Saltar para o conteúdo

Sobre o ø amarelo no cartaz de Cøsta

27 Maio, 2015
cartaz-costa

Rigør, Cøsta

NormalColonHá um tom escandinavo no cartaz do goês, com aquela linha amarela que une os círculos da mesma cor nas palavras. Uma possibilidade, para mim a mais verossímil, é que se trata de uma subtil representação matemática do conjunto vazio, ∅, com uma única linha condutora que une Costa a Rigor, uma espécie de TGV do vazio existencial anunciado pelo ex-edil lisboeta.

Ao lado, imagem não relacionada de cólon sem alterações, uma das muitas formas circulares em tons pastel que se encontram na natureza.

 

Adendahttps://blasfemias.net/2015/05/27/do-mau-gosto/

Anúncios
19 comentários leave one →
  1. insider permalink
    27 Maio, 2015 10:38

    ø cartaz é de um incrível mau-gøstø e parece feitø pør amadøres…

    Gostar

  2. 27 Maio, 2015 10:50

    Há meses surgiu um apatetado cartaz do P”S” com malta nova, mãos erguidas, rostos ingenuamente acreditando numa “fé”. Em Costa.
    Agora, este (falta-lhe um risco amarelo sobre o rosto) muito bem arrasado pelo VCunha.
    Continuem assim nesses experimentalismos visuais. Alimentem a incredulidade e/ou indiferença dos tugas.

    Gostar

    • 27 Maio, 2015 15:27

      Esse pessoal do cartaz do PS ou estava a ver um jogo de futebol ou pertenciam àquela seita Maná que se transferiu para o partido do Marinho e Pinto! 😛

      Gostar

      • 27 Maio, 2015 18:22

        …E visualmente pareciam envoltos num idílico (e drogado) sonho…

        Porra, não há por aqui alguém que coloque esse cartaz para rirmos ?

        Gostar

  3. 27 Maio, 2015 11:21

    Lia a notícia e lista de economistas que estão a criar o programa económico do P”SD” para as legislativas e por 1 segundo tive um baque: entre eles, João Valle e Azevedo ! Afinal, trata-se dum quadro do BdPortugal e professor da Universidade Católica.

    Gostar

    • Baptista da Silva permalink
      27 Maio, 2015 12:15

      Eu oferecí-me, mas não me aceitaram.

      Gostar

      • 27 Maio, 2015 14:10

        Nesses casos, não se oferece préstimos, impõe-se a entrada.

        Gostar

  4. j. manuel cordeiro permalink
    27 Maio, 2015 13:03

    Olha, o VC fez uma selfie.

    Gostar

  5. Jorge permalink
    27 Maio, 2015 14:49

    António Costa não é goês é lisboeta. Não acrescenta nem diminui, mas é assim.

    Gostar

  6. Eleutério Viegas permalink
    27 Maio, 2015 15:38

    A Luís tem toda a razão… “Rigor” é palavra que o peiésse e este emplastro deveriam evitar, para não cair no ridículo.

    Gostar

    • 27 Maio, 2015 16:36

      Há outra tecla rebatida pelo P”S” no governo e na oposição: “sentido de responsabilidade” — fosca-se…”sentido de responsabilidade” ??

      Gostar

  7. Carlos Dias permalink
    27 Maio, 2015 16:24

    Trabalhar com gordo.
    Quem?
    Com ele?
    Livra.

    Gostar

  8. Gil permalink
    27 Maio, 2015 18:02

    “… no cartaz do goês” ? Do “goês” ? A sério?

    Gostar

  9. 27 Maio, 2015 21:47

    Esse colón está muito limpo: não deve ser socialista…

    O phi é usado na representação de médias (em socialistês: mérdias): a adequação para a representação de Costa e afins é soberba.

    Amarelo? ah, já sei, o caril…
    Colón? as mérdias, meu caro, as mérdias…

    Gostar

Trackbacks

  1. Do mau gosto | BLASFÉMIAS

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: