Saltar para o conteúdo

Novas do cainesianismo tuga

28 Setembro, 2010

João Galamba anda irreconhecível. Ainda há pouco tempo andava a defender o estímulo keynesiano à economia via investimento público. Agora elogia o governo por poupar 250 milhões de euros com o adiamento da ligação do TGV ao aeroporto. Mas esse corte de 250 milhões no investimento público não tem um efeito recessivo? Aliás, é interessante ver o João Galamba a defender o aumento de impostos que o governo pretende fazer com o mesmo empenho e convicção com que há meses defendia o aumento da despesa. Mas então um aumento de impostos não tem um efeito recessivo? Mas não é o único que se mete nestas trapalhadas. Vemos muitos socialistas que ainda há 15 dias garantiam que a economia Portuguesa estava a sair da crise a defender a absoluta necessidade de aumentar impostos para impedir a bancarrota.

Anúncios
24 comentários leave one →
  1. Rxc permalink
    28 Setembro, 2010 09:30

    Short memory span. Típico de cérebros inferiores. Para eles, o Mundo existe apenas há 15 dias.

    Gostar

  2. Gaspar permalink
    28 Setembro, 2010 09:31

    Não vês que o mundo mudou nos últimos 15 dias?

    Gostar

  3. 28 Setembro, 2010 09:48

    A máfia grotesca governa o país. O PS só engana e arregimenta tolos ou vigaristas.

    Gostar

  4. Lionheart permalink
    28 Setembro, 2010 10:02

    Portugal é notícia nos States. Ainda há pouco Sócrates esteve em Nova Iorque, e em vez de acalmar os mercados , pôs-se a dramatizar (já seria discutível falar de assuntos internos fora do país, quanto mais no tom em que o fez), meramente a falar para os socialistas da carne assada e do coirate, que certamente ficaram embevecidos por ver o seu grande líder em tão distinto palco. O resultado de tal populismo e demagogia é a reputação do país estar cada vez pior. Que patos bravos, meu Deus…

    http://online.wsj.com/article/SB10001424052748704654004575518091992302632.html?mod=WSJEUROPE_hpp_LEFTTopWhatNews

    Gostar

  5. DesconfiandoSempre permalink
    28 Setembro, 2010 10:13

    Ah! Sócrates novamente. Se têm outro melhor!

    Gostar

  6. DesconfiandoSempre permalink
    28 Setembro, 2010 10:17

    Há muita gente, até reputados economistas, a mudar de opinião cada 15 dias. Sim porque isto está a mudar todos os dias. Depois há os que fazem que não se apercebem, dá-lhes jeito Miranda.

    Gostar

  7. 28 Setembro, 2010 10:28

    Ó Desconfiado, já você não muda nada e continua a defender o indefensável!

    Gostar

  8. lica permalink
    28 Setembro, 2010 10:48

    Cortarna despesa

    Ontem ao fim da tarde fiquei a saber pelo “Público online” da existência dos bordados de Tibaldinho, “pequena aldeia (…) da freguesia de Alcafache, concelho de Mangualde”, onde “cerca de meia centena de bordadeiras mantêm viva a tradição, sendo para a maioria delas o bordar uma actividade supletiva e irregular”. Pela descrição, devem ser belíssimos, embora em coisas de beleza mais valha experimentar do que julgar confiado em descrições. Fiquei igualmente a saber que a Comissão Parlamentar de Assuntos Económicos apreciará hoje (mesmo a tempo de entrar nas contas do Orçamento para 2011) um projecto de lei do PSD para a criação do Centro para a Promoção e Valorização dos Bordados de Tibaldinho tendo como receitas, entre outras, “as dotações para o efeito previstas no Orçamento de Estado”. Num país em que tanta gente e instituição vive de “dotações previstas no Orçamento de Estado” é justo que o PSD não queira os bordados de Tibaldinho de fora. Até porque, quando exige cortes na despesa, Passos Coelho refere-se a salários e a despesas com apoios sociais e não à decoração da mesa do Orçamento.

    http://jn.sapo.pt/Opiniao/default.aspx?opiniao=Manuel%20Ant%F3nio%20Pina

    Gostar

  9. aequanimus permalink
    28 Setembro, 2010 10:59

    Há mais de 10 anos que Medina Carreira mostrava a linha do crescimento a descer e a das despesas a aumentar, prevendo uma ruptura se não se invertesse a situação. Os sempre desconfiados nunca o levaram a sério e continuaram a apoiar os mesmos que diziam haver mais vida para além do déficit.
    No ano passado, em Julho e Agosto (antes das eleições) vários economistas, entre os quais Bagão Félix fazendo contas bem simples, disseram que o déficit previsto no orçamento iria ser ultrapassado se não se fizesse qualquer coisa em contrário. O governo negou-o até à última, antes e depois das eleições. Os tais desconfiados não acreditaram, votaram neles e o déficit foi o que se viu com duas previsões falhadas por aqueles em quem os deconfiados confiaram.
    Este ano é o que se vê, só tiros nos pés, mesmo amarrados a compromissos internacionais assinados em Maio … e a festa vai continuar.

    Gostar

  10. DesconfiandoSempre permalink
    28 Setembro, 2010 11:19

    AB
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:28 | Permalink
    Ó Desconfiado, já você não muda nada e continua a defender o indefensável!

    Mas há hoje alguma coisa indefensável? Nem os tiros no pé de Passos Coelho.

    Gostar

  11. DesconfiandoSempre permalink
    28 Setembro, 2010 11:32

    Já cá faltava um Medina-dependente.
    Desconfio que ele foi ministro das finanças. Que mandou o Jacinto Nunes (BdP) emitir moeda e vender ouro. E que, por isso, resolveu o problema do país!!!
    Desconfio que ele mesmo, perguntado pelo Crespo qual era a solução para o país terá respondido – nem Jesus Cristo sabe.
    O Bagão? A Manuela? Tudo gente que resolveu o problema estrutural do país e até o conjuntural! Dou alvíssaras.
    Estamos entendidos quanto a desconfianças?

    Gostar

  12. lica permalink
    28 Setembro, 2010 11:46

    O Sr. Silva marcou reuniões com todos os partidos com cadeira em São Bento para resolver a questão de aprovação do orçamento, (que ainda não se sabe qual é) e acabar com o espectáculo degradante que vemos por ái. Ai a crise! Ai os mercados de capitais! Ai o déficit! Ai o MerrillLynch! Ai o raio que os parta! Há que promover o amor entre os partidos do alterne para que o orçamento passe, os salários diminuam, os impostos subam, os bancos ganhem, nós paguemos e tudo fique na mesma.Todos sabemos que o orçamento está mais que propangandeado, com ajuda da OCDE e tudo, para justificar o aperto de cinto e todos sabemos também que já está garantida a aprovação.
    O Sr. Silva, (que ainda não é candidato:) arma-se em cupído para poder depois, (as presidênciais são já em Janeiro) dizer que salvou o país. E, o mais fantástico é que vai haver muita gente que vai acreditar.
    http://wehavekaosinthegarden.blogspot.com/

    Gostar

  13. A C da Silveira permalink
    28 Setembro, 2010 12:01

    Os juros da divida portuguesa atingiram hoje 6,71%. Certamente a causa são as declarações que Passos Coelho anda por aí a fazer. Porque a politica do governo, essa é de louvar, como fez ontem aquele senhor da OCDE que veio cá fazer campanha pelo governo. Uma vergonha!
    O FMI? É uma questão de semanas.

    Gostar

  14. 28 Setembro, 2010 12:02

    Dir-se-ia que os cainesianos tugas adoptaram as teses dos ultra-neoliberais para defender que, afinal, o investimento público não é bom em si mesmo. Quem diria!
    Será que os níveis da taxa de juro das obrigações do estado a 10 anos, a esta hora em 6.57% (ver aqui), têm alguma coisa a ver com este aggiornamento?

    Gostar

  15. castanheira permalink
    28 Setembro, 2010 12:12

    Alguém conhece algum país governado por socialistas que não o tenha empobrecido?
    Portugal vem na linha de todos os outros países socialistas onde :
    1) Cai o investimento devido ao forte ataque sobre a generalidade dos independentes do poder
    2) Cai a produtividade devido á desvalorização do trabalho e ao incentivo ao ócio.
    3) Cai a riqueza disponivel dos cidadãos devido ao saque feito pelo estado através de impostos.
    4) Degradam-se as perpectivas futuras devido ao endividamento insustentavel do estado socialista
    E… pasme-se … para combater o despesismo socialista , qual a solução que tais cabecinhas pensantes
    preconizam : mais impostos para poderem gastar mais ainda! Chama-se a isto o “beneficio do infrator”

    Gostar

  16. lica permalink
    28 Setembro, 2010 12:25

    já vai em 6,67

    Gostar

  17. lica permalink
    28 Setembro, 2010 12:27

    6.71

    Gostar

  18. A C da Silveira permalink
    28 Setembro, 2010 12:27

    Eduardo F.,
    Peço desculpa, mas eu vejo lá 6,71%.

    Gostar

  19. DesconfiandoSempre permalink
    28 Setembro, 2010 12:43

    Ah! Silveira,Eduardo e Lica que regozijo. Que nojo.

    Gostar

  20. Licas permalink
    28 Setembro, 2010 12:53

    « Será possível?Sobre o frete do Público ao governo »Novas do cainesianismo tuga
    João Galamba anda irreconhecível. Ainda há pouco tempo andava a defender o estímulo keynesiano à economia via investimento público. Agora elogia o governo por poupar 250 milhões de euros com o adiamento da ligação do TGV ao aeroporto. Mas esse corte de 250 milhões no investimento público não tem um efeito recessivo? Aliás, é interessante ver o João Galamba a defender o aumento de impostos que o governo pretende fazer com o mesmo empenho e convicção com que há meses defendia o aumento da despesa. Mas então um aumento de impostos não tem um efeito recessivo? Mas não é o único que se mete nestas trapalhadas. Vemos muitos socialistas que ainda há 15 dias garantiam que a economia Portuguesa estava a sair da crise a defender a absoluta necessidade de aumentar impostos para impedir a bancarrota.

    Share this:
    FacebookE-mailDigg
    Esta entrada foi escrita por JoaoMiranda, publicada em 28 Setembro, 2010 at 09:24, arquivada em Geral. Marcar permalink. Siga quaisquer comentários aqui deixados com o RSS feed deste post. Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.
    « Será possível?Sobre o frete do Público ao governo »18 Comentários

    Rxc
    Posted 28 Setembro, 2010 at 09:30 | Permalink
    Short memory span. Típico de cérebros inferiores. Para eles, o Mundo existe apenas há 15 dias.

    Gaspar
    Posted 28 Setembro, 2010 at 09:31 | Permalink
    Não vês que o mundo mudou nos últimos 15 dias?

    f
    Posted 28 Setembro, 2010 at 09:48 | Permalink
    A máfia grotesca governa o país. O PS só engana e arregimenta tolos ou vigaristas.

    Lionheart
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:02 | Permalink
    Portugal é notícia nos States. Ainda há pouco Sócrates esteve em Nova Iorque, e em vez de acalmar os mercados , pôs-se a dramatizar (já seria discutível falar de assuntos internos fora do país, quanto mais no tom em que o fez), meramente a falar para os socialistas da carne assada e do coirate, que certamente ficaram embevecidos por ver o seu grande líder em tão distinto palco. O resultado de tal populismo e demagogia é a reputação do país estar cada vez pior. Que patos bravos, meu Deus…

    http://online.wsj.com/article/SB10001424052748704654004575518091992302632.html?mod=WSJEUROPE_hpp_LEFTTopWhatNews

    DesconfiandoSempre
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:13 | Permalink
    Ah! Sócrates novamente. Se têm outro melhor!

    DesconfiandoSempre
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:17 | Permalink
    Há muita gente, até reputados economistas, a mudar de opinião cada 15 dias. Sim porque isto está a mudar todos os dias. Depois há os que fazem que não se apercebem, dá-lhes jeito Miranda.

    AB
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:28 | Permalink
    Ó Desconfiado, já você não muda nada e continua a defender o indefensável!

    lica
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:48 | Permalink
    Cortarna despesa

    Ontem ao fim da tarde fiquei a saber pelo “Público online” da existência dos bordados de Tibaldinho, “pequena aldeia (…) da freguesia de Alcafache, concelho de Mangualde”, onde “cerca de meia centena de bordadeiras mantêm viva a tradição, sendo para a maioria delas o bordar uma actividade supletiva e irregular”. Pela descrição, devem ser belíssimos, embora em coisas de beleza mais valha experimentar do que julgar confiado em descrições. Fiquei igualmente a saber que a Comissão Parlamentar de Assuntos Económicos apreciará hoje (mesmo a tempo de entrar nas contas do Orçamento para 2011) um projecto de lei do PSD para a criação do Centro para a Promoção e Valorização dos Bordados de Tibaldinho tendo como receitas, entre outras, “as dotações para o efeito previstas no Orçamento de Estado”. Num país em que tanta gente e instituição vive de “dotações previstas no Orçamento de Estado” é justo que o PSD não queira os bordados de Tibaldinho de fora. Até porque, quando exige cortes na despesa, Passos Coelho refere-se a salários e a despesas com apoios sociais e não à decoração da mesa do Orçamento.

    http://jn.sapo.pt/Opiniao/default.aspx?opiniao=Manuel%20Ant%F3nio%20Pina

    aequanimus
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:59 | Permalink
    Há mais de 10 anos que Medina Carreira mostrava a linha do crescimento a descer e a das despesas a aumentar, prevendo uma ruptura se não se invertesse a situação. Os sempre desconfiados nunca o levaram a sério e continuaram a apoiar os mesmos que diziam haver mais vida para além do déficit.
    No ano passado, em Julho e Agosto (antes das eleições) vários economistas, entre os quais Bagão Félix fazendo contas bem simples, disseram que o déficit previsto no orçamento iria ser ultrapassado se não se fizesse qualquer coisa em contrário. O governo negou-o até à última, antes e depois das eleições. Os tais desconfiados não acreditaram, votaram neles e o déficit foi o que se viu com duas previsões falhadas por aqueles em quem os deconfiados confiaram.
    Este ano é o que se vê, só tiros nos pés, mesmo amarrados a compromissos internacionais assinados em Maio … e a festa vai continuar.

    DesconfiandoSempre
    Posted 28 Setembro, 2010 at 11:19 | Permalink
    AB
    Posted 28 Setembro, 2010 at 10:28 | Permalink
    Ó Desconfiado, já você não muda nada e continua a defender o indefensável!

    Mas há hoje alguma coisa indefensável? Nem os tiros no pé de Passos Coelho.

    DesconfiandoSempre
    Posted 28 Setembro, 2010 at 11:32 | Permalink
    Já cá faltava um Medina-dependente.
    Desconfio que ele foi ministro das finanças. Que mandou o Jacinto Nunes (BdP) emitir moeda e vender ouro. E que, por isso, resolveu o problema do país!!!
    Desconfio que ele mesmo, perguntado pelo Crespo qual era a solução para o país terá respondido – nem Jesus Cristo sabe.
    O Bagão? A Manuela? Tudo gente que resolveu o problema estrutural do país e até o conjuntural! Dou alvíssaras.
    Estamos entendidos quanto a desconfianças?

    lica
    Posted 28 Setembro, 2010 at 11:46 | Permalink
    O Sr. Silva marcou reuniões com todos os partidos com cadeira em São Bento para resolver a questão de aprovação do orçamento,
    ________

    SENHOR lica : FAÇA O FAVOR DE *** MUDAR DE NICK *
    POIS ESTÁ VENDER TRAPOS POR ROUPA DE MARCA . . .

    Gostar

  21. 28 Setembro, 2010 14:35

    pois , como diz um comentador por aí , o mundo hoje muda muito e depressa. por isso é que é importante ter pessoas com 3 dedos de testa a governar ( e não só , a mandar bitaites também ) pessoas que consigam avaliar e conjugar múltiplas variáveis de sociedades cada vez mais complexas sem que os neurónios se suicidem , que consigam prever as mudanças a longo prazo , ou até a médio , a que as tretas que fazem no presente , no mundo inteiro ou na economia mundo , levam. é que as mudanças nas sociedades não são como as metereológicas , não caem do ceú aos trambolhões nem dependem dos humores do são pedro.

    Gostar

  22. A C da Silveira permalink
    28 Setembro, 2010 15:19

    Desconfiando Sempre,
    Nojo mete um tipo como você que continua a defender o indefensavel, ou seja este governo socretino que está a por Portugal ao nivel do Burkina Fasso.
    Você defende um governo de incompetentes, mentirosos e aldrabões. Provavelmente porque tambem mama na teta do OE.

    Gostar

  23. 28 Setembro, 2010 22:55

    A C da Silveira
    Posted 28 Setembro, 2010 at 12:27 | Permalink
    Eduardo F.,
    Peço desculpa, mas eu vejo lá 6,71%.

    Caro A C Silveira,
    É a diferença que pode fazer 25 minutos!

    Gostar

Trackbacks

  1. Nos idos de Março, João Miranda. | vida breve

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: