Skip to content

No pasa nada

24 Fevereiro, 2017

COPENHAGEN, Denmark — A Danish prosecutor says a 42-year-old man in northern Denmark has been charged with blasphemy for allegedly burning the Quran and posting a video of it on Facebook.

Jan Reckendorff says it was the first time since 1971 that a person was charged for “publicly mocking a religious community’s religious doctrines or worship,” adding it is punishable by imprisonment for up to four months or fine.

Reckendorff said Wednesday the man, who wasn’t identified, burned the Quran in his backyard and posted the video Dec. 27, 2015 on an anti-Muslim Facebook page.

Advertisements
15 comentários leave one →
  1. Castrol permalink
    24 Fevereiro, 2017 16:44

    O que mais surpreende, ou talvez não, é o Ocidente estar a implodir pelo lado dos países ditos mais “desenvolvidos”.

    Em termos de estratégia, tire-se o chapéu aos responsáveis pela expansão do Islão!

    Agora impõe-se, no mínimo, medida idêntica para quem queime a Bíblia ou se vista de freira ou padre no próximo carnaval…

    Liked by 2 people

    • piscoiso permalink
      24 Fevereiro, 2017 17:03

      E porque não escavacar uma imagem da senhora de Fátima?

      Gostar

      • sam permalink
        24 Fevereiro, 2017 20:32

        Se te fizer feliz, porque não?

        Gostar

      • 24 Fevereiro, 2017 22:49

        Os “tolerantes” da 1.ª República mandaram a Capelinha das Aparições pelos ares com uma bomba…

        Gostar

  2. javitudo permalink
    24 Fevereiro, 2017 17:33

    Sinais de tormenta.

    Gostar

  3. 24 Fevereiro, 2017 18:19

    CalmeX ! Guardem os fósforos.

    Gostar

  4. Juromenha permalink
    24 Fevereiro, 2017 18:19

    Na terra do Mirito não acontecem coisas destas…
    Por que será?

    Gostar

  5. Arlindo da Costa permalink
    24 Fevereiro, 2017 20:10

    Temos que combater o fascismo islâmico.

    E não esquecer que o fundamentalismo islâmico foi criado e financiado – durante a guerra fria, para combater os regimes laicos, progressistas e amigos da URSS – pelos EUA, pela Grã-Bretanha e pelos regimes totalitários do Golfo Pérsico.

    Não vale a pena a andar – como Diógenes de lanterna ao meio dia – acusar um ou outro muçulmano – quando há regimes diabólicos e fascistas para condenar.

    Nunca vi a Drª Helena condenar os regimes de cortadores de cabeça do Golfo. Entretem-se com raia miúda )

    Gostar

    • sam permalink
      24 Fevereiro, 2017 20:19

      “quando há regimes diabólicos e fascistas para condenar.”
      Estás a falar do regime sírio, Arlindinho?

      Gostar

      • Arlindo da Costa permalink
        24 Fevereiro, 2017 20:24

        O regime sírio é um regime laico, secular e pró-ocidental.

        Nada tem a ver com os cortadores de cabeças e de mãos da Arábia Saudita.

        Gostar

      • lucklucky permalink
        25 Fevereiro, 2017 00:09

        E por ser laico, secular e “pró-ocidental” – armado até aos dentes pelos soviéticos- apoia o Partido de Deus…

        És um génio Arlindo.

        Gostar

    • 25 Fevereiro, 2017 14:48

      és mesmo pobrezinho de espirito.

      Gostar

  6. 24 Fevereiro, 2017 22:51

    “regimes laicos, progressistas e amigos da URSS” ? LMFAO

    Gostar

  7. Artista português permalink
    26 Fevereiro, 2017 12:27

    E o artista autor das caricaturas de Maomé? Já agora, a ver se alguém é incriminado na Dinamarca por queimar o evangelho…

    Gostar

  8. 26 Fevereiro, 2017 13:18

    Fica aqui o comentário que o Observador me censurou no seu artigo acerca da cena do Carrilho e da Bárbara Guimarães. Quando o colocar, volto a repetir.

    É uma anormalidade a censura do Observador que já compete com a do Público.
    ———————————–

    Mas alguém sabe o que se passou para dizer que foi o tipo que fez e aconteceu?

    Ninguém bate em quem se faz respeitar.

    E nenhum mulher independente deixa que lhe batam se não gostar de apanhar.

    ponto final.

    Mete-me nojo fazer novela de uma falta de vergonha privada entre adultos que podem e devem resolver problemas domésticos sem fazer disso merda de mais uma causa.

    A única causa em questão chama-se: educação ou falta dela.

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: