Skip to content

A certificação da ideologia

7 Janeiro, 2018

“Governo estuda certificado de igualdade de género para empresas”. Notícias pressurosas informam-nos que o nosso Governo estuda este documento com o governo da Islândia que temos sido abundantemente informados ser um país governado por uma senhora que é pacifista, ecologista, feminista… enfim uma política que está no lado bom das notícias.
A primeira reacção seria a de sorrir com condescendência como se este “certificado de igualdade de género” fosse mais uma na longa série de decisões grotescas de um governo que não consegue garantir a segurança dos cidadãos mas não os deixa comer arroz doce nos bares dos hospitais. Mas nada disto é uma excentricidade: aquilo que estamos a viver é a transformação da ideologia numa grande burocracia, em que as empresas são um palco para experiências sociais e a discordância individual é tratada como uma anomalia. Quando não como um crime. Veja-se, por exemplo, a queixa apresentada pela Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG) contra o jornalista José António Saraiva.

Anúncios
6 comentários leave one →
  1. 8 Janeiro, 2018 00:03

    Já que a Islândia é um país muito frio, perto do Pólo Norte, esta merda de “governo” não-eleito de Portugal também podia estudar como os hospitais islandeses tratam os seus cidadãos durante epidemias “moderadas” de gripe.

    Gostar

  2. Arlindo da Costa permalink
    8 Janeiro, 2018 00:29

    Eu estou com a Drª Helena. Ainda bem que ela não atinge o meu nível de remuneração. Ainda vale a pena ser homem. Já minha mãe dizia, tens que trabalhar e ganhar o suficiente para sustentar a tua mulher.

    Gostar

  3. 8 Janeiro, 2018 13:04

    A senhora sua mãe “estava por conta?”’

    Gostar

  4. Zé Manel Tonto permalink
    8 Janeiro, 2018 13:48

    Com estas brincadeiras SJW de igualdades salariais e discriminações várias, com malta a chorar machismo e racismo por tudo e dá cá aquela palha, eu já decidi:

    Quando tiver uma empresa só contrato homens brancos.

    Assim ninguém se pode queixar que recebe menos por não ter pila, ou por ter uma cor diferente.

    Gostar

  5. Artista português permalink
    8 Janeiro, 2018 14:29

    É sobre a “igualdade de género nas empresas” que o nosso governo vai cooperar com o da Islândia? Uffff! Pregaram um susto! Cheguei a recear que essa colaboração era para tratar dos responsáveis pelas fraudes bancárias e colapso financeiro em que a tal Senhora foi exímia a reagir, pedir responsabilidades e punir. Pregam cada susto à gente….

    Gostar

  6. Carlos permalink
    8 Janeiro, 2018 15:58

    Deu-lhes agora para usar a Islândia como termo de comparação para tudo. Um país com uns 400.000 habitantes, incluindo velhos e crianças. E se ganhassem juizo?

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: