Saltar para o conteúdo

O futuro do liberalismo em discussão

1 Julho, 2018

Num restaurante baratinho já nos arrabaldes do que seria o limite da corte para colonialistas entusiasmados, um grupo de desconhecidos conspira formas de convencer o inculto povo a abraçar o liberalismo através da concessão aos vícios comunitaristas co-adoptados (sim, a co-adoptação é uma realidade jurídica) dos hábitos de sodomia, suicídio assistido e consumo de ópio da burguesia mais esclarecida.

“O indivíduo é o mais importante, não é a família”, diz o Bernardo Bernardo de Bernardo y Silla enquanto o iPhone liga com uma notificação do JN permitindo ver o papel de parede do dispositivo com a mulher a amamentar o filho de ambos, Sampedro Santiago Sebastião Von Mises-Silva (doação de esperma e barriga de aluguer), de seis anos. “Malditos conservadores ultramontanistas tradicionalistas beato-islamofóbicos”, exclama Rimbaud Verlaine de Matos Sottomayor, filho de Marx-Lenine Pitta Sottomayor e da criada filha da senhora com quem Manuel Alegre perdeu a virgindade. “É necessário redefinir conceitos”, diz, em contramão, Valentina de Mamadou Tá Tá Tá, a feminista preta que acumula com outras condições não especificadas de vítima.

“Como é que querem pagar a conta?” – pergunta o empregado de mesa. “É para dividir por todos!” – exclamam em surdina.

Anúncios
5 comentários leave one →
  1. Adriana Lima permalink
    1 Julho, 2018 18:46

    Ler Vitor Cunha é simplesmente um bálsamo para o espírito. E melhor elogio não poderia fazer.

    Liked by 1 person

  2. 1 Julho, 2018 18:53

    Texto brilhante ! Para uma antologia !

    Gostar

  3. 1 Julho, 2018 21:01

    Está muito giro. Continuem a picardia que o de cima ainda vai parar ao Observador no lugar das crónicas da côncia aquando do referendo das interrompidas

    “:OP

    Gostar

  4. 1 Julho, 2018 21:02

    Não é Vitor Cunha quem quer…

    Gostar

  5. Arlindo da Costa permalink
    2 Julho, 2018 19:47

    O vosso liberalismo nem discussão tem. Não existe. Confessem. Não sejam tímidos…

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: