Skip to content

Rui Moreira e as expropriações

20 Setembro, 2014

Um exemplo de como o socialismo destruiu os princípios morais das elites ao ponto de estas passarem a defender injustiças semelhantes às que lhes foram feitas. Rui Moreira em entrevista ao Negócios:

Quando é que deu o salto, e deixou de lhe fazer espécie trabalhar num espaço como esse?

 

Nunca me fez espécie. O meu pai foi preso a seguir ao 11 de Março de 75 – foi daqueles a quem disseram para fugir e que não fugiu, achou que não tinha feito mal nenhum e resolveu ficar. Tínhamos passado para uma casa mais moderna. Vivia lá um tio meu, solteirão. Uma vez fui visitar o pai a Caxias e ele disse: “Têm de montar algum negócio na casa de família senão ela vai ser ocupada”. E como eu estava a montar a navegação nessa altura…, foi uma maneira de a casa não ser ocupada. Durante anos foi estranho: na casa convivia o meu negócio, que eu geria, com uma data de gente nova, cabeluda, com camisas Levis Strauss, e o meu tio e as empregadas que serviam à mesa… O meu tio morreu cedo, num desastre de automóvel. O negócio foi crescendo e acabámos por ocupar a casa toda.

[…]

Como é que ficaram as finanças da família com a revolução?

Muito mal. O que tínhamos em África, perdemos de um momento para o outro. Tínhamos uma grande empresa em Angola semelhante à Molaflex. Aqui, a empresa foi intervencionada. Os nossos bens foram congelados. Quando o meu pai regressa à liberdade em Novembro de 75 e volta à Molaflex, a empresa tinha sido estragada pelos senhores sargentos e capitães que lá tinham estado. Foi possível recuperar, mas, como muitas famílias, passámos uma fase de transição complicada.

 

Anúncios
16 comentários leave one →
  1. manuel permalink
    20 Setembro, 2014 16:24

    E se falássemos do fundo de solidariedade social de 500000 euros e na frase “Rui Rio dará um excelente 1º Ministro”.

    Gostar

  2. 20 Setembro, 2014 16:52

    Uma coisa que muito me intriga, é porque razão quando se chega a político esquece-se o que se disse quando se era apenas gente comum.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      20 Setembro, 2014 19:25

      O poder de impor a vontade aos outros estraga muito boa gente. Rui Moreira é só mais um caso.

      A arrogância do Rui Moreira é tanta que até invoca o poder do Estado Novo.

      A Democracia ao sentir-se tão legitimada leva a quem a controla a sentir que tem legitimidade para tudo.

      Gostar

  3. Jorge permalink
    20 Setembro, 2014 19:27

    O socialismo corrompe moralmente todos os que se aproximam dele, É o caso.

    Gostar

  4. anónimo permalink
    20 Setembro, 2014 19:31

    ouvi dizer que os abusados em criança, acabam eles próprios por ser abusadores.

    Gostar

    • A.Lopes permalink
      21 Setembro, 2014 15:52

      Refere-se ao Rui Moreira por ter sido abusado em criança?É assim?Confirma ou é só mais uma tirada sem sentido?

      Gostar

  5. neotontono permalink
    20 Setembro, 2014 20:25

    O tempo passa mas não nos podemos esquecer que alguns dos que hoje continuam a ser apresentados como “militares de Abril” nada tinham de democratas e que, durante os meses quentes da revolução, chegou a haver mais presos políticos em Caxias do que os que lá se encontravam no 25 de Abril.

    Gostar

  6. Buiça permalink
    20 Setembro, 2014 20:48

    Deve ter bebido.
    Para safar o Guarany e o Majestic pode sempre fazer-se sócio e ajudar a pagar as rendas.
    Até com o dinheiro da Camara, duvido que perca votos por isso.

    Gostar

  7. Jorge permalink
    20 Setembro, 2014 21:21

    O Rui Moreira nunca me enganou. Chegou ao município do Porto de braço dado com o PS e é com os socialistas que ele quer renovar o mandato. É só mais um a fazer política e carreira sacrificando os proprietários. Em Portugal, o direito de propriedade é apenas tolerado. Não é acarinhado. O Moreira é só mais um socialista a lixar quem investe neste desgraçado país de invejosos.

    Gostar

  8. tripeiro permalink
    20 Setembro, 2014 21:47

    O Rui Moreira tem razão. E quem discorda deve achar graça a tipos como os do PCP que nunca se enganam e vão sempre no mesmo caminho, sem se desviarem um centímetro, até ao precipício final.

    Gostar

  9. colono permalink
    20 Setembro, 2014 22:51

    Muitos prédios onde se encontram essas tais lojas emblemáticas, estão degradados ou em estado de ruina… Rui Moreira, devia intimar os lojistas que se a renda não fosse aumentada ( com justiça) a Câmara expropriava-as, para que os moradores pudessem viver condignamente.

    Gostar

  10. rui a. permalink*
    22 Setembro, 2014 01:27

    Excelente, João!

    Gostar

  11. Castrol permalink
    22 Setembro, 2014 10:37

    Se estão preocupados com o Guarany, esperem só quando o Senhor Rui Moreira for chamado a “ajudar” o FCP e o Estádio do Dragão! Aí sim é que vai ser uma conta taluda para os Contribuintes…

    Gostar

    • tripeiro permalink
      22 Setembro, 2014 20:08

      Os presidentes de câmara de lisboa também têm preferências clubísticas, mas isso não é motivo de repetida ênfase e desconfiaça, porque é que um presidente portista tem de levar sempre com este relambório?

      Gostar

  12. anti-comuna permalink
    22 Setembro, 2014 20:22

    Mais um Liberal de Pacotilha do Porto. Se fosse apenas essa ave rara que se arma em Liberal de Pacotilha…

    Há até quem admire o Pinochet, outro Liberal dos quatro costados e admirados por alguns Liberais do Porto. lol

    Gostar

Trackbacks

  1. Rui Moreira ameaça expropriar proprietários do Porto | O Insurgente

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: