Saltar para o conteúdo

Os Passos (necessários) de Coelho

26 Março, 2010

Se, de facto, Passos Coelho sair, esta noite, vencedor das “directas” do PSD (também aposto, a esta hora, na sua vitória), terá dois trabalhos hercúleos para impor a sua liderança e estabilizar, definitivamente, o partido.

Em primeiro lugar, não sendo deputado e não tendo “tropas” entre o actual grupo parlamentar do PSD, será um alvo  (líder) particularmente desprotegido nesse (hoje em dia) principal palco da política nacional. Isso poderá levá-lo a tentar precipitar eleições (sendo certo que a “janela temporal” de oportunidade para a respectiva marcação acabará antes do Verão e dependerá sempre de Cavaco que, como se sabe, não morre de amores por Passos Coelho!).

Ou seja, as poucas probabilidades de se dissolver a actual Assembleia da República (Cavaco tentará, sem dúvida, desgastá-lo em “lume brando”, através da fogueira de um grupo parlamentar  adverso), dificultarão a  primeira missão de Passos Coelho: extinguir os focos internos (e muito intensos) de contestação à sua liderança. Vide o exemplo histórico recente das “acarinhadas” lideranças do partido (Marques Mendes, Menezes)….

Em segundo lugar…

em segundo lugar, Passos Coelho (e o PSD) terão um concorrente externo de peso: Portas. O líder do CDS tem vindo a afirmar-se como a única oposição (a mais assertiva) à direita do PS e, com o balanço já adquirido, será (mais) difícil o PSD libertar-se da concorrência do CDS. Além disso (reforçando isso mesmo), a mudança de geração na liderança do PSD,  fará com que Portas seja, doravante, visto como o líder sénior da oposição, perante um recém chegado Passos Coelho.

Pelo que se ouve, agora, até Portas já conta anedotas a Cavaco que já não o vê como o garoto dos tempos do Independente, mas sim como parte da “mobília”  do sistema político-partidário (com a legitimidade que é outorgada a Portas pelo tempo que este  já passou como líder do CDS). Sistema político-partidário esse que Cavaco pretende ainda influenciar ou mesmo reger….

Anúncios
35 comentários leave one →
  1. Vergonha permalink
    26 Março, 2010 23:13

    Pois, infelizmente, eu «também aposto, a esta hora, na sua vitória», sendo certo que tanto Aguiar Branco como Rangel não são as melhores escolhas do PSD.
    Por exemplo, seria excelente que Marcelo Rebelo de Sousa se dispusesse a meter o Partido na ordem e começar a luta política a sétio.

    Vergonha

    Gostar

  2. 26 Março, 2010 23:19

    O Marcelo? Chiça, penico!!!

    Gostar

  3. anónimo permalink
    26 Março, 2010 23:21

    precipitar legislativas? perde as eleições e o lugar de presidente, que tanto trabalhinho deu.

    Gostar

  4. Rangel é o Vencedor! permalink
    26 Março, 2010 23:25

    O PPC pode estacionar o camião no Largo dos Ratos.

    Eles compram material em 2ª mão!

    Gostar

  5. anti-comuna permalink
    26 Março, 2010 23:26

    Nop, qualquer que seja o vencedor (eu aposto no castanheira das Neves) o que terá de fazer é reunir uma equipa e preparar uma programa de governo. Se em 15 dias o fizer, aí sim, pode depois pensar em lutar contra o desgoverno.

    E esse futuro líder tem que ter pelo 2 ou 3 bandeiras, sob a qual passa todo o seu discurso político.

    Depois é esperar que a crise nos mercados passe e tente desgastar o desgoverno, até que os próprio socialisdtas se convençam que até é melhor para eles, correr com o Pinócrates.

    anti-comuna

    Gostar

  6. RIP permalink
    26 Março, 2010 23:27

    PPC é uma nódoa,mas não conseguiria ser pior que o Vigarista,mesmo que quisesse.
    Assim como assim,dado que os rebanhos eleitorais vão seguir em maioria esses pastores,estamos fritos!

    Gostar

  7. anónimo permalink
    26 Março, 2010 23:29

    “E esse futuro líder tem que ter pelo 2 ou 3 bandeiras”

    o castanheira encomendou umas centenas para comemorar a derrota.

    Gostar

  8. Força Castanheira! permalink
    26 Março, 2010 23:30

    Eu aposto no Castanheira Barros.

    Dos quatro candidatos foi o mais credível, sincero e com ideias.

    Gostar

  9. anónimo permalink
    26 Março, 2010 23:32

    “PPC é uma nódoa,mas não conseguiria ser pior que o Vigarista”

    vigarista deve mais um nick do afilhado da velha, também conhecido por mãozinhas, penguím, javali ou mesmo rangelito.

    Gostar

  10. É o fim da macacada permalink
    26 Março, 2010 23:33

    Pois foi.Todos eles são muito sinceros.
    desde 74 que é só sinceridade.
    E o Marcelo é que era bom.Perguntem ao Portas…ehehehe!

    Gostar

  11. É o fim da macacada permalink
    26 Março, 2010 23:34

    O javali é o que ofereceu 3,5 milhões ao Benfica se fosse eleito para a Câmara.O que se servia das empresas épulicas para lavar as aldrabices.

    Gostar

  12. É o fim da macacada permalink
    26 Março, 2010 23:36

    “Armando Vara, vice-presidente do BCP com mandato suspenso, recebeu 520 mil euros em 2009 em função do cargo que ocupa no banco. Os números constam do acordo com o Relatório de Governo das Sociedades Cotadas hoje divulgado que apontam para 3,6 milhões de euros para pagamento das remunerações fixas da administração.
    Só Carlos Santos Ferreira, presidente do BCP, tem um salário anual superior, de 650 mil euros. Em terceiro lugar fica Paulo Macedo, antigo director-geral dos impostos, que aufere também 520 mil euros.”
    CM

    Paguem e não bufem.
    Os apaniguados do Vigarista estão-se a sacrificar para minorar a crise,tal como o aldrabão pediu aos cidadãos vítimas do súcialismo.

    Gostar

  13. anti-comuna permalink
    26 Março, 2010 23:40

    É isso! Castanheira Barros, coitado do homem. ehehhehheh

    E se ele comprou umas bandeiras, melhor ainda. os panos fazem jeito para lavar o carro. ahhahahah

    anti-comuna

    PM Tenho um dedo mindinho que me diz que a Ferreira Leite é que vai ganhar…

    Gostar

  14. Força Castanheira! permalink
    26 Março, 2010 23:40

    Esse DGCI destrui muita familia e muito negócio.

    Só não via era as manigâncias e os off-shores do BCP e daquele pessoal da Opus Day!

    Gostar

  15. É o fim da macacada permalink
    26 Março, 2010 23:45

    1. «Conversas em código» (link parcial do Sol)
    O Sol descreve o contexto deste alegado telefonema em código, a sua irrelevância determinada pelo procurador-geral da República e pelo presidente do Supremo Tribunal de Justiça que ainda terá dito que a gravação e indicação de passagens no relatório afecta nomeadamente «o direito fundamental à palavra e à audeterminação informacional». «Autodeterminação informacional» é realmente a chave deste caso do «plano governamental para o controlo dos meios de comunicação social».

    2. «O que disseram Sócrates e Vara» em 6 de Agosto de 2009
    Relativamente à alegada conversa de 6 de Agosto de 2010 entre Armando Vara e José Sócrates (alegadamente de férias em Menorca, nas Ilhas Baleares), com destaque para: «aqueles-exames-médicos que-eram-para-ser-feitos-no-dia-1, não-se-fizeram», «a clínica», «se-ele-percebeu-aquilo-que-ele-quis-dizer», «Tagus» e «o-que-é-que-aquilo-tem-a-ver-com-o-nome-que-ele-disse» e «foi-aquilo-que-se-pode-arranjar».

    3. «Temos dois anos para fazer dinheiro»
    Fica em evidência maior a frase: «Deixem-se de tretas porque a gente não tem muito tempo para ganhar dinheiro». Parece que eram dois anos…
    4. «O empresário que abre portas»
    Uma notável reportagem de José Manuel Moroso sobre o «grupo transmontano», a qual fica para a história, como aquela do independente sobre o «grupo da sueca». Não sei se este é o da bisca. Mas ao contrário do outro, os laços indicados são mais de local de nascimento e familiares: Sócrates, Vara, Barreira, Paiva Nunes (marido de uma prima de Sócrates) José Penedos, Mota Andrade, João Cordeiro (da ANF), além do esporádico Jorge Coelho. O jornalista indica ainda que o Dr. Antero Luís, director do SIS, é alegadamente «da mesma aldeia de Vara» e «seu primo». É assim que se percebe que Paiva Nunes é marido de uma prima de Sócrates. Note-se que laços de parentesco, de origem ou de convívio nada significam, por si, de suspeito.
    5. «PGR muda argumentos»
    Para negar a entrega dos seus despachos ao Parlamento, o procurador-geral já não fala na existência de escutas nos seus despachos, mas no argumento de que os seus despachos estão «interconectados» e ainda «interligados »com o processo face Oculta.
    DPP

    Gostar

  16. Herculano Belchior permalink
    26 Março, 2010 23:47

    Manuela Ferreira Leite ficará na História do PSD como a melhor presidente depois de Sá-Carneiro.

    Falou verdade, recuperou o prestígio do partido qye estava na lama desde que aquele gajo de Gaia tomou o poder; resistiu enérgicamente à besta do Sócrates e desmascarou-o por completo.

    Por que é que acham que os socretinos tinham tanto ódio e medo da Manuela Ferreira Leite?

    Se não fosse ela hoje o PSD já tinha entregue a sua declaração de cessação de actividade.

    Gostar

  17. anti-comuna permalink
    26 Março, 2010 23:56

    Estou totalmente de acordo consigo, caro belchior. Há coisas que eu não entendi nela, mas foi o melhor líder após… Cavaco.

    Até na coragem como ontem mostrou que ainda manda no partido e merece ser respeitada, por pensar no país.

    Mas, sinceramente, acho que o PSD não merece bons líderes. Nem o PSD nem nenhum partido português.

    anti-comuna

    PM Só uma nota importante: deixou o partido a subir nas sondagens e o PS em queda acelerada. O que é ainda mais interessante. Quem ganhar agora herda uma situação invejável.

    Gostar

  18. anti-comuna permalink
    26 Março, 2010 23:59

    Olhem como o Pinócrates sem maioria absoluta está em queda acelerada:

    “A imagem de José Sócrates segue em sentido contrário. As opiniões positivas sobre a actuação do primeiro-ministro sobem apenas uma décima, para 29,5 por cento, enquanto que a antipatia em relação a José Sócrates sobe de tom com as opiniões negativas a saltar um ponto percentual em relação ao mês passado, para 58 por cento.”

    In http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1529416

    Sorte de quem souber ganhar e souber apresentar um programa de governo que liberte Portugal deste traste de PM.

    anti-comuna

    Gostar

  19. anti-comuna permalink
    27 Março, 2010 00:01

    É impressão minha ou o CAA antecipou-se?

    Se contasse apenas Macau… ehehhehe

    anti-comuna

    Gostar

  20. anónimo permalink
    27 Março, 2010 00:03

    #17 – “Quem ganhar agora herda uma situação invejável.”

    “O PS trava a queda e consegue o apoio de 35,6 por cento dos inquiridos no barómetro da Marktest para a TSF e Económico de Março. O PSD desce ligeiramente.” tsf ontém

    António Costa, director do Diário Económico, destaca que a distância entre PS e PSD é quase a mesma que existir quando Ferreira Leite assumiu a liderança social-democrata.

    Gostar

  21. anti-comuna permalink
    27 Março, 2010 00:05

    Veja esta análise, que é boa:

    “Mas como aprendi que nas sondagens tão importante como os resultados é relevante verificar as tendências, fui ao site da Marktest confirmar os resultados dos últimos 6 meses. As evoluções são esclarecedoras.

    PS
    Outubro – 42.9 %
    Novembro – 41.7 %
    Dezembro – 41.1 %
    Janeiro – 40.5%
    Fevereiro – 35,9%
    Março – 35,6%

    PSD
    Outubro – 23.7%
    Novembro – 25.6%
    Dezembro – 27.4%
    Janeiro – 29.2%
    Fevereiro – 30.9 %
    Março – 30.8%

    Nos ultimos seis meses o barómetro da Marktest mostra uma subida acumulada do PSD de 7% e uma descida constante do PS que ultrapassa os 7%.”

    In http://cachimbodemagritte.blogspot.com/2010/03/como-os-jornalistas-noticiam-as.html

    Gostar

  22. Alfredo permalink
    27 Março, 2010 03:17

    Vontade não lhe faltará mas não será capaz de cortar o cordão umblical que liga o PSD a Cavaco.

    E enquanto não o fizer, Passos ou outro qualquer, jamais o PSD conseguirá ser um partido autónomo. Acompanhará Cavaco no seu estertor.

    Gostar

  23. 27 Março, 2010 06:59

    PPCoelho terá várias tarefas prementes:
    Não se deixar mais influenciar por lobbys; refutar novos passistas interesseiros; livrar-se de muita gente inócua que o tem acompanhado; resolver a nova direcção parlamentar; apoiar, ou não, a comissão de inquérito ao caso PT/TVI; manifestar apoio ou recusa à reeleição de Cavaco Silva; discutir com Sócrates as finanças, a economia, o país.

    Acresce, e não é de somenos importância: a eleição de Coelho agradou muitíssimo a Sócrates e ao PS !

    Gostar

  24. Morcão permalink
    27 Março, 2010 08:06

    PMF esqueceu o mais importante : PS e Sócrates…

    Com “comentaristas” destes não vão longe.

    Gostar

  25. 27 Março, 2010 10:39

    caro AC e MJRB,

    Alguem acredita que os lobbies lisboetas que vivem do fornecimento ao estado se vão de inibir de encontrar «consensos» com PPC ?

    Alguém acredita que PPC conseguirá ter força para resistir a esses lobbies ? Vejamos, ele é gestor de empresas da economia dos bens e serviços não transaccionáveis, por sinal um grupo associado ao BES… Ele até defende a manutenção do TGV…

    Inevitavelmente há inércia e estado de negação. Os militantes do PSD e demais eleitores ainda não perceberam/aceitaram o que MFLeite e Rangel tem andado a dizer. Ainda julgam que o esta crise é passageira, que os modelos económicos e sociais podem ser reciclados.

    Só quando FMI chegar cá é que o povo vai perceber…

    Sócrates não tem medo de PPC porque sabe que é uma réplica sua, subordinada aos mesmos interesses. Portanto, os lobbies terão poucos incentivos a correr com Sócrates, porque basicamente Sócrates garante o mesmo tráfico que PPC garantirá.

    Gostar

  26. 27 Março, 2010 10:55

    Mr. e caro José Silva,

    PPCoelho será o líder ideal do PSD, PARA QUE TUDO –PRATICAMENTE TUDO !– FIQUE NA MESMA: relações com o PS e com Sócrates, com a banca, com os mega-interesses empresariais e judiciais, com a bancada parlamentar do PS, etc, etc, etc.

    Sócrates “mete no bolso” PPC. Mais uns meses, e estará serenado…

    (Sócrates é um indivíduo com bastante “sorte”. Também é certo que a procura, e o caso mais recente foi o ‘flirt’ mediático com PPCoelho, retribuído. Vide recentes declarações deste sobre o caso Freeport, sobre justiça, sobre o PEC, etc).

    Nada tenho a ver com o PSD e com os militantes, mas porra: preteriram o único candidato que poderia fazer frente a Sócrates e ao PS, e escolheram um político-silicone…

    Gostar

  27. 27 Março, 2010 10:58

    Adenda a 26,

    primeiro parágrafo, “para que tudo fique na mesma na esfera do governo e do PS”.

    Gostar

  28. 27 Março, 2010 11:15

    Parece que há agora uma nova disciplina:
    Ensinar os passos ao Passos.

    Gostar

  29. DSC permalink
    27 Março, 2010 13:25

    MJRB,

    Mesmo não se gostando do sócrates tem de se começar a evidenciar o facto de ele ser um estratega superior. Conseguiu meter os dois pés no maior banco comercial privado, tentou (e há-de lá chegar) o controlo da “má-imprensa” e, cereja no topo do bolo, conseguiu meter o corpo todo no único partido com hipóteses de ser governo. Não é para qualquer um, de facto.

    Gostar

  30. 27 Março, 2010 13:44

    DSC 29,

    Sócrates não é um estratega “superior”. Sócrates concorda, ou não, com alguém que lhe propõe, delineia e executa estratégias.

    E o país “anda nisto”, e as pessoas vão atrás de normalidades…
    Sócrates tem governado com a comunicação social, comentadores, etc, subservientes.

    Ainda quanto a PPC, ao fútil PPC, não aguentaria 12 meses como líder do PSD se quatro ou cinco militantes com acesso aos media o começassem a desgastar a partir de amanhã… Aliás, tal como ele e LFMenezes fizeram a MFLeite e a LMarques Mendes — só que estes, completaram o mandato.

    Gostar

  31. anónimo permalink
    28 Março, 2010 02:03

    Entre os passos os Passos (necessários) de Coelho está a luta para encontrar a cura para a mixomatose…

    Gostar

  32. anónimo permalink
    28 Março, 2010 02:05

    Saiu Passos duas vezez e até está certo porque o homem tem que dar mesmo muito passos e a correr…

    Gostar

  33. Vergonha permalink
    28 Março, 2010 05:29

    Não se consegue compreender para que serve a bandeira portuguesa verde e encarnada – ou verde-rubra, como alguns dizem. Se calhar é para fazer o mesmo que o Mário Soares fez em Inglaterra que ando aos saltos em cima dela.
    Outro serviço seria utilizá-la em vez do papel higiénico que está tão caro que ninguém o pode conprar e, portanto, limpar o cu à bandeira.
    Cem anos de ditaduras e assassínios… Bahhh
    Vamos lá a pôr a nossa Badeira Bem Portuguesa, azul e branca com a coroa real a encimar o escudo verdadeiro de 900 a que já tiraram 100 quando os socialistas mataram El-Rei e um seu filho.

    Vergonha

    Gostar

    • 28 Março, 2010 08:32

      “Não se consegue compreender para que serve a bandeira portuguesa verde e encarnada – ou verde-rubra, como alguns dizem. Se calhar é para fazer o mesmo que o Mário Soares fez em Inglaterra que ando aos saltos em cima dela.”

      São as cores do Sporting e do Benfica. A história do Mário Soares é inventada.

      Gostar

Trackbacks

  1. O Que Fazer Com Um Blog?

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: