Saltar para o conteúdo

Um Bom Líder Não Procura Consensos Com Costa

5 Março, 2018

É um erro gigante procurar consensos com gente que não tem feito outra coisa senão demonstrar todos os dias falhas de carácter. Pessoas que mentem, escondem, manipulam e ainda fingem estar do lado do cidadão. Pessoas que nitidamente demonstram que vêm só para satisfazer seu ego (e o dos familiares e amigos). Mas apesar de todas as evidências, há quem pense que pode haver consensos junto de pessoas que traíram adversários. Que pisam tudo o que aparece pela frente sem escrúpulos.  Não se trata de ideologias, mas de carácter. Desculpem, mas isso não faz sentido.  A menos que… Bem, adiante.

Qualquer indivíduo correcto e determinado a corrigir o que vai mal em Portugal nunca pode aceitar misturar-se com este tipo de pessoas. Gente com ética, no mínimo, sente náuseas do que andam a fazer a esta Nação não aceitando outro caminho senão fazer uma forte oposição para erradicar esta classe política do compadrio e embuste como quem extermina ratazanas. Mas onde está essa oposição? Tirando o CDS, para já, ninguém. O que é preocupante.

De repente temos a união política maior de sempre em sintonia com esta (des)governação . Ou seja, pouco importa que os três metralhas em quase 3 anos tenham feito crescer a dívida pública, que as instituições do Estado estejam em falência técnica, que os números do défice sejam martelados, que haja um falso excedente de contas derivado à suspensão total de pagamentos a fornecedores, que o crescimento da economia seja apenas fruto do surf em cima da onda positiva da UE sem qualquer mérito do Estado português, os números do desemprego serem um embuste fabricado. Não. Não interessa mesmo nada. O importante parece ser o consenso. Neste caso, consenso com quem nos encaminha para a ruína, de novo.  Mas o que é isto?

Gente séria na oposição estaria a gritar alto seu nojo por um governo assente em esquerdas que pouco se está lixando para os contribuintes. Governo esse que ama tanto seu povo que  aumentou barbaramente todos os impostos possíveis e inimagináveis e ainda criou outros chamando-lhe “fim de AUSTERIDADE” gozando com a cara dos cidadãos!! Que algema a economia quando taxa e condiciona ainda mais o Alojamento Local, o arrendamento, a poupança, o imobiliário, os combustíveis, as portagens, as empresas!! Que falhou criminosamente na sua obrigação de proteger as populações e as deixou a morrer sozinhas carbonizadas. Que depois falha no seu dever de indemnizar deixando-as outra vez sozinhas (as que sobreviveram) a aguardar por um dinheiro que nunca mais chega, enquanto agonizam. Que agora põe a população inteira sob ultimato para limpezas de terrenos fragilizando-as ainda mais. Que desvia fundos da UE destinados ao interior, levando-os para os “amigos do litoral”. Mas que no entanto, souberam auto-aumentar-se, auto-empregar-se, auto-reformar-se de forma milionária, auto-financiar-se partidariamente às custas das dolorosas medidas impostas ao povo. Como pode haver consensos com este nojo de gente que põe os portugueses a passar sacrifícios já DEPOIS da recuperação económica pós-troika, para eles viveram desafogadamente fingindo governar? 

Pois eu tenho uma teoria: quando se procura consensos com gente “desta categoria” quer-se uma fatia de bolo em vez de corajosamente ir à luta pela higienização do Parlamento. É o medo de liderar sozinho um caminho que se sabe ser difícil mas correcto. É a falta de coragem de pegar o touro pelos cornos e por isso preferir “poucochinho garantido” à hipótese de perder. É a cobardia a falar mais alto.

Porque um bom líder daria um valente murro na mesa. Não teria medo de  pronunciar  um estrondoso “chega pra lá que aqui vou eu” carregado de convicção nas alternativas a uma governação que promove bancarrotas e ilude só para ter votos.

Assim, jamais vão acordar os abstencionistas e ainda vão ganhar muitos mais. Enquanto isso, a estratégia de Costa soma e segue  com ele a esfregar as mãos por ter enganado mais um sem coluna dorsal a juntar aos outros dois idiotas úteis que ele mantém bem “amordaçados”.

 

 

 

 

Anúncios
38 comentários leave one →
  1. 5 Março, 2018 12:00

    As rádios e a televisão públicas pouco falam das eleições na Itália e o que dizem é pouco e na linha do que interessa ao PS.
    Que está por lá uma situação muito complexa…….
    Está, está………
    Está tão complexa que até deixa os olhos em bico ao esquerdume nacional.

    Gostar

  2. Rocco permalink
    5 Março, 2018 12:00

    Apoiado! O porcalhão gordo é ainda mais bandalho que o socas…

    Liked by 1 person

  3. 5 Março, 2018 12:02

    Foi você que pediu para as próximas eleições de cá uma coligação PS/CDU/BE?

    Liked by 1 person

  4. LTR permalink
    5 Março, 2018 12:25

    Para fazer a oposição mínima, limitando-se a controlar a governação, PSD e CDS não têm de preparar quase nada para os debates parlamentares, especialmente para o quinzenal. Basta fazerem uma pequena pergunta, em vez de se perderem em declarações que só servem para Costa delas aproveitar a palavra ou a expressão que lhe permita pegar por aí e desviar-se do assunto. As próprias respostas de Costa tratam do resto, porque mais segundo menos segundo, ele próprio trata de dar todos os sinais de pôr os cabelos em pé sobre a agovernação. Basta ouvir as explicações que deu sobre a Santa Casa e como quer estar de bem com Deus e com o diabo para se perceber quem é, como governa e a quem estamos entregues. E quando se tornar agressivo ou começar a quase soluçar, é porque tem mais do que consciência do que está a fazer. Saúda as alterações de comportamento, mas depois ele próprio, quando aflito, muda para o modo sócrates – a melhor defesa é o ataque esganiçado. A coisa vai ao ponto de se atrasarem pagamentos, aumentar a dívida, e dizer que foi ao contrário.

    Gostar

  5. André Miguel permalink
    5 Março, 2018 12:54

    http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/divida-publica-aumenta-mil-milhoes-em-janeiro-275742

    Foram só mil milhões em Janeiro. Mil milhões…

    Quando for o próximo resgate veremos o que é austeridade à séria. Depois não se queixem, cada um só tem o que merece.

    Gostar

  6. Mario Figueiredo permalink
    5 Março, 2018 13:08

    O giro mesmo giro é que este caralho do Rui Rio foi para lá a acusar o PSD de não estar a fazer oposição.

    Gostar

  7. 5 Março, 2018 13:55

    Rio é um líder fraco como Kosta. Tal como Kosta, Rio não ganhou as eleições legislativas e também está rodeado de gente não séria e com contas a prestar à Justiça.

    Poderia alongar-me em considerandos mas é preferível sugerir a leitura de 2 boas crónicas publicadas no passado sábado sobre este tema e esta situação de quase total ausência de Oposição ao Governo dos perdedores que nos (des)governa.
    Alberto Gonçalves no Observador com “A consagração da União Nacional” (http://observador.pt/opiniao/a-consagracao-da-uniao-nacional/) e José António Saraiva no Sol com “O encontro” (https://sol.sapo.pt/artigo/602766/o-encontro) abordam muito bem este assunto.

    Liked by 1 person

  8. ANTONIO MANUEL PAIXAO AFONSO permalink
    5 Março, 2018 14:03

    Como dizia antonio seguro ” António és um traidor” eu não digo melhor.

    Liked by 1 person

  9. 5 Março, 2018 14:08

    O AC-DC mete o RRio no bolso.
    RRio e o PSD não vencerão as legislativas.
    A ACristas (está em alta…) fará do RR o que quiser, se ele pretender uma coligação.
    RR não tem estaleca para liderar o PSD e a sua imagem, o seu look, o seu sorriso cínico, não cativa eleitorado eventualmente votante contra o PS.
    RR traíu quase sempre o PPCoelho, raramente reconheceu-lhe méritos. Seria interessante saber o que faria se PM entre 2011 e 2015.

    Gostar

  10. 5 Março, 2018 14:15

    Actualidade italiana: muitos italianos (tal como muitos tugas) têm o que merecem. O Estado está podre, corrupto, desatinado e como o estafermo do Berlusconi, caduco.

    Gostar

    • 5 Março, 2018 15:20

      O Sr MJRB anda sempre no limbo porque entende que é aí que melhor desempenha o seu papel a favor do esquerdume. Pode continuar, mas o que o espera é azedume.

      Gostar

      • 5 Março, 2018 15:36

        O sr. David Rosa vê “esquerdume” em todas a opiniões opostas às suas conclusões. Não consegue distinguir o que é opinião livre, de qualquer subserviência, coisa esta que nunca pratiquei.
        Cuidado com o seu “azedume”, vire a bússula para outro lado.

        Gostar

  11. Mauritano permalink
    5 Março, 2018 14:16

    Boa Cristina! A revolta é imensa e não há ninguém para a liderar. O porquinho da índia merecia uns quantos estalos naquele focinho, e como dizia a minha avó, só se perdiam as que caissem no chão.

    Liked by 1 person

  12. Artista português permalink
    5 Março, 2018 14:47

    O que estes gajos (RR, AC-DC mais ainda os palhaços da geringonça) não fazem para estar mais próximo do poder!… Da gamela do Orçamento… Ali vale tudo! Bravo Cristina!

    Liked by 1 person

  13. Expatriado permalink
    5 Março, 2018 15:05

    Concordo 100% com o que a jovem Cristina escreve. Mas, como tenho dito e redito, isto só se endireita quando o povoléu sofrer na carne as agruras de uma bancarrota do país. Só quero que sejam estes bandidos a gerir o país nessa altura, aconteça ela quando acontecer.

    Liked by 1 person

    • 5 Março, 2018 15:21

      De vagar que temos pressa!

      Gostar

    • Artista português permalink
      6 Março, 2018 10:55

      Não tenhamos ilusões. Com a próxima bancarrota, a gestão vai ser feita pelo que restar da geringonça depois da deserção do PS que só sabe estar junto de cofres cheios. E essa gestão dos dois restantes vai muito provavelmente ser feita “à Maduro”…e é para isso que eles se esforçam.

      Gostar

  14. Chopin permalink
    5 Março, 2018 17:10

    Se o for o que parece, concordo com tudo o que foi dito. Mas, seria tão patético, tão irreal que Rio estivesse a agir com essa ingenuidade, que prefiro aguardar e manter a dúvida. Pode ser a estratégia para ferir de morte a geringonça xuxo/comuna. Creio que menos que isto seria horrível, demasiado amador, infantil e a liderança de Rio um erro histórico no partido que limpa a bosta do socialismo.
    Nas organizações criminosas à esquerda do socialismo corrupto há um receio atávico do bloco central. Sabem que o encantador de serpentes é velhaco e desleal. Rio pode estar a fornecer o caril para os levar à frigideira.
    Se assim não for, não é Rio, é Esgoto.

    Gostar

    • 6 Março, 2018 11:53

      E se for esgoto onde vamos votar nas próximas eleições legislativas?
      Pois que seja num partido moderno como aqueles que por toda a Europa são acusados pela escumalha do regime, de Populistas, de Extrema-Direita, Fascistas, Neo-Nazis, Xenófobos, Racistas, etc.
      Não vos parece que são adjetivos a mais? Sinal da falta de argumentos do Centro-Esquerda (escumalha da mama) que prevê uma ameaça aos seus tachos.
      Não vos parece que chamando a torto e a direito de Nazis a vários partidos é uma forma de branquear o verdadeiro nazismo de má memória?
      Não vos parece que já tem peso a mudança do voto em países com mais anos de Democracia que Portugal, com uma opinião pública mais livre, como sejam a Alemanha, a França, a Itália, a Áustria, a Inglaterra,…..(os tugas ficam sempre na cauda da Europa).
      Não vos parece que é tempo de deitar para o caixote do lixo da História os partidos que seguem ideologias estrangeiras, estranhas ao viver e sentir dos portugueses?
      Grande parte do povo português vai desprezando a política baseada em ideologias de estrangeiros (Marx, Engels, Mao se quiserem).
      Precisamos de acolher ideias novas mas portuguesas. Nacionais. O que é Nacional é bom!
      Com tantos partidos políticos que há por aí talvez haja algum que mereça confiança.
      Os de Esquerda? Desses já vimos tudo.

      Gostar

  15. Weltenbummler permalink
    5 Março, 2018 18:34

    frase de Robert F. Kennedy:”o PIB inclui tudo; exceto o que faz a vida valer a pena.”

    Gostar

  16. rão arques permalink
    5 Março, 2018 18:56

    Peço desculpa, mas consensos entre contrários são na sua essência conceitos de raiz fraudulenta.
    Então com Costa e sua trupe seriam simplesmente inconcebíveis, dado que acabaria não só uma árvore contaminada mas todo o conjunto da floresta.
    Deste modo, entendo como razoáveis e bem-vindos acordos de regime para longa duração em áreas, entre outras, como educação, saúde e justiça.
    Não se pode conceber que com a mudança de governo, qualquer governo, façam de nós, particularmente no ensino com os jovens, cobaias para experiências em nome de iluminados com interesses de caserna.
    Difícil dado que em boa parte dos quadrante que nos representam não abunda o sentido do bem comum e ainda menos um trilho de elementar seriedade.

    Gostar

    • Chopin permalink
      5 Março, 2018 19:26

      Para o PS, acordos de longa duração são até o PSD ganhar eleições e formar governo 🙂
      Aquela gente não tem palavra nem está nunca de boa fé. Não são políticos, são criminosos. Dominam o sistema de Justiça, a imprensa, etc.
      Nem na Sicília conseguiram chegar tão longe na impunidade. Qualquer coisa onde se mexa, saltam Vieiras da Silva, Josés Magalhães, etc. Depois, arranja-se um decoy como o pseudo escândalo da IURD ou outro semelhante e tudo morre na praia.
      Nem o 44 vai ser condenado, muito provavelmente. E, curiosamente, não há uma única alma na fake oposição que se refira a este caso em termos de condenação moral. Todos chutam para os tribunais. Isto diz muito da camarilha que vai a votos.

      Liked by 1 person

  17. julio costa permalink
    5 Março, 2018 19:14

    costa o mentiroso ,o manipulador,o judas (o seguro que sofreu na pele ) a sede de poder do costa.o chefe da propaganda de hitler ao lado do costa era um menino de coro.

    Liked by 1 person

  18. carlos alberto ilharco permalink
    5 Março, 2018 19:17

    Muito bem escrito.
    Pela minha parte farei o que devo fazer, isto é não votarei no PSD e votarei no CDS.
    É pouco?
    Veremos.

    Gostar

    • 5 Março, 2018 23:14

      Votas mas é no cacacacacaca…………..

      Gostar

      • carlos alberto ilharco permalink
        6 Março, 2018 23:34

        Andamos juntos na tropa?
        Somos amigos?
        Comemos à mesma mesa?
        Não.
        Então vai tratar por tu o caralho.

        Gostar

  19. Kapagrillos permalink
    5 Março, 2018 19:58

    Vivemos num tempo novo.

    Velhas dicotomias, velhos preconceitos,velhos procedimentos, velhas aritméticas não têm mais lugar.

    Saibamos ocupar o nosso lugar no dinamismo deste processo transformador que nos enriquece, contribuamos voluntários para a construção de pontes, viadutos, caminhos rurais e becos, à porta está já está a internet das coisas, o biodiesel, a malária.

    Quem estiver mal e quiser outra coisa que vá para a unesco que o pariu.

    Gostar

  20. Procópio permalink
    5 Março, 2018 23:02

    Artigo no I nos bons tempos de 21/03/2015.
    As jogadas fazem-se com tempo e muita candura.
    “O critério de escolha para entrar no restrito clube é simples: personalidades que tenham influência ou possam vir a tê-la. Com excepção de Passos Coelho, que chegou a ser convidado mas nunca participou, nos últimos 20 anos todos os primeiros-ministros foram convidados
    Rui Rio Foi convidado em 2008, quando era presidente da Câmara do Porto, um cargo que exerceu até às últimas eleições autárquicas, em 2013. Desde essa data que está afastado da política activa, mas nem por isso deixou de ter uma intervenção pública permanente.
    O futuro poderá passar por uma candidatura à Presidência da República ou por uma candidatura à liderança do PSD, se Passos Coelho perder as próximas eleições legislativas. O ex-autarca do Porto participa com frequência em debates políticos e em conferências e é um adepto do bloco central. “Não será possível reformar o país sem consenso político e sem o entendimento, pelo menos, dos dois maiores partidos portugueses em matérias de regime”, defendeu Rio, numa biografia publicada no final do ano de 2014.

    António Costa O actual líder do PS foi convidado para o encontro que junta a elite mundial em 2008. Um ano antes tinha sido eleito para a presidência da Câmara de Lisboa em eleições intercalares. No currículo já tinha os cargos de ministro da Justiça e da Administração Interna, entre outros. Há muitos anos que o seu nome é falado para a liderança do PS, mas Costa só avançou em 2014. O mais provável, de acordo com as sondagens, é que seja o próximo primeiro-ministro. Curiosamente, Costa foi convidado juntamente com Rui Rio, que era presidente da Câmara do Porto. A proximidade entre os dois tem alimentado especulações de que no futuro se poderão vir a entender para criar um governo do bloco central”.

    Há cozinhados que demoram o seu tempo a preparar.

    A Cristina é uma lutadora. Acredita que tudo poderia ser diferente. Vai ser, um dia vai ser.
    A escumalha está defendida por uma oligraquia poderosa. Os anões da política nacional, a começar pelo celinho dos beijos, fazem rir. A subserviência é total.
    https://www.dn.pt/opiniao/opiniao-dn/antonio-barreto/interior/um-estado-fragil-um-pobre-pais-9159887.html
    Surje de quando em vez uma carta suja do baralho, um rio poluído por entre as margens da corrupção. Mais não faz que garantir o “equilíbrio” e assegurar a convergência.
    À volta vemos fogos fátuos. Estão ligados à decomposição dos corpos de seres vivos como aconteceu com os incêndios e com os doentes silenciosos por tratar a tempo nas longas filas do sns. O circo está montado às três pancadas, divirtam-se com os animais.

    Estamos pois subjugados pela vasta oligarquia oblívia cuja mensagem é o consumo – “disfrutem enquanto podem” e a tecnologia o ópio sedativo.
    Já Platão descrevia a oligarquia.
    “Governo de poucos, domínio dos endinheirados, arruma quem têm poucos recursos embora possam ser dotados.
    se na Timócracia a ferida é o afán do dinheiro, na oligarquia existe uma politica de inferiorizar, tornando a cobiça no principio do seu governo. o estado deixa de ser administrativo, caindo nas mãos de uns poucos exploradores. não figurando assim a cabeça do estado homens especializados, de competência, mas sim de políticos que aparentam saber tudo mas na realidade pouco sabem.
    temos assim o primado da politica convertida numa caça de postos bem remunerados, que obstaculiza o trabalho, destrói a unidade interna, condenando Estado a impotência,pois já não representa o Estado o povo, mas um bando de exploradores”.

    As oligarquias abatem-se a elas próprias, em 476 d.C. já aconteceu.

    Liked by 1 person

  21. José Domingos permalink
    5 Março, 2018 23:06

    Um autentico vendedor de banha da cobra, dá o dito por não dito, com o maior á vontade que o sóares, de má memória, fazia nos bons tempos, o deles, sem querer e sem ambição, é o retrato fiel da miséria a que chegou a classe politica portuguesa. Dar, para receber.
    Depois de estar na justiça e na administração interna e ser primeiro, sem ganhar nada, limita-se a dar razão a Rui Mateus, quando há uns anos, escreveu sobre a corja que por ai anda, mais Macau, num livro entretanto censurado.
    Na casa das tretas, em São Bento, o ambiente não difere muito da União Nacional Popular,
    a democracia no seu melhor.

    Gostar

  22. Procópio permalink
    6 Março, 2018 00:20

    A implosão do partido de Davos está na agenda das classes médias agonizantes, bem como na de largas camadas de verdadeiros trabalhadores sindicalizados e não sindicalizados.
    Quando a cola imunda do partido de Davos, onde pontifica o capitalismo selvagem se desfizer, será possível recuperar a liberdade da gente humilde mas sadia. Será a altura de expor à luz do dia as distopias e os embustes fomentados pelos oligarcas, que infiltraram sociedades impreparadas para se defender do mal. O mal tem muitas formas. Uma delas é a do mal travestido de bem para o “nosso povo” e só para ele, exemplo acabado das teorias marxistas que leva inevitavelmente ao descalabro como a história claramente exemplifica.
    O capitalismo selvagem de braço dado com o esquerdismo radical, disfarçado pelo clubismo direite/esquerda, assolam sociedades inteiras. As mais débeis, em termos de literacia e civismo, são as mais lesadas. Quando se dão conta é tarde demais…
    A geringonça leva a cabo uma opressão encapotada, a autoridade tributária de um lado, o braço do pulhiticamente correto do outro, a coberto de cúmplices infiltrados nas mais altas instâncias do poder. É dos livros.

    Liked by 1 person

  23. 6 Março, 2018 01:19

    Formem o Partido dos Abstencionistas (PA) , prontos já ganharam as próximas eleições.
    Não tem de quê Dona Cristina.

    Gostar

  24. LTR permalink
    6 Março, 2018 11:08

    Retratos da nossa terra:

    “Cristina Ferreira: Muito obrigada, senhor primeiro-ministro”

    “Pedro Soares dos Santos: Acredito muito no dr. António Costa”

    “Cidadãos que vão fazer perguntas a Costa pagos em vales”

    “O diretor do departamento jurídico do Benfica, Paulo Gonçalves, e técnico informático de instituto judicial foram detidos esta terça-feira por suspeitas de corrupção.”

    “Centeno avisa que proteção dos depositantes é fundamental”

    Gostar

    • LTR permalink
      6 Março, 2018 11:10

      Ou como alguém diria, “tudo está bem quando começa bem” 🙂

      Gostar

      • 6 Março, 2018 14:38

        Ah!, se aparece ao lado da Cristina, é porque é uma pessoa importante”.

        Os dos Santos são muito camaleónicos…

        Pagos com vales…vale tudo !

        Quanto às buscas no SLBenfica e detenção do PGonçalves, se se vier a provar que este funcionário (a mando e com o conhecimento de quem no Clube ?) corrompeu e usufruiu, daqui a uns anos o Clube poderá sofrer severas punições, cível e desportiva.
        Tantas incursões do MP e da PJ na vida da SAD e do seu presidente, não é normal.
        Muito lamentável para já o nome do Clube assim envolvido.

        Centeno…

        Gostar

  25. Arlindo da Costa permalink
    6 Março, 2018 18:27

    Na ausência de cabal esclarecimento, gostaria de saber o que é que um «bom líder», na óptica kantiana da Drª Cristina, fazia com Costa? Fazia caretas e deitava-lhe a língua de fora?

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: