Saltar para o conteúdo

Quem tem cães percebe de finanças públicas

23 Outubro, 2018

Ninguém que considere ter sentido de humor o pode afirmar, sob risco de chacota, sem que esse sentido de humor tenha sido testado como dono de um cão. Nenhum outro animal serve de teste: só um cão é capaz de comer galhos, folhas, pneus e – com tempo suficiente – um tractor inteiro com o focinho sério de quem não está a fazer mais do que o que dita a mais elementar etiqueta. As cabras também comem tudo, incluindo latas de salsichas, com ou sem elas no interior, mas não o fazem com a ingenuidade de um cão. O cão come primeiro, enjoa depois e, finalmente, recupera (ou não) para comer novamente uma bicicleta. Há pessoas convencidas que os cães aprendem ao longo do tempo. Tal não é verdade: o que acontece é que o cão simplesmente deixa de tentar, ficando mais sofisticado na sua arte de pouco fazer. O cão doméstico não sai do sofá por dá-cá-aquela-palha.

O meu cão comeu uma torneira. Também comeu uma tapete. Há quem diga que isso não é comer, que é roer, mas essas pessoas já não terão dedos se assim roerem as unhas. Digamos desta forma: havia uma dada massa de torneira, agora resta menos massa; como na Natureza nada se cria, tudo se transforma, a massa em falta transformou-se em bolo digestivo. Portanto, comeu.

É por ter um cão que consigo deixar passar o orçamento de estado (maiúsculas porquê?) sem comentário. Como tenho um sentido de humor mais que comprovado por adoptar e manter um cão, limito-me a fazer o possível por tirar tapetes e torneiras do espaço onde está o Primeiro-Ministro. Quanto menos ele tiver para comer, menos estraga.

Anúncios
7 comentários leave one →
  1. weltenbummler permalink
    23 Outubro, 2018 22:08

    antonio das mortes empurra os problemas com a pança
    detesto hipócritas
    gentalha sem carácter

    este GULAG pertence à nova urss

    Liked by 2 people

  2. Arlindo da Costa permalink
    23 Outubro, 2018 22:11

    Um belo texto com recortes literários mui soberbos.

    Diria que é realismo fantástico.

    Parabéns ao seu autor.

    Liked by 1 person

  3. Procópio permalink
    23 Outubro, 2018 23:25

    “Quanto menos ele tiver para comer, menos estraga”. Otimismo exagerado.
    Ele terá sempre para comer, muito ou pouco, estragará sempre, Está nas estrelas.
    As estrelas podem é ser encobertas por uma névoa espessa.
    Então irá comer para outro lado. Já faltou mais.

    https://www.zerohedge.com/sites/default/files/styles/inline_image_desktop/public/inline-images/stoxx%20death.jpg?itok=0dewwOBx

    Gostar

  4. 23 Outubro, 2018 23:29

    O governo cair e ficar em duodécimos era mel, lá se iam os descongelamentos.

    Liked by 1 person

  5. BandoDeCorruptos permalink
    23 Outubro, 2018 23:40

    primeiro-ministro? Maiúsculas porquê?

    Liked by 1 person

    • BandoDeCorruptos permalink
      23 Outubro, 2018 23:41

      Perdão, era para ter sido “!” e não “?”.

      Gostar

  6. 28 Outubro, 2018 12:03

    Como eu o compreendo Vitor Cunha! Tenho 5 … quanto ao resto tenho tudo o mais longe possível de qualquer pm …. LOL

    Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: