Skip to content

Os Ricos Não Produzem Pobres

16 Março, 2017

Os ricos de facto são uns chatos com a mania das grandezas a encher o país de shoppings cheios de lojas de marcas a preços acessíveis! Esse Belmiro deve ter a mania deve, que é dono de Portugal. Tem algum jeito a Sonae que já tem os “Continentes”,  acumular com mais negócios na indústria e no comércio a retalho, criando milhares de postos de trabalho para obrigar as pessoas, coitadas, a trabalhar para ele? 
    

E o IKEA? Quem pensa ele que é ao invadir nosso país assim com artigos super baratos para a comodidade do lar? A terra dele não chegava pra ter de nos impingir esses produtos que todos correm para comprar? Mas que lata!

    

Para não falar dos chineses… Ah! Os chineses que se reproduzem a velocidade da luz, inundam-nos de armazéns cheios de tudo e mais alguma coisa, abertos quase 24h por dia  só pra nos fazer derreter o salário, que depois usam pra estacionar uns quantos BMW de topo à porta? Desgraçados!

    

E a Apple? A maior responsável por quase todos terem 1 iPhone, aquela màquina insuportável que faz tudo e mais alguma coisa e cabe na palma da mão.

    

Isto sem falar daquele rico nojento do Zuckerberg que foi inventar o Facebook só pra nos viciar e depois enriquecer à conta dos miseráveis que não conseguem viver desligados dum mundo que ele tornou global. E como se não bastasse, em vez de distribuir sua fortuna por todos os utilizadores, cria fundações para ajudar na cura de doenças. Shame On you!

    

E a BMW, Mercedes, Ferrari e por aí fora… Quem precisa de carros com todas as comodidades e mais algumas, que nos levam para onde queremos quando o Costa tem bicicletas eléctricas que chega pra todos? Companhias aéreas privadas? Cruzeiros? Com tantos barcos pneumáticos a preços ridículos e muito mais ecológicos.

    

Os ricos não produzem pobres. Essa demagogia foi inventada  pela esquerda radical das Marianas e Catarinas, que, secretamente,  lhes reconhece mérito e deles precisam para que se crie a riqueza que  depois numa revolução provocada, irão confiscar para criar 1 sociedade comandada por eles, onde a igualdade, não a equidade, irá prevalecer: todos iguais, todos sem oportunidades, todos sem liberdades, todos pobres. Uma sociedade a preto e branco. Um regime totalitário onde o único rico é o Estado.

    

A riqueza dum país está na quantidade de ricos que consegue criar para que essa riqueza chegue a todos. E é nessa construção de sociedade livre que se diminuiu a pobreza.

Anúncios
92 comentários leave one →
  1. 16 Março, 2017 10:53

    O dinheiro quase não é preciso para uma vida feliz de muitos tugas. Basta por exemplo uma selfie, um beijo, um abraço do MarceloCarmonaThomaz.

    Gostar

    • 16 Março, 2017 20:16

      Os socialistas lá vão aguentando o Governo com os meios de informação nas unhas e os impostos bem altos.
      O crescimento económico também anda elevado, nos meios de informação.

      Gostar

  2. José Ribeiro permalink
    16 Março, 2017 11:02

    Que inspiração, cara Cristina!
    Gostei do texto, só é pena não ser distribuído pelos sinistros. Seja como for, a cabeça deles já está pré-formatada com os ideais de mer…
    Enfim!

    Gostar

  3. Vitor permalink
    16 Março, 2017 11:25

    Conheço os canalhas do BE há décadas, sempre defenderam o regime comunista da Albânia, nunca os vi criticar o pensamento de Enver Hosha, o grande líder sociopata que eles sempre seguiram, sobretudo a fação maoista/UDP, nunca os vi distanciarem-se do regime comunista que o ditador louco Chavez instaurou na Venezuela, são uns verdadeiros canalhas, uma escória que não descansa enquanto todos os portugueses forem pobres menos eles que irão controlar os despojos.

    Liked by 1 person

  4. Vitor permalink
    16 Março, 2017 11:35

    A canalha sem vergonha da Catarina e da Mortágua não descansa enquanto Portugal não seguir a via do socialismo de miséria da Venezuela onde nem sequer pão podem comprar porque os comunas arrasaram com a economia e transformaram um país rico numa pobreza franciscana. Alguém ouviu a víbora traiçoeira da Catarina criticar a miséria absoluta que os chavistas criaram na Venezuela? Ninguém ouviu nem ouvirá porque a via miserável dos chavistas é a via que o BE quer instaurar em Portugal.

    Liked by 1 person

  5. jmpg permalink
    16 Março, 2017 12:13

    Clarividente o texto da CM . Talvez se possa dizer coitados dos pobres se não fossem os ricos

    Gostar

  6. 16 Março, 2017 12:19

    Pois não . São os remediados !

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 13:12

      Já agora porque não mostra a cara para sabermos quem é e quem sabe descubramos que é daqueles que fala, fala, fala mas tem Tlm androide, TV led última geração, 1 tablets por cada habitante em casa 😉 Um carro topo de gama na garagem… 😉

      Gostar

      • 16 Março, 2017 20:53

        O que eu tenho ou não tenho tem muita importância para si . Não se preocupe e argumente .

        Gostar

      • Cristina Miranda permalink
        16 Março, 2017 20:56

        Tem. Porque mandar bitaites e agir exactamente ao contrário, revela muito sobre o caracter de alguém. Neste caso, você.

        Gostar

      • Euro2cent permalink
        16 Março, 2017 22:23

        > Já agora porque não mostra a cara para sabermos quem é

        Porque isto não é a a “Caras”. Se quer debater ideias, debata. Se é para o ‘ad hominem’, temos mais que fazer.

        Adeus.

        Gostar

      • Cristina Miranda permalink
        16 Março, 2017 23:11

        Pronto. Temos 1 virgem ofendida.

        Gostar

  7. 16 Março, 2017 12:22

    Pensa que a malta para quem escreve È nescia não é ?

    A Apple, uma das empresas mais bem conceituadas na área de tecnologia, admitiu o uso de mão-de-obra infatil em algumas de suas fábricas na Ásia. Segundo reportagem do jornal britânico Daily Telegraph, pelo menos 11 crianças com menos de 15 anos de idade trabalharam no ano passado em três fábricas da companhia.

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 13:09

      Negativo. A culpa não é da Apple mas sim dos governos desses países que deixam seu povo na miséria e fome proporcionando estas situações de mera sobrevivência. Por outro lado, servem os governos para regulamentar e fiscalizar a actividade económica para evitar abusos, mas nunca travar ou atrapalhar seu crescimento.

      Gostar

      • 16 Março, 2017 18:31

        Pronto, já lavou as mãos! já pode ir jantar descansada!

        Liked by 1 person

      • 16 Março, 2017 20:39

        A culpa não é de Apple mas os lucros são .

        Gostar

      • Cristina Miranda permalink
        16 Março, 2017 20:50

        Negativo. Só há lucros com especulação de mão de obra barata porque EFECTIVAMENTE existe governos a fomentar essa exploração. Simples.

        Gostar

    • PiErre permalink
      16 Março, 2017 16:17

      Ó palerma, com menos de 15 anos já eu trabalhava há mais de 5 e ainda aqui estou. Em que país é que vives?

      Liked by 1 person

  8. licas permalink
    16 Março, 2017 12:46

    Mais uma vez, um “amigo” que tenho aí ao leme das Blasfémias
    anda-me deliberadamente censurando as minhas “poesias”.
    Armado em blogg das Esquerdas, onde é praxe fazer censura?

    Gostar

  9. javitudo permalink
    16 Março, 2017 13:19

    Caro licas, a poesia cheira a ricos, por isso as suas estrofes causarão medo.
    O dia virá em que o medo inspirado pelos abutres das esquerdas sai em direção aos gulags.
    Para já temos outro tipo de medo da verdade por parte da maioria dos jornalistas bem pensantes e encobridores.

    Um tiroteio num liceu na cidade de Grasse, na Riviera Francesa, terá feito pelo menos dois feridos. Um dos alegados autores do ataque, um aluno de 17 anos, foi detido e estava fortemente armado. Nenhum dos dois atacantes parece ter agido por militância jihadista”.
    Conheço bem Grasse. Veremos se a notícia de não terem agido por militância se confirma.

    Liked by 1 person

    • licas permalink
      16 Março, 2017 14:16

      Javitudo
      Serão daquelas equiparações “inteligentes”:
      Quem não é do Benfica não pode ser bom chefe de família”

      Gostar

  10. Elmano permalink
    16 Março, 2017 13:39

    Bom artigo. Concordo. Penso que era Olaf Palm quem dizia que o problema dele era acabar com o pobres e não com os ricos. A esquerda científica quer o poder e por inveja, acabar com os ricos, roubar os seus bens e depois, estando no poder, tomar conta deles.

    Liked by 3 people

  11. carlos reis permalink
    16 Março, 2017 15:04

    A D. Cristina só compreenderá quando necessitar de trabalhar numa caixa do Sr. Belmiro.

    Gostar

  12. Aventino permalink
    16 Março, 2017 15:17

    Trabalhei numa caixa do Belmiro e não gostei. Mudei de emprego e agora gosto mais do que faço.

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 16:32

      Se tinha emprego para mudar é graças aos capitalistas

      Gostar

    • Tiradentes permalink
      16 Março, 2017 17:16

      O Aventino não gostou do capitalista Belmiro, por isso foi trabalhar para o revolucionário Salgado nas tranferencias para offshores dos Petróleos da Venezuela.

      Gostar

      • Aventino permalink
        16 Março, 2017 18:10

        Nã… Dediquei-me aquilo que sei fazer, tento ganhar a vida, não me queixo
        muito e à noite… mijo para uma árvore, olho as estrelas e tento ser alegre.
        LIBERDADE, INDEPENDÊNCIA e ALEGRIA sempre!

        Gostar

  13. 16 Março, 2017 15:28

    “A riqueza de um país está na quantidade de ricos que consegue criar, para que essa riqueza chegue a todos”
    hahahah

    A pobreza nos EUA é um problema latente, com cerca de 46 milhões de pessoas que vivem abaixo do limiar da pobreza, estabelecido em 16 dólares diários, e cerca de 20 milhões que subsistem com menos de oito dólares por dia

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 16:23

      Ok. Faça as mesmas contas em países comunistas, sem capitalismo

      Liked by 2 people

    • Tiradentes permalink
      16 Março, 2017 17:18

      Pá veja assim a coisa…milhões de cubanos quase todos vivem com 15 dólares por mês
      80% dos Venezuelanos nesta altura procura comida no lixo.
      Tenho a impressão que vc gostaria de ser americano pobre

      Liked by 3 people

      • Cristina Miranda permalink
        16 Março, 2017 17:58

        Para 1 americano, viver com 500€ mensais é considerado pobreza extrema.

        Gostar

  14. Aventino permalink
    16 Março, 2017 15:59

    Gosto de viver numa sociedade onde possa evitar a pobreza e borrifar para os ricos.
    Estado: deverá (só) APOIAR os doentes, as crianças e os velhos e os nossos miseráveis deverão ter que comer.
    A todos os outros: TRABALHAR!
    Que nome terá esta doutrina? Aceito sugestões.

    Liked by 1 person

    • jmpg permalink
      16 Março, 2017 16:43

      Trabalhar para quem? Talvez para os ricos

      Gostar

      • Aventino permalink
        16 Março, 2017 18:01

        jmpg:
        Deve sentir-se feliz por não necessitar de trabalhar para viver.

        Gostar

  15. Arlindo da Costa permalink
    16 Março, 2017 17:04

    Este «ensaio» revoluciona todo o Pensamento Económico até à data.

    Gostar

  16. Ana Vasconcelos permalink
    16 Março, 2017 17:47

    Os partidos de esquerda poderiam organizar excursões à Coreia do Norte e à Venezuela para admirarem o nível de vida de países sem ricos, ou com poucos ricos….

    Liked by 2 people

  17. Rui Silva permalink
    16 Março, 2017 18:09

    E o limiar da pobreza nos EUA é o quê ?
    Pessoas com casa, telemovel, tv e um SUV dos pequenos (equivalentea um grande carro em Portugal) ?
    Ah não, já sei !
    São os individuos com rendimento abaixo de 60% do rendimento médio…Ou seja se amanha por artes mágicas o rendimento de todos os americanos fosse duplicado , pasme-se … que o nº de pessoas abaixo do limiar da pobreza seria exactamente o mesmo.Mas um indice “á La Socialista”.
    Aquilo nos EUA é tão mau tão mau que até é preciso fazer muros para que os individuos não fujam para o México…

    cps

    Rui Silva

    Gostar

  18. 16 Março, 2017 18:25

    O que produz pobres é o mesmo que produz ricos, é a forma como é distribuído o Rendimento Nacional (o “caroço” que um país consegue ganhar”…

    Gostar

    • 16 Março, 2017 21:18

      Socialisticamente falando é distribuído para o bolso dos amigos. Depois, outros amigos vão pedindo emprestado em fotocópias

      Liked by 2 people

  19. licas permalink
    16 Março, 2017 18:35

    Pelo que se está inferindo os Socialistas teimam em que os que emigram para os
    States são doentes psiquiátrcos graves que preferem o Inferno Capitalista
    ao Paraíso Socialista.
    MAJOQUISMO.
    (quando será que libertam o meu post referido às 12-46 de hoje)

    Gostar

  20. Mauritano permalink
    16 Março, 2017 18:52

    Era tão bom que o nosso (des)governo, vulgo geringonça, quisesse acabar com os pobres em vez de querer acabar com os ricos.

    Liked by 1 person

  21. licas permalink
    16 Março, 2017 19:12

    QUERO o meu “poema” libertado, é MEU!

    Gostar

  22. licas permalink
    16 Março, 2017 19:13

    LADRÕES

    Gostar

  23. piscoiso permalink
    16 Março, 2017 19:24

    Há uma coisa que m’espanta: Os ricos querem ser mais ricos e os pobres não querem ser mais pobres.

    Gostar

  24. licas permalink
    16 Março, 2017 19:31

    Espantoso, totó!

    Gostar

  25. 16 Março, 2017 20:56

    Investigações da BBC e Reuters revelam que há crianças sírias refugiadas a trabalhar para marcas como Marks & Spencer, Zara, Mango ou ASOS. Salarios (?) miséria e turnos de 12 horas

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 21:00

      Sim claro. É por isso que você nem faz compras nesses lugares 😉 Por outro lado, insiste em deitar terra prós olhos dos outros mudando o tema. Já lhe foi dito que exploração infantil é responsabilidade exclusiva dos governos desses países que a fomentam.

      Gostar

      • 16 Março, 2017 21:13

        Certo . Governos neoliberais com o apoio das multinacionais

        Gostar

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        16 Março, 2017 23:20

        Cuba é neoliberal?

        Liked by 1 person

      • Tiradentes permalink
        17 Março, 2017 02:46

        Inspirada no neoliberalismo do Partido Comunista Chinês claro que Cuba se não é vai ser muito mais neoliberal do que todos os países capitalistas

        Liked by 1 person

  26. 16 Março, 2017 21:12

    “Negativo. Só há lucros com especulação de mão de obra barata porque EFECTIVAMENTE existe governos a fomentar essa exploração. Simples.

    Certo . Governos neoliberais com o apoio das multinacionais

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      17 Março, 2017 08:36

      Negativo. Governos comunistas que deixam seu povo morrer à fome e depois a população agarra-se a tudo para sobreviver. Se essa mão de obra não existisse, não haveria esse tipo de exploração por parte das multinacionais. É como a prostituição: só a há porque há procura(clientes). Acaba no dia em que ela deixar de ter quem a procure. Capice?

      Gostar

  27. 16 Março, 2017 21:16

    Escravidão no Alentejo na apanha azeitona

    Esta situação só nos pode gerar revolta e indignação”, assumiu o autarca, Manuel Narra. “Tive conhecimento de que cerca de 100 pessoas estavam alojadas dentro de uma oficina e outras 30′ dentro de um apartamento, com homens e mulheres misturados, dispondo apenas de um chuveiro e de uma

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 23:09

      E?????? Porque se descobre que alguém abusou de pessoas, são todos os restantes prevaricadores?

      Gostar

  28. 16 Março, 2017 21:54

    Foi a primeira e a ultima vez que fiz comentários a um post seu. A sua deficiência intelectual e cultural, mas principalmente a sua má educação não me encorajam a ter outra atitude.

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 23:08

      Onde foi que eu me dirigi com má educação? E como se atreve a me insultar?

      Liked by 1 person

      • Francisco Miguel Colaço permalink
        16 Março, 2017 23:23

        O insulto é a derradeira arma do escarralhado encurralado e acossado.

        Se um escarralhado a insulta, é porque já não sabe mais o que argumentar.

        Liked by 1 person

  29. ABC permalink
    16 Março, 2017 21:56

    Um artigo sobre uma área muito escorregadia. Para todos. Se por um lado a exploração do trabalho infantil está na génese do sucesso de grandes marcas (e a Apple não é a pior, longe disso), por outro lado os consumidores não estão dispostos a abdicar dos produtos baratos.
    Mas há aqui uma ironia do destino – todos os maus empregos criados na China foram, de certa forma, empregos razoáveis roubados ao ocidente, e os desempregados do ocidente já só podem comprar chinês porque é barato.
    Se a China não fosse uma ditadura, os trabalhadores fariam greves por melhores condições de trabalho, e o mercado reequilibrava. Acontece que a China é o melhor exemplo do que é o capitalismo selvagem.

    Gostar

  30. 16 Março, 2017 22:09

    Cristina Miranda, se já acabou de jantar, pode sempre acompanhar com umas bolachinhas a qualquer hora 😉

    “E eu pergunto aos economistas, políticos, aos moralistas, se já calcularam o número de indivíduos que é forçoso condenar à miséria, ao trabalho desproporcionado, à desmoralização, à infâmia, à ignorância crapulosa, à desgraça invencível, à penúria absoluta, para produzir um rico?”
    Almeida Garret

    Em 2014, um super-rico custa a miséria de 41.176.000 infelizes

    Gostar

    • 16 Março, 2017 22:26

      Se esses 41.000 infelizes a que se refere são tugas, levantem o cu do sofá onde veem continuadamente programas televisivos inócuos e bovinizantes, e reajam !

      Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      16 Março, 2017 23:06

      Negativo. Os empregos põem comida na mesa. Sejam bons ou maus. O desemprego trás fome e miséria. Num país bem governado, o Estado regula e fiscaliza o mercado de trabalho por forma a não haver abusos. Nos países mal governados, explora e deixa explorar.

      Gostar

  31. 16 Março, 2017 22:10

    Custava, claro.

    Gostar

  32. licas permalink
    16 Março, 2017 22:14

    Almeida Garret, um economista de truz. . .

    Gostar

    • 16 Março, 2017 22:30

      No tempo em que o AGarret concluíu isso, até tinha parcialmente razão.
      Pior foi a deriva que sofreu por causa das teses do seu amigo FLouçã.

      Gostar

  33. licas permalink
    16 Março, 2017 22:15

    Um homem de Ciência, um guru.

    Gostar

  34. javitudo permalink
    16 Março, 2017 22:41

    A culpa pela fome e pela miséria no mundo é causada pelo capitalismo…canção serôdia para enganar o pagode. Só que é nos países de orientação marxista que se vê maior miséria. Angola, Moçambique, Benim, República do Congo, Etiópia, Guiné-Bissau, Zimbábue e Somália são exemplos de economias destruídas por regimes comunistas.
    A situação indiscritível de Cuba com a prostituição a cada esquina é sistematicamente escondida e ao fim de décadas de opressão promete reformas tíbias.
    A Índia, país que concentra a maior parte da miséria do mundo, teve uma sucessão de governos inspirados no socialismo e na economia soviética. Durante todo este período o país esteve completamente estagnado. Só começou a crescer nos anos 90, justamente depois que o governo promover amplas reformas liberais, que apesar de tímidas, já reduziram drasticamente a miséria no pais. Já os países com mais alto PIB são, de uma forma ou de outra, capitalistas.
    A Suíça, um dos melhores países para se viver no mundo, não tem um sistema de saúde universal como o SNS, não tem salário mínimo e tem uma carga tributária menor que a nossa.

    Liked by 1 person

    • Mauritano permalink
      17 Março, 2017 06:52

      Faltou acrescentar a RSA (vulgo África do Sul) onde um partido de inspiração marxista (ANC) depois de se apropriar de toda a estrutura do estado (onde é que eu já vi isto?) têm vindo a destruir a estrutura económica do país desde que chegou ao poder, e a distribuir terras, benesses e cargos pelos amigos.
      Mas nestes países é que se vive bem, não nesses infernos de países onde se incentiva à riqueza.

      Liked by 1 person

  35. 16 Março, 2017 23:04

    MjRB, ainda não há neurónios à venda, pede a alguém que te ajude a ler os algarismos e te dê a interpretação de um pequeno texto

    Gostar

    • 16 Março, 2017 23:56

      Indeferido. Remeta para Cristina Miranda.

      Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      17 Março, 2017 08:30

      Acabei de tropeçar num cérebro… Por acaso não é seu? Vá buscá-lo e use-o aqui para o bem de todos.

      Gostar

      • 17 Março, 2017 09:22

        Não, não é meu o cérebro em que tropeçou.

        A (des)propósito, parece que quem não teve momentaneamente cérebro activado foi o PPCoelho ao escolher a Teresa Leal Coelho para candidata à CMLisboa.
        Dupla derrota pela certa — FMedina ganha a qualquer um/a e ficará atrás da ACristas.

        Gostar

      • Cristina Miranda permalink
        17 Março, 2017 10:29

        Ó meu caro, vá tomar 1 tocafé que isso passa. Mas o que raio tem a ver isso om meu texto? 😉 Tenha 1 excelente dia

        Gostar

  36. 16 Março, 2017 23:28

    “A Suíça, um dos melhores países para se viver no mundo, não tem um sistema de saúde universal como o SNS, não tem salário mínimo e tem uma carga tributária menor que a nossa”.

    javitudo, ispilica lá porquê; não te acanhes, podes bem ser o faroleiro que nos tráz a luz que iluminará as nossas vidas.

    Eu, estou sentado, ao fundo está o mar, hoje não o vejo, não há luar e de momento nenhum navio navega no horizonte. Serve isto para te dizer que embora à espera, sinto – me confortável.

    Gostar

  37. licas permalink
    17 Março, 2017 00:18

    Pois são os números que desmentem a superioridade do
    viver SOB o Comunismo . . .

    Liked by 1 person

  38. 17 Março, 2017 00:25

    Outro cada vez mais castiço a lidar com a economia e com a política: DTrump.

    Gostar

  39. 19 Março, 2017 14:23

    Um texto infantil e politicamente pouco rigoroso, mas é isto que “está a dar”! O facto de 1% da população mundial ter a mesma riqueza dos restantes 99%, não lhe diz nada? O IKEA é sueco, e por lá o dito cujo paga impostos a valer, e todavia veja-se, criou um império! O estado-sueco-mamão-de-impostos não impediu que o IKEA se tornasse um gigante.

    De resto concordo, não somos iguais e forçar a igualdade através do estado leva apenas à mediocridade.

    Liked by 1 person

    • Cristina Miranda permalink
      19 Março, 2017 16:55

      Infantil? Você nem sequer consegue interpretar… Pobre criatura.

      Gostar

  40. 24 Maio, 2017 13:25

    O sucesso está nas mãos de quem realmente busca por isso. Steve Jobs foi a pessoa que mudou o mundo com a tecnologia e digo, ele foi o cara. Mark Zuckerberg criou o Facebook, que apesar de hoje ser um vício, e é para aqueles que não procuram algo de útil pra fazer. Todos que fizeram algo que mudou o mundo e ficaram milionários no meu ponto de vista estão de parabéns, e merecem todo sucesso que tem.

    Concordo com o João Pimentel Ferreira quanto a seu texto, assim como nesse texto tem muita inveja das pessoas bem sucedidas.

    CRISTINA, se está disposta a fazer um texto desse nível, tem que estar disposta à críticas boas ou ruins, e não sair xingando as pessoas!

    Att,

    Rafael Lumertz

    Liked by 1 person

    • Cristina Miranda permalink
      24 Maio, 2017 16:49

      Onde me viu “xingar” pessoas aqui? Explique, se faz favor.

      Liked by 1 person

      • 24 Maio, 2017 17:00

        Quanto a xingar, foi mesmo o jeito de tu abordar a resposta ou por não ter gostado dos comentários….Eu Gosto desse tipo de assunto de Enriquecer e etc…..
        Leio muito sobre esses assuntos e a vida dessas pessoas que tornaram o mundo dessa forma e fizeram esse marco histórico. Eu sou apaixonado pela Bmw, e estou lutando para conseguir uma, batalho todo dia pra isso. E acho que na verdade BMW mostra que você atingiu a liberdade financeira, se você tem condições de comprar uma, vai acabar comprando uma, pois chega um ponto da vida que você compra o que quer.

        Gostar

      • Cristina Miranda permalink
        25 Maio, 2017 08:26

        Eu abordo as respostas de acordo com os comentários: se respeitam as minhas opiniões, reajo de 1 forma; se não respeitam, reajo doutra. Simples.

        Liked by 1 person

  41. 24 Maio, 2017 17:03

    Não tenho nada contra teu blog nem o post. Mas só tenho o pensamento contrário quanto a esse assunto.

    Forte Abraço

    Att,

    Rafael Lumertz

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      25 Maio, 2017 08:25

      Então se não sabe responder à minha pergunta, NÃO AFIRME que xingo pessoas. Essa acusação é grave. Ter opinião divergente não lhe dá direito de conotar os interlocutores com falsidades. Faça-o de forma a respeitar os outros.

      Gostar

  42. 25 Maio, 2017 11:50

    Bom dia

    “Pronto. Temos 1 virgem ofendida.” Isso é o que então?

    “Foi a primeira e a ultima vez que fiz comentários a um post seu. A sua deficiência intelectual e cultural, mas principalmente a sua má educação não me encorajam a ter outra atitude.”
    PELO VISTO NÃO FOI SÓ EU QUE ACHEI ISSO, NEM PRECISA RESPONDER ESSE COMENTÁRIO PQ TAMBÉM NÃO QUERO MAIS FICAR NESSE SITE, JÁ FALEI, SE POSTA ESSE TIPO DE ASSUNTO E NÃO SABE REAGIR COM A OPINIÃO DAS PESSOAS, ENTÃO NÃO POSTA!

    “Infantil? Você nem sequer consegue interpretar… Pobre criatura.”

    Opinião divergente é diferente de ter as atitudes que teve.

    Abraço

    Att,

    Rafael Lumertz

    Gostar

    • Cristina Miranda permalink
      26 Maio, 2017 09:45

      Eu reagi a uma pessoa mal educada. Você queria o quê? que eu me dirigisse a ele com todo o carinho e educação que ele não teve? Pelo amor de Deus… Cada um recebe a resposta que merece. Quem é educado comigo É SEMPRE respeitado.

      Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: