Saltar para o conteúdo

O bastonário sindicalista

24 Julho, 2012
by

O senhor doutor que se enganou e concorreu a bastonário da Ordem dos Médicos em vez de concorrer a presidente de um dos sindicatos acha que quando há médicos a cometer ilegalidade a culpa não é dos médicos que violam a lei, é antes dos “ministros neoliberais”. Não tarde nada e está como Mário Soares, a sugerir que os neoliberais sejam julgados no Tribunal Penal Internacional de Haia por crimes contra a humanidade.

41 comentários leave one →
  1. the lost horizon permalink
    24 Julho, 2012 18:53

    Quem viola a lei é o chefe dos neoliberais; o grande lixador.
    .

    Gostar

  2. 24 Julho, 2012 19:11

    Esta é uma curiosa versão do argumento de Nuremberga. Não fui eu o culpado; deram-me a ocasião e eu aproveitei. É triste ver em tal posição pessoa que nem competências argumentativas honestas demonstra. Será que a honestidade intelectual já não se usa?

    Gostar

  3. A. R permalink
    24 Julho, 2012 20:05

    Também ouvi. Aquilo já parece a ordem dos candongueiro e fandangueiros.

    Gostar

  4. licas permalink
    24 Julho, 2012 20:11

    __________diria antes: do *baile mandado* . . .

    Gostar

  5. Xico das Nêsperas permalink
    24 Julho, 2012 20:11

    A ver pelos exemplos e no que respeita a bestonários, este país está bem servido.

    Gostar

  6. Trinta e três permalink
    24 Julho, 2012 20:11

    Culpados, são. Mas fica por explicar como é que a marosca não foi descoberta por quem os contratou. Ou houve aqui uma simples “lógica de mercado”?

    Gostar

  7. licas permalink
    24 Julho, 2012 20:37

    . . . Apenas quatro em cada 10 entidades analisadas indicaram que controlavam todos os impedimentos previstos na legislação que regula a contratação de médicos por prestação de serviço.
    ___________
    Isto diz TUDO.

    Gostar

  8. José Manuel Moreira permalink
    24 Julho, 2012 21:22

    Ao 33 faltam muitos números, daí ainda não ter chegado ainda a perceber a diferença entre a lógica do livre mercado e a do mercado político…jmm

    Gostar

  9. José Manuel Moreira permalink
    24 Julho, 2012 21:24

    Ao 33 faltam muitos números, daí não ter chegado ainda a perceber a diferença entre a lógica do livre mercado e a do sempre muito regulado mercado político…jmm

    Gostar

  10. Trinta e três permalink
    24 Julho, 2012 21:29

    JMM:
    Como dizia o outro, “olhe que não”… Imaginemos que esses médicos são cristianos ronaldos da medicina. Imaginemos que, para os contratar, os valores são superiores ao admissível. Mas o risco que eu corro com a contratação é inferior ao que eles me dão a ganhar. Percebeu agora?

    Gostar

  11. José Manuel Moreira permalink
    24 Julho, 2012 21:40

    Bem me parecia que a “coisa” para ser compreendida precisava de misturar, além de economia e política, também futebol…jmm

    Gostar

  12. 24 Julho, 2012 21:44

    Ministros neoliberais? Em que país? Inicialmente julguei que ele falava de Portugal, mas assim…

    Gostar

  13. A. R permalink
    24 Julho, 2012 21:56

    Já percebemos a razão de não haver dinheiro para pagar aos enfermeiros. Já agora quanto recebem os médicos cubanos? Suspeito que estejam a trabalhar em regime de escravatura para os patrões Castro? Não arranja aí o bastonário um motivo para defender a classe?

    Gostar

  14. 24 Julho, 2012 22:08

    jmf, está mal informado, e resulta nisso este post foleiro, cheio de imprecisões e de bitaites sobre intenções.

    O que o Bastonário diz é que a contratação de tarefeiros foi introduzida por ministros no passado recente para suprir necessidades em vários serviços, e isso levou a que especialidades mais carenciadas se “fizessem caras”, pedindo preços avultados para fazer o trabalho pedido.
    Ele defende que os serviços devem ser assegurados pelos quadros das instituições, deixando de existir esta compra de serviços “à peça”. Ou seja, está contra esta inflação de preços que só a alguns patos bravos beneficia.

    Quer-se indignar? Indigne-se com SIGIC’s, indigne-se com estes patos bravos, indigne-se com muitas outras coisas na Saúde e noutros sectores, mas não se indigne com “os médicos” (essa entidade abstrata), nem com o seu “Bastonário sindicalista”. É um belo soundbite, e não faltam burros a bater palmas, mas julgo não ser por uma assembleia de pategos com um opinador à altura dela o objectivo deste respeitoso blog.

    A única coisa que haveria para discutir é o muito gasto rótulo “neoliberal”, mas neste país nem vale a pena tentar.

    Por fim, se os tais patos bravos são contratados a preços inflacionados, a culpa é do pato bravo ou de quem o contrata e lhe paga, e que supostamente se deveria reger pelas tais directrizes emanadas do MS? Não serão esses os principais culpados de ilegalidade (sendo que os outros apenas se aproveitam deste estado de coisas)?

    Ponha lá mais um pouco de precisão nos posts sff, já tem idade e relevância pública demasiadas para se poder dar ao luxo de não dar valor à importância dos factos e do seu correcto relato.

    Gostar

  15. licas permalink
    24 Julho, 2012 22:29

    Os azarentos . . .

    Octávio Paya (em Cuba) sofreu um acidente mortal quando um outro veículo se encostou de tal maneira àquele em que seguia, fazendo-o despistar.
    Não é nada que não merecesse. Vejam o seu currículo:

    _____In 2002, Mr Paya won the Sakharov Prize – the European Union’s human rights award – for his work with the Varela Project, which was created in 1998.
    _____In May 2002, he presented Cuba’s National Assembly with a petition of more than 10,000 signatures calling for an end to four decades of one-party rule.
    _____He has since repeatedly delivered petitions to the body, including one in 2007 calling for an amnesty for non-violent political prisoners.
    The Cuban government described him as an agent of the United States who was working to undermine the country’s revolution.
    (Foi descrito pelo Governo Cubano como um agente dos Estados Unidos trabalhando para destruir a revolução)
    POIS . . .

    Gostar

  16. 24 Julho, 2012 22:33

    (entretanto fecham mais 239 escolas enquanto os protegidos da bispalhada se encontram a salvo e a ocupar os lugares que deveriam ser dos licenciados em filosofia e história)

    Gostar

  17. Cáustico permalink
    24 Julho, 2012 22:40

    Este Placebo de respeito não terá efeitos de maior no JMF.
    O tipo não se quer tratar…

    Gostar

  18. 24 Julho, 2012 22:41

    Já agora quanto recebem os médicos cubanos?

    Nada disso. A Ordem fez-lhes um teste de língua (e literatura?) portuguesa tão difícil que eles chumbaram todos (imagino que muitos portugueses tb chumbavam se o tivessem que fazer…)

    Gostar

  19. JGGF permalink
    24 Julho, 2012 23:16

    As situações eventualmente ilegais [ou irregulares] de quase 3 mil contratos ‘adicionais’ de médicos pertencentes ao SNS não terão nada a ver com a ‘empresarialização’ dos hospitais?
    Não se pretendia com essa medida a ‘agilização’ da gestão hospitalar.
    Ora ela aí está!
    Depois da greve dos médicos a única ilação visível é a abertura da ‘caça às bruxas’?
    Ou não seria mais avisado repensar (redefinir) toda a política de recrutamento de recursos humanos na função pública?

    Gostar

  20. Fincapé permalink
    24 Julho, 2012 23:19

    “Não tarde nada e está como Mário Soares, a sugerir que os neoliberais sejam julgados no Tribunal Penal Internacional de Haia por crimes contra a humanidade.”
    Não estou do lado dos médicos.
    Podia fazer-se assim: julgavam-se os médicos cá e os neo(ultra)liberais no Tribunal Internacional de Haia e ficávamos todos de parabéns (adoro esta frase parola à CR).

    Gostar

  21. 24 Julho, 2012 23:30

    Esta também não entendi.
    Quem é esse bastonário?
    Qual é o seu papel?
    Em que “condição” ele se expressa?
    Que macacada!

    Gostar

  22. Carlos Dias permalink
    25 Julho, 2012 00:23

    A irresponsabilidade não se cura com médicos.
    A merda é mesmo assim.

    Gostar

  23. the lost horizon permalink
    25 Julho, 2012 06:26

    Gostava de saber, por causa da equivalência doutoral do sr Relvas, qual é a equivalência que a FM de Lisboa dá aos práticos, da Escola de Medicina Popular de Vilar de Perdizes, cujo bastonário é o padre Fontes. Ali os práticos, praticam no duro, todos os dias, principalmente ás sextas feiras 13.
    .

    Gostar

  24. Trinta e três permalink
    25 Julho, 2012 06:45

    Afinal sempre houve “lógica de mercado” nesta coisa…

    Gostar

  25. Tiradentes permalink
    25 Julho, 2012 06:54

    Imaginemos que um ladrão invade e procura na casa do 33 o cofre do dinheiro. O 33 faz-lhe frente e num acesso de fúria o ladrão dá-lhe uma catanada na cabeça ficando prostrando-o .À procura do cofre encontra a mãe, mulher e filha do 33 e viola-as . Leva o cofre (zinho). Imaginemos.
    No hospital 33 recupera e quando recupera os sentidos pergunta porque é que nenhuma autoridade prendeu tal facínora antes estranhando haver tanta autoridade ou se teria sido apenas a lógica do mercado ( neste caso dinheiro) a funcionar.
    O neurologista sai com o diagnóstico feito: perdeu massa cerebral.

    Gostar

  26. piscoiso permalink
    25 Julho, 2012 07:57

    Placebo, at 22:08, pôs o dedo na ferida.

    Gostar

  27. licas permalink
    25 Julho, 2012 08:19

    BBC News – Cuba dissidents arrested after Oswaldo Paya’s funeral
    13 hours ago … Cuban police have arrested leading dissidents after the funeral mass of prominent activist Oswaldo Paya, who died in a car crash on Sunday.
    http://www.bbc.co.uk/news/world-latin-america-18975660
    ________________

    Gostar

  28. 25 Julho, 2012 08:37

    Tudo isto são trocos.
    Se querem coisas à séria, mesmo à séria, tipo vários BPNs, digam-me em quanto vai o prejuízo acumulado desde o 25A em reformas antecipadas por incapacidade (só as fraudulentas) que continuamos e continuaremos a pagar, em baixas médicas fraudulentas e atestados médicos falsos (nem quero entrar nos esquemas em proveito próprio). Quantos BPNs?

    Gostar

  29. aremandus permalink
    25 Julho, 2012 08:49

    é a economia de mercado,estupido!

    Gostar

  30. JDGF permalink
    25 Julho, 2012 08:53

    Começou a campanha de verão: “Que se lixem os médicos…”.
    Ou, vamos “lixar” os médicos, já que a Saúde é um ‘non-tradable sector’.

    Gostar

  31. JDGF permalink
    25 Julho, 2012 08:55

    Adenda:
    … com um ‘peso excessivo’ do Estado!

    Gostar

  32. aremandus permalink
    25 Julho, 2012 09:24

    com este governo liberal os médicos podem roubar liberalmente oito mil contos por mês! acho justo os doutores da bata branca também comerem da mangedoura dourada do Estado; não é só duartes limas, dias loureiros, e ora o frasquilho-o saído dum desenho animado japonês…

    Gostar

  33. joao permalink
    25 Julho, 2012 09:33

    tragam a guilhotina para os liberais…..o que o PREC não cumpriu, faça-se agora, gritam os socialistas

    Gostar

  34. Trinta e três permalink
    25 Julho, 2012 11:16

    Tiradentes:
    O humor não é o seu forte. Pelas notícias de hoje, houve mesmo “lógica de mercado”.

    Gostar

  35. lica permalink
    25 Julho, 2012 11:44

    é o mercado a funcionar!

    Gostar

  36. licas permalink
    25 Julho, 2012 17:02

    Espero que o PCP envie um telegrama de felicitações pela ação policial
    e incentivo em defender o Socialismo em Cuba : é o mínimo expectável . . .

    Gostar

  37. ESMERALDA permalink
    25 Julho, 2012 17:14

    Pois é verdade! Coitadinhos dos médicos! Em Santa Comba Dão há um médico que tem uma clínica para todo tipo de exames médicos! A mulher, médica no Centro de Saúde quase ao lado, manda os doentes irem lá fazer os exames. No Centro de Saúde existem aparelhos e técnicos para alguns exames. Um técnico parece ter feito queixa da médica para a ARS Centro. Parece também que se anda a formar um abaixo-assinado para mandar o técnico embora! O que terá a Ordem dos médicos a dizer sobre isto?

    Gostar

  38. licas permalink
    25 Julho, 2012 18:16

    . . . e também um protesto (amigável) de ter libertado de seguida
    os *perigosos fascistas* sem que lhes fossem atribuídas acusações
    de tentativa de golpe de Estado (ou qualquer coisa equivalente) . . .

    Gostar

  39. licas permalink
    25 Julho, 2012 21:53

    licas
    Posted 24 Julho, 2012 at 20:37 | Permalink
    . . . Apenas quatro em cada 10 entidades analisadas indicaram que controlavam todos os impedimentos previstos na legislação que regula a contratação de médicos por prestação de serviço.
    ___________
    MESMO QUE, em extremo, se não exija que os médicos conheçam a lei,
    o que não se perdoará é que os *empregadores* ignorem as condições legais em
    que se podem efetuar os contratos.
    Culpar os ministros parece a todos nós infeliz, exagerado, dirigido, deturpador,
    uma *polítiquice*.

    Gostar

  40. Trinta e três permalink
    26 Julho, 2012 11:42

    Quem é que nomeou os “empregadores”, ou seja, as administrações?

    Gostar

  41. _neves permalink
    26 Julho, 2012 18:37

    Pelo que vou lendo neste blog, o JMF tem algo de comunista, repetidamente vem
    com a “cassette” do argumentário anti-medico. Não adiantam argumentos racionais
    como os do Placebo. Está obviamente a ignorar a lógica de mercado que os ministros
    trouxeram ao sector e que está na origem destes contratos (daí á classificação pelo
    bastonário de neoliberais – também acho exagerado), mas este aproveitamento será
    para uma pequena casta (os anestesistas ?) e perante os quais as administrações, ou
    por premente necessidade ou por compadrio puro e duro não conseguem deixar de
    favorecer, independentemente das limitações legais…
    Um desafio aos criticos: querem que não se façam epidurais ás gravidas por não haver
    anestesistas, ou atrasos em cirurgias programadas (as urgentes não dá para adiar!)
    por falta daqueles profissionais? Um desafio ao JMF (inutil de efectuar como se verá
    no futuro), não encontra nada, absolutamente nada, para comunicar e difundir
    que seja favoravel aos medicos como grupo? Já agora, vê mais algum grupo profissional
    integrado na FP, que tenha levado com 30% de corte nos rendimentos do trabalho?

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: