Skip to content

jsd

30 Outubro, 2016
by

Segundo informa o Expresso de ontem, Rui Rio prepara, no PSD, um ataque mortal à liderança de Passos Coelho, estando, para isso, a tocar a rebate pelas suas tropas, que lhe respondem aos magotes. É mais uma das muitas vezes que Rui Rio anuncia, por interposto jornal, que será candidato a liderar o PSD. Só que esta, pela altura tardia em que surge, merece alguma reflexão. Vejamos. Rui Rio está com 59 anos de idade. Se conquistar, daqui por uns meses, o lugar de Passos Coelho, será líder do PSD aos 60 anos. Como o lugar de chefe do partido laranja não se justifica por si mesmo, Rui Rio certamente quererá ser primeiro-ministro. Ora, como por lá andará, nessa altura, António Costa, suportado numa resistente geringonça, calcula-se que o lugar não lhe seja posto imediatamente à disposição por ter feito sessenta viçosas primaveras, e que ele tenha de ultrapassar algumas pequenas formalidades, como ganhar eleições legislativas, lá para 2018, na melhor das hipóteses, 2019, na pior. Ou seja, Rui Rio, a eterna promessa da política portuguesa, chegaria a primeiro-ministro com a módica idade de… 62 anos. Sendo ele um reformista, única razão que o levará a ser líder do PSD e primeiro-ministro de Portugal, deverá tentar ficar no poder, pelo menos, duas legislaturas seguidas, para poder levar por diante as profundas transformações que reserva para o país. Sairia, assim, do governo aos 70 anos, mesmo a tempo de se lançar para a presidência da República e concluir dois mandatos com 80. É impossível? Claro que não: Churchill chegou ao poder com 65 anos e arrasou a Alemanha. De Rui Rio não se pode esperar menos.

rui-rio

Anúncios
15 comentários leave one →
  1. PiErre permalink
    30 Outubro, 2016 18:50

    Seja como for, o que é certo é que Passos Coelho já mostrou, amplamente, que não vale nada.
    Rui Rio idem.
    E essa de Churchill ter arrasado a Alemanha é de fazer rir.

    Gostar

    • Euro2cent permalink
      31 Outubro, 2016 22:56

      > E essa de Churchill ter arrasado a Alemanha é de fazer rir.

      Vinha cá dizer isso. (“With a little help from my friends, obladi, oblada…”)

      Bem, pelo menos já sabe que não nasceu plantado no lugar, como parece que é de esperar de outras figuras menores.

      Gostar

  2. Manuel permalink
    30 Outubro, 2016 19:06

    Se for para fazer o mesmo de Passos e Costa pode continuar sentado, lá onde está. A recuperação do país só é possível com um programa arrojado. Um programa nacional e patriótico deve conter: corte na despesa do Estado na ordem dos 10000 milhões de euros; impostos à taxa máxima de 20%( o famoso quinto do ouro do Brasil); renegociação da dívida pública, em maturidade e juros, e assim reduzir os juros para uns 5000 milhões de euros. Esta redução de juros é perfeitamente possível, a Grécia paga pelo stock da dívida 1,8% e nós pagamos 3,5%. Um programa de governo decente, deve igualmente conter um rol das centenas de taxas que pagamos e prometer eliminar quase todas, começando pela CAV da RTP, esta, deve ser privatizada. Por último, agravamento das penas para os gestores corruptos do património público.Passos, já sei que não sabe fazer, saberá Rui Rio? Na câmara foi capaz, mas no país?

    Gostar

    • carlos alberto ilharco permalink
      30 Outubro, 2016 22:50

      Não.
      E também não, não vai candidatar-se a lugar nenhum.
      É alemão, frio e cauteloso e sabe que não pode vencer Passos Coelho.
      O Expresso agora nem para embrulhar peixe presta.
      São muito imaginativos, deviam começar a fazer guiões para cinema.

      Gostar

  3. Colono permalink
    30 Outubro, 2016 19:20

    Preferia Manuela Ferreira Leite.

    Fiz as mesmas contas de idades, teríamos MFL Presidenta da República a acabar o mandado aos 121 anos!

    Liked by 4 people

  4. LTR permalink
    30 Outubro, 2016 20:15

    Não será melhor pedir contas ao Expresso? É que ainda há poucos anos eles fizeram uma capa que dizia “FMI já não vem”, que calhou de sair antes das eleições legislativas.

    Gostar

  5. Arlindo da Costa permalink
    30 Outubro, 2016 22:21

    Preferia o Alberto João Jardim, o único ex-dirigente do PSD que ainda pensa pela sua cabeça e que tem lucidez suficiente.

    Gostar

  6. José Ramos permalink
    30 Outubro, 2016 23:03

    Rui Rio não é Churchill, é uma daquelas verdades evidentes por si mesmas.

    Gostar

  7. 30 Outubro, 2016 23:26

    ehehe nunca percebem a ironia do rui a.

    Liked by 1 person

  8. 31 Outubro, 2016 02:46

    O Rio é o mandatado do Martelo e da maçonaria para fazer de moleta do Costa Concórdia! Só não vê isto quem não quer… Passos Coelho pode não ser o expoente máximo do liberalismo, mas já deu provas que quer( e fez) reformar o País e acabar com os atrincheirados dos fúncios e dos lobbys, vai ser PM dentro de pouco tempo… aliás, quanto mais o Bosta Governa melhor para Passos, mais o Bosta se queima e a responsabilidade do resgate é inteiramente dele..Desta vez não vai cair só o PS, cai a esquerda toda! Será das maiores reformas estruturais feitas em 900 anos de história!

    Gostar

    • Manuel permalink
      31 Outubro, 2016 16:15

      Nova bancarrota? Sim. Reformas estruturais, não acredito.

      Gostar

  9. Emparedado permalink
    31 Outubro, 2016 19:33

    Passos Coelho é o ÚNICO (visível) capaz de suster a queda para a desgraça.
    Acreditam no homem invisivel? Eu também não!

    Liked by 3 people

  10. PiErre permalink
    1 Novembro, 2016 07:01

    Só crenças.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: