Skip to content

a caixa geral de depósitos

21 Maio, 2016
by

img_757x426$2015_03_22_21_58_37_442437A Caixa Geral de Depósitos é o bordel do regime. Durante anos, por lá se passaram e se satisfizeram, em alternância «democrática», todas as eminências pardas do PS e do PSD, que me poupo a citar por motivos de ordem de higiene ambiental. Enquanto por lá estavam, como administradores e gestores, utilizavam o dinheiro dos depositantes para fazerem favores aos amigos e aos partidos a que pertenciam, para comprarem bancos, grupos de comunicação social e realizarem toda a espécie de luxos privados a que a elite do regime considera ter direito. Quem não se lembra ainda de Armando Vara, o moço de fretes de José Sócrates para a banca, dos «empréstimos» a Joe Berardo para assaltar o BCP, das negociatas com Ricardo Salgado para manter os balanços do BES e controlar a PT, dos financiamentos ao comendador Oliveira para que ele comprasse a Lusomundo e a pusesse ao serviço do governo? Quando acabavam a sua patriótica missão de gastar o que não lhes pertencia, os «gestores» da Caixa saiam com indemnizações milionárias ou pensões de reforma faraónicas, como sucedeu com o célebre «reformado Amaral», Mira Amaral, do PSD, mais precisamente, que, tendo lá estado uns meses e sacado uma belíssima reforma, ainda teve tempo para ir presidir a outro banco, falido pela «elite» financeira do PSD, o BPN. Veja-se, agora, donde veio todo esse dinheiro e rapidamente perceberemos por que é que nunca os governos do PS e do PSD quiseram privatizar a Caixa Geral de Depósitos. Porque, enquanto ela for pública, haverá sempre o dinheiro dos contribuintes para que os governos possam continuar a brincar aos bancos e aos banqueiros, e a gastar o dinheiro que não lhes pertence. Quem também ainda não percebeu por que motivo Portugal faliu e está como está, tem também aqui uma boa razão para deixar de desconfiar da troika e de Angela Merkel.

Anúncios
40 comentários leave one →
  1. Manuel permalink
    21 Maio, 2016 13:06

    A caixa está em colapso e se fosse privada era mais um BES. Quem são os administradores responsáveis por esta situação? Não chega o “boi piranha” Vara! Uma oposição capaz devia exigir saber quem são os detentores dos créditos duvidosos (lixo tóxico) o burao já vai quase em 6500 milhões. Quero ouvir o que tem a dizer o sr Passos, pensará que basta esperar nova bancarrota para ganhar eleições? Ser público não pode dar impunidade para roubalheira. O ministério público deve iniciar investigação à caixa, ou será preciso chamar o juiz Sérgio Moro?

    Gostar

    • LTR permalink
      21 Maio, 2016 13:34

      Noutros países estavam na cadeia.

      Liked by 1 person

    • Ana permalink
      23 Junho, 2016 23:00

      Pelo menos o Sr. Passos quer que seja feita a investigação na Caixa Geral. O pior são os Srs. do PS e PCs que não querem de forma alguma a investigação. Do que tem tanto medo? Agora o governo Costa depois de tanto fugir diz que faz a investigação com uma auditoria independente,(porque assim podem manipular), e não aceitam uma auditoria forense como quer fazer o Passos e a direita porque? do que tem tanto medo?

      Gostar

  2. LTR permalink
    21 Maio, 2016 13:33

    A era constâncio vai-nos custar caro pelo menos por mais 400 anos 🙂

    Liked by 2 people

  3. Zé dos Bois permalink
    21 Maio, 2016 13:42

    Este governo em poucos meses já enterrou ou vai enterrar quantos mil milhões dos contribuintes na banca? Para quem se indignava tanto com o caso BES, não está nada mau.

    Liked by 2 people

    • LTR permalink
      21 Maio, 2016 17:27

      Por que será que a fonte da TVI não pode ser revelada? Por que será que logo após o anúncio noticiado há poucos dias de uma reunião privada com a senhora da UE que recebeu os telefonemas o senhor Constâncio afinal já presta declarações depois de tanta oposição? Tudo ambientes muito estranhos e esquisitos.

      Liked by 2 people

    • Luis Meleiro permalink
      22 Maio, 2016 07:01

      Só quem fôr zarolho e/ou tiver umas palas pode culpar o actual governo, pelo descalabro da banca. Sejamos honestos, podem ter muitos defeitos mas este não.

      Gostar

      • Zé dos Bois permalink
        22 Maio, 2016 10:46

        Uma boa parte desta gente já andava pelo governo que bancarrotou Portugal em 2008-2011.

        Gostar

      • Luis Ruela permalink
        23 Maio, 2016 13:46

        Este governo nao tem culpa,diz o senhor!vem do tempo do mário soares e do socrates,mas todos sabemos que em portugal nao há justiça para estes senhores..!

        Gostar

  4. 21 Maio, 2016 13:52

    Tem toda a razão. Desde há muito que defendo a privatização da CGD, forçosamente aos bochechos. Mas, como é notório, os Partidos do “arco do poder” nem podem ouvir falar nisso. Se isso fosse feito, lá se iam os tachos, ou seja, mama.

    Liked by 1 person

  5. 21 Maio, 2016 13:53

    A CGD está como está porque é pública. E os outros estão como estão porquê?

    Gostar

    • 21 Maio, 2016 13:59

      Os outros que estão mal não são privados; os outros que também estão mal encontram-se sob a alçada do “Estado”. Repare nisso.
      E, se os Banco privados falirem, deixa-los falir, desde que os depósitos dos pequenos clientes estejam salvaguardados. Os accionistas que vigiem as respectivas equipas de gestão.

      Liked by 1 person

    • rui a. permalink*
      21 Maio, 2016 14:18

      O BCP, porque foi assaltado pelo Sr. Eng.º Sócrates e o Dr. Vara, por sinal, com a massa da Caixa. O BES, porque era outro bordel do regime, aliás, de todos os regimes, sempre a viver à sombra do poder e a obter benefícios dele para conseguir posições de mercado que, em livre-concorrência, nunca conseguiria. Lembra-se que o Salgado era o «dono disto tudo»? O que quereria isso dizer? O BPN, porque foi um banco feito, também, à sombra do poder, à pála do PSD de Cavaco, logo, nunca foi uma verdadeira empresa. Quanto ao BPP era um casino, que fechou e fechou muito bem, como podem fechar empresas que não se adequam à evolução dos mercados. O BPP apostou sempre em produtos de alto risco e, quando estoirou a bolsa, estoirou também. Em suma, o que vc. tem em Portugal, na banca, é «capitalismo» de compadres, todos sentados à mesa do orçamento de estado, e não verdadeiras empresas a competirem entre si.

      Liked by 3 people

    • lucklucky permalink
      21 Maio, 2016 14:35

      Outros? Caso não saiba Luís Miguel Rainha, há bancos privados em Portugal com situação financeira estável.
      E os que não, são aqueles que mais próximos estiveram do poder político.

      O Privado é mais redundante porque separa o risco entre diversos participantes, o Estado é um risco único. Além da violência. Você é um accionista forçado da CGD e vai ser chamado ao aumento de capital quer queira quer não.

      Embora a cultura portuguesa de ódio à diferença tudo tente fazer para se comportem todos da mesma maneira mesmos os privados.

      Imagine que só tínhamos um banco em Portugal onde acha que estaríamos hoje? muito mais falidos. Porque a cultura dominante Socialista nos leva à falência.

      E o jornalismo em Portugal, é só o maior entrave à aprendizagem de uma comunidade de modo a não cometer os mesmos erros. Ao invés assegura a sua repetição.

      Já vamos a caminho de outra.

      Enquanto isso noutros países aprende-se e prospera-se. Quantos já nos passaram desde a queda do Muro de Berlim?

      Gostar

      • EMS permalink
        21 Maio, 2016 14:59

        Há banco privados com situação financeira estável? Tirando o Santander e o Deutsh Bank não me ocorre mais nenhum.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        21 Maio, 2016 17:53

        Santander e Deutsch Bank?? Esses não chamaria estáveis.
        Embora com reservas de capital baixas nenhum na prática o seja.
        Referia-me mais a pequenos bancos.

        Gostar

  6. Colono permalink
    21 Maio, 2016 14:19

    Relacionado com bancos:

    A ERC multou a TVI em 430 euros ( quatrocentos e trinta) por causa das “inocentes” noticias sobre o Banif….

    A Administração da estação televisiva , perante tamanho rombo financeiro, está a negociar com o Santander Totta um empréstimo, que lhe permita honrar a exorbitante divida à ERC.

    Gente séria é outra coisa!

    Liked by 2 people

  7. JgMenos permalink
    21 Maio, 2016 14:23

    A seguir a almofadar a CGD vão pô-la a financiar a compra do BES – alargar a pastagem pública é a palavra de ordem.

    Liked by 1 person

    • Manuel permalink
      21 Maio, 2016 14:31

      Bes? Eu vi um cenário em que o Novo Banco era nacionalizado e absorvido pela caixa, nada que me espante. Reitero, a nossa situação é muito negra, mas enquanto os gestores públicos e governantes não forem severamente punidos por nepotismo, corrupção e dolo o bordel vai continuar.

      Liked by 1 person

  8. campus permalink
    21 Maio, 2016 14:34

    Como diz o Grande Educador, isto é tudo um grande putedo.

    Liked by 1 person

  9. bintoito permalink
    21 Maio, 2016 14:46

    Uma injeção do Costa de 4 mil milhões de gotas nas nossas costas. Subiu a seringa para não dizer que nos quer ir ás nalgas.

    Gostar

  10. 21 Maio, 2016 15:02

    Pois, pois, uma desgraça! Na Banca privada foi melhor ou pior? Quanto a mim, apenas foi diferente. O resultado igualzinho: os mesmos de sempre a encherem a arca das libras.

    Gostar

  11. 21 Maio, 2016 16:19

    Isso mesmo, Rui A., a CGD é “o bordel do regime”

    Liked by 2 people

  12. Arlindo da Costa permalink
    21 Maio, 2016 16:28

    Agora com o voto do PCP este bordel tem os dias contados. Até porque o PCP é contra a legalização da prostituição e das barrigas de aluguer. Inclusive as financeiras.

    Gostar

    • campus permalink
      21 Maio, 2016 17:16

      Arre lindo.

      Gostar

    • lucklucky permalink
      21 Maio, 2016 18:19

      Por isso é que o PCP votou a favor do TGV…

      Gostar

      • Bolota permalink
        21 Maio, 2016 19:31

        lucklucky,

        Não há nada mais parecido com uma barriga de aluguer que o TGV.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        21 Maio, 2016 23:06

        Talvez tenha sido para o PCP facilitar o negócio de bancos com o Estado…

        Gostar

    • Zé dos Bois permalink
      21 Maio, 2016 20:09

      Por isso é que o PCP votou contra a austeridade do Programa de Estabilidade. Espera lá… afinal votou a favor.

      Gostar

  13. Filipe Costa permalink
    21 Maio, 2016 20:26

    Quanto a CGD injectou no BPN? No BES? No BPP? Pois. Se nem os cócós conseguem devolver (900 milhões), ainda lhe mudámos a fralda com 4 mil milhões?

    Entendem agora o Banco Mau? O Costa queria enganar os Bancos com cenouras podres, mas eles não foram na cantiga, já estão bem limpos de lixo governamental.

    Gostar

  14. Maria Viegas permalink
    22 Maio, 2016 13:55

    Excelente Rui A.

    Gostar

  15. 23 Maio, 2016 10:27

    Fazem um assédio terrível a quem tenha uma prestação em atraso mas para encherem os bolsos de alguns ou fecharem os olhos a quem deve milhares, não devem fazer perseguições telefónicas, escritas, etc, etc.

    Gostar

  16. 23 Maio, 2016 10:36

    Um texto bacoco a defender a privatização da CGD que esquece subrepcticiamente que os bancos privados já nos ficaram incomensuravelmete mais caros.

    Gostar

    • rui a. permalink*
      23 Maio, 2016 14:52

      Obrigado pelo elogio. Mas, atrevo-me a sugerir, que averigue das razões pelas quais os ditos bancos «privados» têm ido ao charco. Sobretudo, as relações de mancebia com o estado e os seus dirigentes, os investimentos assim feitos, a compra forçada de dívida pública, etc.. É um exercício básico de honestidade intelectual para quem quer eloquentemente perorar sobre o tema.

      Liked by 1 person

      • nhamate permalink
        2 Novembro, 2016 22:54

        Li o artigo e fiquei irritado.
        Segundo o articulista, todos os empregados da CGD e/ou ex-trabalhadores são putas ou paneleiros.

        Gostar

      • rui a. permalink*
        4 Novembro, 2016 00:15

        Não tem que se irritar: só estamos mesmo a considerar os gerentes da coisa.

        Gostar

Trackbacks

  1. Cross-blogging (0001) – O Espalha Brasas
  2. A tratos de polé | BLASFÉMIAS

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: