Skip to content

Não sei se é mais interessante o que diz Caiado Guerreiro se a total esquizofrenia entre o que ele diz, o que lhe perguntam e o oráculo

23 Fevereiro, 2017

Advertisements
34 comentários leave one →
  1. lucklucky permalink
    23 Fevereiro, 2017 13:21

    Se há um “problema” de os outros fizerem o que querem ao seu dinheiro.
    E tal for por causa dos Paraíso Fiscais resolve-se facilmente tornando Portugal num Paraíso Fiscal em vez da Opressão Fiscal em que estamos.

    Gostar

  2. 23 Fevereiro, 2017 13:46

    Cortinas de fumo. Todos os anos saem estas noticias, o ano passado o Publico publicou em abril a mesma noticia. Pergunta fulcral : é ilegal transferir dinheiro para off-shores. Resposta: não.

    Liked by 1 person

    • sam permalink
      23 Fevereiro, 2017 14:19

      Resposta correcta: pode ser, pode não ser.

      Gostar

      • 23 Fevereiro, 2017 15:45

        JC,

        não é ilegal, mas tem de ser declarado à ET/MFinanças.

        Por o que me explicaram (não aqui no Blas), se levarem as investigações a sério, SEM CONIVÊNCIAS político-partidárias(!), à “esquerda” e à “direita” surgirão estragos…
        Mas a tendência é serenar o caso…

        Gostar

  3. Tiro ao Alvo permalink
    23 Fevereiro, 2017 13:51

    A montanha vai parir um rato. Vamos conhecer quem fez as megatransferências para Paraísos Fiscais e a favor de quem. E vamos conhecer quem são as empresas em causa, provavelmente compradoras de matérias-primas para pagarem a fornecedores com domicílio fiscal nesses Paraísos, do género a GALP, na compra de petróleo. E que todas essas operações foram convenientemente comunicadas às autoridades competentes. E que não houve, em Portugal, fuga a impostosl.
    Mas uma coisa é certa, o Costa conseguiu pôr toda a comunicação social a falar disso, desviando a atenção do imbróglio da CGD e arrebanhou um grande número de eleitores que ficaram a pensar mal do governo anterior.
    Em tempo de guerra, a isto chama-se contra-informação; em tempo de paz e em países democráticos, a isto chama-se politiquice baixa. Mas posso estar enganado.

    Liked by 1 person

    • sam permalink
      23 Fevereiro, 2017 14:27

      Pode ser politiquice baixa, mas o PS encontrou uma brecha e tratou de aproveitá-la.
      Pode ter sido por óptimas razões, mas alguém decidiu fazer segredo das transferências e omitir a sua divulgação. Não dá bom aspecto.
      Pode estar completamente inocente, mas o responsável da Secretaria afirmar que não sabe de nada não lhe fica bem.

      Gostar

    • Tiro ao Alvo permalink
      23 Fevereiro, 2017 17:40

      SAM, os bancos comunicam automaticamente estas operações às entidades competentes. E essas entidades, em operações de tão elevado valor, não deixam de analisar o que se está a passar, verificando se as operações são normais, ou não. O que parece estar é causa é a falta de divulgação de estatísticas, que é coisa muito diferente de fuga a impostos. E não me admiro que os Secretários de Estado não tenham conhecimento dessas operações, que acontecerão regularmente e não têm nada de extraordinário.
      O valor referido – 10.000 milhões de euros em vinte transferências, durante 3 ou 4 anos -, pode não estar sujeito a qualquer imposto e ser apenas, como eu julgo que é, para pagar importações de matérias-primas essenciais ao funcionamento da nossa economia.
      Além do mais e a meu ver, quem quis mandar dinheiro para esses paraísos, já o fez há muito e não esteve à espera que o Sócrates chamasse a Troica. Aguardemos, pois.
      .

      Liked by 1 person

      • sam permalink
        23 Fevereiro, 2017 18:55

        TIRO, pois aí é que está o problema: se as operações foram controladas, se os valores em causa não têm que ver com fugas de impostos, mais estranho é que se tenha omitido a divulgação das transferências. E que o Núncio diga que não sabe (que foi dada uma ordem para omitir essa divulgação, nem quem a deu), é no mínimo confrangedor.

        Gostar

      • Tiro ao Alvo permalink
        23 Fevereiro, 2017 19:20

        Aguardemos, SAM. Eu não acredito que alguém, seja quem for, tenha dado ordens para omitir essa divulgação. Nós não estamos em África – as minhas desculpas aos africanos -, nem Portugal é isso que as Marianas nos querem fazer crer, um país de bananas. Nem os funcionários que servem o fisco são tão estúpidos – pondo de lado a posição do sr. Ralha que não pode com o Núncio e anda sempre, doentiamente, parece-me, a tentar morder-lhes as canelas, apenas por alinhamento partidário.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        23 Fevereiro, 2017 20:18

        Porque é que se deve divulgar dados privados de pessoas?

        Quer as suas transações na praça publica?

        Gostar

      • Tiro ao Alvo permalink
        23 Fevereiro, 2017 20:54

        lucklucky, dados estatísticos não são dados privados e não põem a vida de ninguém na praça pública. Quer os funcionários dos Bancos, quer dos Serviços de Finanças estão obrigados a sigilo profissional.

        Gostar

  4. javitudo permalink
    23 Fevereiro, 2017 14:56

    As cortinas de fumo do kosta não lhe servirão de muito.
    A aldrabice pegada já cheira mal e em breve saberemos dos detalhes.

    Gostar

  5. Baptista da Silva permalink
    23 Fevereiro, 2017 16:53

    O Louçã e o Murteira Nabo, acabam de ser nomeados consultores do Banco de Portugal, com esta é que eu não contava, é descarado demais.

    Liked by 1 person

  6. javitudo permalink
    23 Fevereiro, 2017 16:59

    Os raposões entraram na capoeira.

    Gostar

  7. 23 Fevereiro, 2017 17:18

    O PP pediu uma audiência ao Marcelo Craveiro Thomaz por causa de assuntos desagradáveis (condução das sessões) que estão a passar-se na ARepública.
    Rapidamente, o que, segundo o Expresso, fez MCThomaz ? Convidou o preguiça Ferro para almoçar antes de receber a Cristas…

    Gostar

    • Viriato de Viseu permalink
      24 Fevereiro, 2017 00:55

      Mas o MCThomaz, ou melhor, o Papagaio de Belém, já disse que este repasto estava já programado….olhem a coincidência…

      Gostar

      • 24 Fevereiro, 2017 01:30

        O cérebro do MCThomaz não consegue raciocinar, crivar o que lhe convier-e-o-resto-que-se-lixe. Sai de jacto. No caso, uma mentira.

        Gostar

  8. Colono permalink
    23 Fevereiro, 2017 18:03

    Seja legal ou ilegal estou-me nas tintas….

    O que roubei nas áfricas e brasis está bem recatado na offshore da caixa forte do Banco de Portugal ….

    Gostar

    • 23 Fevereiro, 2017 19:02

      Neste país de banditismo ao mais alto nível, tem a certeza que já não mudaram a fechadura e/ou o código ?

      Gostar

    • Viriato de Viseu permalink
      24 Fevereiro, 2017 01:01

      Colono, tens que ir rapidamente à caixa forte do BP conferir, porque alguém já roubou parte do teu precioso ouro.

      Gostar

  9. José Domingos permalink
    23 Fevereiro, 2017 19:01

    E o dinheiro ” retirado ” da CGD, foi “emprestado” a quem?

    Liked by 1 person

    • 23 Fevereiro, 2017 19:07

      Politica e partidariamente isso é uma falsidade ! Ninguém emprestou dinheiro a alguém. Essa é uma bataglia a travar pela lena que gosta de comer robalos antes de saltar à vara e de ler ao serão os pensamentos do sócrates.

      Liked by 1 person

  10. Arlindo da Costa permalink
    23 Fevereiro, 2017 22:23

    Facto: voaram 10.000 milhões (repito DEZ MIL MILHÕES!!!) e o Paulo Núncio andava a fazer listas VIP para acesso ao cadastro fiscal…

    Ou seja andava a distrair o pagode!

    Gostar

    • 24 Fevereiro, 2017 01:34

      CalmeX. A “matéria” é melindrosa para a “direita”, para o “centro” e para a “esquerda”.

      Gostar

    • lucklucky permalink
      24 Fevereiro, 2017 10:33

      Arlindo é o prototipo do Socialista, Sempre a querer a riqueza criada pelos outros.

      Gostar

  11. piscoiso permalink
    24 Fevereiro, 2017 10:17

    Uma cortina de fumo com a espessura de dez mil milhões, é um bocado intoxicante.

    Gostar

  12. lucklucky permalink
    24 Fevereiro, 2017 10:31

    Como eu já tinha dito é o jornalismo do Publico:

    Gostar

  13. LTR permalink
    24 Fevereiro, 2017 11:31

    “CGD sai da Zona Franca da Madeira e vai para o offshore das ilhas Caimão”

    “Transferencia de depositos para ilhas Caimão evita perda de clientes diz o presidente da CGD”

    Liked by 1 person

  14. JP Ribeiro permalink
    24 Fevereiro, 2017 12:44

    Esquizofrenia total dos jornalistas E dos comentadores. O que o entrevistado diz é que as ilegalidades são produzidas todos os dias, por este governo também, com o alto patrocínio do PCP no que toca à corrupção.
    O resto é conversa socialista para boi dormir. Uma vez que a transferência de capitais é livre, é bom lembrar que em tempos de estabilidade política entram mais capitais em Portugal do que saem.

    Gostar

    • LTR permalink
      24 Fevereiro, 2017 16:00

      Um aspecto interessante! Nunca ninguém refere quanto entra no país nos mesmos ou noutros períodos. Certamente, deve ser dinheiro sujo. 🙂

      Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: