Saltar para o conteúdo

Óbvio

3 Janeiro, 2018

Os deputados do PCP votaram favoravelmente uma lei «absurda, antidemocrática e inconstitucional». É portanto a cara chapada de uma lei comunista.

Anúncios
13 comentários leave one →
  1. A. R permalink
    3 Janeiro, 2018 21:11

    Quando lhes cheira a dinheiro os comunas até a mãe, irmãos, pais ou filhos vendem em nome da causa

    Liked by 1 person

  2. 3 Janeiro, 2018 21:17

    arrematado,

    Gostar

  3. Juromenha permalink
    3 Janeiro, 2018 22:32

    Carneirada miserável.

    Gostar

  4. Arlindo da Costa permalink
    3 Janeiro, 2018 23:01

    E ao lado PCP votou o PSD…aplicando a lógica aristotélica, façam lá as contas 🙂

    Gostar

    • 3 Janeiro, 2018 23:49

      Portanto o PCP não é assim tão ruim como o pintam…
      Se até partidos de alto nível como o PSD às vezes votam com o PCP…

      Gostar

    • 4 Janeiro, 2018 09:11

      Das duas uma. Ou o Ar-lindo, está a dizer que o PSD é um verdadeiro partidoda esquerda revolucionária…..ou que….. o PCP é um partido “fássista” corrupto neoliberal reaccionário. Porque o PSD não votou ao lado do PCP (e outros). O PCP é que votou ao lado do PSD (e outros)

      Gostar

  5. Jose Sousa permalink
    4 Janeiro, 2018 00:16

    O PCP tem “português” no nome ( o que não acontece com qualquer outro partido nacional) porque era a “secção portuguesa” do partido comunista da União Soviética…Esta acabou mas o PCP manteve o nome….

    Gostar

  6. Artista português permalink
    4 Janeiro, 2018 16:28

    Só não se percebe a surpresa….. Nada mais dentro da lógica de um partido que – seguramente por ironia – até diz respeitar a democracia. No mínimo hilariante.

    Gostar

  7. comendador permalink
    4 Janeiro, 2018 19:11

    Partido comunista Português. é português porque antes cada país tinha o seu partido vanguardista para o mesmo fim . Agora dizem que o PC português é rico mas os militantes são pobres. O costume.

    Gostar

    • Jose Sousa permalink
      4 Janeiro, 2018 19:35

      O comendador esta redondamente enganado. Vê-se que tem muito pouco calo político e progressista.
      O que existia, ao tempo da União Soviética, era a Internacional Comunista, gerida em obediência ao principio do “centralismo democrático”, isto é, a partir de Moscovo.
      O PCP era a secção portuguesa dessa Internacional Comunista.

      Gostar

      • comendador permalink
        5 Janeiro, 2018 11:09

        Redondamente enganado não é o termo , mas acho que explicou melhor i.e. como profissional com calo e progressista Eu de comunismo percebo pouco.

        Gostar

      • Artista português permalink
        5 Janeiro, 2018 11:53

        Só esqueceram dizer que o PCP está-se nas tintas para os pobres militantes. O partido é hoje o representante da média burguesia assalariada: professores, médicos, pilotos, maquinistas (CP, Metro, etc) funcionários públicos e por aí fora. Na sua sofreguidão até estão dispostos a rebentar com a Auto-Europa. Isto, para além de serem grandes proprietários. Longe vão os tempos em que uma militante foi expulsa por ir ao ginásio e frequentar a Versalhes….

        Gostar

  8. Blitzkrieg permalink
    5 Janeiro, 2018 19:15

    Eis um PCP “neoliberal”, para usar a palavra que eles tanto gostam. Quanto toca à actividade deles, recusam a ingerência do Estado em interesses privados, escusam-se a pagar impostos, são a favor da iniciativa privada, recusam mesmo financiamento público, e vêm a autoridade tributária como abusiva.

    Até dá gosto – é de um anti-comunismo elementar. Só é uma pena que não sejam assim para tudo, mas enfim, teriam de deixar de ser comunistas.

    Frases do comunicado do PCP sobre a Lei do financiamento partidário:

    “…lei antidemocrática pois impõe limitações à liberdade de actuação (…) constitui um passo no sentido da consagração da ingerência do Estado na vida…”

    “…A lei (…) mantém por principal objectivo dificultar ou mesmo impedir a recolha de fundos assente na iniciativa própria…”

    “…subvenções estatais, que o PCP já propôs reduzir…”

    “…lei que continua a limitar a autonomia de financiamento dos Partidos face ao Estado…”

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: