Saltar para o conteúdo

Não é uma questão de humanidade mas sim de poder

25 Agosto, 2019

Escreve hoje no PÚBLICO a ministra

«O despacho agora publicado não altera nada que a lei não tivesse já consagrado. Baseando-se nos princípios da segurança, autonomia, privacidade e livre desenvolvimento da personalidade, e respeitando a autonomia das escolas, estabelece medidas que visam exclusivamente defender as crianças, honrando a sua vontade e protegendo a sua intimidade e singularidade. O despacho responde a uma realidade que existe, a crianças e a jovens concretos, combate discriminações que persistem, como tão bem esclarecem os testemunhos de pais e mães e de jovens que nos últimos dias explicaram a importância das novas regras.»

Não é verdade. O despacho não “responde a uma realidade que existe, a crianças e a jovens concretos,”. O despacho faz de cada aluno das escolas portuguesas uma potencial vítima dos activistas do género, um ser a reeducar. Segundo o despacho em cada escola alguém – escolhido com que critério? – detecta a partir da sua observação ou de uma denúncia que uma criança manifesta uma identidade ou expressão de género, que não corresponde à identidade de género à nascença. A partir daí começa um processo não se sabe coordenado por quem e muito menos se percebe com vista a quê. Pode, por exemplo, a escola decidir que a criança deve mudar de género? Que poderes, competências, saberes têm as escolas para desencadear um processo destes?

15 comentários leave one →
  1. Weltenbummler permalink
    25 Agosto, 2019 09:39

    ‘cumpadre! cadacal mija cassua!’

    Gostar

  2. 25 Agosto, 2019 10:07

    Temos de malhar neles até os enfiarmos de novo no buraco de onde saíram!!! Já que não podemos fazer como dizia o Imperador Claudio: deixai os vermes que nasceram na lama mostrar-se. Aí matamo-los!

    Liked by 1 person

  3. JgMenos permalink
    25 Agosto, 2019 13:30

    A estupidez maior deste assunto é ignorar a simples funcionalidade do mijar de pé ou sentado.
    Acham esses fdp de engenheiros sociais que à criança devem colocar-se significados mais elaborados para a mais quotidiana das necessidades fisiológicas.
    Esquerdalhada mais estúpida e mais convencida haveria de ser gerada neste extremo da Europa!
    Não há mal que não nos venha!

    Liked by 2 people

  4. maria permalink
    25 Agosto, 2019 15:32

    Pelo barulho parece que as escolas estão contaminadas de crianças irregulares.
    Arranjem umas estatisticas para confirmar

    Liked by 1 person

  5. Tiradentes permalink
    25 Agosto, 2019 17:17

    Quando o Estado regulamenta o mijar e o cagar das crianças é porque já atingimos o verdadeiro socialismo

    Liked by 1 person

    • 25 Agosto, 2019 21:03

      Vocês da direita-tola e o “socialismo”. Vá lá verificar se estas merdas andam a ser discutidas e implementadas, na Coreia do Norte, na Venezuela, ou na China, ou se antes nas democracias liberais dos EUA, Canada, e Reino Unido.

      Gostar

      • Tiradentes permalink
        25 Agosto, 2019 21:42

        Claro que não marmelo social desviado . Isso faz-se apenas nas sociedades não socialistas para as desestruturar e criar o caos socialista parvalhão. Depois vem a ordem materialista dialéctica que tal como o Che matava quem se desvie do bom caminho. A chegada do socialismo é exactamente essa depois vem a ordem social-fascista. Tu é que és tolinho achando que os outros não sabem e até já viveram essas situações, enquanto tu assentas o cu no sofá batendo teorias.

        Liked by 1 person

      • 25 Agosto, 2019 23:35

        “…Isso faz-se apenas nas sociedades não socialistas para as desestruturar e “criar O CAOS SOCIALISTA” parvalhão. Depois vem a ordem materialista dialéctica que tal como o Che matava quem se desvie do bom caminho. A chegada do socialismo é exactamente essa depois vem a ordem social-fascista. …”

        “ENQUANTO TU ASSENTAS O CU NO SOFÀ BATENDO TEORIAS”

        LOL

        Liked by 1 person

    • José Monteiro permalink
      26 Agosto, 2019 08:49

      Não lembra a tentativa de um Dia do Cão, no circo S. Bento? Por acaso oriunda de parelha PSD, creio?

      Gostar

  6. Jorge MRA permalink
    25 Agosto, 2019 21:33

    O processo é iniciado e monitorizado pelos emissários do BLOCO DE ESQUERDA infiltrados nas escolas públicas. O objectivo será propaganda aos ditos indivíduos para alguns indecisos experimentarem a troca de género.

    Liked by 1 person

  7. abrolhos permalink
    25 Agosto, 2019 21:57

    estes tipos seguem uma cartilha, primeiro lançam o decreto, como houve reacção negativa, acossam a opinião publica acusando que os que estão contra são todos uns malandros de direita. Como não resultou, passo seguinte foi amanhar umas Leonores e testemunhos ofendidos de transexuais, coisas de fazer chorar as pedras. Não deu? Não foi dessa? Venham os jornalistas e comentadores explicarem aquilo que ninguém percebeu, dizem que é um erro de interpretação, coitados de nós idiotas, que não entramos para os “duches de desinfecção” convencidos que é para lavar. Ainda não conseguiram amansar o povo, agora vem a ministra explicar que “não passa nada”, já estava tudo na lei, que por acaso não teve acordo de um grande número de deputados. Só falta vir o Marcelo.
    A resposta a esta gente é NÃO! A escola não é lugar para lutas LGBTxyzw*#”#

    Liked by 1 person

  8. Rão Arques permalink
    26 Agosto, 2019 08:08

    Já no meu antigamente era um despacho mesmo sem lei.
    Qualquer casinha servia para espremer uma punheta sem levar o bacalhau.

    Gostar

  9. Daniel Ferreira permalink
    26 Agosto, 2019 12:26

    Paralelamente ao terrorismo de que está a ser alvo a mais importante instituição da nossa Sociedade Cristã que é a Família, eis que esta cambada de dementes totalmente incuráveis lança o mais feroz ataque às suas vítimas preferidas desde sempre, as nossas crianças, onde atacam diretamente a sua Alma com a normalização desta patologia clínica. Porque a doença faz tão parto do seu ADN que eles mais rápido mudam 99% da sociedade do que se internam. A legalização da pedofilio segue o seu caminho.

    E não esquecer meus caros, a partir de agora (?), as crianças deixam de ser filhos e filhas e passam a ser propriedade do aglomerado-de-pedófilos-que-é-tratado-por-Governo, porque quando eles enviarem um doente às escolas para CONVENCEREM as crianças que serem ‘trans é cool’ e eles chegarem a casa a dizer que querem ser um (porque eles sabem lá o que estão a dizer), eis que vão a sua casa informar-lhe quando começa a castração química. Ou vão aceitar ou os ‘child pimps’ mais conhecido por serviços sociais os vão tirar da sua casa para os traficarem para esta gente. Porque agora o “””Governo””” é que decide o que é melhor para o seu filho, ou acha que será você??? Violência Infantil seguido de trauma perpétuo sem esquecer a fortuna que se gasta em medicação diária durante todos os dias que viver. De certo que a “nova lei de bases da saúde” vai ter estes casos em atenção.

    Não esperem qualquer recuo, acreditem quando vos digo que a maior parte deles NASCEU para executar esta “lei” e está a ser imensamente subornada para andar com isto para a frente sem olhar para trás.

    Uma lança que vai ser atirada a um dos pilares da nossa Filosofia de Vida Cristã com que a ESMAGADORÍSSIMA parte dos portugueses se identifica.

    Liked by 1 person

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: