Saltar para o conteúdo

Que seria de nós sem fotografias de pulmões dissecados?

27 Fevereiro, 2014

A União Europeia quer toda a gente saudável e sem vícios feios. Presumindo que as pessoas não sabem que fumar faz mal, as novas directrizes estão aí para serem aplicadas:

  • Avisos (com imagens) que terão que cobrir 65% das frente e traseira de cada maço de cigarros, incluindo avisos adicionais no topo;
  • Maços “lipstick-style” destinados a mulheres são banidos. Todos os maços devem ter pelo menos 20 cigarros para permitir espaço suficiente para os avisos do ponto anterior;
  • Tabaco de enrolar terá avisos com imagens semelhantes;
  • Proibição de elementos como “livre de aditivos” ou promovendo o produto como menos nocivo que outras marcas;
  • Proibição de cigarros com sabor, tais como mentol, fruta ou baunilha;
  • Concentração máxima de nicotina para cigarros electrónicos fixada;
  • Controlo de cigarros a nível do espaço da UE para combater contrabando;

(traduzido do Telegraph)

Ou como diz Tim Worstall aqui, numa deliciosa frase que deve continuar sem ser traduzida, “and just to show that these people really are drowning in their own syphilitic puss”, limitar nicotina em cigarros electrónicos, o método actual mais eficaz de abolição do consumo de cigarros, é só ser extremamente idiota.

10 comentários leave one →
  1. Surprese permalink
    27 Fevereiro, 2014 18:28

    Eu que me considero minarquista, por acaso parece-me muito bem que esta área privada (os vícios) seja objecto da interferência do Estado.

    Afinal, a melhor forma de arruinar um negócio lucrativo, e fazer com que o Estado interfira.

    Assim, em vez de pensarem em proibir a prostituição, deveriam regulamentá-la, proibir a venda na rua, obrigar à obtenção de licenças, supervisão pela ASAE e autoridade da concorrência, colocar avisos nos bordéis com fotos de doentes com sífilis, fotos de órgãos sexuais com gonorreia, fotos ampliadas de piolhos genitais, tudo para prevenir a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis.

    Com as substâncias psicotrópicas podiam fazer o mesmo, a começar com o haxixe, mas também incluíndo a pior praga que temos: prozac e xanax.

    Gostar

    • lucklucky permalink
      28 Fevereiro, 2014 20:36

      E você diz-se Minarquista. Que seria se fosse Soci@lista…

      Gostar

  2. 27 Fevereiro, 2014 18:40

    Fumo 3 a 4 cigarrilhas por dia.
    Pequenitas e cubanas.
    Fumo até meio (“você dá cabo das cigarrilhas”)
    Gosto do sabor – a seguir ao cafezinho.

    Até aqui os slogans anti-tabágicos, chatos, ainda os suportei.
    Mas com esta deriva assustadora, mudo de envólucro.
    Cigarreiras leves, em pele.
    Aconselho… :.-)

    Vão lá assustar a pkp…

    Gostar

    • vitorcunha permalink*
      27 Fevereiro, 2014 18:41

      Lá está, o estado a fomentar a indústria das cigarreiras.

      Gostar

  3. Zegna permalink
    27 Fevereiro, 2014 19:00

    Nao sou fumador mas estas medidas tem algum interesse para o fumador habitual ?! isto o que me parece só tem interesse para entidades e ministérios que não têm nada que fazer.
    Toda a gente sabe que fumar faz mal , desde a pré-primaria até ao ensino universitário a mensagem é passada ao cidadão . E os outros vicios como chocolates ,gelados , refrigerantes , bebidas alcoolicas, enchidos, medicamentos e outras porcarias que se vendem , porque não esses não ter umas imagens nas embalagens com o mal que faz á nossa saúde?

    Gostar

  4. 27 Fevereiro, 2014 20:22

    Se o raio do tabaco faz mal porque não proíbem a sua cultura, como fazem com a canabis?

    Gostar

  5. Fincapé permalink
    27 Fevereiro, 2014 20:44

    Tirando o facto de não gostar que soprem fumo para cima de mim nem empestem os locais fechados que frequento, não tenho opinião definida. Mas não aprecio a ideia das fotos chocantes a que ninguém parece ligar. Já não me preocupa muito o nível dos impostos a que está sujeito, embora possa provocar o aumento de contrabando.
    E há outros produtos que deveriam ter impostos igualmente dissuasores, mas não digo quais, não vá alguém ler o comentário e ficar zangado. 😉

    Gostar

  6. 27 Fevereiro, 2014 23:00

    passo. a semana passada , faz hoje 9 dias , farta de me aumentarem o tabaco , decidi deixar de comprar tabaco e logo , não fumo 🙂 tenho ali umas sementes holandesas e só volto a fumar quando aquilo crescer , livre de impostos e de chulices 🙂

    Gostar

  7. JDGF permalink
    28 Fevereiro, 2014 07:02

    A onda ‘regulamentarista‘ que se apossou do PE corre o risco de tornar-se ridícula porque dá-se a circunstância de ‘esquecer-se’ dos problemas fundamentais que assolam a Europa.
    Não será mais uma faceta da ‘hipocrisia judaico-cristã‘ pejada de ‘falsas moralidades’ e ao encontro de ‘altruísmos espúrios’?
    De facto, esta regulamentação do PE (acrescida de outra sobre ‘clientes’ da prostituição) fez-me recordar o velho almirante Azevedo: É só fumaça!

    Gostar

  8. 28 Fevereiro, 2014 18:24

    Podem colocar milhares e fotos, podem até colocar tuberculosos em último grau a vender o tabaco que vai tudo continuar na mesma.
    Quando estou num sinal luminoso a ver passar os carros nos primeiros dez há sempre um pelo menos a falar ao telemóvel e um sem cinto.
    Está nos genes não cumprir a Lei.
    Entretanto Bruxelas quer regular o Candy Crush (*) por ser enganoso dizer que é gratuito.
    Não haverá maneira de pôr estes gajos a fumar dez maços por dia para ver se se engasgam e deixar de legislar palermices sobre infantilidades?

    (*) Se alguém me ajudar com um truque a passar o nível 86 agradeço.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

<span>%d</span> bloggers like this: