Saltar para o conteúdo

Small steps

18 Maio, 2013

Quando aprovaram o casamento gay disseram que a adopção era um assunto completamente diferente. Depois passaram a argumentar que é apenas justo que os casais tenham todos os mesmos direitos de co-adopção, mas que a co-adopção é uma coisa diferente de adopção. Aprovada a co-adopção passarão a dizer que até já há casais gays que adoptam e que uns não podem ser discriminados em relação aos outros.

67 comentários leave one →
  1. povão permalink
    18 Maio, 2013 10:28

    Temos uma Constituição virtual . Uma Democracia virtual . Um genial Presidente da Republica que no seu primeiro mandato é eleito com menos votos do que aqueles que votaram para ele não ser eleito !!! Com total impunidade , um Primeiro Ministro que promete e não cumpre !!! Uma Assembleia da Republica que sem trabalho no interesse nacional , se reforma por inteiro aos 40 anos , que não sabe fazer filhos e assim permanentemente se masturba . Uma vergonha !!!
    Como é possível esta tragédia ter sido aprovada por 99 deputedos contra 94 ,havendo ainda 9 anormais distraídos e os restantes 14 ficado em casa à nossa custa !!! Como é possível este despudor de se considerarem representantes de um Povo que permanentemente ignoram ? É também com este mal cheiroso PS que temos o País que temos …
    Deu agora a TV uma reportagem : 2 gays ,( medico e jornalista ?) , adoptaram (de forma ilícita!) um rapaz que na Escola diz que tem dois pais !!! Diz-me com quem andas dir-te-ei quem és .Neto de avô gago é gago . É a natureza . Bin Laden tinha razão ? Estamos perante a exponencial gay !!! E que responde ele quando for adulto ? Se ele queria ser gay ? Neste caso até não é de nascença … nem “doença contagiosa” .
    Qual é a diferença entre um gay ir a uma loja de um Centro Comercial comprar um cachorro , ou ir à Misericórdia adoptar um rapaz – contra natura -não existe afecto de pai , e muito menos de mãe !!! nem tem a dignidade de um afecto canino !!!
    A exponencial gay e a natalícia espiral recessiva ? A raça lusitana em vias de extinção ! Racista? Não . Apenas o Apocalipse …

    Gostar

    • YHWH permalink
      18 Maio, 2013 10:45

      Quotas Neo-Nazis em dia, presumo…

      Gostar

      • povão permalink
        18 Maio, 2013 11:22

        …homos …. heteros…Esta inteligência civilizacional só vê as pontas da régua !!! Não consegue ver a régua !!!
        O último a rir é o que ri melhor (a ver os ouros a chorar …)

        Gostar

    • FBSR permalink
      18 Maio, 2013 10:50

      O senhor/a deve viver num mundo mesto muito triste… E concerteza que deve ser muito infeliz, para ter tantas certezas absolutas sobre a ética dos outros…. Fico surpreendida como ainda há pessoas assim… Tão infelizes… Se calhar, os seus pais (heterossexuais, presumo) tinham uma relação tão infeliz que lhe pegaram a doença (espero que não, porque concerteza os senhores fizeram o seu melhor)

      Gostar

      • povão permalink
        18 Maio, 2013 14:31

        FBSR
        Ad Hominem
        P.P.P.(Albino Forjaz de Sampaio)

        Gostar

    • FBSR permalink
      18 Maio, 2013 10:53

      Já agora, refer-se à raça lusitana (endividada, iletrada e pobre) como se fosse motivo de orgulho, um povo que mendiga para viver… Realmente vou tentar compreender a sua lógica…. Mas está difícil !

      Gostar

      • povão permalink
        18 Maio, 2013 14:35

        FBSR
        Como nesta velha Lusitânia é o único que não está endividado , não é iletrado nem pobre , pode comprar um espelho e perguntar :
        Faz
        Bem
        Ser
        Rabeta ?

        Gostar

    • 18 Maio, 2013 11:00

      raça lusitana??! ó homem, trate-se! hahahahaha 🙂

      Gostar

      • povão permalink
        18 Maio, 2013 11:26

        .. não posso , acabaram com as clínicas para gays …

        Gostar

  2. Zé Povo permalink
    18 Maio, 2013 10:33

    Teresa Leal Coelho, vice presidente do grupo parlamentar do PSD, foi bastante clara nas declarações que prestou à SIC: Na próxima legislatura o PSD irá tentar fazer aprovar a plena adopção homossexual.

    http://sicnoticias.sapo.pt/pais/2013/05/17/teresa-leal-coelho-espera-aprovacao-de-plena-adocao-na-proxima-legislatura

    Gostar

    • YHWH permalink
      18 Maio, 2013 10:46

      Delicioso…

      Gostar

      • Zé Povo permalink
        18 Maio, 2013 11:03

        Homossexual (passivo) detectado!

        Gostar

      • YHWH permalink
        18 Maio, 2013 11:16

        Trauma infantil com orientação sexual própria, que prefere debruçar-se, qual adivinho, sobre a orientação sexual dos outros?!…

        Há bons terapeutas para tratar tais casos.

        Gostar

    • jurista permalink
      18 Maio, 2013 11:58

      Interessante este post do Rodrigo Adão da Fonseca no I… (por gente invertida)
      CAUSAS INVERTIDAS
      Hoje, e sem que tenha havido um debate minimamente consistente na sociedade portuguesa, foi aprovado um projecto de lei que permite a co-adopção por casais homossexuais.
      Mais uma vez, promovem-se diplomas que se centram no egoísmo e na afirmação de “causas”, em vez de se definir aquilo que realmente deveria interessar ao Estado: o superior interesse das crianças.
      Uma adopção que pondera como critério inclusivo ou exclusivo (no sentido da exclusão) a identidade sexual dos responsáveis fere a neutralidade que deveria informar estas leis.
      O que eu gostaria é que se discutissem leis que definem critérios claros centrados no interesse das crianças, que se promovesse um sistema que avalie se os candidatos à adopção, em concreto, são ou não idóneos para educar uma criança, nas circunstâncias objectivas e subjectivas em que vivem, e face a outros candidatos, e não a consagração de “direitos” baseados em aspectos tão voláteis como a identidade sexual. Esta obsessão do Estado de se meter na cama dos cidadãos, e de alguns cidadãos promoverem o vouyerismo estatal desfoca a discussão daquilo que é essencial.

      Gostar

    • Zé Povo permalink
      18 Maio, 2013 12:00

      Parece que afinal esta votação conduz a uma ilegalidade…ou há adopção plena ou não há mariquices para ninguem!

      http://www.dn.pt/especiais/interior.aspx?content_id=3226850&especial=Revistas%20de%20Imprensa&seccao=TV%20e%20MEDIA

      Gostar

      • povão permalink
        18 Maio, 2013 12:06

        JÁ me começo a rir …

        Gostar

  3. YHWH permalink
    18 Maio, 2013 10:44

    A facção defensora da civilização naftalínica continua a ver a corda escorregar-lhe das mãos… para o pescoço?!…

    Gostar

  4. FBSR permalink
    18 Maio, 2013 10:47

    Eu fico estupefacta com a agressividade e imaturidade de alguns comentários !!!!

    Gostar

  5. Duarte permalink
    18 Maio, 2013 11:22

    A propósito de co adopção

    COMENTÁRIO
    “Nem Freud imaginou isto”
    SIMONE DUARTE 17/05/2013 – 17:40
    4

    TÓPICOS
    América
    Argentina
    América Latina
    Direitos humanos
    O que faz um jovem que descobre que o seu “pai” não é seu pai. E que na realidade aquele a quem sempre chamou pai assassinou o seu verdadeiro pai? Parece confuso?

    Mas é exactamente este o legado do general Jorge Videla e dos seus colegas militares que governaram a Argentina entre 1976 a 1983.

    São dezenas, centenas de estórias. Mariana Eva Perez procurava o irmão. A mãe estava grávida quando ela e o pai “desapareceram”. Conseguiu encontrá-lo 20 anos depois. Ele tinha outra “mãe”, outro “pai”. Ela chamava-lhes raptores e assassinos. Ele continuava a chamá-los pai e mãe. Como de repente destruir todo o afecto de tantos anos? “ Nem Freud imaginou isso”, desabafou Abel Pedro Madariaga, em 2002, quando passei dois meses com as Avós da Praça de Maio, em Buenos Aires. Em 2010, o filho de Abel foi encontrado, foi o 102.º filho de los desaparecidos a ter a identidade devolvida.

    Maria Eugenia sabia que era adoptada. Mas os pais maltratavam-na tanto que sentia que havia algo de errado. Fez dois testes até que o de ADN provou que era filha de uma desaparecida. “O ADN foi o presente de Deus às Avós da Praça de Maio”, dizia-me sorridente Estela Carloto presidente da Associação, no Inverno de 2002.

    Havia a contradição suprema na sociedade argentina dos fins dos anos 1990: podia-se condenar alguém por ter “raptado” uma criança mas não se podia condená-lo por ter matado os pais do bebé. E foi com base nesta violação das leis internacionais que o juiz argentino Gabriel Cavallo conseguiu anular as leis de amnistia e abriu caminho para a condenação dos líderes militares.

    Há finais felizes. Como o do jovem que tinha sido adoptado (os pais não sabiam que ele era filho de los desaparecidos) e que um dia descobre que é irmão do músico da banda da qual é fã. Ou a avó que tinha dúvidas se deveria continuar a procurar a neta e a ouve dizer “ainda bem que me achaste pois se um dia eu descobrisse ia pensar: que família era esta que nunca me procurou?”.

    A estratégia dos ditadores era clara: militares e polícias que não pudessem ter filhos criariam os bebés “da esquerda” para livrar esta geração de “ ideias subversivas”.

    É este o legado do general Videla.

    Uma geração que desapareceu. Outra que ficou sem saber quem era. E está até hoje a tentar descobrir.

    Gostar

    • YHWH permalink
      18 Maio, 2013 11:32

      Alguns psicopatas preferem designar tais crimes como tomar as rédeas da responsabilidade ideológica…

      Gostar

  6. JCRR permalink
    18 Maio, 2013 12:55

    Adquirido o direito de adopção por casais homosexuais, faltam ainda obter as seguintes conquistas civilizacionais:
    Direito à poligamia;
    Direito às mulheres de acederem ao clero na igreja católica;
    Direito dos padres da igreja católica ao casamento (homo ou hetero obviamente)
    Portanto, bloquistas e simpatizantes das causas fracturantes, façam o favor de incluir estes temas nas vossas agendas.

    Gostar

    • povão permalink
      20 Maio, 2013 10:14

      O General Videla agiu assumindo a “responsabilidade ideológica” ; Os gays agem agora assumindo a “responsabilidade gay” . O processo é idêntico . Nesta nova Opereta Lusitana , os Tribunais prendem os pedófilos . A Assembleia da Republica(?) decreta a pedofilia !!! Já não há vitimas da pedofilia . Há “cu-adoptados” … A escala de valores não se altera por Decreto .mas sim com uma sólida educação numa mente sã e num quadro politico e social unanimemente aceite (por todos) . Apenas se pode tratar por Igual o que na verdade é igual …

      Gostar

  7. Pedro Cirne permalink
    18 Maio, 2013 12:56

    Não é a primeira vez que “a small step for” é um “great step for humanity”.

    Gostar

  8. 18 Maio, 2013 13:05

    Caramba, 16 deputados do PSD 16, votaram a favor da coisa.
    Como é agora? Vão construir uma rede à volta deles?

    Gostar

    • povão permalink
      18 Maio, 2013 14:18

      O PSD não quer perder o tacho e olha para o futuro ocupando o espaço bloquista . Chamem-lhes parvos . Parvos são os que acreditam !…

      Gostar

  9. A. Pereira permalink
    18 Maio, 2013 13:14

    Pobres crianças, joguetes nas mãos de sodomitas e lésbicas!

    Gostar

  10. 18 Maio, 2013 13:32

    Então, a censura continua?

    Gostar

  11. 18 Maio, 2013 13:33

    Estava a dizer que o mais grave é que a lei pode ser mudada à conta apenas de uma tarada de Direito. A Isabel Moreira que projecta nesta merda forte e feio problema familiar

    Gostar

    • YHWH permalink
      18 Maio, 2013 14:36

      Importe-se com os seus problemas reais e deixe lá os problemas que imagina para os outros.

      Gostar

    • povão permalink
      19 Maio, 2013 23:49

      Para seu eventual desgosto e minha última surpresa , o iluminado Sócrates terminou a sua intervenção de hoje na RTP . elogiando a supracitada fufa louca vulgo tarada .
      É necessário elogiar quem o elegeu . Gratidão socrática . Ou será que ele também ???

      Gostar

      • povão permalink
        19 Maio, 2013 23:56

        “Cheira a léguas que não gosta de mulheres” ???

        Gostar

  12. Tiradentes permalink
    18 Maio, 2013 18:43

    Depois de ler aqui mais que um “concerteza” e “refer-se” acho que um movimento contra o preconceito de se escrever português deveria ser iniciado.Sim que isso deve ser conservadorismo “fássista” e neoliberal.

    Gostar

  13. Fincapé permalink
    18 Maio, 2013 19:03

    Se João Miranda recuasse um pouco no tempo, muito pouco mesmo, encontraria ainda as manifestações globais a favor do direito à diferença.

    Gostar

  14. A. R permalink
    18 Maio, 2013 19:30

    A seguir à cu-adopção virá a pedofilia.

    Gostar

    • fotografo permalink
      18 Maio, 2013 20:19

      Mas então a mesma fotografia não serve para a co-adopção e para a pedofilia ?
      Em período de austeridade é preciso poupar assim ordena Frei Coelho .

      Gostar

    • 19 Maio, 2013 03:27

      Errado! A pedofilia já veio. Agora está adormecida.
      http://24heuresactu.com/2013/01/02/quand-libe-le-monde-et-la-goche-morale-defendaient-la-pedophilie/

      “En 1979, Jacques Dugué est arrêté pour pédophilie et soupçonné de faire partie d’un réseau de pédophiles. Il publie une tribune dans Libération où il dresse une apologie de la « sodomisation » des enfants. Il y explique que « l’enfant qui aime un adulte […] aime ressentir dans son corps le membre viril de celui qu’il aime, d’être uni à lui, par la chair ». Il y exige « qu’on arrête de persécuter ceux qui aiment les enfants, même s’ils les aiment aussi avec leur corps ». C’est pas du Pulvar mais c’est presque aussi tolérant envers la différence. Puisque toutes les pratiques sexuelles se valent…
      Pendant cette période, les groupes d’extrême gauche comme la LCR de Besancenot (il n’y était pas encore, concédons lui cela) soutiennent officiellement la pédophilie contre les interdits religieux et moraux de la société conservatrice. D’autres groupes informels d’extrême-gauche ou organisations plus importantes, comme la Ligue communiste révolutionnaire soutiennent alors les pédophiles contre les tabous moraux imposés par la société conservatrice réactionnaire. Les discours ambigus sur la « sexualité infantile » sont considérés comme une libération du carcan de la morale…
      L’historienne Anne-Claude Ambroise-Rendu a décrit cette période et ce discours selon lequel « les enfants ont aussi droit à la sexualité ». Selon elle, cette idée correspond parfaitement à l’idéologie soixante-huitarde ambiante « à l’ombre des mouvement alternatifs, de l’antipsychiatrie et du militantisme homosexuel. Du Front homosexuel d’action révolutionnaire (FHAR) créé en 1971 au magazine Le Gai Pied lancé en février 1979, tous réclament, avec Michel Foucault, la reconnaissance des « sexualités périphériques »”.

      Gostar

      • povão permalink
        20 Maio, 2013 18:47

        BRILHANTE . Obrigado

        Gostar

      • povão permalink
        21 Maio, 2013 15:58

        A FOBOFOBIA RADICAL

        Existe em França a maior associação gay – a HOMOVOX ,
        que participou nas recentes manifestações em França e
        milita contra o casamento e a adopção gays !…
        Segundo a HOMOVOX , os membros do loby radical gay
        LGBT já têm uma ferida em relação à sua homosexualidade
        porque não a aceitam pelo que reivindicam ser como os
        heteros. O radical loby gay LGBT , dito progressista
        e fobofóbico , intolerante , insultuoso e anti-democrata ,
        pretende assim uma IGUALDADE injusta , enquanto a
        HOMOVOX pretende uma DESIGUALDADE justa .
        São diferentes pelo que pretendem continuar a ser diferentes .
        Não é possível tratar por igual o que é desigual !…

        O Casamento Gay e a Adopção Gay
        1. Estatisticamente , a união gay é mais instável do que a união hetero .
        2. O Valor da felicidade da criança é superior ao valor da felicidade do gay .
        3. A criança crescer numa família só com referências masculinas ou só com referências femininas , não é equivalente a crescer numa família com pai e mãe .
        4. A adopção não é um Direito natural nem uma bandeira ideológica.
        5. Os filhos de gays-lésbicas , perante os seus pares , sentem a necessidade de manterem segredo sobre a homosexualidade do pai ou da mãe , ou de ambos , e que é maior no caso de um pai gay , o que pode contribuir para um sentimento negativo e para o seu isolamento .

        HOMOSEXUALIDADE e PEDOFILIA

        Ainda recentemente a “esquerda progressista” francesa, P.S. incluído , defendia publicamente a pedofilia . A proclamada liberdade sexual plena !… E a nossa dirigente socialista gay afirma que só nos falta a adopção plena !…
        E agora ? Foi decretada a co-adopção ou a cu-adopção ?
        Como reage uma criança adoptada por um casal gay frente
        à cena X (#) i.e. o seu pai adoptivo a levar no pacote ?

        Convem saber que :
        (1) As crianças crescerão com a ausência ou de uma figura
        masculina, ou de uma figura feminina, o que será prejudicial para o seu desenvolvimento;
        (2) As crianças adoptadas incorrerão numa maior probabilidade de se tornarem homossexuais; (filho de pai gago é gago…)
        O homem não é um animal de hábitos ?…
        Lembra a história da maça podre ou o poder do hábito ?
        (3) Os homossexuais não possuem nem estabilidade, nem maturidade, tanto ao nível emocional como psicológico, para educarem uma criança;
        (4) As crianças criadas por casais homossexuais estarão mais susceptíveis a ficarem traumatizadas por comportamentos obscenos;
        (5) As crianças adoptadas por homossexuais correrão maiores riscos de serem vítimas de abuso sexual ; razão pela qual o gay adopta rapazes e as lésbicas adoptam raparigas !…
        (6) As crianças adoptadas por homossexuais terão maiores dificuldades na adaptação social, por causa do estigma que sofrerão, por serem criadas por homossexuais;
        (7) As crianças educadas por homossexuais sofrem atrasos no seu desenvolvimento psicológico e cognitivo.
        (8)Doravante a Pedofilia fica a coberto do princípio da intimidade privada !!!…

        (#) Cena X : Imagem A + Imagem B
        Imagem A

        https://www.google.pt/search?hl=pt-PT&site=imghp&tbm=isch&source=hp&biw=1018&bih=635&q=imagens+homosexuais&oq=imagens+homosexuais&gs_l=img.12…54.13089.0.17635.19.10.0.9.0.0.1768.3029.0j9j8-1.10.0…0.0…1ac.1.14.img.LCYXPdsXAHo – imgrc=2kf7gFbXGSZvNM%3A%3BQ1nk8XqUbNGw7M%3Bhttp%253A%252F%252F3.bp.blogspot.com%252F-tY48QN1Mnz4%252FT0UaoohUEaI%252FAAAAAAAAEE0%252FoS5ZfrzzlKs%252Fs1600%252Fedmundo.png%3Bhttp%253A%252F%252Fwww.cleycianne.com%252F2012%252F02%252Fimagens-que-chocaram-o-povo-de-deus.html%3B680%3B486

        Imagem B

        https://www.google.pt/search?hl=pt-PT&site=imghp&tbm=isch&source=hp&biw=1018&bih=635&q=imagens+homosexuais&oq=imagens+homosexuais&gs_l=img.12…54.13089.0.17635.19.10.0.9.0.0.1768.3029.0j9j8-1.10.0…0.0…1ac.1.14.img.LCYXPdsXAHo – imgrc=BVJG7pA9uJZqFM%3A%3BiUPkkFoOkzOl7M%3Bhttp%253A%252F%252Fwww.advivo.com.br%252Findex.php%253Fq%253Dsites%252Fdefault%252Ffiles%252Fimagecache%252Fimagens-mutirao%252Fimagens%252Fpara_vania_420286_290115797782665_2122248577_n.jpg%3Bhttp%253A%252F%252Fwww.advivo.com.br%252Fblog%252Fluisnassif%252Fa-influencia-gay-no-universo-masculino%3B500%3B367

        QUID JURIS ?
        Filho/a de pai gay e mãe lésbica divorciados ?
        Filho/a de pai gay e mãe hetero divorciados ?
        Filho/a de pai hetero e mãe lésbica divorciados ?
        Adopção de crianças por casais hetero ?
        Adopção de crianças por casais hetero separados ?
        Adopção de crianças por solteiro/a hetero ?
        Adopção de crianças por solteiro/a gay ?
        Adopção de crianças por uma união de facto gay ?
        Adopção de crianças por homosexuais casados ?
        Adopção de crianças por lésbicas casadas ?

        Gostar

      • povão permalink
        24 Maio, 2013 08:58

        As tristes Mixórdias Sociais e as habituais Saladas Jurídicas
        O ABSURDO Gay
        Casamento heterossexual :
        Coelho (pai) + Laura(mãe)+ Manuel(filho menor)+Francisco(avô paterno)
        Coelho falece
        Casamento Homossexual + co-adopção
        Gizela(mãe)+Laura(mãe)+Manuel(filho menor)
        Francisco não se pode opor à co-adopção
        Laura falece Francisco falece
        Manuel herdeiro com 10 anos
        Gizela administra a herança (!)
        Manuel falece …. Quid Juris ?

        Gostar

  15. José Domingos permalink
    18 Maio, 2013 21:47

    Curioso, é que os “gays”, adoptam meninos, e as “lésbicas” adoptam meninas, claro que não é para infuenciar, acontece.
    O estranho, é que quem não é da mesma opinião, é logo apelidadado de retrógrado, pelo menos. Sai-se da manada, é-se, linchado.
    Muito democratas, estes “tolerantes”
    podia-se fazer um referendo, mas não é a mesma coisa. Existem questões, que o povo não percebe, só a elite iluminada.

    Gostar

    • Churchill permalink
      18 Maio, 2013 22:29

      Estive há pouco a comentar isso com amigos. Os americanos da Fox ainda colocam na familia moderna um casal de gajos a adotar uma vietnamita, mas por cá os casos que gostam de aparecer em publico são mesmo mono-sexo (será que se escreve assim ou ainda aí virá o professor doutor filólogo Tiradentes para me corrigir?, ainda por cima entre parêntesis)

      Gostar

    • povão permalink
      19 Maio, 2013 23:13

      ALTERAÇÃO LEGISLATIVA
      Como os gays não gostam de mulheres , só lhes é permitido adoptar menores do sexo feminino ; :
      Como as lésbicas não gostam de homens , só lhes é permitido adoptar menores do sexo masculino .
      Fundamento : não permitir a pedofilia .

      Gostar

  16. 18 Maio, 2013 22:38

    Por cá é só cenário e os figurantes são sempre os mesmos. Devemos ser o único país do mundo onde a lei pode mudar a tradições por vontade de uma maluca e de umas artistas, mães de um boneco de borracha.

    Eu até penso que quem planeia o conta-gotas do pacote é o filho

    Gostar

  17. 18 Maio, 2013 22:39

    O que aliás é delicioso. Bastava alguém com juízo e criatividade para inventar mais causas malucas que funcionavam. Aprovava-se tudo. Tinha é que haver antecedente no estrangeiro.

    Gostar

  18. 18 Maio, 2013 22:41

    Realmente o este país precisa como do pão prá boca é da discussão da paneleirada.
    .
    Triste circo…

    Gostar

  19. 18 Maio, 2013 22:41

    Ainda agora alguém mostrou que na Suécia umas feministas histéricas querem aprovar uma lei que proiba os homens de mijarem de pé. Por causa da igualdade.

    Uma sãozinha lá da terra, directora de uma escola, deu logo a justificação de lei que por cá também se dá: é por causa da democracia. Para serem democratas os gajos não podem discrimiar as gajas mijando de alto.

    Já a merda é feita por igual- todos cagam de alto

    Gostar

  20. 18 Maio, 2013 22:43

    Bem, a discussão não tirou tempo aos ilustres revolucionários que andaram meses a serem pagos para se preocuparem com o cu e suas causas.

    Portanto, se alguém anda a gozar com a crise e com o proletariado são as vossas barbies do mundo às avessas

    Gostar

  21. 18 Maio, 2013 22:46

    De todo o modo o problema vai ser herdado pelos filhos. E ninguém que agora faz a merda vai estar cá para responder pelas consequências.

    Enfim- como diz o ditado: os filhos pagam os pecados dos pais. Este mundo às avessas vai rebentar pelo nonsense. Vai acabar de onde saiu- do manicómio.

    Mas enfim- seria apenas problema deles se não servisse da ditadura possível para cima de quem resiste.

    Gostar

  22. 18 Maio, 2013 22:50

    De resto, a coisa é tão caricata que se esqueceram de proibir o machista homofóbico do Freud que ainda é estudado na escola e faz parta da dita ciência da psicologia. A formação do Eu e coisas assim, à conta das quais até os tribunais de família são obrigados a ter psicos para aconselhar.

    Já deviam ter ido para a reforma e deixado no lugar deles uns clones dos Monty Python- a psicanálise segundo a Doutora Loretta- essa sim, é a psicanálise científica e sem preconceitos.

    A outra, a que devia ser vergonha, anda por lá para atrapalhar. Porque é a primeira vez que a cientoinice iluminada inventa progresso sem suporte teórico e o impõe por lei vindo do nada

    Gostar

  23. Portela Menos 1 permalink
    18 Maio, 2013 22:55

    coloquem “gosto” neste discurso em vez de dizerem disparates; ou então coloquem a sra na AR para nos fazer lembrar um deputado do CDS que defendeu que sexo só para procriar …
    http://corta-fitas.blogs.sapo.pt/5377429.html

    Gostar

  24. 18 Maio, 2013 23:01

    Bem, o problema aqui é mesmo esse- estas pansexuais com filho de borracha é que acham que a liberdade sexual não existe se não for para ter filhos.

    Como biologicamente a Natureza é homofóbica, então precisam que a lei permita que saquem filhos aos outros. Porque foder para eles não chega- agora já vão na causa do choco. A seguir vão passar rapidamente para os direitos de saída- a eutanásia.

    Espero que as artistas a exemplifiquem também em rábula com champanhe à frente do parlamento e eutanisem o boneco de borracha.

    Gostar

  25. Portela Menos 1 permalink
    18 Maio, 2013 23:09

    uma jornalista, perdão, uma grande repórter:
    (…) Os ignóbeis socialistas e bloquistas vão levar amanhã mais uma vez a adopção de crianças por duas pessoas homossexuais do mesmo sexo que vivam juntas, ao Parlamento. Não se enganem, todas as manifs, todos os Grandolas Vilas Morenas, todos os Galambas e Dragos, todos os actos de terrorismo de interrupção de membros do Governo em actos públicos, têm um único objectivo “dar crianças aos homossexuais (…)
    .
    🙂 “todas” as manifs têm um único objectivo…”dar crianças aos homossexuais (…)
    isto é, “nós, os puros, não fazemos manifs” para não sermos acusados de “dar crianças aos homossexuais” 🙂

    Gostar

  26. 18 Maio, 2013 23:21

    Essa aí cendurou-me o comentário onde até a defendia, portanto, agora batam-lhe à vontade.

    Também não tenho pachorra para palermas com a paranóia do “anonimato”.

    Gostar

  27. 18 Maio, 2013 23:23

    Mas é claro que só conseguem pegar por aí. A ver se se atiram ao Vasco Barreto que até é amigo de todas elas.

    Não atiram. Escondem, tapam, a ver se escapa.

    Gostar

  28. 18 Maio, 2013 23:25

    O que o Vasco Barreto fez foi muito simples- a questão em causa são os direitos de adultos e não as necessidades das crianças. Portanto, há que explicar como um experimentalismo sobre crianças é legítimo em nome de interesses de adultos.

    Mais nada. Tudo o resto é pura palha.

    Isto chega para que se perceba que o fundo de igualdade e tomar partido pelos mais fracos é mentira. Esta causa é crontra os mais fracos, em nome dos mais fortes e do puro egoísmo de cada um.

    Nem sequer interesse colectivo ou Bem Comum está em causa. É liberal até ao tutano. Podia ser assinada pela Rand, caso a gaja não preferice a foda ao choco

    Gostar

    • povão permalink
      19 Maio, 2013 00:00

      ZAZIE ZAZIE ZAZIE
      (rectifique; preferisse , não deu atenção ao corrector ortográfico)
      Aposto que a ZAZIE é do Signo do Aquário . Acertei ?
      Boa Noite . Bom Fim de Semana .

      Gostar

  29. 19 Maio, 2013 00:19

    pois foi. Reparei que era erro mas ando a escrever em estrangeiro há dias e confundo tudo.

    Sou tourinha “:OP

    Gostar

    • povão permalink
      19 Maio, 2013 14:06

      Touro ? Estou ainda na altura para lhe dar os sinceros parabéns
      O Touro é argumentador. O Aquário é prolixo . Fiz confusão . Peço desculpa .
      P.S.
      Uma necessária ajuda : o que significa OP ?.

      Gostar

  30. 19 Maio, 2013 00:19

    E dracolina “:OP

    Gostar

    • povão permalink
      19 Maio, 2013 14:14

      Já conhecia a Suzana Dracolina . Zazie Dracolina . Prazer em a conhecer mas não a encontrei no facebook !
      Antes “dracollna” do que “draculina” . Não é do FCP ? É que sou “alérgico” a futebol…
      Bem-vinda ao Blasfémias .

      Gostar

  31. Duarte de Aviz permalink
    19 Maio, 2013 02:49

    Ao contrário da constituição, onde tudo é “irreversivel” esta lei pode ser revertida com 50% +1 votos de deputados, certo?

    Gostar

  32. Eleutério Viegas permalink
    19 Maio, 2013 19:45

    Esta cena dos casamentos, das adopções e dos mesmos direitos é uma nojeira. Não há pachorra para esta falta de referências de vida. Parece que a família vai passar a ser, por regra um amontoado de gente… Um dia destes, esta escumalha proíbe os casamentos de homem e mulher, depois os namoros e as uniões de facto de homem e mulher. e proíbem mesmo a reprodução, em prol da liberdade (sim, porque os filhos tiram-nos a liberdade de fazer o que bem nos apetece!). Tristeza de mundo em que estes tarados estão a ganhar pontos com a tolerância dos outros.

    Gostar

  33. povão permalink
    23 Maio, 2013 21:05

    Onde se esconde a pedofilia ? Mudou de sítio ? .
    STEP by STEP
    Constitucionalmente (!) “pessoas singulares” podem adoptar menores , independentemente da orientação sexual do(a) adoptante . Um gay pode adoptar um rapaz ! …
    Já existe a “união de facto” com homossexuais .
    Recentemente foi permitido o casamento (civil ?) de homossexuais.
    É permitida (mas difícil) a adopção por casais heterossexuais .
    Por enquanto(?) não é permitida a adopção(plena) por casais homossexuais , quer em união quer casados!… (o que a realidade desmente …)
    Presentemente surge o Projecto de Lei da Co-Adopção , aprovado parcialmente na generalidade , necessitando ainda da aprovação final da A.R. e da promulgação do P.R. .
    Pretende-se nele que um “par de homossexuais” , em união ou casados , em que um dos membros tenha um filho/a ou adoptado/a , resultante de anterior relação , mas que este membro se não era “virou” gay ou lésbica , o outro par , gay ou lésbica, possa também adoptar o menor , qual bola de pingue-pongue , em vez de um dono passa a ter dois ainda que contra a vontade da família do menor , avô , por exemplo , excepto pai/mãe , se for vivo/a! A co-adopção é irrevogável. E se um dia aparecer o progenitor biológico diferente do progenitor registado já falecido ou não ? E onde não estão salvaguardadas as relações patrimoniais do menor !… Quid Juris ?
    P.S.
    A Igreja lamenta . Alguma(?) Justiça timidamente protesta . A incompetente Ministra da Justiça concorda . perante esta salada jurídica , o que não é para admirar para quem a conheça na intimidade !… O que fará Cavaco ? Na A.R. 99 “rabetas” fizeram m…. E ofenderam milhões de Portugueses ! Porque não um referendo , por muito respeito que nos mereçam os homossexuais tão preciosos eleitores para os nossos miseráveis políticos…

    Gostar

Trackbacks

  1. É assim em Portugal | BLASFÉMIAS

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: