    27 Setembro, 2011 20:30

    “Portanto, ó Luck, essa liberdade para todos é só para os que têm fortuna própria…”
    .
    Se queres fazer o truque de mudares os postes da baliza fingindo que não mudas eu também o faço.
    É isso que os criadores têm: Fortuna.
    A fortuna pode ser dinheiro, inteligência, ideias, trabalho, beleza…etc.
    .
    Agora nem dá para os que têm fortuna. É preciso seguir o dinheiro e a ideologia para ser aprovado.

    Gostar

  23. jose.gcmonteiro permalink
    28 Setembro, 2011 08:55

    São os paraquedistas da corrente política.

    Gostar

  24. António Ramos permalink
    28 Setembro, 2011 11:31

    Por que não o “piscoso” para chefe da ERC? Parece-me que ele até estaria disponível…

    Gostar

  25. josé maria martins permalink
    28 Setembro, 2011 14:51

    Ê áxo ca Érqui devia sêri multada antis de sêri estinguida.

    Gostar

  26. Carla Martins permalink
    29 Setembro, 2011 19:57

    Seria uma daquelas pessoas a) “camaradas, amigos e familiares” que recebe “remuneração/subsídio” e b) subsidiada “que não tem vegonha e nada sabe fazer”. Se de facto a ERC não fosse um sítio onde se trabalha a) a sério; b) muito; e c) muito bem. Desafio qualquer um dos comentadores a comparar currículos e tentar concluir quem é, afinal, o sem vergonha que nada sabe fazer.

    Gostar

Trackbacks

  1. Extinguir a Entidade Reguladora para a Comunicação Social « O Insurgente
  2. Extinguir a Entidade Reguladora para a Comunicação Social |

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: