Saltar para o conteúdo

Os indignados do Brasil lá conseguiram financiar Cuba

25 Agosto, 2013

Insurgente: O Brasil contratou um exército de 4.000 médicos cubanos para fazer face a “necessidades” no interior Brasileiro (podem ler por toda a internet como o Brasil NÃO precisa desses profissionais e é dos países com mais médicos por habitante: 1 por 543, face aos 1 por 1000 mínimos recomendados). Mas Dilma pediu médicos e Cuba forneceu. O Brasil paga por cada médico 10.000 Reais. Nada mau para um médico Cubano. Mas o médico vai receber apenas… 7%. Pelo caminho o governo cubano preveniu a fuga dos médicos. Através dos métodos do costume

 

46 comentários leave one →
  1. alberto permalink
    25 Agosto, 2013 11:01

    Boa parte dos médicos cubanos encontrava-se na Venezuela. Como a população evitava ir às consultas, por constar – talvez por propaganda do grande satã – que a “medicina revolucionária” deixava muito a desejar, o governo de Maduro não renovou o contrato.
    O Brasil pagará em USD. O Real já não é o que era e amigos amigos, negócios à parte

    Gostar

  2. Portela Menos 1 permalink
    25 Agosto, 2013 11:33

    Voltámos ao pequeno-almoço de vinagre …

    Gostar

    • und permalink
      25 Agosto, 2013 18:13

      mas alguma vez lá estiveste para voltar a ele?

      a tua laia em qualquer regime tem sempre quem os alimente

      Gostar

  3. atom permalink
    25 Agosto, 2013 12:16

    Quem quer comentar médicos, num dia tão auspicioso para este pobre país.

    Gostar

    • und permalink
      25 Agosto, 2013 18:33

      vai cair-nos um meteoro em cima?

      vem aí uma gripe que proceda à dizimação?

      deves ser um augúre dos bons deves

      lês o futuro em cheques carecas?

      Gostar

  4. 25 Agosto, 2013 14:54

    António Borges passou pelas administrações do Citibank, BNP Paribas, Petrogal, Sonae, Jerónimo Martins, Cimpor e Vista Alegre, razão suficiente para que se fechem os comentários no post seguinte.

    Gostar

    • 25 Agosto, 2013 15:26

      Não deviam ter fechado os comentários.
      Era a melhor maneira de ficarmos a conhecer os nossos compatriotas.
      Aliás isso pode ser verificado nos jornais que mantêm o on-line aberto para comentar a morte de um homem.
      É disto que trata, a morte de um homem e não a morte de um político, pois julgo que era assim que a família o via.
      Claro que isto é muito difícil dde perceber por alguns.

      Gostar

      • RCAS permalink
        25 Agosto, 2013 15:52

        “Era a melhor maneira de ficarmos a conhecer os nossos compatriotas.”
        Concordo consigo!
        Quando chegar o tempo de Mário Soares, espero que não se fechem os comentários… para ficarmos a “conhecer os nossos compatritas”!…

        Gostar

      • Fincapé permalink
        25 Agosto, 2013 17:33

        Comentei abaixo, sem me aperceber que o assunto tinha sido referido aqui. Concordo com o que escreveram o Piscoiso, o fado alexandrino e o RCAS.

        Gostar

      • und permalink
        25 Agosto, 2013 18:20

        e que escreveram eles ?

        o mesmo que tu

        nada

        morreu e terá os seus detractores e apoiantes

        construiu uma carreira para si e teve reconhecimento de outras meritocracias elitistas europeias

        era um tipo como o gaspar com algum valor como técnico

        e tal como todos os políticos do XXº e XXIº será uma nota de rodapé numa história do XXIIº e seguintes

        será tão desconhecido daqui a 100 anos como joão franco ou mário soares

        tipos que foram eleitos para o cargo de ditador benevolente por ausência de competição e apoios a outrém mais válido nas máquinas partidárias

        é uma história recheada de socrates

        e nem um se suicida à mishima

        Gostar

      • und permalink
        25 Agosto, 2013 18:21

        morreu um homem tão bom mas tão bom

        que em vez de deixar-noos mais pobres

        deixa-nos mais ricos

        Gostar

      • Fincapé permalink
        25 Agosto, 2013 20:02

        Und, disseram que os comentários deveriam ter ficado abertos. E eu concordei com eles. Só isso.
        Quanto ao falecido, dei muitas vezes a minha opinião sobre ele. E até utilizei um nome bastante depreciativo que aprendi de um amigo meu militante do PSD.
        Hoje não fiz isso, mas não deixei de pensar o que pensava,

        Gostar

  5. tric permalink
    25 Agosto, 2013 15:42

    “Gulf-based supporters have sent a 400-ton shipment of arms to Syria’s outgunned rebels, one of the biggest to reach them in their two-year-old uprising, opposition sources said on Sunday.
    .
    The consignment – mostly ammunition for shoulder-fired weapons and anti-aircraft machine guns – came into northern Syria via the Turkish province of Hatay in the past 24 hours, and was already being handed out, the sources added.”-25 de Agosto de 2013
    .
    agora percebe-se porque é que a NATO colocou misseis Patriot na fronteira da Turquia com a Siria…

    Gostar

  6. RCAS permalink
    25 Agosto, 2013 15:43

    As férias fizeram-te mal Lena? por onde andas inspiração? perdeu-se algures nas ferias?
    Ontem foram os golfinhos roazes (que eu aprecio bastante aliás), hoje os médicos cubanos?
    Nada é novidade… sobre os roazes é a tradicional incuria Portuga, sobre os médicos cubanos, é os suspeitos do costume.. grande dificuldade em sair das suas cavernas ideológicas!
    Bem, esperemos que a coisa seja passageira…

    NOTA: Peço desculpa, mas a nota é dirigido ao Vitor Cunha. Se não queria comentários, sobre a morte de António Borges, escusava de ter feito o post, ou em alternativa deixava as suas condolências, tão só, e fechava comentários. Agora… bem podia ter evitado o incómodo de apreciações idiotas e imbecis. PONTO!

    PS – Hoje por respeito á morte de um adversário ideológico, fico por aqui!

    Gostar

    • RCAS permalink
      25 Agosto, 2013 16:16

      O Povo pronuncionou-se quando?
      …”era o consultor do governo para as privatizações, e nesse cargo proferiu declarações polémicas que provocaram reações acesas de sindicatos e patrões e do povo português em geral.
      Vice-presidente da Goldman Sachs, responsável pelo FMI na Europa “passou pelas administrações do Citibank, BNP Paribas, Petrogal, Sonae, Jerónimo Martins, Cimpor e Vista Alegre”
      A critica politica não será hoje!
      PS- Bem Helena, não é preciso mais… o “Vitinho” tão “subserviente” é que não percebeu!…

      Gostar

      • und permalink
        25 Agosto, 2013 18:25

        cuba era o consultor das privatizações

        bolas….

        o fidel foi isso tudo

        ó filha pelo menos morreu aos 63 e já não lhe pagamos 25 anos extra de reforma como ao soares

        ou a mulher recebe pensão de sobrevivência?

        olha se casou com uma brasuca de 26 como o pinto da costa ou aquele da casa real dinamarquesa que vivia en portel

        Gostar

    • und permalink
      25 Agosto, 2013 18:36

      PS – Hoje por respeito á morte de um adversário ideológico, fico por aqui!

      mas num ficaste né?

      adversário? bolas mas ele nem era atrasado mental como tu

      só se és adversário deles já em fase terminal

      i-deo-lógico? ilógico tens lás tu i-deo-loggia

      quanto muito tens uma sopa de letras num alfabeto que ignoras

      Gostar

      • und permalink
        25 Agosto, 2013 18:39

        por respeito à tua morte cerebral num passado sem futuro bem passado

        fico por ali ou por allah….

        já agora estou onde?

        perdi-me

        e nem sequer mexi o cu…..

        Gostar

  7. JDGF permalink
    25 Agosto, 2013 16:19

    Os rácio medico/habitantes é mais um entretenimento estatístico. Como não se trata de eventuais despedimentos só pode ser um vício.

    Gostar

    • und permalink
      25 Agosto, 2013 18:41

      não é não é inda hoje quinou mais um velhadas porque o médico de serviço num o percebeu muito bem

      é o que dá não saberem falar fula

      ou mesmo futa-fula

      ou balanta

      tu balantas velho ?

      atão quinas-te mai jovem que caesar

      Gostar

  8. Fincapé permalink
    25 Agosto, 2013 16:23

    Como eu próprio espero e exijo de mim, não seria capaz de vir hoje aqui mover qualquer processo de intenções à volta de António Borges ou da sua morte. Este não é o momento certo para que um crítico possa destilar qualquer tipo de salivação infetada sobre o profissional e político que se tornou figura pública.
    Sinceramente, não gostei de ver a notícia. Nem sabia que estava doente, embora tivesse desconfiado tendo em conta a aparência dos últimos tempos. Não sou dos que pensam que os adversários políticos, por muito adversários que sejam, devam ser vencidos através da sua morte. Talvez porque não seja rancoroso e, no mais íntimo de mim, goste um pouco de todos os seres humanos.
    Gostaria de poder ter escrito estas palavras no local mais adequado. Não pude, apesar dos argumentos em favor da liberdade e dos homens livres.
    Todos morreremos no futuro, única certeza que o “destino” nos garante. Para os próximos que mereçam umas tantas palavras minhas já sei, ou penso que sei, que terei de as colocar fora do sítio certo, como certas notas de rodapé.
    Mas compreendo as razões. O ódio fanático é mau conselheiro.
    RIP.

    Gostar

  9. 25 Agosto, 2013 17:08

    O mais patético é que os posts seguintes têm um convite: “DEIXE O SEU COMENTÁRIO”, que ao tentar ser feito se segue: “Os comentários estão fechados.”
    Trata-se de uma exemplar falta de respeito para com os leitores do blogue.
    É assim a modos de um “Faça favor de entrar”, para depois fecharem a porta na cara.
    .
    Naõ habia nexexidade.

    Gostar

    • EMS permalink
      25 Agosto, 2013 17:39

      O mais caricato é o titulo de um dos posts com comentarios fechados.

      Gostar

      • und permalink
        25 Agosto, 2013 18:30

        escreve-se comentários

        e comentar é acrescentar algo ao texto

        raramente se escrevinha algo nos obituários….

        e se ninguém escreveu nada na tumba do salazar ou do marquês nos últimos anos

        pra quê escrevinhar no Borges &irmão

        ou na do filho único que por amor ao pai fundou Portugal Mação en fundação para turistas….

        não vale a pena acrescentar deixou-nos a quase todos mais pobres

        é a função das élites

        tornar os demais mais pobres

        quando se vão ou quando se vem……..em plural

        Gostar

    • licas permalink
      25 Agosto, 2013 20:13

      INDIGNADO pela tal *falta de respeito* pelos blogistas !
      NÃO TENHO QUALQUER RÉSTIA *DISSO* PELO PISCOISO . . .
      Quando ele dá o dito por não dito no espaço de 3 dias quanto à permanência
      do PPCoelho no Governo só porque (oh fiasco!) o seu patrão Sócrates pronunciou-se
      entretanto por : ELEIÇÕES JÁ ! , pronunciamento caninamente pelo Piscoiso . . .
      Que espécie de consideração merece uma tal espécie de bandalho???
      (para mais cobarde: não me responde, não está lá . . . ).

      Gostar

  10. Portela Menos 1 permalink
    25 Agosto, 2013 19:49

    Não me lembro de neste caso terem encerrado os comentários…
    http://www.publico.pt/cultura/noticia/um-longo-aplauso-na-despedida-ao-escritor-urbano-tavares-rodrigues-1602762

    Gostar

    • manuel permalink
      25 Agosto, 2013 19:53

      Sr Portela: Penso que o blog deve introduzir o exame prévio ,face ao ruído pestilento que alguns comentadores vomitam.

      Gostar

      • Portela Menos 1 permalink
        25 Agosto, 2013 20:10

        tá tudo bem manel?

        Gostar

  11. licas permalink
    25 Agosto, 2013 22:30

    Desde as 17:39 esperando pela indignação do Piscoiso . . .
    perante o meu post . . .

    Gostar

  12. atom permalink
    25 Agosto, 2013 23:11

    Parafrasiando Camões: Bendita Pátria que tais filhos perde…

    Gostar

  13. 25 Agosto, 2013 23:24

    Cara Helena Matos,

    A ratio médicos/habitantes é uma falácia. Se a nível nacional esta até se pode considerar razoável já quando se olham as parte, isto é os diferentes estados brasileiros, o retrato é bem mais sombrio.

    A Organização Mundial de Saúde (OMS) preconiza como parâmetro ideal de atenção à saúde da população a relação de 1 médico para cada 1.000 habitantes. No Brasil, a relação média observada de 1/622 habitantes está muito abaixo deste parâmetro devido à grande concentração de médicos ativos verificada nas regiões Sudeste (1/455 hab.), Sul (1/615 hab.) e Centro-Oeste (1/640 hab.). As regiões Nordeste e Norte apresentam uma relação média de 1/1.063 e de 1/1.345 habitantes, respectivamente.

    Uma pesquisa efectuada pelo Ministério da Saúde brasileiro indica falta de médicos no interior dos estados de Tocantins, Amapá, Rondônia, Acre, Amazonas e Pará (região Norte); Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Bahia, Alagoas, Ceará, Maranhão, Piauí e Sergipe (região Nordeste) e Goiás, Mato Grosso (Centro-Oeste).

    Não me move a menor simpatia pelo regime cubano, porém conhecendo no terreno a realidade do interiorzão brasileiro parece-me que a importação de médicos cubanos é o menor dos males.

    https://camalees.wordpress.com/2013/08/25/guerra-dos-medicos-no-brasil/

    Gostar

    • Fincapé permalink
      25 Agosto, 2013 23:38

      Pode ser que a Helena Matos amoleça um bocadinho o seu coração duro como uma pedra com a leitura deste texto e do texto do blogue. Mas se calhar gosta mais dos textos do brasileiro e coração também duro Constantino. 😉
      https://blasfemias.net/author/constantinorodrigo/

      Gostar

    • Churchill permalink
      26 Agosto, 2013 09:47

      Ou então se há médicos a mais num local e a menos noutro, a solução passa por deslocá-los.
      Se fosse em Cuba ou na amada união sobiética era feito em dois dias e sem resmungar.

      Gostar

    • joao permalink
      27 Agosto, 2013 19:18

      usar um trabalhador e ficar-lhe com grande parte do ordenado é prostituição. Neste caso Cuba é o proxeneta que envia as prostitutas pelo mundo fora e fica-lhes com 90% do salário e como se não bastasse ainda têm a família como refém, não vá a prostituta pensar em fugir. Isto é o socialismo cubano. Isto é imoral. Isto é escravatura em pleno seculo XXI.

      Gostar

      • 27 Agosto, 2013 19:57

        João não me move nenhuma simpatia por regimes socialistas ou totalitários de esquerda ou direita, porém creio que a questão dos médicos no Brasil vai para além da dicotomia Cuba/falta de liberdade.
        As críticas à chegada de médicos cubanos ao Brasil (curiosamente saudada durante o governo de FHC) está ser usada por muitos médicos comoveram de disfarçar o incomodo causado pela chegada de profissionais estrangeiros incluindo médicos portugueses.
        Considero abominável que um país, um regime ou um partido “retenha” grande parte do salário de um trabalhador, agora haverá entre os médicos cubanos quem abdique do seu salário por convicção ou ideologia e longe de mim pretender que o meu modo de pensar seja “superior” ou mais ético do que o do outro. Isto tudo para dizer que esta é uma temática polifacetada. Tal como escrevi no meu blog entre uma mãe-menina que morre no parto por falta de assistência médica e a minha aversão por regimes onde a liberdade não existe, escolho a pessoa concreta, a mãe-menina e não a abstracção da ideologia.

        Gostar

  14. licas permalink
    26 Agosto, 2013 00:17

    licas HIPERLIGAÇÃO PERMANENTE
    25 Agosto, 2013 22:30
    Desde as 17:39 esperando pela indignação do Piscoiso . . .
    perante o meu post . . .
    ___________

    Não chego aos calcanhares do * Tenente Colombo *, sou mais
    cão pisteiro : foi fácil, o cheiro a merda que o Piscoiso exala
    é como o algodão__________não engana. . .

    Gostar

  15. atom permalink
    26 Agosto, 2013 08:29

    Parafrasiando Camões: Ditoso Inferno que novo hóspede recebe…

    Gostar

  16. 26 Agosto, 2013 15:52

    Mas que mulher bonita, a Helena 🙂
    Faz bem aparecer de quando em vez um ar fresquinho. A ver se a piolheira do Portela vai de férias.
    R.

    Gostar

    • Fincapé permalink
      27 Agosto, 2013 20:38

      Rogério, a “nossa” Helena também é bem bonita, caramba. Pelo menos eu acho. Não desfazendo, claro. 🙂

      Gostar

  17. A. R permalink
    27 Agosto, 2013 18:54

    Cuba está a transfusões de Venezuela e Brasil. Mas quer um quer outro estão a ficar exangues. Em breve veremos que este casamento de conveniência, apadrinhado pelo foro de S. Paulo, dará divórcio e daqueles muito feios.

    Gostar

  18. joao permalink
    27 Agosto, 2013 19:20

    Cuba é um proxeneta que usa seus trabalhadores como prostitutas que envia mundo fora e fica-lhes com 90% do ordenado. É triste ver países como o Brasil apadrinhar esta espécie de escravatura em pleno sec. xxi

    Gostar

  19. Fincapé permalink
    27 Agosto, 2013 20:39

    O sol hoje veio com força. E quando bate na mioleira é um perigo. 😉

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: