Saltar para o conteúdo

ainda há gente de palavra

12 Dezembro, 2017
by

Há dois dias, a senhora presidente da Raríssimas tinha prometido que a associação publicaria, em 48 horas, um comunicado a esclarecer todas as acusações que sobre si recaiam.

Hoje mesmo, a senhora presidente cumpriu o prometido.

Parabéns!

Anúncios
17 comentários leave one →
  1. Artista português permalink
    12 Dezembro, 2017 17:41

    Na verdade, nunca vi esclarecimento tão completo e minucioso. Assim, sim! Dá gosto viver neste regime…

    Gostar

    • Oscar Maximo permalink
      12 Dezembro, 2017 20:34

      Tão completo que mete a necessária cabala bem montada.

      Gostar

  2. 12 Dezembro, 2017 17:46

    Será, penso, a primeira vez que uma esganiçada-do-centrão cumpre.

    Gostar

  3. LTR permalink
    12 Dezembro, 2017 17:54

    Mistérios dos ministérios nas notícias

    v1.0 – Nós não sabíamos de nada no ministério
    v1.1 – Nós não recebemos nada no ministério
    v1.2 – Desapareceram as cartas no ministério
    v2.0 – Eu que sou ministro não sabia de nada
    v3.0 – O MP está a investigar o caso há meses
    v4.0 – O nosso ministério está a investigar há meses

    Gostar

    • 12 Dezembro, 2017 18:09

      cambada de mentirosos !
      …E siga o baile, que a populaça-NADA está-se marimbando para o caso

      Gostar

  4. LTR permalink
    12 Dezembro, 2017 18:13

    Isto já não deixa dúvidas a ninguém – estamos a transitar para um regime como o venezuelano, onde a lei, a ordem pública e o estado de direito já nada valem, ficando submetidos aos ditames da nova autoridade suprema socialista:

    “Todas as empresas são obrigadas a tornar públicas as suas contas. As Instituições Particulares de Solidariedade Social são obrigadas a publicá-las nos seus sites, mas a tutela diz que elas são “confidenciais”.”

    Gostar

  5. Manuel permalink
    12 Dezembro, 2017 18:40

    É necessário ver para além da árvore. As fundações, associações, ipss e outras que recebem dinheiro do orçamento de Estado e da U.E, têm quase todas um “modus operandi” muito similar. É possível consultar as contas de algumas pelo Google e, mesmo recebendo subsídios apresentam prejuízos e, as presidentes(algumas) têm ordenados pornográficos e o resto que os balanços não mostram. Este problema é transversal aos partidos políticos e seria bom ouvir o Ministro Gaspar sobre a sua incapacidade(não deixaram) para resolver este assunto. A senhora da “raríssimas” vai ser o boi piranha para passar a manada. Veremos, em breve, o PSD e o PP a defenderem a dita “economia social”. Todas as fundações, associações, ipss deviam ser auditadas de imediato e, onde existirem casos de peculato e outras anomalias, o assunto deve passar para o MP. Apesar de serem milhares a investigar a despesa será bem compensada, lembro que no tempo do Passos e, não deve ser muito diferente nos dias de hoje, o Estado concedia em subsídios uns 2000(dois mil) milhões de euros.

    Gostar

  6. carlos alberto ilharco permalink
    12 Dezembro, 2017 19:11

    A senhora procedeu muito bem, seguiu a doutrina Jorge Coelho, um passo em frente e desaparecer de cena.

    Gostar

  7. Arlindo da Costa permalink
    12 Dezembro, 2017 19:31

    Uma raríssima atitude nos tempos que correm 🙂

    Gostar

  8. licas permalink
    12 Dezembro, 2017 20:30

    carlos alberto ilharco PERMALINK
    12 Dezembro, 2017 19:11

    NÂO pode ficar-se pela simples demissão.
    Se, por virtude, houve “desencainhamento” de dinheiro
    a acção penal não deve ser ultrapassada. . .
    (digo eu)

    Gostar

    • carlos alberto ilharco permalink
      12 Dezembro, 2017 22:36

      Tanto quanto me parece a senhora limitou-se a gastar mal (na opinião social) o dinheiro em “despesas de representação”.
      Se não “desviou”, parece-me que vai ser complicado haver acção penal, ainda por cima porque há gente Muito Importante que tinha deveres de controlo e não o fez.
      São intocáveis e ela vai sê-lo por tabela.
      Isto é apenas um palpite, baseado nas dezenas de casos parecidos que tem havido aqui na República das Bananas.

      Gostar

  9. licas permalink
    12 Dezembro, 2017 20:32

    desencaminhamento (of course)

    Gostar

    • 12 Dezembro, 2017 21:36

      licas,

      gente fina não desencaminha dinheiro. Coloca-o por distração noutro local.

      Gostar

  10. Procópio permalink
    12 Dezembro, 2017 20:34

    Se fosse possível saber de fato o que se passa aos mais diversos vários níveis … verificaríamos que o caso é banal. Só os que querem ver duvidam da agilidade, da prosmicuidade desta coisa chamada pêésse.
    A senhora pode ter sido tramada pela inveja de alguma empregada de limpeza.
    Andava bem vestida de mais?
    Há quem esteja a gamar muito mais e há muito mais tempo.
    Os filósufus da nossa praça, ocupados com a luta contra o neoliberalismo, vão debruçar-se sobre o assunto? Por certo não têm tempo. De fato o que se passa tem pouco de filosofia, é simplesmente velhacaria e gatunagem.
    A pulhice está à vista um pouco por todo o lado. Se fosse verdade o que certas empresas de sondagens afirmam teríamos que considerar 75% aceitam todo o tipo de imundície da parte do nº 2&seita sem se incomodar. O passado já fazia temer o pior. O nº 1 alcançou votações históricas e ainda hoje há quem venere dentro da própria geringonça.
    A decadência acelera a cada passo, a nomeação da nova secretária de estado da saúde, completamente impreparada para o lugar é um anúncio. Perante o descalabro do sns que se avizinha, esperemos que não zurre.
    Vis to de cima o sítio tem várias divisões.
    1. a mangedoura – para tipos com apetite devorador
    2. a pocilga – só frequentada pelos deputados certos
    3. o wc – muito frequentada mas o rolo já não chega para todos
    4. a floresta queimada – só para quem sabe dar beijinhos
    5. as praias algarvias – só para quem tempo
    6. os hospitais – local de eleição ds estirpes resistentes e legionelas marotas
    Você é dos que não frequenta estes espaços?
    Pague os seus impostos e xuxa calada.
    Goze cada dia que passa.
    Amanhã será pior.

    Gostar

  11. licas permalink
    12 Dezembro, 2017 21:17

    À generalidade dos “blas” recomendo do blog “Da Rússia” (J. Milhazes) o post
    “Recordar 25 Novembro 1975”
    com informação muito importante, geralmente desconhecida, da tentativa de interferencia da URSS por intermédio do enviado a Lisboa, V. Zagladin sob ordens de Brejnev.
    Aprendam . . . principalmente os menores de 40 anos.

    Gostar

  12. Sérgio Gonçalves permalink
    12 Dezembro, 2017 21:47

    E as declarações do presidente da república sobre este tema?

    Gostar

  13. Prova Indirecta permalink
    12 Dezembro, 2017 23:19

    Lá fecundaram a vida ao herdeiro da parada .
    😦

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: