Saltar para o conteúdo

As facturas da realidade estão a chegar

30 Outubro, 2019

24 de Maio de 2019: ADSE inverte ciclo e fecha 2018 com mais dinheiro em caixa

29 de Outubro de 2019: Tribunal de Contas diz Governo não tomou medidas para garantir sustentabilidade da ADSE. Se nada for feito e não entrarem beneficiários, sistema entra em défice em 2020 e fica sem almofada em 2026

12 comentários leave one →
  1. Manuel Pereira permalink
    30 Outubro, 2019 10:50

    Tenho ADSE desde 1976; durante muitos anos só descontei para os outros terem cuidados na doença, agora que sou idoso tenho o azar da esquerdalhada partidária e corrupta se ter infiltrado numa instituição para a destruir; Só ainda não acabou porque há gente no poder com direito a ela.

    Liked by 2 people

    • 30 Outubro, 2019 11:15

      Coragem Manuel Pereira, um dia eles serão derrotados!

      Liked by 1 person

    • Velho do Restelo permalink
      31 Outubro, 2019 09:12

      Muito pior está quem foi obrigado a descontar para a SS, não teve médico de família, para meter uma baixa tinha de ir para a fila de madrugada (logo mais vale ir trabalhar), e quando se pensa em se reformar dizem-lhe : não há dinheiro, gastámos tudo a “integrar” os tugas substitutos …

      Liked by 3 people

  2. LTR permalink
    30 Outubro, 2019 11:22

    As facturas da realidade mal começaram a sair do tapete. Daqui a não muito tempo, quando for necessário, de emergência, vão ser criadas leis para corrigir os erros já não disfarçáveis, que ainda vão ser piores do que as que vêm corrigir. Vamos estar já num estado irreversível, no tempo certo para ser herdado por outros e para o chamamento por um tacho na UE que salve o praticante. Para já, vão estourar com as novas famílias mais preparadas e com maiores rendimentos, para daqui a uns anos fazerem mais programas para promover o seu retorno ao país, quando já tiverem filhos nascidos lá fora.

    Basta atentar no caráter boçal de parte da primeira intervenção do PM na primeira sessão do parlamento (que não usa por exemplo para com os cortes de água em Espanha) em resposta a Rui Rio para perceber para onde vamos e como isto vai ser gerido.

    Mais: a maneira como se perverte o que andaram a fazer, para colocar ao colo dos outros a responsabilidade pelos contentores do São João que lá foram colocados pela governação PS de que o actual PM fez parte, diz tudo sobre o nível de perigosidade estrutural que vai na cabeça destas pessoas.

    Há hoje no poder uma arte que, felizmente para esta república, José Sócrates nunca teve.

    Liked by 3 people

  3. jppch permalink
    30 Outubro, 2019 14:27

    ” Tribunal de Contas diz Governo não tomou medidas para garantir sustentabilidade da ADSE. Se nada for feito e não entrarem beneficiários, sistema entra em défice em 2020 e fica sem almofada em 2026″

    Nada que um Costa não empurre com a barriga…

    Liked by 4 people

  4. 30 Outubro, 2019 14:54

    Solução: aumentar a mensalidade aos beneficiários e limpar os tachistas do sistema.
    Já agora: seria bom que se deixasse de fazer politiquice com assuntos sérios…

    Gostar

    • lucklucky permalink
      30 Outubro, 2019 17:38

      O que é que é isso de politiquice com assuntos sério?

      A ADSE não deve a sua existência à política?

      Liked by 2 people

      • 1 Novembro, 2019 11:39

        A ADSE deve a sua existência aos descontos dos seus beneficiários. É de assinalar a diferença entre o(s) discurso(s) dos politiqueiros da praça com os relatórios do Tribunal de Contas. Num país de lorpas invejosos e de maus políticos é normal que o discurso destes últimos se aconchegue ao que os ouvidinhos dos primeiros querem ouvir…

        Um exemplo: https://eco.sapo.pt/2019/10/30/beneficiarios-que-descontam-para-adse-pagam-duplamente-para-o-sns-diz-o-tribunal-de-contas/

        Gostar

      • Jornaleca permalink
        1 Novembro, 2019 12:22

        @raposa

        “O Instituto de Proteção e Assistência na Doença (ADSE) é um organismo autónomo da Administração do Estado com dupla tutela nos Ministério das Finanças e Ministério da Saúde de Portugal, que dispõe de personalidade jurídica para o cumprimento dos seus fins: administrar os benefícios na componente da assistência sanitária dos funcionários e aposentados do Estado […]”

        A coisa está muito bem clara!
        Toda a função pública é só (!!) alimentado com os meu s impostos!

        Eu (!), o sector privado, é que estou a financiar tudo!

        A ADSE não tem direito NENHUM de existência. NENHUM!!

        Eu pago e (!) estou excluido da ADSE!! Isto é perverso, decadente!!

        Acabar já com toda ADSE!! Ou é para todos ou eu corto o financiamento desses ladrões, de imediato. Qual igualdade?

        Liked by 1 person

  5. 30 Outubro, 2019 21:12

    A vinda do Diabo está para breve, o humilde equiparado a catedrático de Mafamá está a caminho para salvar o país contra a vontade dele… socialistas tenham cuidado que vão arder nas entranhas do inferno, e com eles os portugueses esses ingratos que vivem acima das suas possibilidades, que querem sempre aumentos do salário mínimo, coisa que deveria causar desemprego… já nem o diabo é competente, raios!

    Gostar

    • 1 Novembro, 2019 15:50

      Desconto dos beneficiários traduz-se. Descontos já incluídos nos ordenados pagos com os impostos de todos os que não são funcionários públicos.

      E ainda podem usar o SNS ao mesmo tempo da ADSE para os próprios e familiares.

      Gostar

Indigne-se aqui.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: