Saltar para o conteúdo

Da vacuidade

16 Outubro, 2019

Com as ruas da Catalunha a ferro e fogo, incapaz de assegurar a segurança aos cidadãos e às empresas, de braços caídos perante o crescimento da intolerância, o governo espanhol tem como agenda para estes dias desenterrar um morto.

30 comentários leave one →
  1. 16 Outubro, 2019 12:13

    Esquerdalha, só e mais nada. Quando o assunto não convém atira-se a atenção para o lado fabricando uma fake news ou criando un falso problema. É como o próximo governo do Costa esquerdalho.

    Liked by 1 person

    • Carlos Rosa permalink
      16 Outubro, 2019 13:22

      O Costa começou o governo da geringonça com o terreno limpo à sua frente graças ao “malandro” do Passos.
      Agora vai começar a nova legislatura com o terreno minado por ele próprio.
      A ver vamos………………….

      Liked by 3 people

  2. Daniel Ferreira permalink
    16 Outubro, 2019 12:39

    Sra Dª Matos, quando fala em “crescimento da intolerância”, fala do crescimento abismal dos intolerantes extremos que chegam às carradas à Catalunha (e aos outros sítios)?

    Claro que, no meio disto tudo, quem vai ficar cada vez mais oprimido vão ser mesmo os Catalães, os tais cujos antepassados já lá estavam desde a altura do post anterior que a senhora teve a gentileza de partilhar. O porquê de comparar o ano 1640 de PT com o que se passa na Catalunha de hoje não sei, nem vou tentar perceber. Mas a UE já mostrou ao que vinha nas últimas eleições que houveram por lá, onde soldados da ONU ou outro qualquer grupo de Haganah’s que andam por aí, vestidos de Polícia Espanhola, arrastaram idosos pelo cabelo, agrediram com o bastão com eles já deitados e mais outras inúmeras pérolas com que os “locais” que se iludem que podem tirar as grilhetas foram brindados.

    Let’s Make Al-Andalus Great Again, já falta pouco pessoal!

    Gostar

  3. Jornaleca permalink
    16 Outubro, 2019 13:08

    Eu venho lembrar, que a esquerda porca e totalitária e fascista e perversa e doente e parva espanhola vai desenterrar um morto, mas não é por ele ter sido um ditador.

    Nada disso. A esquerda espanhola adora ditadores. Provas sem fim.

    Eles ainda hoje estão danados, por o tal morto, naquele tempo, ter tido os “colhões” para enfrentar e discordar desses porcos perversos da esquerda podre, que querem governar a Espanha e a Catalunha. É tudo a mesma família, o mesmo pensamento malvado, que leva qualquer país a bancarrota, a falência. Mais tarde ou mais cedo.

    A esquerda não gosta de seres humanos que se metem no caminho deles para impedir a revolução número 4.902. A esquerda quer ser como DEUS. É o sonho velho e novo.

    O problema é a realidade. E o morto (que) tinha razão.

    Seria bom falar aqui sobre os muitos crimes contra a humanidade, que esta mesma esquerda porca e profundamente falsa cometeu durante a guerra civil em Espanha. Porque eles calam-se, mas à verdade ninguém escapa.

    A mesma esquerda agora vai ao cu do bárbaro muçulmano. Em Barcelona, a esquerda quer permitir a construção de umas das maiores mesquitas no continente europeu, em sítio nobre. Imaginem, se isto se realizar.

    Será que a Colau vai ter novamente a coragem e mijar à frente da mesquita, essa cabra falsa e incompetente? Ou cortam-lhe a cabeça, de imediato?

    Liked by 1 person

  4. Paulo Valente permalink
    16 Outubro, 2019 13:25

    “desenterrar um morto”.

    Sejamos mais claros: desenterrar o cadáver dum fdp e dar-lhe o destino que merece.

    Gostar

    • Carlos Rosa permalink
      16 Outubro, 2019 13:45

      Calma, calma!
      Não atire blasfémias a um morto.
      O morto morreu.
      Dou-lhe um conselho. Deixe o morto sossegado.
      Aplique antes o seu músculo nos Francos que estão a nascer por toda a Europa.
      Mas aviso. Contra esses não há músculo que aguente.
      E foi a Esquerda balofa que os criou.

      Liked by 4 people

    • 16 Outubro, 2019 13:59

      Paulo Valente regressa com o seu disparate habitual … bem podia ter ficado na sua cripta de vampiro, olhe que ainda apanha o Sol do Fássismo e ….

      Liked by 2 people

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      16 Outubro, 2019 15:13

      O que há que desenterrar também são os milhares de mortos em valas comuns vítimas da República espanhola. Abri-las, contar os mortos e fazer o mesmo que querem fazer com os mortos pela Falange. Iam ter uma surpresa na contagem, conforme alguns historiadores já estão a destapar a cosia em Espanha.

      Liked by 3 people

      • Jornaleca permalink
        16 Outubro, 2019 15:26

        Nem um único morto será esquecido, caro @Os corruptos que se cuidem. Nem um.

        Os fascistas da esquerda pagarão com a vida deles e as almas. Nem um vai escapar. Nem um.

        Liked by 1 person

  5. Jornaleca permalink
    16 Outubro, 2019 15:12

    Hoje, muito mais de cem fascistas impediram na universidade de Hamburgo uma aula de um professor (antigo fundador do partido IL alemão, que depois desistiu e foi afastado), debaixo de insultos e muito barulho e violência.

    Estes fascistas adoram matar bebés na véspera do nascimento, a infidelidade, e ir ao cu ao bárbaro muçulmano e enganar o próximo, e foder com animais também, se for preciso.

    Acabou-se a liberdade da ciência, da investigação e da doutrina universitária, por membros da esquerda porca e totalitária. As putas fazem tudo, o que os fascistas fazem, pensam tal igual, e são autênticos asnos.

    Liberdade de pensar: já não existe, na tal universidade.

    Hitler era um socialista. E os bárbaros muçulmanos de hoje, como os de ontem, adoram a Gestapo e Hitler. E a nossa burguesia podre e totalitária vai ao cu do bárbaro muçulmano. Tudo o mesmo pensamento.

    A esquerda e o muçulmano não tem respeito nenhum pela mulher e o próximo. Os tal fascistas.

    Fonte:
    https://www.tichyseinblick.de/daili-es-sentials/uni-hamburg-asta-verhindert-lucke-vorlesung/

    Há muito mais provas do fascismo podre da esquerda totalitária. Todo o fascismo é só da esquerda. Lógico. Só asnos sem valência é que o vão negar. Mas asno é asno.

    Liked by 2 people

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      16 Outubro, 2019 15:15

      Já nem na univ portuguesa há liberdade de expressão e pensamento. Os mesmos totalita´rios manipuladores por todo o lado.

      Liked by 3 people

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      16 Outubro, 2019 18:29

      Fui ver:
      Hau ab! Nazi raus!“ Hunderte von Studenten verhinderten heute Mittag an der Hamburger Universität die erste Vorlesung von Bernd Lucke, der nach seiner Rückkehr aus der Politik wieder an seiner alten Wirkungsstätte lehren wird. Mit Methoden, die an die frühen Dreißiger Jahre in Deutschland erinnern, als NS-Studenten linke und jüdische Professoren aus den Hörsälen verbannen wollten, agieren heute Antifa- und andere linke Gruppen an den Hochschulen.

      Die Universitäten als Hort geistiger Freiheit? Das war einmal.

      Tal como na Nova com o Jaime Nogueira Pinto. Não gente mais intolerante que estes auto-intitulados Antifas. O tempo da liberdade de pensamento passou. Vai ser necessário lutar muito.

      Liked by 2 people

  6. Procópio permalink
    16 Outubro, 2019 17:41

    O meu avô andou por lá e viu muita coisa.
    De rompante, segredou-me ao almoço:
    “Aos desterrar o morto, vão ressuscitá-lo”.
    O meu avô andou por lá e diz que ainda se vai ver muita coisa.

    O bom tempo abandonou a Espanha.

    Liked by 4 people

  7. Mario Figueiredo permalink
    16 Outubro, 2019 20:13

    Não sei que diga. O Procópio e Jornalieca disseram tudo acima.
    Já para os problemas de soberania da Espanha, não tenho uma palavra sequer de simpatia enquanto não nos devolverem o que é nosso. E, por isso mesmo, estou-me também borrifando para o facto que é a esquerda radical que está por detrás do movimento independentista.

    Liked by 1 person

  8. A. R permalink
    16 Outubro, 2019 20:28

    Interessante que este nacionalismo, xenófobo e racista não indigna a esquerda. Lembremos que num curto período da guerra civil, lançada pela esquerda ainda ressabiada, a independência catalã do Sr. Companys custou centenas de fuzilamentos em apenas seis meses.
    Depois fugiram e Franco entrou em glória em Barcelona. Depois da malograda incursão no vale de Aron, com apoio da França, esta gentalha viu que não tinha hipóteses.

    Liked by 2 people

  9. Procópio permalink
    16 Outubro, 2019 20:29

    Por acaso julgo saber que não é a esquerda radical que está por trás dos assomos independentistas. Não interessa, nós já temos que chegue.
    A estabilidadezinha, a paz dos cemitérios do tempo do professor salazar, terá pouca dura, não por causa de oposição alguma, mas pelos caos em que entramos, sem os tolos perceberem o que vem a seguir.
    A cereja no top do bolo foi o facto de uma gaja, quiçá promovida a ministra, dizer hoje que há zonas irrecuperáveis do manhoso território…
    Essas zonas alastram. Com os escroques, disfarçados de governantes, os únicos dados irrecuperáveis são as fortunas sonegadas a eito.

    Gostar

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      17 Outubro, 2019 00:06

      Zonas irrecuperáveis? Assim como quê? Como eram a Extremadura espanhola que Franco sabiamente soube “povoar” com um plano de intervenção de colonos semelhante ao de Salazar em várias áreas de Portugal?

      Liked by 1 person

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      17 Outubro, 2019 00:12

      Entrega de porções de território a empresários estrangeiros que, por sua vez, contratarão hordas de imigrantes dos tais… será isso? Com confisco de propriedade a quem a não cultiva. Procópio, acrescente lá mais qualquer coisa. Sempre sibilino…

      Gostar

  10. A. R permalink
    16 Outubro, 2019 20:42

    Quanto a desenterrar mortos está no catálogo das doenças da esquerda psicopata e assassina: não é novo. Até freiras mortas desenterraram para se divertirem com os restos mortais encostados a paredes. Ou partiam as pernas a quem ia à missa e deixavam nas traseiras do cemitério para irem dar o tiro de misericórdia no dia seguinte.

    Depois entregaram o ouro aos soviéticos e foram carregados de riquezas para o exílio.

    Franco não tinha contemplações com esta estirpe de vermes que até executavam quem se rendia.

    Liked by 2 people

    • Os corruptos que se cuidem permalink
      17 Outubro, 2019 00:08

      Precisamente! Só os miseráveis “negacionistas” (permitam que use contra eles a designação que eles usam contra os outros) esquerdalhistas o negam ou não reconhecem. Vermes miseráveis! “Nunca mejor dicho!”

      Liked by 2 people

      • 17 Outubro, 2019 00:28

        É preciso é deixarmo-nos destas eleiçõezinhas borra botas e partir para a Revolução.

        Gostar

  11. A. R permalink
    16 Outubro, 2019 20:44

    Já para não lembrar Paracuellos onde até crianças estes vermes executaram a mando de Carrillo.

    Liked by 1 person

  12. Procópio permalink
    16 Outubro, 2019 22:37

    Quanto a vacuidade vem mesmo a propósito: Ana Abrunhosa, indicada na terça-feira para ministra da Coesão Territorial por António Costa, defendeu há pouco mais de um mês num artigo de opinião no PÚBLICO que é necessário “assumir que há partes do nosso território onde não vai ser possível recuperar população e actividade económica” e onde coesão territorial significará “gerir o declínio”
    Vai daí ainda há alguém acordado que responde a esta vaca voadora:
    Norberto Pires questionava se, “aparentemente, temos território a mais, de que não precisamos e somos incapazes de aproveitar”. “O melhor, se calhar, será então oferecer esse território a quem o possa desenvolver e tenha capacidade para desenhar estratégias de desenvolvimento sustentado que recuperem densidade económica e populacional. É essa a ideia?”, interrogava.
    “A nova gestão do despovoamento não é só um reconhecimento de incapacidade, mas também uma inaceitável desistência de ‘porções importantes’ do território nacional, quando se andou a prometer, ao mais alto nível (incluindo o primeiro-ministro e o Presidente da República), que o Interior era uma prioridade”, concluía.
    Será preciso mais dislates e traições para rotular quem se governa?

    Liked by 2 people

    • Jornaleca permalink
      17 Outubro, 2019 02:22

      Eles estão profundamente (!) doentes. Da “vaca voadora” até ao mais reles, a trabalharem para estes cretinos altamente desorientados e podres.

      A arrogância é tal, tão profunda, que eles “pensam” não haver ninguém melhor que eles.

      Mas, as coisas não se vão desenvolver como os fascistas da esquerda “pensam”. Eles não sabem pensar bem, fazem muitos erros, muitos.

      Liked by 2 people

  13. Portuga permalink
    17 Outubro, 2019 00:41

    Esta gente é perigosa e mal formada. De um dia para o outro mudaram o nome das obras e monumentos como se tivessem sido eles os obreiros de tais empreendimentos. Um pais com séculos de história mudou quase radicalmente. Enxovalharam e mal-trataram homens bons deste pais. Homens que deveriam estar sepultados na sua terra natal junto da sua família, estão desterrados sabe-se lá onde. Esta gente não tem remorsos. Andaram com a nossa D. Amália às voltas, prende-se não prende, acusada de fascistas por esses democratas fingidos, agora andam a homenageá-la a pôr cantores medíocres a cantar as suas canções. Tenham vergonha! Prenderam milhares de pessoas inocentes quando fizeram o 25A. As prisões ficaram a abarrotar. Por sorte não os mataram no campo pequeno. Era só o que faltava. Mesmo assim ainda hoje ha de haver gente a dizer: “era o que devíamos ter feito”. Muitos tiveram que abandonar os seus bens e familiares. Isso já está esquecido? Então só se lembram dos coitados dos comunistas, que sofreram tanto, coitados… O que hoje está a acontecer em Espanha, na Catalunha, é o mesmo que estava a acontecer em Portugal antes do 25A. Hoje os independentistas querem desagregar a Espanha para instalarem a sua ditadura e antes do 25A queriam derrubar o governo (que só lhe chamam ditadura agora) para instalarem cá o comunismo.
    O mundo está feito num cão… sem ofensa aos cães.

    Liked by 2 people

    • Jornaleca permalink
      17 Outubro, 2019 02:51

      Caro @Portuga,

      os fascistas portugueses do 25 de Abril odeiam tudo o que é inocente. Tudo.

      A justiça perfeita existe e nenhum desses porcos irá escapar à mesma. Impossível. Nada será esquecido. Nadinha. Nem em Portugal, nem em Espanha ou em outro país.

      O marxismo não é ciência nenhuma, mas o esterco da humanidade, uma vigarice total. Com o islão, ambos, já mataram aproximadamente 500 milhões de seres humanos? Quem sabe? Mas, não deve estar longe. Só o islão matou 300 (trezentos) milhões!!

      O marxismo e o islão têm o mesmo pai, como pensador. O mesmo!! Ambos tratam a mulher pior que um cão. Enganam as mulheres com mentiras malvadas. Muitas caem na armadilha, depois.

      Etc.

      Lenine tinha um irmão terrorista. Depois da morte do irmão e do pai, dos quais ele muito gostava, dizem, atirou-se ao ódio, à vingança.

      E Lenine e as putas dele, queriam tranformar a mulher numa puta para todos. Não era só dividir os bens da presa, não (!!), queriam obrigar as mulheres a fazerem sexo com todos. A mulher era para ser um bem, a usar para quem o querer. Mas as pessoas não foram nessa. Historiadores bons, bem informados, vão confirmar este pormenor malvado e perverso, que hoje querem ocultar ao público, este esterco da humanidade.

      Como são burros e macacos profundamente malvados, fazem todos as contas sem o dono da vinha.

      Eles odeiam tudo o que é inocente. E o crime deles é mesmo esse: quem odear um inocente, ou fazer mal a um inocente, condena-se a si próprio. E é o que esta esquerda sempre fez, condenar-se a si próprio. Porque a inveja é a coisa mais vil, que existe. Todo o fascismo (da esquerda) deixou-se conduzir só pela inveja. O resto é conversa.

      Estaline, outro porco malvado, mandou matar em dois anos, 800.000 (oitocentos mil) cristãos a sangue frio, na Rússia antiga (ver União Soviética), por ter medo deles. Claro que esses 800.000 não queriam seguir os crimes desse cretino Estaline.

      Estaline tinha medo de seres humanos, que defendem o respeito mútuo e a consideração pelo próximo. Estaline odeava o melhor que há no mundo.

      Mas o dono da vinha vai resolver tudo. Qualquer macaco da selva sabe que assim tem que ser. E é por isso, que eles odeiam o Estado de Israel. O Estado de Israel é uma prova importantíssima.

      Segundo a doutrina da esquerda fascista e das leis cretinas da mesma esquerda, o Estado de Israel, não podia existir. Mas, Hahahahahahahahahahahah, já existe, faz muito tempo, e, eles construiram um segundo Silicon Valley, à volta de Tel Aviv(e) e não só.

      Sem a tecnologia israelita os nossos computadores e muita outra coisa não funcionava como funciona. Até os chineses comunistas, outro veneno, vão lá, para aprender dos israelitas.

      Etc.

      Os fascistas estão envolvidos numa guerra, que já perderam. Eles é que não o sabem ainda. Não faz mal.

      Eles querem guerra, guerra terão. Mas não como eles pensam. A esquerda não sabe pensar bem. Foi sempre assim.

      Liked by 1 person

  14. Beirao a permalink
    17 Outubro, 2019 09:24

    Sem dúvida, cara Helena. Muito bem observado. Esta escumalha socialista, de todas as latitudes, é sempre igual a si mesma: mesquinha, vingativa, ordinária. A Espanha a ferro e fogo e, como chama a atenção e bem, os patifes e rancorosos Sanches & Companhia encarniçados em arrancar os ossos de Franco da sepultura. Patifes!

    Liked by 2 people

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: