Skip to content

Fantástico, não é?

3 Janeiro, 2018

A Escola Básica Delfim Santos, na freguesia de São Domingos de Benfica, em Lisboa decidiu encerrar às 15h45 por “questões de segurança dos alunos” devido ao jogo de futebol Benfica-Sporting, que se realiza às 21h30 no Estádio da Luz.
PUB

Numa informação colocada na escola, a direcção daquele estabelecimento de ensino refere que decidiu, por “questões de segurança dos alunos”, terminar as aulas às 15h45 na sequência de um comunicado da Polícia de Segurança Pública (PSP) que alerta para “o risco elevado” do jogo, “que motiva deslocações em massa de adeptos e fortes condicionamentos de trânsito”.

Anúncios
13 comentários leave one →
  1. Juromenha permalink
    3 Janeiro, 2018 22:31

    A Democracia Súcia é uma coisa muito bonita !
    Olha se ainda estivéssemos na negra e autoritária “noite fassista” – a cachopada tinha de “gramar” as aulas e , se calhar, nem dava pela futebolada.
    “Fado, Fátima e Futebol” ( mais ou menos por esta ordem), lembram-se?
    Ainda bem que hoje já não existe nada disso…

    Gostar

  2. José Domingos permalink
    3 Janeiro, 2018 22:53

    De facto, é vergonhoso que quarenta anos depois, os “democratas”, nos continuem a dar, Fátima, Fado e Futebol, como era na longa noite da tenebrosa ditadura.
    Tenho vergonha de assistir a estes números de circo.

    Gostar

  3. Arlindo da Costa permalink
    3 Janeiro, 2018 23:00

    Devemos respeitar os avisos da autoridade policial, né?

    Gostar

    • comendador permalink
      5 Janeiro, 2018 10:59

      Oh Arlindo você é um bocado fascista. Não o conheço mas pelo menos de emplastro faz bem

      Gostar

  4. Monti permalink
    3 Janeiro, 2018 23:50

    If I were a rich man…If I were a minister.
    Direcção da escola, dispensada.

    Gostar

  5. 4 Janeiro, 2018 01:06

    Muitas vezes deixei aqui este meu bitaite: o Estado está a contribuir para a involução cultural, social e intelectual dos jovens (desde a pré-primária…), porque não quer sensibilizar os meios de comunicação social para a grunhice que o futebol e futebolices impregna os cérebros. Estimula a violência, a falta de discernimento, o facilitismo, a sensatez, as não-prioridades para as suas vidas, a bovinização.
    Claro, a comunicação social e os partidos, todos eles, precisam deste omnipresente ambiente do futebol. Hoje, o “deputado da nação” Telmo Correia esteve entre as 15:00 e as 16:00 na TVI a debater o jogo e saíu-se com esta: “jogo que vai interessar nas fábricas, nas escolas”… Os trabalhos na ARepública que se lixem, né ?
    Patetice da PSP e da direcção da Escola. Às 15:45 nenhuma movimentação futeboleira colocava em perigo sequer as pessoas que estavam nas imediações do Estádio da Luz, e muito menos a segurança dos alunos da Delfim Santos. Num dia de semana e num jogo às 21:30, como aconteceu, os adeptos começam a concentrar-se sobretudo a partir das 19:00, as claques reunem os seus a partir das 18:00, com o pormenor de estarem X quilómetros distantes, a do SCP em Alvalade de onde partiu pelas 19:00 e a do SLBenfica obviamente na Luz.
    Mas enfim, “é o que há” num país que se pensa evoluído…

    Liked by 1 person

  6. 4 Janeiro, 2018 01:10

    Ah !, mais as overdoses de Fado e de Fátima, reality shows, galas, telenovelas, jet 3,5 pois claro, para este mimoso e apetecível ambiente tuga.

    E certamente a maioria dos pais, nada fazem para travar alienações…

    Liked by 1 person

    • licas permalink
      4 Janeiro, 2018 12:17

      Pondo de parte a “clubite” promovida pelos presidentes
      dos Clubes de Futebol para propaganda e proveito próprio
      ainad há um botão para desligar a TV (ou rádio)
      para quem não gosta, ao contrário de tantos outros cidadãos,
      do jogo. . .
      Quanto a Fátima, está quase extinta, o Fado morreu

      Gostar

      • 4 Janeiro, 2018 14:32

        licas,
        sobre as apetências por clubes, nada tenho contra.
        Um dos problemas é precisamente esse: desligar ou não uma TV quando a futebolice impera; o que fazem os pais para que os seus filhos não fiquem bovinizados, sem alternativas para o desenvolvimento intelectual e até social.
        Já reparou na quantidade de programas e de comentadores (jornalistas e outros incluindo deputados, claro) que mais parecem galinheiros, a vociferarem, a dizerem mentiras, a estimularem insensatez, a prejudicarem discernimento, a formatar raiva ?

        Não, Fátima não está extinta (também nada tenho contra a fé de pessoas), e quanto ao Fado (gosto da Amália, Marceneiro dois ou três do Carmo, Camané, Maurício), ei-lo pujante, com muitas e muitos fadistas sem nível.

        Gostar

  7. Procópio permalink
    4 Janeiro, 2018 11:11

    A geringonça jamais desenvolverá formas de educação que permitam aos tugas perceberem o que se passa no sítio. De resto a orientação gramcsiana já vem desde 1975 sem que ninguém se aperceba. A estupidificação é um trunfo para quem nos desgoverna e para os que gesticulam na central de negócios. Ingéneos seríamos se esperassemos algo diferente. Ainda não se sentiram beliscados por formas livres de informação como os blogs porque a expressão é mínima. O nº 1 de bolso cheio mandou o abrantes. A atitude do nº 2 pode ser mais incisiva. Nos países que fazem as delícias dos seus “compagnons de route” espaços desses há muito se fecharam. Temos alguma sorte por estar em terreno europeu, um impecilho para os que insistem diariamente na saída. Apesar da UE se ter tornado uma triste pepineira ainda permite estar aqui a perder o meu tempo conforme me apraz.

    Gostar

  8. Artista português permalink
    4 Janeiro, 2018 16:34

    Isto cheira a pressão do kamarada Nogueira, a pedido dos professores que queriam assistir ao jogo – burguêsmente – refastelados no sofá, em casa. Se fosse para irem ao estádio, aí
    os alunos tinham que gramar as aulas até ao fim do horário normal.

    Gostar

  9. carlos alberto ilharco permalink
    4 Janeiro, 2018 22:39

    Uma perfeita estupidez.
    O jogo foi às 21:30.
    Cerca das 19:00 encontrava-me na zona da escola e estava tudo mais do que calmo.
    A única agitação era bem mais lá para cima nas bifanas.
    Em tempo.
    Foi constituído arguido o comandante da força que abateu o assalta de Telheiras.
    Não percebeu porque não foi logo no mesmo dia.

    Gostar

  10. 4 Janeiro, 2018 23:14

    Com o 25 de Abril ouviu-se dizer que o fascismo era Futebol , Fátima e mais não sei quantos disparates , hoje o que se vê ?? A mesmíssima coisa mas com mais enfase
    são os canais todos da TV horas e horas a discutir não sei o quê , Há até uns indígenas que por la aparecem a dizer mal de tudo e de todos , há uns mails e não sei o quê , Na realidade e vendo as gravações é sempre a mesma realidade ,são os mais fortes a ganhar e os pequeninos a perder muito pelos árbitros que no todo são tendenciosos ou por cor clubista ou por outros motivos que dizem ser coisas do futebol , esquecem-se que as equipas hoje movimentam mais dinheiro que a maioria das Empresas Portuguesas .

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: