Saltar para o conteúdo

Leram “O Quinto Filho”?

9 Agosto, 2011
59 comentários leave one →
  1. Eduardo Morais permalink
    9 Agosto, 2011 17:06

    Criminosos e cobardes.

    Gostar

  2. joao manuel permalink
    9 Agosto, 2011 17:21

    A CULPA é dos conservadores que estão a cortar nos subsidios aos meninos, crianças e jovens como os que se vêem no video…….adorava ser de esquerda esquerdalha para compreender de modo tão perfeito a natureza humana.

    Gostar

  3. Arlindo da Costa permalink
    9 Agosto, 2011 17:53

    A fleumática Inglaterra está a ferro e fogo.
    É o que faz esconder o lixo para debaixo do tapete…
    Há dinheiro para os cremes da Duquesa da Cornualha, mas não há dinheiro para a escumalha que vive na cintura multicultural de Londres!

    Gostar

  4. asCéptico permalink
    9 Agosto, 2011 18:15

    Quando já não podem roubar o estado por ter secado a teta, roubam o cidadão comum. Ah! rapazes corajosos!

    Gostar

  5. Arlindo da Costa permalink
    9 Agosto, 2011 18:23

    Ainda há pouco o doido e despenteado Mayor de Londres, um Boris qualquer coisa, apareceu e disse umas lapalissadas sobre esta guerra civil em Londres.
    O gajo devia olhar para a cidade no lugar de andar a pavonear-se em casinos, hipódromos e casas de má fama.
    É o que faz entregar uma das cidades maiores da Europa a um grunho!

    Gostar

  6. certo permalink
    9 Agosto, 2011 19:02

    Entretanto, a polícia britânica poderá usar balas de borracha…
    E os gandulos é que não vão em imitações, incendeiam com fogo verdadeiro, roubam, partem e pilham, sem nenhum figimento, senhores, tudo muito a sério.
    Mas como é que essa malta vai aos tiros para o Iraque, o Afganistão e a Líbia, ensinar os bons costumes aos outros, se não os sabem implementar em sua casa?
    Ai, não lhes faz a vosmecês assim igual espécie de incompreensão atolada?

    Gostar

  7. 9 Agosto, 2011 19:04

    Mas como é que essa malta vai aos tiros para o Iraque, o Afganistão e a Líbia, ensinar os bons costumes aos outros, se não os sabem implementar em sua casa?
    Porque há mais iraquianos, afegãoes e líbios em London do que nos próprios países.

    Gostar

  8. certo permalink
    9 Agosto, 2011 19:13

    “Porque há mais iraquianos, afegãos e líbios em London do que nos próprios países.”

    E ora então lá os enxotem para longe, não queiram mão-de-obra barata sem custo e as consequências que aí se estão a mostrar.

    Gostar

  9. JCardoso permalink
    9 Agosto, 2011 19:27

    Nas Falklands entraram a matar, aqui estão a deixar destruir o seu próprio país, com aquela polícia a fugir deles. A Europa tem este barril de pólvora pronto a explodir e o mais caricato é que ninguém está preparado para conter isto, porque teimam em fechar os olhos e julgam que tudo cabe neste continente europeu.

    Gostar

  10. A. C. da Silveira permalink
    9 Agosto, 2011 19:35

    Estes rapazinhos que estão a destruir o país que os acolheu e sustenta, depois de detidos e identificados, deviam ser metidos num barquinho e enviados para donde vieram, eles ou os pais. Mesmo que tenham nascido em Inglaterra.
    No domingo vi na tv uns senhores justificarem esta selvejaria com a falta de informação da policia em relação à morte da pessoa que originou este imbroglio. A policia é parca em informação e eles desatam a roubar e a destruir o que não lhes pertence?
    Claro que a esquerda apoia estes “incompreendidos”.

    Gostar

  11. Kafka permalink
    9 Agosto, 2011 19:56

    Primeiro Ministro Kevin Rudd – Australia
    Se você quer mudar residência para outro país e se integrar ali, …BEM-VINDO, mas se você quer mudar qualquer coisa naquele país em que deseja viver… TCHAU, vá-se embora… ADEUS.

    Foi dito na quarta-feira aos muçulmanos que querem viver debaixo da lei islâmica Sharia para saírem da Austrália, agora que o governo está de mira nos radicais, numa tentativa de desviar ataques terroristas potenciais.

    Separadamente, Rudd enfureceu alguns muçulmanos australianos na quarta-feira dizendo que ele apoiava agências de espionagem que monitoram as mesquitas da nação. Citação:

    ‘IMIGRANTES, E NÃO, OS AUSTRALIANOS, TÊM QUE SE ADAPTAR . SE NÃO ACEITAREM, VÃO EMBORA. Estou cansado desta nação que se preocupa sobre se estamos ofendendo algum indivíduo ou a sua cultura. Desde os ataques terroristas em Bali , experimentamos uma onda de patriotismo sobre a maioria dos australianos.’

    ‘Esta nossa cultura foi desenvolvida através de dois séculos de lutas, experiências e vitórias por milhões de homens e mulheres que buscaram liberdade.’

    ‘Falamos principalmente o INGLÊS, não espanhol, libanês, árabe, chinês, japonês, russo ou qualquer outro idioma. Então, se você desejar se tornar parte de nossa sociedade, aprenda o idioma!’

    ‘A maioria dos australianos crê em Deus. Não se trata de um movimento direitista político, mas um fato, porque homens e mulheres cristãos fundaram esta nação em princípios cristãos, e isto está claramente documentado. É certamente apropriado exibir isto nas paredes de nossas escolas. Se Deus o ofender, então sugiro que você considere outra parte do mundo como seu novo lar, porque Deus faz parte de nossa cultura.’

    ‘Aceitaremos suas convicções e não questionaremos por que. Tudo que pedimos é que você aceite as nossas, e que viva em harmonia e desfruto pacífico connosco.’

    ‘Este é NOSSO PAÍS, NOSSA TERRA e NOSSO ESTILO DE VIDA e nós lhe permitiremos toda oportunidade para desfrutar tudo isso. Mas uma vez que você acabe de reclamar, lamentar e se queixar sobre Nossa Bandeira, Nosso Penhor, Nossas Convicções Cristãs ou Nosso Modo de Vida, eu recomendo fortemente que você tire proveito de uma outra grande liberdade do australiano, ‘O DIREITO de IR EMBORA.”

    ‘Se você não está então contente aqui PARTA. Não o forçamos a vir aqui. Você pediu para estar aqui. Assim aceite o país que VOCÊ aceitou.’

    Gostar

  12. António permalink
    9 Agosto, 2011 20:04

    A estrema-esquerda é uma maravilha a justificar violência com os culpados a serem os outros e não quem a faz… Começa no povo que agride quem é imigrante e trabalha, e acaba no estado no estalinismo e maoismo…

    Gostar

  13. Portela Menos 1 permalink
    9 Agosto, 2011 20:33

    http://arrastao.org/2322336.html#comentarios
    .

    Gostar

  14. Grunho permalink
    9 Agosto, 2011 20:37

    Boa ideia, A. C. da Silveira
    Podem expulsar a rainha de Inglaterra para França, de onde veio o seu antepassado Guilherme de Orange.

    Gostar

  15. Fincapé permalink
    9 Agosto, 2011 20:45

    A direita ainda tinha alguns valores aceitáveis, como a manutenção da ordem perante a criminalidade hedionda e violenta. Agora, já nem isso. Até dá dó ver polícias a recuar acagaçados com meia dúzia de badamecos incendiários. Vê-se um deles, caído e a espernear, conseguir afastar meia dúzia de agentes. Aquele Cameron, veio de férias para dizer asneiras. “Se têm idade para cometer crimes, também têm idade para ser responsabilizados”, disse. Não saberá que há leis que ele ajudou a aprovar? Não saberá que não é agora que ele pode alterar leis para castigar os criminosos violentos, apesar de terem 10 ou 12 anos? A polícia trabalha com a comunidade, dizia a senhora Ministra. Que noção a senhora tem de comunidade! Mas se fosse cá ainda mandavam prender aqueles que gravassem os bandidos sem autorização.

    Gostar

  16. Pi-Erre permalink
    9 Agosto, 2011 20:56

    Cada país tem os distúrbios que merece.

    Gostar

  17. 9 Agosto, 2011 21:01

    covardes, e possuem direitos autorais caso fossem presos, irônico….

    Gostar

  18. Arlindo da Costa permalink
    9 Agosto, 2011 21:01

    O que está a acontecer em Londres, como já tinha acontecido em Paris e em Roma, é em grande parte devido às politicas de exploração vigentes na Europa.
    Não é segredo para ninguém que a imigração ilegal é patrocinada e acarinhada pelos grandes grupos económicos europeus, pois através desta, fazem baixar os custos unitários de trabalho e desvalorizam o trabalho dos «indígenas» europeus e põe os sindicatos em transe.
    A ganância do capitalismo europeu e a irresponsabilidade de Bruxelas e dos governos nacionais europeus (quase todos de direita!) vão colocar a Europa em guerra civil.
    É preciso varrer da Europa esta direita para que possamos salvar a Europa e os Europeus dos bárbaros e dos vândalos!

    Gostar

  19. Jose António permalink
    9 Agosto, 2011 21:19

    Os vândalos eram um povo europeu.

    Gostar

  20. 9 Agosto, 2011 21:24

    Farto-me de rir com estes comentários sobre os coitadinhos que pobrezinhos apenas podem ter um Blackberry.

    Gostar

  21. Rui Silva permalink
    9 Agosto, 2011 21:32

    É o problema da esquerda e da direita… a superioridade moral sem fundamento nenhum.

    Gostar

  22. J.J.Pereira permalink
    9 Agosto, 2011 21:40

    Como a coisa é , largamente , “cromática”, lá vão mais uns votozitos para o BNP…
    Imperdível , a visão dos “bobs” a fugirem frente aos “gangs”.
    Se os Alemãres tivessem aguardado duas gerações , a invasão de Inglaterra teria sido um facto consumado…
    E as pias intenções governamentais (lip service no seu melhor) , aterrorizando os pobres e indefesos petizes com os” ferozes” tribunais britânicos…

    Gostar

  23. francisco domingues permalink
    9 Agosto, 2011 21:47

    BRAVO LENA TENS A CORAGEM DE DIZER O QUE A MAIORIA PENSA MAS NÃO SE ATREVE

    Gostar

  24. Francisco Colaço permalink
    9 Agosto, 2011 21:50

    José António,
    .
    Os Vãndalos foram um povo da região do leste da Germania que entraram no Império Romano, sendo sempre puxados para Sul. Estabeleceram-se por curto tempo na Galiza e desceram até onde vivo hoje, perto da Covilhã. Quando os Visigodos invadiram a península, estes derrotaram os Alanos, com quem os vândalos estavam aliados. Os vândalos que restaram atravessaram o Estreito de Gibraltar e estabeleceram-se na região de Cartago Nova, hoje Tunísia.
    .
    Os vândalos não eram especialmente violentos (aliás, como mostra o saque de Roma, nem eram violentos). Eram cristãos arianos, e isso bastou para que a história desse deles má imagem. Os cristãos trinitários (Católicos e Donatários) nunca lhes perdoaram o cerco de Hippo Regius, onde Santo Agostinho acabou por morrer, nem o saque de Roma. Nesta última cidade, Genserico deu ordem aos seus soldados de não molestar a população nem violar mulheres. Nada também no Norte de África mostra que as crónicas que dão tanto mau nome aos vândalos são verdadeiras ou, ao menos, substanciadas.
    .
    Mas em Roma venceu a fé católica contra a heresia ariana e a donatária e a nestoriana e as outras heresias do tempo. E a história não se escreve por impérios derrotados.
    .
    Tomáramos nós que estivéssemos ameaçados por verdadeiros vândalos, não por facínoras com ordem para nos cortar as gargantas ou taxar como súbditos até à conversão. (leiam o Corão, está tudo lá) Por enquanto, parem de falar mal dos vândalos: há quem diga que Al-Andalus vem de Al-Wandals.

    Gostar

  25. Francisco Colaço permalink
    9 Agosto, 2011 21:56

    J. J. Pereira,
    .
    Nestes dias, o pior inimigo é o que vem de dentro.

    Gostar

  26. Arlindo da Costa permalink
    9 Agosto, 2011 22:06

    Os próprios ingleses são uns bárbaros e vândalos.
    Só que usam chapéu de côco….

    Gostar

  27. Carlos Dias permalink
    9 Agosto, 2011 22:10

    Sábado viu-se na televisão uma rixa num bairro de Lisboa em que três jovens facebookianos foram parar ao hospital.
    Quando a polícia foi chamada a intervir esses jovens indefesos e suas respectivas famílias viraram-se contra a polícia e esfaquearam um deles.
    As várias televisões apresentaram (como é lógico) as queixas dos amigos dos rapazes e de suas famílias.
    Mostraram os cartuchos das balas de borracha da polícia, embora se tenham esquecido de mostrar as facas ensanguentadas dos agressores.
    Mensagem final: a polícia foi ao bairro incomodar a comunidade.
    Depois não se queixem que a televisão vai ter mais motivos para encher os telejornais.

    Gostar

  28. Arlindo da Costa permalink
    9 Agosto, 2011 22:16

    Atenção ricos de Portugal: construí muros bem altos à volta dos vossos palácios e resorts.
    Estais cercados.
    Distribui pela populaça faminta os impostos que andastes a roubar nestes últimos trinta anos!

    Gostar

  29. Carlos Dias permalink
    9 Agosto, 2011 22:23

    “Atenção ricos de Portugal: construí muros bem altos à volta dos vossos palácios e resorts.
    Estais cercados.”
    Se for como em Inglaterra quem está tramado são os pequenos comerciantes das zonas pobres (e respectivos vizinhos).
    Quer dizer, não tenho a certeza mas pelo que vi até agora as lojas de Oxford Street não foram atingidas.
    Graças a Deus 😉

    Gostar

  30. Carlos Dias permalink
    9 Agosto, 2011 22:24

    Mas o Arlindo é que a sabe toda.
    Ele e o Sócrates.

    Gostar

  31. 9 Agosto, 2011 22:24

    Com algumas excepções, a caixa de comentários deste blogue é a mais reles que eu já vi. Razão tinha o Pacheco Pereira há uns cinco anos atrás…

    Gostar

  32. Carlos Dias permalink
    9 Agosto, 2011 22:27

    “Distribui pela populaça faminta os impostos que andastes a roubar nestes últimos trinta anos!”
    Exceptuando os anos dos governos PS, claro.
    🙂
    PS. Andastes é do verbo Andartes

    Gostar

  33. asCéptico permalink
    9 Agosto, 2011 22:36

    Isto é uma situação de guerra. Ponham atiradores do exéscito nas varandas de cada rua e atirem a matar a todos os vândalos que destruam propriedade pública ou privada

    Gostar

  34. lucklucky permalink
    9 Agosto, 2011 22:59

    “os impostos que andastes a roubar nestes últimos trinta anos!”
    O pateta Arlindo a criticar o Soci@lismo? 50% da dívida publica da Democracia foi criada pelo teu amigo Sócrates.

    Gostar

  35. Leme permalink
    9 Agosto, 2011 23:13

    A malta em Londres nem dá por isso senão for mesmo alí ao lado. Não se esqueçam de que Londres tem mais de vinte milhões de habitantes dos quais só metade é inglesa. O resto, na sua maioria, é a rasquice de outros países, entre os quais, como é evidente, tugas para limpar os sapatos à malta, em especial, nos hotéis. Também há muitos tugas mecânicos e bate-chapes.
    Se isto acontecer num bairro mais pequeno, como Croyden, os locais encontram situações dessas com mais facilidade mas muita gente nem se apercebe.
    Em Londres, Portugal cabe duas vezes e ainda caberia lá mais.

    Gostar

  36. observador permalink
    9 Agosto, 2011 23:23

    Mas a mão-de-obra importada não rendeu bons dividendos? SIMQ!

    E agora pagamos todos (os do costume, claro) a conta.

    Viva pois o Mercado!

    Gostar

  37. 9 Agosto, 2011 23:35

    sei lá , esta sociedade de adubos e fertilizantes e conservantes para saltar ou eludir etapas naturais só podia dar coisas podres por dentro.

    Gostar

  38. dragao azul permalink
    9 Agosto, 2011 23:35

    Então não se vê que isto são só marginalizados da sociedade. Pobres excluídos, sem perspectivas de trabalho, sem educação, sem apoios, que em desespero roubam porcos capitalistas, como donos de mercearias, de lojas de electrodomésticos, bares, etc… Tudo grandes exploradores dos oprimidos, como é sabido. E certamente que este fedelho só foi roubado porque pertence a alguma elite. É bem feito….

    Gostar

  39. Arlindo da Costa permalink
    9 Agosto, 2011 23:45

    Toda a gente sabe que a Europa está cheia de imigrantes (muitos deles ilegais) vindos de África, Ásia e Médio Oriente, por que isso tem sido bom para os governos e grandes empresas da Europa.
    Até a própria classe média inglesa, francesa ou alemã, quer uma criada africana, turca ou afegã!
    A imigração ilegal e toda essa merda do «multiculturalismo» tem sido o «santo graal» dos capitalistas europeus.
    Com isto, o operariado e os trabalhadores europeus vêm os seus salários congelados e as suas regalias revogados.
    Esta Europa governada pelo directório de Bruxelas e pwelos governos corruptos de Paris, Londres e Roma ( e que todos os anos importam imigrantes às toneladas) estão a dar cabo da paz social na Europa.
    De que é que estavam à espera?
    Que os filhos dos imigrantes fossem para um jardim zoológico ou para um parque temático?

    Gostar

  40. J.J.Pereira permalink
    9 Agosto, 2011 23:47

    Leme,
    Os “tumultos” como, pùdicamente, o telelixo e as folhas de couve cá da paróquia se referem ao que se está a passar em Inglaterra, já extravasarm para Bristol, Liverpool, Manchester.
    E vamos ver se o alegado “copycat” se fica por aí.
    PS Que estranho silêncio se abateu sobre um certo país Nórdico, produtor de bacalhau…

    Gostar

  41. Portela Menos 1 permalink
    10 Agosto, 2011 00:08

    lucklucky , Posted 9 Agosto, 2011 at 22:59 |
    .
    Luck continua a insistir em chamar socialista ao partido que mais fez pelo patronato, banqueiros e ladrões de bancos; é uma opinião mas, vale o vale: zero.

    Gostar

  42. 10 Agosto, 2011 00:08

    Entretanto, no blogue dos socretinos órfãos, eis o que preocupa a cabecinha tonta da inconfundível “F”: http://jugular.blogs.sapo.pt/2799415.html.
    Uns posts antes, o ex assessor socretino Hugo Mendes, Miguel Abrantes para os inimigos, descobria a pólvora neste comentário a um post que ele próprio expeliu: “Ainda vai a tempo de descobrir uma das verdades elementares das sociedades contemporâneas: que a paz social se compra.” Eis o link: http://jugular.blogs.sapo.pt/2797101.html#comentarios
    Portanto, vândalos portugueses, podeis sair à rua e espatifar os minimercados que encontrarem pelo caminho: os camaradas Fernanda Câncio e Hugo (Miguel Abrantes) Mendes estarão convosco.

    Gostar

  43. Arlindo da Costa permalink
    10 Agosto, 2011 00:12

    Os vândalos portugueses que não se esqueçam de espatifar as mercearias do Belarmino e do Alex, esses antros de mercadoria importada (e sem gosto!) com euros que não temos!

    Gostar

  44. confrade permalink
    10 Agosto, 2011 00:34

    Desculpem lá os donos do Blasfémias, são uns filhos da puta que roubam o rapaz. Tudo o mais que se se diga não interessa, é areia para os olhos.

    Gostar

  45. Portela Menos 1 permalink
    10 Agosto, 2011 00:40

    fdp? isso é que era bom! para a sra Helena são uns perigosos bolcheviques 🙂

    Gostar

  46. 10 Agosto, 2011 01:00

    Olhe que nem parecem tão cromáticos (como alguém dizia) como tudo isso

    Gostar

  47. 10 Agosto, 2011 01:39

    olha o Miguel do mito dos trovões aquecimento. castigo divino : parece que desde que a actividade industrial abrandou e os carros andam menos e os mil e um motores deixaram de emitir tanto calor e a gente poupa electricidade pq a conta da edp é proibitiva que o clima se mostrou como está : frio. naturalíssima mini idade do gelo , como os não alinhados com “as indústrias verdes” dos que querem vender paineis solares vidros duplos motores xpto e demais mariquices caras , defendem . não acha estranho que o clima tenha arrefecido ipso facto com a crise dos “motores”?

    Gostar

  48. lucklucky permalink
    10 Agosto, 2011 01:41

    “fdp? isso é que era bom! para a sra Helena são uns perigosos bolcheviques :-)”
    .
    Quem os criou foi entre outros os perigosos bolcheviques. Isso não há dúvidas.
    As Esquerdas, mais a Direita Parva que acredita que há culpados que não os próprios.

    Gostar

  49. certo permalink
    10 Agosto, 2011 02:09

    Eu li
    http://www.bbc.co.uk/news/uk-14458424

    Gostar

  50. 10 Agosto, 2011 09:13

    O Arlindo tem razão.
    Nas imagens é perfeitamente claro que são hordas nuas e famintas, saqueando lojas para vestirem os seus corpos andrajosos e saciarem a subnutrição. Pertecem a raças setentrionais, que se alimentam a telemóveis de última geração e ténis de marca, a julgar pelos alvos das pilhagens.

    Você anda medicado Arlindo? Se não, escreva contacto do dealer, que eu quero provar isso que anda a tomar.
    Muito obrigado.

    Gostar

  51. 10 Agosto, 2011 09:41

    Mas afinal o que é que roubaram ao miúdo?
    Aposto em como foi uma Samsung GALAXY Tab 10.1!

    Gostar

  52. 10 Agosto, 2011 10:39

    Piscoiso: um kit de sobrevivência da ONU, de leite condensado e barras energéticas.
    Como muita gente se apressou a notar – e apesar do colorido geral das hostes – há negritos por ali. Logo, é o falhanço do “multiculturalismo”, do “ultraliberalismo”, de certa “esquerda”, de certa “direita”. Não há pachorra.

    Ninguém fala do falhanço da Educação. Ali estão os resultados do “eduquês” e do advento da neo-pedagogia, que no caso inglês até faz de padrão para certa Europa. Espoliou-se a educação da componente comportamental e ética, por antiquada e condicionante do natural crescimento dos petizes. A única coisa impedindo as pessoas de se juntarem e partirem tudo, ou me assaltarem a casa, não são as simples fechaduras. É a educação que receberam. Se essa parte for eliminada – como foi – criamos bárbaros modernos. Os exemplos de crueldade e barbárie sucedem-se nas escolas e ruas, mas estes de Londres tiveram um elemento aglutinador, gerando uma onda de estupefacção hipócrita. Hipócrita, porque esconde a vergonha da realidade: estes são os nossos filhos.

    Gostar

  53. confrade permalink
    10 Agosto, 2011 12:18

    Para o miúdo não há nada a fazer, para o gatuno que tem este a perder? Uma noite na esquadra? Uma multa? Amanha fará o mesmo, isto não vai acabar bem.

    Gostar

  54. tric permalink
    10 Agosto, 2011 13:20

    Que raio de policia é aquela? que modelo social produz uma policia como aquela, que chamar aquilo de policia é um abuso de linguagem

    Gostar

  55. Arlindo da Costa permalink
    10 Agosto, 2011 15:27

    O que roubaram ao miúdo?
    Penso que foi o caderno de apontamentos de matemética.
    Pelo menos o papel que aparece no vídeo é quadriculado.

    Gostar

  56. Leme permalink
    10 Agosto, 2011 16:47

    O quadriculado é para se habituar às grades da prisão.

    Gostar

  57. Ana permalink
    10 Agosto, 2011 19:10

    Li! Há uns anos atrás. De Doris Lessing. Livro fantástico. Mas os “rioters” em Inglaterra não são todos Ben.

    Gostar

  58. Tiradentes permalink
    11 Agosto, 2011 11:47

    Coitadinhos dos pobrezinhos emigrantes trazidos à força pelo capitalismo.
    A maior parte destes vandalos são já a segunda geração de emirantes que viveram à pala da segurança social reproduzindo-se dez por familia aos 10 com os impostos dos outros (os “fascistas conservadores” cortaram os subsídios) e que se acham no direito de vestir roupas e calçado desportivo só de marca, ter IPhones IPad Tablets de última geração .
    É bem feito sobretudo aos ingleses, mas com jeitinho a moda pega no resto da europa, que isto aconteça.
    Eles que usurpem as casas dos arlindos e o mandem cavar batatas. Todos os arlindos terão o que merecem.
    Capitalismo capaitalismo só na China, aqui há é arlindismo que se resume a sonhar com coisas passadas do século passado e que ainda não reparou que o tal de capitalismo se mudou para outras bandas.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: