Saltar para o conteúdo

Análise brilhante

9 Abril, 2010
by

«Enquanto MFL e os seus coadjuvantes liderados pelo omnipresente Pacheco Pereira – elevados ao Olimpo pelos seus próprios egos – prescindiram dos outros, algo a que os psicanalistas chamariam um par de coisas e os psiquiatras outras tantas, Passos Coelho sabe ao que vai. Vai a um país que não é mais do que um condomínio fechado onde toda a gente se conhece. Os residentes e os marginais, os administradores e os seguranças, as meninas boas das famílias más e os meninos maus das famílias boas, moram todos no mesmo bairro uns em casas melhores outros em piores. Mas algo têm em comum: Moram todos e todas no mesmo pequeno lugar. Ou seja: Temos de viver uns com os outros

Por João Villalobos in “A cenoura e o pau”, no Albergue Espanhol

Anúncios
39 comentários leave one →
  1. Luís Marques permalink
    9 Abril, 2010 16:29

    Irra que já metem nojo.

    Gostar

  2. Dr.Strangelove permalink
    9 Abril, 2010 16:36

    Não percebo o realce deste texto.
    Retórica pura.
    Em bom português,tretas!

    Gostar

  3. Izidoro da Conceição e Silva permalink
    9 Abril, 2010 16:43

    Só com um partido de Direita ou com um Eugene Terre’Blanche conseguiremos mandar para o galheiro toda a súcia sócretina.

    Com meninos queques como o Passinhos Coelho vamos ter Sócrates e Cavaco até ao fim da próxima década.

    Façamos como o povo do Quirguistão!

    Porrada para cima deles!

    Gostar

  4. 9 Abril, 2010 16:55

    O Passos é um especialista em meninas doces e boas e famílias más e disfuncionais como a socialdemocratica. Não sei se terá competências para muito mais. Mas depois do Sócrates já estou por tudo. Se vasculharmos na infância e adolescência do Sócras, como o próprio ironica e cretinamente propôs, ainda vamos descobrir que já se chamou Maria Luísa e que, nessa altura, gostava de mulheres. Mas concordo com o Strangelove, o que é que este texto tem de especial? Eu até sóbrio conseguia escrever uma coisinha melhor…

    http://www.mindjacking.wordpress.com

    Gostar

  5. Maria Albertina permalink
    9 Abril, 2010 17:10

    O PSD agora é o partido dos «marcos antónios» e das «kátias vanessas»…

    Gostar

  6. 9 Abril, 2010 17:11

    O sr. Villalobos, desde que que deu o seu brilhante contributo à não menos brilhante (e sobretudo bem sucedida…) campanha autárquica lisboeta do dr. Santana, ficou assim.
    Vai certamente figurar na nova pauta dos “oferecidos” do situacionismo que o dr. Pacheco Pereira está a elaborar.

    Gostar

  7. Arpão permalink
    9 Abril, 2010 17:15

    Espero que o próximo primeiro ministro seja o Dr.Paulo Portas.

    Gostar

  8. 9 Abril, 2010 17:16

    O CAA está à espera de um convite.
    Mas, certamente não o vai receber

    Gostar

  9. Piscoisinho lERDO permalink
    9 Abril, 2010 17:18

    O CONGRESSO DO PSD ..VEJAM A ALEGRIA DOS MILITANTES…

    Gostar

  10. Arpão permalink
    9 Abril, 2010 17:29

    As eleições no Togo foram mais transparentes do que as eleições legislativas de 27 de Setembro, onde assistimos à maior fraude eleitoral e manipulação politica na Europa desde a queda do fascismo e comunismo!

    Já para não falar do golpe eleitoral de 2005 a cargo do cenoura Sampaio, prof.Martelo, banca, espiritos santos e companhias de construção!

    Gostar

  11. tric permalink
    9 Abril, 2010 17:30

    Analise Brilhante!!??

    tanta falta de memoria, que ainda se admiram de Portugal estar como está!! ainda por cima são jornalistas, de que se exige mais rigor da analise , do que textos que parecem sei lá o quê…branqueamentos! e ainda dizem que Passos não é o Socrates II, a comunicação social ja anda a branquear o Passos, the new Socretine! Passos, o anjinho… a vitima de Manuela Ferreira Leite…Passos, the new o menino de ouro…

    mais um Socretino…e tem a mesma cara de pau que SOCRATES!

    http://dn.sapo.pt/inicio/interior.aspx?content_id=1139358

    http://195.245.168.16/noticias/?t=Pedro-Passos-Coelho-na-Grande-Entrevista.rtp&headline=20&visual=9&article=312772&tm=9

    Gostar

  12. Lusitânea permalink
    9 Abril, 2010 17:34

    O Pacheco Pereira incomoda muita gente.Pena que só se queixem do “afastamento” do PPC e não da “aliança” que se via deste com o governo “antes” do afastamento.Contra os que lideravam.E eu vi só de fora e nem tenho nada a ver com o PSD…
    Mas estarei atento ao PPC.Sem dar tempo de “graça”.

    Gostar

  13. 9 Abril, 2010 17:43

    Fontes bem informadas garantiram a este comentador que o CAA vai ser mais um dos “oferecidos” da nova pauta situacionista em vias de publicação pelo dr. Pacheco Pereira.
    Este teria hesitado a princípio, mas rendeu-se à evidência ao ler, num dos posts abaixo, o seguinte comentário único do dito CAA:
    “Por patentes e prementes questões de higiene, vi-me forçado a apagar e encerrar os ‘comentários’.”
    É a glória, meus caros, é a glória!

    Gostar

  14. jorg permalink
    9 Abril, 2010 17:49

    Quando é que posso começar a alapar-me na sala de estar do Dr. Passos Coelho?

    Gostar

  15. Anónimo permalink
    9 Abril, 2010 17:50

    Gostar

  16. 9 Abril, 2010 17:54

    Gostar

  17. 9 Abril, 2010 18:15

    «Nada se pode criar num lado senão à custa da dissolução no outro» Bertrand Russell

    Gostar

  18. anonimo permalink
    9 Abril, 2010 18:27

    os cuelhos começam a discutir a queda dos pentelhos.

    Gostar

  19. 9 Abril, 2010 18:41

    «Professores vão cada vez mais ao psiquiatra»

    Paulo Guinote diz que stress da avaliação e perda de companheirismo causam «cocktail explosivo nas escolas»

    Paulo Guinote, professor e autor do blogue «A Educação do Meu Umbigo» , conta que há cada vez mais professores a recorrerem a psicólogos e psiquiatras. Ao tvi24.pt explica que os casos extremos dos professores que se suicidaram, Luís, de Sintra, e José António Martins, de Vouzela, se aproximam de milhentos casos que existem no país. Paulo Guinote tem tomado conhecimento de alguns desses casos através de situações descritas no blogue, de e-mails que lhe enviam ou no contacto interpessoal.

    «Há muitos colegas meus mais novos, na casa dos 30, 40 anos, a entrar numa espiral de depressão e tristeza porque se sentem pressionados a todos os níveis, não só ao nível da escola, como da tutela», refere.

    Professora relata drama «escondido» do mobbing

    Paulo Guinote sublinha que os casos de indisciplina e violência dos alunos, as pressões por parte da tutela e das direcções das escolas, o stress da avaliação de desempenho e a perda de companheirismo «causam um cocktail explosivo dentro das escolas» e «o que disse esse professor [José António] na mensagem que deixou pode ser dito por qualquer um, mesmo não chegando a esse extremo [suicídio]», defende.

    «Foi lançada uma espécie de ofensa geral de que os professores não faziam nada e há pessoas que reagem de forma visceral, umas refugiam-se nos comprimidos receitados pelos psiquiatras, outras no suicídio», acrescenta. «Os professores não sabem para onde se virar, sentem-se sem apoio, encurralados», constata.

    Sobre a medida da FENPROF apresentada ao Ministério da Educação de que o stress dos professores seja considerado doença profissional, Paulo Guinote entende que «é uma espécie de evidência». Mas Paulo Guinote entende também que não seria fácil de implementar: «poderia gerar uma espécie de desconfiança, não sei como conseguiríamos que fosse aceite pela tutela».

    Ainda assim, Paulo Guinote acredita que a medida teria grande adesão por parte dos docentes caso viesse a ser implementada. «De observação, e com base no número de pedidos de reforma que tem sido apresentado anualmente, acho que com esse motivo os pedidos de aposentação duplicariam», vaticina. Paulo Guinote calcula que «entre 10 e 20% dos professores estão em situações limite neste momento».
    http://www.tvi24.iol.pt/geral/tvi24/1153459-4147.html

    Gostar

  20. Semelha permalink
    9 Abril, 2010 19:08

    Gostar

  21. José Barros permalink
    9 Abril, 2010 19:28

    Os que clamam agora pela unidade do partido e louvam o esforço nesse sentido por parte de Passos Coelho são os mesmos, que, pelo post citado, tratam alguns militantes do PSD como casos psiquiátricos. E vem ainda “alberguista mor” apelidar a análise “de brilhante”. Pois, pois, recomendo um livro sobre esquizofrenia que saiu à pouco tempo. Em especial, para pessoas doentiamente independentes como o autor do post.

    Gostar

  22. José Barros permalink
    9 Abril, 2010 19:30

    Correcção: “há pouco tempo”, como é evidente.

    Gostar

  23. S.Guimarães permalink
    9 Abril, 2010 19:39

    Este CAA é mesmo um adorador de ídolos. Até um artigo idiota, e de um indivíduo sem coluna, considera artigo brilhante.
    Passos Coelho não precisa de ir ao cabeleireiro, tem quem lhe afague o ego, e , se possível,
    um admirador generoso que lhe prestará relevantes serviços, se por acaso, o encontrar por aí.
    Brilhante será o futuro do nosso país se continuar a ter gente desta, que se presta a por-se em fila para os tachos, a troco de elogios inconsequentes.

    PS – Quanto à questão de higiene, meu caro, quem anda na rua sujeita-se a ser atropelado, muito embora eu reconheça que há comentários que francamente !!!!!!

    Gostar

  24. Grilo Chateado permalink
    9 Abril, 2010 21:24

    Acreditar que Passos Coelho é o profeta que se segue ou é desespero (e isso ainda se compreende) ou é pura igenuidade. Eu não acredito em NINGUÉM dos viveiros dos partidos e muito menos naqueles que têm “colagem de cartazes” no curriculum.

    Se o mal está comprovadamente nos partidos, a solução só tem de vir de fora. Mas isso os tugas não enxergam.

    Gostar

  25. tina permalink
    9 Abril, 2010 21:39

    “Não percebo o realce deste texto.
    Retórica pura.
    Em bom português,tretas!”

    É o estilo de CAA, por isso identifica-se tanto com ele.

    Gostar

  26. Januário Rodovil permalink
    9 Abril, 2010 23:21

    Quem pensar que o Pedro Passos Coelho vai levar o PSD ao poder deve estar com precisão de ir à bruxa ou ao psiquiatra.

    Portugal o que precisa é dum líder que ponha os dois partidos responsáveis pela venda do País ao estrangeiro e pela bancarrota, fora do jogo constituicional e impedir que os seus dirigentes e bem assim os seus descendentes não sejam eleitos para cargos politicos.

    A única solução é um partido verdadeiro da Direita.

    O CDS é timidamente de Direita e tem que dizer ao eleitorado que está farto do socialismo ladrão do PS e do PSD que basta de socialismo e basta de miséria!

    Gostar

  27. anonimo permalink
    9 Abril, 2010 23:44

    oportunidade comercial: regadores de unidade

    Gostar

  28. Caty Waves permalink
    10 Abril, 2010 00:32

    O Cara de Cú mete cães e gatos na mesma gaiola?….ISTO NÃO VAI ACABAR BEM! Ai não vai não!

    Gostar

  29. Tolstoi permalink
    10 Abril, 2010 00:34

    Gostei da tirada profunda e plena de oportunidade “temos de viver uns com os outros”; talvez por isso é que andamos a aturar o Sócrates e o Santos Silva desde…

    Gostar

  30. Tolstoi permalink
    10 Abril, 2010 00:47

    A deputada estadual Brasileira teria dificuldade em fazer esse discurso em Portugal, nem pais nem mães dos políticos são presos; e o presidente da Assembleia da República não a teria deixado falar pois ela não respeitou o regimento dizendo “Sr. Presidente Srs. Deputados”.

    Gostar

  31. 10 Abril, 2010 02:29

    Tu também brilhas muito, ó Abreu. Com cuspo no lustro vais lá. Já lá estás, aliás.

    Gostar

  32. K2ou3 permalink
    10 Abril, 2010 03:47

    Não percebi essa de Pacheco pereira,(devida vénia), tratado somente como “onipresente”
    Para mim, tal Douta Figura é:
    “um osnis de acrescento”, seja lá o que isso for.

    Gostar

  33. 10 Abril, 2010 10:04

    35, K2ou3

    Tu tens é inveja.

    Gostar

  34. António Lemos Soares permalink
    10 Abril, 2010 12:46

    Algo há de comum entre os líderes do PSD e os Reis de Portugal.
    Na nossa Monarquia, sempre Livre e Popular, não se era Rei pelo simples facto de se seguir, stricto sensu, a regra estipulada pelas leis de sucessão dinástica.
    Foi necessário existir, com excepção dos monarcas do século XVIII, um importantíssimo acto de aclamação, para conferir a dignidade Real, à pessoa do Príncipe ou da Princesa, com legitimidade sucessória para se «candidatar» ao trono.
    No PSD só existe «aclamação», numa única circunstância. No dia, em que o Partido vencer umas eleições legislativas…! Vitórias em congressos, ou em eleições directas, nunca serviram de muito entre os Social-Democratas Portugueses. Francisco Balsemão, Marcelo Rebelo de Sousa, Marques Mendes ou Manuela Ferreira Leite, bem o podem confirmar.

    Gostar

  35. Licas permalink
    10 Abril, 2010 14:38

    32.Tolstoi disse
    10 Abril, 2010 às 12:47 am
    A deputada estadual Brasileira teria dificuldade em fazer esse discurso em Portugal, nem pais nem mães dos políticos são presos; e o presidente da Assembleia da República não a teria deixado falar pois ela não respeitou o regimento dizendo “Sr. Presidente Srs. Deputados”.

    ******************************

    ESSA DAS MÃES DOS POLÍTICOS É BOA!
    ELAS APENAS PODEN SER ACUSADAS DE
    PROSTITUIÇÃO !
    (POEQUE ELES, OS POLÍTICOS, SÃO APENAS INOCENTES . . . FILHOS)

    Gostar

  36. Licas permalink
    10 Abril, 2010 14:40

    DIGO:
    PODEM . . . PORQUE

    Gostar

  37. Anónimo permalink
    10 Abril, 2010 21:30

    Os partidos políticos têm uma manifesta tendência para deitar o seu lixo para debaixo do tapete.
    Nisto a antiga U.R.S.S. foi exímia;
    veja-se o caso dos fusilamentos da Floresta do KATYA.
    Eliminaram barbaramente os prisioneiros Polacos (Guerra 1939-1944) e atribuiram aos NAZIS.Foi preciso o Muro cair (só há 20 anos) para os Russos reconheceem que eles ´
    é que foram os autores do Episódio, (como eles dizem) mas negam que se tenha tratado de GENOCÌDIO.

    (Quando vejo o Putin a fazer o sinal da cruz acompanhado do seu títere
    fico tão convencido da sua religiosidade como quando o Sócrates afirma que vai proporionar centenas de milhares de novos empregos).

    Quem pergunta ao P.C.P. o que pensa sobre o caso KATYA ? Ainda defende a
    *versão* K.G.B. posta a circular logo nos anos 40 ?

    Gostar

Trackbacks

  1. The End of the Universe as we know it (and I don`t feel fine) « Farmácia Central

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: