Skip to content

Deixem-se de gritinhos e expliquem as coisas!!!!

2 Fevereiro, 2017

a) 1.250 pessoas tentaram imigrar ilegalmente para a Austrália e que estão, neste momento, em centros de detenção australianos nas ilhas de Manus (Papua Nova Guiné) e Nauru.

b) Barack Obama assinou um acordo para receber esses refugiados (a maioria proveniente do Irão), que a Austrália não quer que fiquem no país.

c) Em troca, a Austrália aceitou receber refugiados de El Salvador, Guatemala e Honduras

Alguém consegue informar:

a) A Austrália não que estes emigrantes/refugiados do Irão porquê?

b) Onde estão os refugiados de El Salvador, Guatemala e Honduras que Obama se propunha mandar para a Austrália? Quantos são?

c) Quais as vantagens para ambos os países, além da promoção dos voos intercontinentais, desta troca de refugiados/emigrantes?

Advertisements
21 comentários leave one →
  1. 2 Fevereiro, 2017 13:44

    O Trumpo conseguiu uma proeza cá em casa. Deixámos de nos enjoar com o Morcela. Antes: são oito da noite, liga aí a televisão no Morcela. Agora: são oito da noite, liga aí a televisão no Trumpo.

    Liked by 1 person

  2. Manuel permalink
    2 Fevereiro, 2017 14:42

    O Nobel Obama trocava refugiados, lembro-me e com saudade da troca de cromos nos intervalos das aulas, alguma nostalgia.

    Gostar

  3. 2 Fevereiro, 2017 15:47

    Claro que o que convém são os gritinhos para ninguém entender verdadeiramente o que se passa.
    Não interessa abordar os assuntos de forma séria e serena que é para não se ter que admitir que o Trump até tem razão. Esse é o grande crime: admitir que Trump está certo e tem razão.

    O meu agradecimento à Helena por ir mantendo a lucidez de dar a conhecer os factos.

    Liked by 2 people

    • Antonio Cardoso permalink
      2 Fevereiro, 2017 16:17

      Vivemos num mundo de loucos onde a loucura e a nova nomalidade. Habituem-se e agarrem-se bem porque isto vai ser violento.

      Gostar

  4. 2 Fevereiro, 2017 15:53

    Eu acho tudo isto muito mal porque os voos intercontinentais contribuem muito para o aquecimento global, tal como os jactos privados do Leonardo DiCaprio.

    Gostar

  5. Arlindo da Costa permalink
    2 Fevereiro, 2017 16:36

    Não tem nenhuma razão, Drª Helena. Quem anda a bombardear e a vender armas a terroristas é que devem acolher os pobres refugiados.
    Os EUA é que devem os receber.
    Imagina que Portugal bombardeia Marrocos, seria a Espanha a ter o dever moral de receber refugiados marroquinos?

    Gostar

    • 2 Fevereiro, 2017 16:47

      ó Arlindinho, foi o PS, o PCP ou o BE que te instruíram a escrever isso aqui? E tu, como obediente que és, fazes “copy-past”. Continua que vais longe…

      Gostar

    • 2 Fevereiro, 2017 16:57

      Como Portugal não bombardeou ninguém não tem que receber refugiados.

      Bem sabia que o Kosta era um idiota em receber refugiados. Se ele tem falado com o Lindinho já nada disso acontecia.

      Liked by 2 people

    • Eleitor permalink
      2 Fevereiro, 2017 19:01

      O Arlindo é grande cabeça!

      Gostar

  6. Bernardo Hourmat permalink
    2 Fevereiro, 2017 16:43

    De acordo com várias fontes noticiosas (basta uma pesquisa no Google), o acordo previa que os EUA estariam dispostos a aceitar receber aqueles indivíduos que estivessem dados como “refugiados”, sendo que aqueles que não fossem considerados como tal, não seriam aceites. Estes “candidatos” teriam ainda que ser entrevistados duas vezes pelo “Homeland Security” antes de serem instalados em território norte-americano, um processo que pode (poderia?) demorar entre 6 a 12 meses a ficar concluido. As origens dos ditos refugiados também é um pouco mais abrangente e inclui Sri Lanka, Paquistão e Bangladesh.

    Curiosamente, não é feita referência a nenhuma “troca” de refugiados da Guatemal/Honduras/El Salvador. Pode facultar fontes, porventura?

    Aparentemente, a Austrália recusa-se a aceitar quaisquer refugiados/imigrantes ilegais que tentem entrar em território australiano por via marítima, sendo que os que são apanhados, ficam detidos nos tais centros de Manus e Nauru em condições, no mínimo, deploráveis. Já agora, o track record australiano em relação a estes “centros de acolhimento” também não parece particularmente exemplar, pelo que poderá ser esse um dos motivos para terem negociado o dito acordo…

    Gostar

    • 2 Fevereiro, 2017 16:50

      Porque a Austrália é uma ilha, lá não entra animal nem planta sem ser declarado. Quanto mais emigrantes económicos ilegais a fingirem de refugiados.

      Liked by 2 people

    • carlos alberto ilharco permalink
      2 Fevereiro, 2017 17:33

      Já perguntei noutro lado, mas aproveito para repetir-me.
      Donde é que vêm esses refugiados de barco?
      Do Iraque parece-me um bocadinho assunto para Guinness.
      Dali perto só vejo de Bora Bora.

      Gostar

    • bst permalink
      2 Fevereiro, 2017 17:59

      A fonte que pediu: “The latest Australian government figures show that, on Manus Island, of 859 final determinations, 669 men have been granted refugee status, while 190 have been been given negative final determinations on their claim for protection.

      On Nauru, of 1,200 refugee status determinations, 983 have been positive, and 217 negative.

      In the US, several high-profile Republicans and supporters of the new president have said Trump’s administration could abandon the Australian resettlement deal. Neither the president nor any members of his team have commented directly on the deal.

      In September, at an international conference called by the former president Barack Obama to address global refugee flows, Australia committed to resettling refugees from camps in Costa Rica. Those central American refugees have mainly fled the countries of Guatemala, Honduras and El Salvador devastated by gang and drug violence.

      Guardian Australia has contacted the Department of Immigration and Border Protection for comment as well as the office of minister Peter Dutton.”
      https://www.theguardian.com/australia-news/2017/jan/23/us-officials-visit-manus-island-as-australias-refugee-deal-stays-on-track

      Gostar

  7. Artista Português permalink
    2 Fevereiro, 2017 17:45

    O Trump até podia ter sugerido a transferência de refugiados de um centro de detenção para outro. Que tal Guantanamo? Um lugar com vagas e sem dúvida com alguma relevância tanto mais que proporcionou um prémio Nobel ao autor de toda esta trama.

    Gostar

  8. Arlindo da Costa permalink
    2 Fevereiro, 2017 18:17

    Como é que possível, depois da queda do comunismo e do nazismo, haver pessoas que estão de acordo com esta «doutrina» Trump.

    Porque é que vocês não vão para a América? Ou será que a América não vos quer nem para fritar batatas nem para limpar sanitas?

    Gostar

    • carlos alberto ilharco permalink
      2 Fevereiro, 2017 18:46

      Não seja estúpido publicamente, faça-o em privado.
      A América, melhor dizendo os EUA não precisam de ninguém, têm lá centenas de milhares para fritar as batatas e limpar as sanitas.
      Do resto do Mundo, uma percentagem significativa gostava de lá morar, atá a Daniela Ruah se pirou para lá.
      Acho uma piada imensa chamarem refugiado a um fulano que chega num voo regular a JFK com as bagagens para entrar no táxi.
      “Leve-me ao Centro Estadual de Refugiados do Irão, na 47th”
      Não responda, vai espalhar-se.

      Gostar

    • Eleitor permalink
      2 Fevereiro, 2017 19:06

      Ó camarada! Esta doutrina do Trump é a mesma dos teus amigos. Vais a resistir.info (intelectuais comunistas) e lá poderás ler grandes elogios ao Trump e grandes enxovalhos ao Obama.
      Está a parecer-me que andas a “desalinhar”, se bem que se possa dar o caso de não dares por isso. Mantém-te a par do que dizem os teus camaradas.

      Gostar

    • Tiradentes permalink
      2 Fevereiro, 2017 20:03

      A comunismo….(tal como o nazismo) assassino e de muros não caíu como o arlindinho quer fazer crer. Caíram sim as sociedades miseráveis e opressivas que eles esbulharam e massacraram.
      O mental não caíu como o próprio o prova, porque ainda há muito para rapinar e muitos para massacrar. O muro hoje em dia é mental, de uns filhos da p. que se acham olhando ao espelho donos da boa moral que é mais xenófoba e racista com quem não é da camarilha deles que o próprio nazismo para com os judeus.

      Gostar

  9. A. R permalink
    2 Fevereiro, 2017 19:23

    É preciso ser-se um grande fdp para trazerem isto às notícias:
    O fdp do Obama acabou com a lei que permitia aos desgraçados dos cubanos que fogem da miséria e da opressão em busca de uma vida melhor, em cima de câmaras de ar e jangadas, ter asilo; Indignação da esquerda? Nenhuma!
    Os fdps dos democratas barraram o acolhimento dos fugidos ao comunismo no Vietname em 1975 tendo muitos perdido a vida por causa disso; Indignação da esquerda? Nenhuma!
    O fdp do Obama fez um profiling religioso tão rigoroso que levou a que 99.5% dos refugiados nos EUA sejam muçulmanos e apenas 0.5% de outras religiões (na Síria os cristãos eram 10% e eram eles os perseguidos). Indignação da esquerda? Nenhuma!
    O fdp do Obama expulsou 2 milhões de mexicanos; Indignação da esquerda? Nenhuma!
    O fdp do Obama e do Carter barraram a entrada de pessoas dos países que Trump boicota; Indignação da esquerda? Nenhuma!
    Cidadão israelita decente e cumpridor da lei não entra em 11 países? Indignação da esquerda? Nenhuma!

    Ide para o c$%&#”$.

    Liked by 1 person

  10. Carlos permalink
    3 Fevereiro, 2017 06:58

    JM, cuidado com o morcela que ainda há pouco tempo uma alheira deu problemas

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: